Aposentadoria imediata de José Genoíno é rejeitada

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 27 nov 2013

Tags:,

por Paulo Anderson Rocha

Genoino BDepois da junta médica formada por especialistas em cardiologia da Universidade de Brasília (UnB) indicar que José Genoíno, um dos condenados no processo do Mensalão, não tem necessidade do regime de prisão domiciliar para continuidade do tratamento de saúde, o deputado condenado teve outro pedido negado.

Integrantes da junta médica da Câmara de Deputados, formada por quadro dos servidores do Departamento Médico da Casa, indicaram que Genoíno, que continua deputado, mesmo depois de condenado, não é portador de cardiopatia grave, do ponto de vista médico pericial, e que ainda não há elementos suficientes para um laudo conclusivo sobre o pedido de aposentadoria por invalidez imediata apresentado por ele.

A junta médica decidiu que Genoíno deve ser mantido sob licença para tratamento de saúde por mais 90 dias.

Os comentários estão encerrados.