Sebrae paga 70% de serviços como criação de marca

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 21 set 2018

Tags:, ,

da Redação

Fonte: Agência Sebrae de Notícias / CDL (Reprodução)

Empresário pode solicitar os serviços do Sebraetec pelo site www.sebraetec.com 

Criar uma marca, um website ou desenvolver layout de embalagens e rótulos para produtos estão entre as necessidades básicas das empresas, que muitas vezes esbarram no custo de contratação desses serviços. Pensando nisso, o Sebrae oferece um programa que promove inovação nos pequenos negócios com apoio financeiro, permitindo o subsídio de 70% do investimento: o Sebraetec. A partir deste mês, o empresário pode solicitar os serviços do programa sem sair de casa, por meio do site www.sebraetec.com. Lá microempreendedores individuais (MEI), micro e pequenas empresas (MPE) poderão ter acesso a mais de 120 opções de consultorias inovadoras.

É possível, por exemplo, que uma empresa desenvolva seu website arcando com apenas 30% do investimento, que, dentro do programa Sebraetec, representa R$ 885. A variedade ofertada atende a diversos modelos de negócio e gargalos empresariais e é dividida em sete categorias: inovação, design, qualidade, produtividade, propriedade intelectual e serviços digitais. …Leia na íntegra

Grande praga ameaça à produção do cacau na Bahia

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Economia, Saúde | Data: 19 set 2018

Tags:,

Da Redação

A praga Moniliase ameaça causar um dos piores desastres fitossanitários e econômicos da agricultura. E na busca da prevenção desse possível desastre, o Sindicato Rural de Jequié, o sistema Senar/Faeb, a Agencia de Defesa Agropecuária da Bahia (ADAB), e a Comissão Executiva do Plano da Lavoura  Cacaueira (CEPLAC), convidam agrônomos, técnicos,  secretários municipais de agricultura da microrregião de Jequié, produtores e trabalhadores rurais para participarem do Seminário de Fitossanidade da Cultura do Cacau com foco na Moniliase.

O seminário será realizado a partir das 8h do dia 27 de setembro, no auditório do Sindicato Rural de Jequié. Segundo os organizadores o objetivo do evento é discutir as ações, recomendações e as prevenções para conter a praga Moniliase, considerada a mais grave das doenças da cacauicultura mundial. Dois grandes palestrantes estarão ministrando palestra sobre o tema: Catarina Cotrim Matos e Dr. Antonio Zózimo de Matos Costa.

A ameaça é tão concreta, que a monilíase foi a primeira praga a ter um Plano de Contingência traçado pelo Ministério da Agricultura, pecuária e Abastecimento (Mapa), entre as mais de 600 pragas listadas pelo órgão. Ao todo, 112 fiscais de defesa agropecuária estão prontos para atuar em caso de invasão da praga nos estados da Bahia, Pará, Rondônia, Acre e Amazônia.

Os produtores rurais foram alertados. Em caso de suspeita, é preciso isolar a área, não permitir a entrada de curiosos e avisar imediatamente os órgãos de defesa agropecuária.

434 mil temporários devem ser contratados até o fim do ano; demanda é puxada pela indústria

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 19 set 2018

Tags:, , ,

Da Redação
Fonte: G1/CDL (Reprodução)

Segundo entidade do setor, crescimento deve ser de 10% em relação ao mesmo período de 2017; já confederação do comércio prevê recuo de 1,7% nas vagas diante do cenário de incertezas no país

Dados da Associação Brasileira do Trabalho Temporário (Asserttem) e Caixa Econômica Federal mostram que devem ser abertas 434,4 mil vagas temporárias entre setembro e dezembro, nos setores da indústria, comércio e serviços, em decorrência do aumento das vendas para o Dia das Crianças, Natal e Ano Novo.

O crescimento deve ser de 10% em relação ao mesmo período de 2017, quando foram abertas 394,9 mil vagas. A alta, segundo a entidade, é puxada pela indústria, em especial dos segmentos farmacêutico, alimentar, químico e agroindustrial.

Em relação a 2016, o número previsto para contratações temporárias é 22% maior. Mas é distante do registrado em 2014, quando 490.435 vagas foram abertas, antes de a crise econômica se intensificar e levar ao aumento da taxa de desemprego.

Já a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) prevê a contratação de 72,7 mil trabalhadores temporários para o varejo, recuo de 1,7% em relação aos 73,9 mil postos criados no ano passado.

De acordo com a CNC, a desaceleração da economia diante do cenário de incertezas do segundo semestre deverá levar ao crescimento menor das vendas no Natal, de 2,3%. Em 2017, a alta foi de 3,9% em relação a 2016. …Leia na íntegra

Poupadores de 70 a 74 anos podem participar de acordo

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 19 set 2018

Tags:, ,

Cristiane Gercina
do Agora (Reprodução)

Os poupadores entre 70 e 74 anos podem aderir, a partir de hoje, ao acordo de revisão da poupança que vai pagar as perdas dos planos econômicos.

O cadastro para receber o dinheiro é feito no site www.pagamentodapoupanca.com.br.

A adesão está sendo liberada por lotes e depende da idade do poupador.

O calendário vai até 18 de março do ano que vem.

No entanto, o acordo fechado com os bancos dá prazo de até dois anos para que o poupador decida se quer ou não fazer parte.

Até segunda-feira, a Febraban (Federação Brasileira de Bancos), que é responsável por gerenciar o cadastro no site, registrou 79.531 solicitações de adesão.

 

Acerte no pagamento ao INSS e garanta o benefício

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 15 set 2018

Tags:, ,

Clayton Castelani
do Agora (Reprodução)

O segurado do INSS responsável por fazer os próprios recolhimentos previdenciários deve ficar atento para não errar o código correspondente ao seu tipo de contribuição.

Embora algumas falhas possam ser corrigidas, existem situações em que a desatenção pode atrasar ou até mesmo impedir o acesso a um benefício.

A confusão mais comum cometida pelos segurados está relacionada à aplicação dos códigos 1007, destinado a contribuintes individuais (trabalhadores autônomos), e o 1406, para contribuintes facultativos (como donas de casa e estudantes), diz o advogado Arismar Amorim Jr.

“A maioria dos problemas costuma ocorrer com segurados individuais que, por engano, recolheram como facultativos e em atraso, ou seja, fora da competência”, comenta Amorim Jr.

Sai lista de atrasados do INSS acima de 60 salários mínimos

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 14 set 2018

Tags:, , ,

banner alfa park

Fernanda Brigatti
do Agora (Reprodução)

Os segurados que derrotaram o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) na Justiça e garantiram uma bolada em atrasados já conseguem saber se receberão a grana no ano que vem. Esses valores acima de 60 salários mínimos levam o nome de precatórios.

A consulta ao lote de 2019 é feita no site da Comissão Mista de Orçamento (www.camara.leg.br/cmo).

A lista contém todos os precatórios devidos por todos os órgãos do governo federal. Confira ao lado passo a passo como fazer a consulta.

Entraram no lote de pagamentos do ano que vem os valores autuados entre os dias 2 de julho de 2017 e 1º de julho deste ano.

A autuação é o procedimento em que o juiz pede ao Tribunal Regional Federal a reserva do dinheiro.

Essas solicitações são repassadas ao CJF (Conselho da Justiça Federal), que depois monta um Orçamento e envia ao Ministério do Planejamento.

Como depende de previsão no Orçamento Geral da União, os precatórios são pagos apenas uma vez ao ano.

Trabalhadores vão à Justiça para ganhar benefício do INSS

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 13 set 2018

Tags:, ,

Laís Alegretti
Folha de S.Paulo (Reprodução)

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) desembolsou R$ 92 bilhões em 2017 para pagar aposentadorias e outros benefícios concedidos ou reativados por determinação da Justiça.

Isso representa 15% do total de R$ 609 bilhões que a Previdência Social pagou a beneficiários no ano passado.

O cálculo é resultado de uma fiscalização do TCU (Tribunal de Contas da União) que será discutida no fim de setembro.

Segundo o órgão, ao menos um a cada dez benefícios pagos pelo INSS é resultado de decisão judicial.

Preço baixo é principal atrativo de quem compra em sites internacionais, revela pesquisa da CNDL/SPC Brasil

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 12 set 2018

Tags:, ,

banner alfa park

da Redação
Fonte: CNDL/CDL (Conteúdo)

Para 67% dos consumidores de lojas virtuais de fora do país, produtos com valores menores são principal vantagem. Roupas, calçados e acessórios estão entre os itens mais comprados

Os brasileiros têm comprado cada vez mais em sites internacionais e a principal razão para esse fenômeno são os preços atrativos dos produtos em relação aos praticados nas lojas virtuais no país. Uma pesquisa da Confederação Nacional de Dirigentes lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) mostra que 29% dos consumidores conectados fizeram compras em sites internacionais nos últimos 12 meses. Desse total, 67% afirmaram que os valores mais baixos tiveram influência na hora de comprar em lojas online fora do Brasil, enquanto 46% apontaram a possibilidade de achar artigos difíceis de serem encontrados localmente. Outros 46%, procuram variedade de produtos e 35% vão em busca de itens novos que quase ninguém possui. …Leia na íntegra

Conheça os direitos na hora de renegociar o consignado

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 10 set 2018

Tags:, ,

Banner marcelo santana

da Redação
Fonte: Agora SP / Cristiane Gercina (Conteúdo)

Os aposentado ou pensionistas do INSS que estão endividados e recebem uma proposta para renegociar o crédito consignado devem ter muito cuidado.

Agora mostra quais são os direitos de quem busca a renegociação do débito para conseguir pagar as contas.

O consignado do INSS é, hoje, o crédito mais barato do país. Isso ocorre porque há regras específicas para essa modalidade de empréstimo.

Entre elas, o fato de que o desconto das parcelas é feito diretamente do benefício.

Atualmente, o segurado pode comprometer até 30% da renda com o consignado comum e mais 5% com o cartão de crédito consignado.

do site creditooudebito.com.br

Empréstimo consignado: como renegociar sua dívida?

Um empréstimo consignado pode tomar um bom dinheiro das suas finanças. Negociar sua dívida do consignado é uma forma de manter o orçamento sob controle e, de quebra, ainda conseguir descontos no consignado. Qualquer empréstimo consignado pode ser negociado, desde que as dicas abaixo sejam seguidas à risca na renegociação.

Renegociação de consignado: defina quanto você pode pagar

O banco vai te falar um valor a ser pago para quitar seu empréstimo. Mas você tem que estar com um valor na ponta da língua, mais baixo. Para isso, será necessário adotar uma estratégia de orçamento e pagamento de dívidas, como a estratégia bola de neve. Dentro da estratégia, você terá um valor máximo que pode pagar por parcelas.

O quanto você pode pagar é o valor que você tem disponível após pagar contas básicas para sua sobrevivência, tais como contas de moradia e alimentação. Se os valores das parcelas continuam altos, outras estratégias devem ser combinadas na negociação.

Pagar parcelas menores, mas pagar mais parcelas …Leia na íntegra

Workshop em Vitória da Conquista aborda gestão por indicadores

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia | Data: 09 set 2018

Tags:, ,

banner alfa park

da Redação
Fonte: Agência Sebrae de Notícias / CDL (Conteúdo)

Evento gratuito é voltado para empresários do segmento de material de construção e está com inscrições abertas. As vagas são limitadas

A cidade de Vitória da Conquista recebe o Workshop em Gestão por Indicadores, voltado para os empresários do segmento varejista de material de construção. O evento gratuito será realizado no próximo dia 13 (quinta-feira), às 18h, no auditório do Sebrae na cidade.

As inscrições podem ser feitas na Loja Virtual do Sebrae, pelo telefone (77) 3424 1600 ou na unidade do Sebrae em Vitória da Conquista, na Rua Coronel Gugé, 221, Centro.

O Workshop Gestão por Indicadores para Material Construção é uma das ações do Sebrae Conecta e tem o objetivo de aperfeiçoar a competitividade das empresas participantes. O encontro vai abordar temas como os indicadores de faturamento médio mensal, índice de reclamações, ticket médio de vendas, satisfação do cliente e vendas por metro quadrado.

 

Comitê gestor do Projeto Biscoito Caseiro se reúne com especialista em Indicação Geográfica

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia, Vit. da Conquista | Data: 08 set 2018

Tags:, ,

banner alfa park

da Redação
Fonte: Agência Sebrae de Notícias Bahia/CDL (Conteúdo)

Projeto visa fortalecer a cadeia produtiva do tradicional biscoito caseiro e promover a microrregião de Vitória da Conquista como referência nacional do produto

Mais um passo foi dado em direção à obtenção do selo de Indicação Geográfica (IG) para o tradicional biscoito caseiro da região de Vitória da Conquista. O comitê gestor do Projeto Biscoito Caseiro se reuniu com o consultor do Sebrae e especialista em IG, Luciano Ivo, para tratar do fortalecimento da iniciativa e sobre as etapas que deverão ser cumpridas para obtenção do almejado selo.

De acordo com a gerente regional do Sebrae em Vitória da Conquista, Josinete Viana, a reunião teve como finalidade adquirir mais conhecimento sobre processo para a obtenção da IG. “A Indicação Geográfica é uma possibilidade que vislumbramos para o Projeto Biscoito Caseiro. A consultoria nos mostrou o passo a passo para a obtenção do selo e estamos no caminho certo. O trabalho que tem sido feito pelo projeto tem toda coerência com a Indicação Geográfica”.

De acordo Luciano Ivo, a Indicação Geográfica vai agregar valor ao tradicional biscoito caseiro de Conquista, além de trazer prestígio para a região. “A Indicação Geográfica reconhece a fama e a notoriedade que um determinado produto tem numa região”, afirma.

O especialista revela que o conteúdo tratado nesta reunião com o comitê gestor do projeto será levado para os empresários que fabricam o biscoito, apresentando ainda o resultado de um diagnóstico de potencial de IG que será feito pelo Sebrae. “A partir do momento em que se estrutura uma Indicação Geográfica, o grupo bem trabalhado passa a melhorar sua gestão, sua organização, e até mesmo na qualidade, além de agregar valor ao produto”, finaliza.

Projeto Biscoito Caseiro …Leia na íntegra

Receita ameaça cancelar o CNPJ de 3,4 milhões de empresas

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 06 set 2018

Tags:, ,

da Redação
Fonte: Veja/CDL(Reprodução)

Serão considerados inaptos os contribuintes que estão omissos na entrega de escriturações e de declarações dos últimos cinco anos

Receita Federal ameaça retirar o registro de Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) das empresas que estejam omissas na entrega de escriturações e declarações nos últimos cinco anos, em especial as Declarações de Débitos e Créditos Tributários Federais. Estima-se que até 3,4 milhões inscrições no CNPJ possam ser declaradas inaptas até maio de 2019.

Segundo a Receita, os CNPJs inaptos serão publicados em seu site pela delegacia fiscal do domicílio da empresa. Para evitar a declaração de inaptidão, o órgão orienta que o contribuinte regularize a sua situação.

De acordo com a Receita, o contribuinte pode consultar a existência de omissões na entrega de declarações no Centro Virtual de Atendimento (e-CAC) no serviço “Certidões e Situação Fiscal”, nos itens “Consulta Pendências – Situação Fiscal”, com relação às obrigações acessórias não previdenciárias, ou a “Consulta Pendências – Situação Fiscal – Relatório Complementar” com relação às obrigações acessórias previdenciárias. …Leia na íntegra

Demanda por crédito da micro e pequena empresa cresce 3,4 pontos em julho, mas ainda é baixa

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia | Data: 05 set 2018

Tags:, , ,

da Redação
Fonte:  site da CDL (Conteúdo)

Entre os empresários ouvidos, 73% descartam a possibilidade de contratar crédito nos próximos três meses. Quase metade não pretende investir em seus negócios até o fim do ano

Após um período de retração, o mercado começa a dar sinais de retomada das concessões de crédito. Cenário que vem resultando no aumento da demanda das micro e pequenas empresas do varejo e serviços (MPEs). Dados apurados pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) mostram que, entre junho e julho, o indicador que mede a intenção de contratar crédito registrou alta de 3,4 pontos. Em uma escala de zero a 100, o resultado de junho foi de 22,8 pontos, o valor máximo desde o início da série histórica.

Já na comparação com os meses de julho dos anos anteriores, houve um aumento no apetite por crédito. Em julho de 2017, o índice estava em 11,3 pontos, ao passo que no mesmo período de 2016 ficou em 10,8 pontos. Pela metodologia, quanto mais próximo de 100, maior é a probabilidade de os empresários procurarem crédito e quanto mais próximo de zero, menos propensos eles estão para tomar recursos emprestados.

a

 

Na avaliação do presidente da CNDL, José Cesar da Costa, a recuperação gradual da economia já resulta em um quadro mais positivo. “A partir do momento em que observarmos maiores quedas reais dos juros, haverá um estímulo maior para a contratação de crédito nas empresas. Hoje, a confiança na retomada ainda é tímida, no entanto enxergamos nos setores do comércio e serviços vendas melhores”, afirma o presidente. …Leia na íntegra

Veja como pedir o adicional de 25% na aposentadoria

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 04 set 2018

Banner marcelo santana

Luciana Lazarini
do Agora

Os aposentados do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) que precisam da ajuda permanente de outra pessoa para atividades diárias aumentaram as chances de ganhar o adicional de 25% na Justiça.

Administrativamente, o órgão só paga o bônus para aposentados por invalidez, mas o STJ (Superior Tribunal de Justiça) entendeu, no dia 22 de agosto, que outros aposentados que comprovarem a necessidade também têm direito.

O primeiro passo é verificar se, de fato, o segurado se encaixa nos requisitos para ter o adicional, também chamado de majoração.

Para concedê-lo, o perito terá que concluir que o aposentado fica sob risco se não tiver a ajuda de outra pessoa.

Será necessário comprovar que, por conta das limitações físicas ou neurológicas, o aposentado não consegue fazer atividades básicas sozinho.

Um segurado que ganha R$ 2.500, por exemplo, receberia em seu benefício um adicional de R$ 625.

Para empresários, redução de impostos e juros deve ser prioridade do próximo governo

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 30 ago 2018

Tags:, , ,

Banner marcelo santana

da Redação
Fonte: CDL (Reprodução)

Maioria do empresariado dos setores de varejo e serviços está otimista com economia para 2019 e defende sistema tributário transparente e eficiente; 50% checam se informações sobre candidatos na internet são fake news

Os empresários dos setores de varejo e serviços estão otimistas com a economia para 2019, quando o país terá um novo presidente. Uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) revela que 54% dos entrevistados esperam um cenário econômico melhor para o próximo ano e 71% anseiam que a nova gestão promova mudanças em relação às diretrizes atuais. Entre as prioridades mencionadas para o presidente que assumirá em 1º de janeiro, 52% destacam a redução de impostos e 34% a queda dos juros. Em terceiro lugar, aparece o combate à corrupção (28%), seguida da diminuição da burocracia (16%).

Para os próximos cinco anos, 37% dos empresários almejam mudanças no sistema tributário, tornando-o mais simples, transparente e eficiente. Já 36% desejam um país menos burocrático, que contribua para a atividade empreendedora, enquanto 31% querem políticas públicas que impulsionem o crescimento das empresas. …Leia na íntegra

Pagar boleto vencido acima de R$ 400 ficou bem mais fácil: Confira

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 28 ago 2018

Tags:, , ,


banner alfa park

Da Redação

Agora um novo limite para o pagamento de boletos vencidos em qualquer banco, começou a valer a partir deste último sábado (25).  Os boletos com valores entre R$ 400 e R$ 799,99 já podem ser pagos em qualquer agência bancária mesmo após o vencimento. 

Segundo a Federação Brasileira dos Bancos (Febraban), a medida também foi o ponto de partida para o cadastro dos boletos na base de dados da Nova Plataforma de Cobrança, sistema de liquidação e compensação para os boletos de pagamento.

O novo sistema reduz o risco de erro no cálculo de multas e encargos. A empresa emissora do boleto deve registrar na nova plataforma todas as informações do documento, como o seu CPF ou CNPJ, data de vencimento, valor, nome e número do CPF ou CNPJ do pagador.

 

Economia compartilhada deixa 89% de seus usuários satisfeitos

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia | Data: 28 ago 2018

Tags:, ,

banner alfa park

da Redação
Fonte: CNDL/CDL (Conteúdo)

87% dos brasileiros acham que consumo colaborativo vem ganhando espaço no dia a dia das pessoas. Poupar dinheiro é a principal vantagem, mas falta de confiança nas pessoas é barreira para 51%. Carona, aluguel para temporadas e compartilhamento de roupas são práticas mais usuais

Novos modelos de negócios em que a experiência de consumo vale mais do que a propriedade sobre um determinado bem. Essa é a lógica da economia compartilhada, também conhecida como ‘Consumo Colaborativo’. Um levantamento feito em todas as capitais pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) revela que 89% dos brasileiros que já experimentaram alguma modalidade de consumo colaborativo ficaram satisfeitos após a experiência vivenciada. Apenas 2% dos entrevistados ficaram insatisfeitos, enquanto 9% estão indiferentes.

De modo geral, em cada dez consumidores brasileiros, nove (87%) acreditam que a economia compartilhada é uma prática que vem ganhando mais espaço na vida das pessoas e 68% creem que, em até dois anos, podem incorporar esta nova forma de consumir no seu dia a dia. Além disso, para 81% das pessoas, a economia colaborativa torna a vida mais fácil e funcional e 71% acham que possuir muitas coisas em casa mais atrapalha do que ajuda. …Leia na íntegra

Ministério do Trabalho atinge R$ 2,4 bilhões em recolhimentos e notificações no primeiro semestre de 2018

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 27 ago 2018

Tags:, ,

banner alfa park

Fonte:M. do Trabalho

Fiscalizações do Ministério do Trabalho contra a sonegação do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e da Contribuição Social (CS) resultaram em mais de R$ 2,4 bilhões em notificações e recolhimentos de janeiro a junho deste ano. O resultado é 4,3% superior ao verificado no mesmo período do ano passado (R$ 2,3 bilhões) e 30,8% maior na comparação com os primeiros seis meses de 2016 (R$ 1,8 bilhão).

De acordo com o chefe da Divisão de Fiscalização do FGTS, Jefferson Toledo, as ações foram realizadas em 20,4 mil estabelecimentos de todos os estados brasileiros. Os fiscais emitiram 9,4 mil notificações de dívidas de FGTS e CS que beneficiaram aproximadamente 1,1 milhão de trabalhadores. “Muitos dos débitos são dívidas de até 30 anos”, revela Toledo.

A fiscalização é permanente e executada pelos auditores-fiscais do Trabalho. As ações foram intensificadas a partir de 2016, com a capacitação de servidores, a modernização de sistemas e a criação da Força-Tarefa de Fiscalização de Grandes Devedores de FGTS – só ela foi responsável por notificar e recolher de R$ 766 milhões das contribuições nos primeiros seis meses de 2018. Somam-se à Força-Tarefa os grupos contra trabalho escravo e de fiscalização de transportes.

…Leia na íntegra

PIS/Pasep: bancos privados vão fazer o depósito para clientes

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 24 ago 2018

Tags:, ,

banner alfa park

Da Redação

Fonte: G1 

Agora os clientes de  outras instituições financeiras, além da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil, poderão fazer os depósitos automáticos do saldo do Fundo PIS/Pasep na conta de seus clientes que têm direito ao benefício. A nova medida é devido um acordo entre o Ministério do Planejamento e a Federação Brasileira dos Bancos (Febraban) , no qual irá permitir que outras instituições financeiras também realizem o procedimento.

Quem não possuía conta na Caixa ou no BB, até então,teria que comparecer pessoalmente às agências de um desses bancos públicos para fazer o resgate. A medida, que deverá ser assinada na semana que vem, tem potencial para injetar mais R$ 8 bilhões, beneficiando diretamente 9 milhões de pessoas, segundo estimativas do governo.

De acordo com o  ministro do Planejamento, Esteves Colnago, em uma entrevista  à TV NBR, contou que parte dos cotistas do PIS/Pasep que não tinham contas na Caixa ou no Banco do Brasil – onde o crédito é automático – poderiam deixar de fazer o saque, reduzindo pela metade a estimativa resgate dos mais de R$ 34 bilhões parados nas contas inativas do fundo. Com o acordo entre o governo e a Febraban, a expectativa é que o volume resgatado seja bem superior ao previsto, já que mais bancos poderão efetuar o crédito automático.

Ainda segundo o governo, os beneficiários que não receberem o crédito automático, por não possuírem conta corrente ou se estiverem com o cadastro desatualizado no Fundo PIS/Pasep, devem se dirigir às agências bancárias da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil para realizar os saques.

Atraso na quitação de empréstimos deixou 35% dos consumidores negativados

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 23 ago 2018

Tags:, ,


banner alfa park

da Redação
Fonte: CNDL/CDL (Conteúdo)

No último ano, 20% regularizaram suas dívidas, mas 15% ainda estão inadimplentes. Pagamento de dívidas é principal finalidade dos que recorrem a essa modalidade de crédito

O empréstimo é uma prática recorrente para o pagamento de dívidas, situações de imprevistos financeiros ou mesmo para quem precisa reformar a casa ou trocar de carro. No entanto, o acúmulo de dívidas vem se tornando um problema para muitos brasileiros que não conseguem honrar seus compromissos. Uma pesquisa conduzida pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) aponta que mais de um terço dos entrevistados que contrataram empréstimos no último ano (35%) ficaram com nome sujo por atrasar as prestações. Desse total, 20% já regularizaram a situação, enquanto 15% permanecem negativados.

De acordo com o levantamento, dois em cada dez brasileiros (23%) contrataram algum tipo de empréstimo nos últimos doze meses, sendo que 12% buscaram empréstimo pessoal em bancos e 7% em financeiras. Além disso, 14% optaram por empréstimo consignado em banco, principalmente entre o público com mais de 55 anos (27%), e 6% em financeiras, modalidade em que se desconta as parcelas diretamente do salário ou da aposentadoria. “A capacidade de pagamento das pessoas tem sido afetada pelo alto nível de desemprego. A renda das famílias continua achatada, levando muitos brasileiros a fazer empréstimos para pagar contas ou mesmo quitar dívidas”, destaca a economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti. …Leia na íntegra