0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 12 jan 2019

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Banner.gif

Reprodução do site da PMVC

Prefeito explica situação do aterro antes de 2017

O prefeito Herzem Gusmão e membros de diversas secretarias municipais* se reuniram com representantes da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (GO Associados/Fipe) e Fundação Politécnica da UFBA na manhã desta sexta-feira (11). O encontro serviu para discutir o início da elaboração do Plano Municipal de Saneamento.

“Nós já temos um diagnóstico relativo à situação dos serviços de saneamento básico do município e agora a FIPE vai elaborar o nosso plano. Nós estamos buscando alternativa e é o momento que Vitória da Conquista precisa aproveitar para cobrar as demandas que sempre forma necessárias e não atendidas pela Embasa. Nós estamos conversando e, para a Prefeitura fazer uma negociação com a agência reguladora, é necessário o plano”, declarou o prefeito Herzem Gusmão.

O consultor da FIPE, Fernando Marcato, informou que em cinco meses o plano municipal será finalizado. Marcato explicou a necessidade do plano de saneamento para o município: “O prefeito de maneira bastante diligente está correndo atrás para fazer esse plano, pois sem esse planejamento, o Município investe sem saber onde coloca o dinheiro. O plano permite ao governo saber aonde precisa investir”.

Após o encontro no Gabinete Civil, o prefeito e comitiva levaram os responsáveis pela elaboração do plano de saneamento para conhecer o Aterro Sanitário. A capacidade operacional do local foi dobrada depois que a empresa Torre passou a gerir o espaço, mas é preciso uma solução a longo prazo no manejo de resíduos. “Outra questão importante é que o plano vai trazer uma solução definitiva para o tratamento de resíduos na cidade”, afirmou o consultor da Fipe, após a visita ao aterro.

*Participaram da reunião: o professor da Fundação Escola Politécnica da Bahia, Luiz Alberto Camargo, o chefe de Gabinete Civil, Marcos Ferreira, os secretários de Governo e Infraestrutura Urbana, respectivamente, Geanne Oliveira e José Antônio Vieira, o procurador Geral do Município, Murilo Mármore, o procurador Ademir Ismerim Medina e o assessor especial Gildásio Oliveira.


Os comentários estão encerrados.