Caso Jéssica: delegado pede prisão preventiva do agressor

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Polícia | Data: 04 maio 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

IMG_0732Nesta quarta-feira (4), completa 10 dias do fato que chocou a comunidade conquistense, a agressão da jovem, grávida de 4 meses, Jéssica Nascimento por um colega, dentro de sua própria residência. O BLOG DA RESENHA GERAL manteve contato com a família de Jéssica e recebeu a informação de que ela apresentou uma grande melhora em seu quadro de saúde.

Segundo a tia da vítima, dona Elma Augusto, os médicos já retiraram a sedação de Jéssica. “Ela ainda está na UTI, está apresentando febre, a pressão está alta e ainda respira com ajuda de aparelho. Mas o fato de não está mais sedada é uma notícia que nos deixa muito felizes”, disse Elma. A família tentou realizar uma transferência da jovem para uma hospital privado, mas foi desaconselhado pelo corpo médico do Hospital, “pelo fato do estado de saúde ainda ser delicado”, completou a tia de Jéssica.

A tia de Jéssita também comentou a informação de que ela teria usado drogas no dia em que foi vítima da agressão. “Eu conheço Jéssica muito bem e duvido que ela tenha usado alguma coisa estando grávida. Estão querendo transformar ela na culpada”, disse Elma.

Ainda nesta quarta, a Polícia Civil apresentou o pedido de prisão preventiva do acusado da agressão, Américo Neto, à Justiça. O delegado responsável pelo inquérito, Dr. Luis Gustavo Tortorelli, espera a qualquer momento o acolhimento do pedido para o recolhimento de Américo.

Os comentários estão encerrados.