Ângelo Calmon de Sá do Banco Econômico é condenado por crime contra o sistema financeiro nacional

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 09 jul 2014

Tags:, ,

da Redação
Foto: Veja

AngeloO ex-presidente do extinto Banco Econômico Ângelo Calmon de Sá foi condenado nesta 3ª feira (8) por evasão de divisas e fraude contra o sistema financeiro nacional. Segundo notícia divulgada pelo Jornal Estadão de São Paulo, a decisão foi tomada por unanimidade pela 3ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1).

O condenado, pela decisão, deverá cumprir pena de 7 anos de reclusão, em regime semiaberto, e pagar multa. O processo foi iniciado em julho de 2002 na Justiça Federal da Bahia. Primeiro, Calmon de Sá foi absolvido em primeira instância, mas o Ministério Público Federal (MPF) recorreu da decisão. O ex-presidente do Banco Econômico era o maior colaborador e investudor das obras da Irmã Dulce em Salvador.

O antigo  Banco Econômico possuía em Vitória da Conquista uma elegante agência bancária localizada na Praça Barão do Rio Branco. Ainda do mesmo grupo,  funcionaram na cidade 2 agências da Casa Forte,  sendo uma na Alameda Ramiro Santos e a outra no 1º piso do Shopping Conquista Center na Praça Tancredo Neves.

Os comentários estão encerrados.