Após despejo, supostos índios cobram da Prefeitura cumprimento de acordo

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 15 abr 2015

Tags:, , , , ,


por Mateus Novais
foto: Roberto Silva

DSC_00491

Os autointitulados índios da tribo mongoió realizaram um protesto em frente ao prédio da Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista, nesta quarta-feira (15). Após ser retirado por uma decisão judicial da Serra do Periperi, o grupo cobra uma solução do governo local para a construção de sua aldeia.

Mais de 10 famílias que moravam ao lado do Cristo de Mario Cravo foram retiradas pela Polícia Rodoviária Federal, na nessa terça, cumprindo um mandado de reintegração de posse. “Entraram com uma ação na Justiça às escondidas e não deram o direito da gente se defender. Nós ficamos isolados lá em cima [na Serra do Periperi] sem contato com ninguém, nem com advogado a gente pode falar. A única solução foi sair sem brigar”, afirmou o cacique Curiango.

O grupo indígena afirma que a Administração Municipal descumpriu o acordo para a construção de um espaço para eles, onde seriam comercializados os seus artesanatos. Os supostos índios também afirmam que só poderão ser reconhecidos pela Funai como índios depois da comunidade ser estabelecida em uma terra, o que depende do apoio da Prefeitura. “Mas a Prefeitura não que fazer isso”, contou o cacique.

Logo após o protesto, os supostos índios se reuniram com membros do Governo Municipal. Os detalhes finais da conversa ainda não foram informados.

Os comentários estão encerrados.