Brumado: Câmara de Vereadores aprova redução de licença-maternidade e causa protestos

0

Publicado por Editor | Colocado em Sudoeste | Data: 15 mar 2017

Tags:, ,

Da Redação

Sessão da Câmara de Vereadores de Brumado que aprovou a redução da licença-maternidade. Foto: Lay Amorim/Brumado Notícias

Um projeto polêmico aprovado pela Câmara de Vereadores de Brumado tem causado protestos na cidade. Na última segunda-feira (13), os vereadores aprovaram a redução da licença-maternidade das servidores municipais de 180 para 120 dias.

A prorrogação da licença-maternidade em 60 dias, prevista na Lei n. 11.770/2008, estava sendo aplicada no município desde 2011, no governo do mesmo prefeito, Eduardo Vasconcelos, que agora foi autor do projeto que pede a redução do benefício. Segundo ele, a realidade econômica, que era outra em 2011, hoje, está marcada por crise intensa.

No mesmo dia, a Câmara de Vereadores também aprovou um outro projeto, que suspende cargos públicos como auxiliar de manutenção, serviços gerais, motoristas e guardas municipais. Durante a votação, manifestantes ocuparam a Câmara de Vereadores, vaiaram os membros do Legislativo e jogaram notas falsas de dinheiro.

Os comentários estão encerrados.