História se repete: pela segunda vez, Prefeitura desiste de UPA 24 horas

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 16 jan 2015

Tags:, , , ,


por Mateus Novais
foto: Rafael Gusmão

DSC_0622

Assim como aconteceu com a Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24 horas) do bairro Patagônia, a Prefeitura de Vitória da Conquista parece ter desistido de construir a UPA 24 horas do bairro Senhorinha Cairo. Uma placa de “Prefeitura Trabalhando” no segundo semestre de 2014 foi retirada no início deste ano, mas até agora o trabalho de verdade não começou.

A ordem de serviço para construção da primeira UPA 24h de Vitória da Conquista, anunciada para iniciar em fevereiro de 2014, já foi assinada entre a Prefeitura e a empresa ganhadora da licitação, a Construtora Contal, de Fortaleza. Na época, a Prefeitura emitiu nota afirmando que “a empresa vencedora terá um prazo de até trinta dias (17 de fevereiro)  para início da obra, que terá duração prevista de doze meses”. Mas, passados quase um ano, apenas um muro de demarcação do terreno foi erguido e, recentemente, derrubado.

upa-ante-depois

O investimento previsto para construção da UPA 24h era de quase R$ 2,7 milhões e contaria com recursos dos governos Federal e Municipal. Até a presente data, a Prefeitura não emitiu nenhum comunicado explicando o que deu errado após a assinatura da ordem de serviço.

A UPA do Patagônia foi abandonada pela Prefeitura mesmo com a vigência de três anos e meio do contrato de aluguel. Segundo O Conquista Popular, informativo da PMVC, a UPA do bairro, deveria ser inaugurada no mês de fevereiro de 2010 e atenderia mais de 20 mil moradores.  R$2 milhões investidos foram liberados pelo Ministério da Saúde, segundo o próprio informativo.

Os comentários estão encerrados.