Trabalhadores nascidos em maio e junho podem sacar abono o PIS/PASEP

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia | Data: 15 mar 2018

Tags:, ,

Da Redação

A partir desta quinta (15), os trabalhadores da iniciativa privada nascidos em maio e junho com direito ao abono salarial do PIS 2017-2018 (ano base 2016) poderão receber o dinheiro na Caixa Econômica. No caso do Pasep, pago a servidores públicos pelo Banco do Brasil, o pagamento começa para quem tem finais da inscrição 8 e 9.

Para o exercício 2017/2018 serão destinados R$ 16,9 bilhões para pagamento do abono salarial a 24,3 milhões de trabalhadores. Só dentro do PIS são R$ 15,7 bilhões para 22,1 milhões de beneficiários, segundo a Caixa Econômica Federal.

O recurso ficará à disposição do trabalhador até 29 de junho de 2018, prazo final para o recebimento. Nascidos em outros meses e que ainda não receberam o abono também podem sacar o dinheiro até este data.

Pesquisa mapeia negócios promissores para 2018

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 11 mar 2018

Tags:, ,

da Redação
Fonte: Agência Sebrae de Notícias/DL (Conteúdo)

Estudo do Sebrae revela a tendência de atividades que sinalizam a recuperação na economia e no poder de compra do brasileiro

Fornecimento de marmitas, serviços para idosos ou atividades de estética. Os negócios no ramo de alimentação, saúde e serviços pessoais serão as apostas de novos empreendedores para 2018. Estudo elaborado pelo Sebrae, com base no perfil de novas empresas em anos anteriores, no comportamento da economia nacional e no mercado externo, revelou que os empreendimentos que promovem saúde, inovam na oferta de alimentos e oferecem serviços ligados à beleza pessoal estão entre as atividades mais prósperas para este ano.

Para mapear os negócios promissores de 2018, o Sebrae analisou os segmentos com maior taxa de expansão nos últimos anos, pois sinalizam a existência de uma maior demanda do mercado consumidor. Entre 2013 e 2017, o serviço ambulante de alimentação e o fornecimento de alimentos preparados para consumo das famílias cresceram 24% ao ano, por exemplo.

Outro setor que deve atrair novas empresas em 2018 é a construção, com destaque para atividades de pequenas reformas, instalação e manutenção elétrica e serviços de pintura. Nos últimos cinco anos, o registro de novas empresas que oferecem serviço de obras de alvenaria aumentou 36% ao ano.

Confira a lista das atividades mais promissoras para 2018: …Leia na íntegra

Inflação medida pelo IPCA é a menor para fevereiro em 18 anos, diz IBGE

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 09 mar 2018

Tags:,

G1

O índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), considerado a inflação oficial do país, variou 0,32% em fevereiro, o resultado mais baixo para o mês desde o ano 2000, quando ficou em 0,13%. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira (9) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em janeiro, o índice subiu 0,29%.

Nos dois primeiros meses do ano, o IPCA acumula o menor percentual desde o começo do Plano Real, em 1994, com variação de 0,61%. Em 2017, o acumulado no 1º bimestre havia sido 0,71%, segundo o IBGE.

O acumulado dos últimos 12 meses ficou em 2,84%, a menor variação para o período desde 1999, quando a inflação ficou em 2,24%, segundo o IBGE. Em 2017, a inflação fechou em 2,95%, abaixo do piso da meta.

O analista da Coordenação de Índices de Preços ao Consumidor do IBGE, Fernando Gonçalves, apontou que desde julho do ano passado o índice acumulado em 12 meses está abaixo de 3%. Nunca na série histórica houve um índice tão baixo em sequência tão longa.

…Leia na íntegra

Como parcelar sua dívida do cartão de crédito com juros mais baixos

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 26 fev 2018

Tags:, ,

da Redação
Fonte: Meu Bolso Feliz/CDL (Conteúdo)

Existem taxas de juros mais baratas do que a oferecida pelo seu gerente para o parcelamento do crédito rotativo! Entenda

O cartão de crédito é uma forma de pagamento de compras bastante popular. A empresa emissora lhe concede um limite e você pode utilizá-lo para realizar suas compras, ganhando um prazo de até 40 dias para o pagamento da fatura.

Mas é preciso usá-lo com sabedoria, pois suas taxas de juros rotativos chegam a 334% ao ano – não, você não leu errado! Funciona assim: quando chega sua fatura e você não tem dinheiro para pagar, você pode realizar o pagamento mínimo. O restante que faltar entra nos chamados juros rotativos.

Até 2017, se você pagasse apenas o mínimo da fatura e ficasse com uma dívida de R$ 1.000 no cartão de crédito, no mês seguinte, poderia chegar a R$ 1130 devido aos juros rotativos. Acumulados 5 meses de juros sobre juros, o valor já batia na casa dos R$ 1843. Dá para imaginar o tamanho do problema? Como era de se esperar, muita gente se enrolava e não conseguia mais sair da dívida.

Por causa disso, em abril do ano passado, o governo mudou as regras do jogo. Desde então, após um mês da sua dívida no rotativo, a empresa emissora ou o banco são obrigados a lhe oferecer uma nova linha de crédito, para você parcelar o valor em aberto.

Na prática, a dívida não pode ficar rodando no rotativo por mais de 30 dias. Em vez disso, o consumidor pode fazer um financiamento da dívida com prazo determinado e em parcelas para a quitação total. Há ainda a opção de pagar a dívida integralmente a qualquer momento.

Mas atenção: os bancos só são obrigados a oferecerem um tipo de linha de crédito, que nem sempre é a mais barata. “É bem difícil o banco oferecer as linhas mais baratas, pois a única obrigação do banco é parcelar a dívida em condições mais vantajosas do que as do rotativo”, orienta Marcela Kawauti, economista-chefe do SPC Brasil.

Então, cabe ao consumidor pedir mais opções. “Vale ainda consultar outros bancos e empresas para tentar quitar a sua dívida à vista”, diz Marcela.

Como encontrar linhas de crédito mais baratas?

…Leia na íntegra

ExpoConquista 2018 promete agitar a cidade com a sua programação

0

Publicado por Editor | Colocado em Cultura, Economia, Vit. da Conquista | Data: 22 fev 2018

Tags:, ,




Da Redação

A 52° Exposição Nacional Agropecuária de Vitória da Conquista, que acontece entre os dias 13 e 18 de março, está com uma grande programação.

Este ano contará com cursos, palestras e capacitações, além da presença de grandes bancos, concessionárias, construtoras e imobiliárias, sendo que diversas marcas são conhecidas na Indústria e no comércio local. E ainda tem mais, todas as noites terão shows com artistas locais, feira de artesanato, feira da Economia Solidária, Rota da Cachaça, leilões, provas equestres, projeto ADAB na escola, além do tradicional Parque de diversões.

O maior evento econômico do município promete agitar a cidade, com a expectativa de atrair um público de 120 mil pessoas neste ano, a ExpoConquista contará com expositores de 12 estados do país.

Segundo o presidente da COOPMAC, Jaymilton Gusmão Filho,  a palavra que definirá esta edição da exposição será a FORÇA “Este ano está coincidindo com o final de uma seca muito severa para gente, numa crise de preço e de produção que nós passamos aliado a uma crise política sem precedentes. A força da sociedade, a força do homem do campo pra gente transformar o que nós sabemos em riqueza, distribuição de renda e melhoria da nossa economia. É essa força que a gente quer”.

Negócio a Negócio tem início no mês de março em Vitória da Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia | Data: 21 fev 2018

Tags:, ,



da Redação
Fonte: Agência Sebrae de Notícias Bahia / CDL (Conteúdo)

O empresário interessado em participar deve ligar para o Sebrae e solicitar a visita de um Agente de Orientação Empresarial


No mês de março, o Sebrae em Vitória da Conquista dará início ao Programa Negócio a Negócio 2018. A solução se caracteriza por visitas de Agentes de Orientação Empresarial a Microempresas (ME) e Microempreendedores Individuais (MEI) para avaliar a gestão, dar orientações e construir com os empresários um plano de ação simplificado. A participação no Programa é gratuita e os interessados devem entrar em contato com o Sebrae pelo telefone (77) 3424-1600 e solicitar a visita de um agente.

A técnica do Sebrae, Priscila Gomes explica que o Programa tem como objetivo auxiliar as empresas a avançarem na sua gestão, se tornando, assim, mais sustentáveis. “A empresa que aderir ao Programa receberá duas visitas do agente este ano: uma para diagnosticar o empreendimento e outra para orientações e construção do plano de ação”, esclarece.

Programa Negócio a Negócio …Leia na íntegra

Indicador de Confiança do Consumidor abre 2018 com crescimento

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia | Data: 20 fev 2018

Tags:, ,

da Redação
Fonte: CNDL/CDL (Conteúdo)

Brasileiro reconhece dificuldades na economia, mas 59% têm esperança de que a vida financeira vai melhorar em seis meses. Entre otimistas, muitos não sabem explicar razões, mas 21% notam aumento do consumo e 20% acham que desemprego já começa a recuar

A passos lentos, o humor do brasileiro com a economia do país e com a sua própria condição financeira vem apresentando melhoras, embora ainda permaneça em um patamar baixo. Segundo dados apurados pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), o Indicador de Confiança do Consumidor (ICC) cresceu de 41,9 pontos em janeiro de 2017 para 43,6 pontos em janeiro de 2018, o que representa uma alta de 4% em um intervalo de um ano. Em dezembro, o índice estava em 40,9 pontos. A escala do indicador varia de zero a 100, sendo que quanto maior o número, mais otimista se encontra o consumidor.

Indicador de Confiança é composto por dois componentes: o Indicador de Condições Atuais, que afere o cenário momentâneo da economia e da própria vida financeira e o Indicador de Expectativas, que avalia o que os consumidores esperam para os próximos seis meses. …Leia na íntegra

Microfranquia de seguros busca franqueados para expandir negócios

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia | Data: 19 fev 2018

Tags:, ,

Da Redação

Cidades nordestinas estão no radar da rede devido o potencial de crescimento para novos investidores

O Nordeste brasileiro tem atraído, cada vez mais, novos investidores. Devido ao mercado saturado nos grandes centros do Sudeste, especialmente em cidades como São Paulo e Rio de Janeiro, que concentram 43,8% do Produto Interno Bruto (PIB), muitas redes de franquias tem focado seu projeto de expansão principalmente para capitais nordestinas, com atenção especial para Recife, Fortaleza e Salvador.

De acordo com a ABF (Associação Brasileira de Franchising), o Nordeste ocupa a terceira posição no ranking na participação das regiões no faturamento com 13,8%. Entre os estados com maior número de unidades franqueadas, destaque para Bahia (3,8%), Pernambuco (2,9%) e Ceará (2,3%).

Com isso, marcas com potencial têm surgido em outras regiões brasileiras, tornando-se uma alternativa para quem procura fugir dos grandes centros e busca investir em algo inédito.

Microfranquia online

 A Bidon Corretora de Seguros, rede de franquias da área de seguros e consórcios que entrou para o mercado de franquias em setembro de 2016 e já soma 130 franquias por todo o Brasil, planeja expansão em vários pontos do Nordeste, principalmente em cidades como Salvador, Recife e Fortaleza que ainda não possuem franqueados, porém se apresentam como ótima localização para implantação de uma unidade devido ao número de habitantes e mercado.

…Leia na íntegra

Preparativos para ExpoConquista 2018 estão a todo vapor

0

Publicado por Editor | Colocado em Cultura, Economia, Vit. da Conquista | Data: 16 fev 2018

Tags:, ,

Da Redação

 

Os preparativos para a Exposição Agropecuária e Industrial de Vitória da Conquista, ou ExpoConquista estão a todo vapor.

A 52ª edição do evento acontecerá entre os dias 13 e 18 de março. As duas últimas edições somadas alcançaram mais de R$ 200 milhões em negócios, este ano a feira de negócios terá um novo formato cheio de novidades.

O evento, é realizado no Parque de Exposições Teopompo de Almeida, e contará com diversas opções de comida,  novidades da indústria automotiva e do ramo imobiliário; com cursos e palestras técnicas e motivacionais; além de negócios e leilões nos stands comerciais e na feira montada especialmente para quem quer comprar, desde o produto artesanal da região, a produtos e equipamentos para incrementar a atividade rural ou mesmo a residência.

O evento também contará com shows que aconteceram nas sextas e nos sábados durante o período do evento.

 Receita Federal realiza pagamento do lote residual de restituição do Imposto de Renda

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 15 fev 2018

Tags:,


Da Redação

Nesta quinta-feira(15), a Receita Federal irá restituir mais de R$ 210 milhões para 102.361 contribuintes referentes ao Imposto de Renda de 2008 a 2017.  Os valores serão corrigidos pela Selic, a taxa básica de juros da economia , de acordo com a Agência Brasil,. A consulta ao lote residual foi aberta no último dia 8.

Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Segundo a Receita, a restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá requerê-la pela internet, mediante o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da Declaração do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita ou ligar para o Receitafone 146. Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Caso haja, o contribuinte poderá fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora. As consultas podem ser feitas pelo aplicativo da Receita Federal para tablets e smartphones.

Dívidas regularizadas crescem 4,42%, a primeira alta para os meses de dezembro desde 2014

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 10 fev 2018

Tags:, ,

da Redação

Fonte SPC BRASIL/CDL (Conteúdo)

Novo indicador lançado pelo Serviço de Proteção ao Crédito acompanha a evolução de consumidores que conseguem limpar o nome. Maior parte das dívidas recuperadas são com bancos. Natal e 13º salário influenciaram aumento das regularizações

O número de dívidas regularizadas, calculado a partir das exclusões dos registros de inadimplência, cresceu 4,42% no último mês de dezembro na comparação com o mesmo período de 2016. Trata-se da primeira alta do indicador para os meses de dezembro desde 2014, quando o crescimento fora de 12,11%. Os dados fazem parte do novo Indicador de Recuperação de Crédito lançado hoje pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), que permitirá acompanhar em todas as regiões, a evolução do número de consumidores brasileiros que deixam os cadastros de inadimplentes após pagamento da dívida pendente.

Os dados ainda revelam que na comparação mensal ― ou seja, em relação a novembro de 2017, sem ajuste sazonal ― o número de dívidas quitadas apresentou uma alta expressiva de 38% no mês de dezembro, influenciado, principalmente, pelas campanhas de recuperação de crédito e também pela injeção de capital extra na economia por meio do décimo terceiro salário e demais bonificações típicas do período. Nesse caso, em novembro de 2017 frente a outubro, o indicador também já havia apresentado uma alta elevada, de 11,98%, após três meses seguidos de retração.

“Com a proximidade das festas de fim de ano, muitos brasileiros costumam limpar o nome para voltar ao mercado de consumo, aproveitando o dinheiro extra do décimo terceiro e das bonificações. Além de refletir uma tendência sazonal, os números demonstram um cenário econômico pouco mais favorável para o consumidor, que aos poucos vem ganhando confiança para retomar sua capacidade de pagamento”, explica o presidente do SPC Brasil Roque Pellizzaro Junior.

45% das pendências regularizadas são com bancos
…Leia na íntegra

Consulta a lote residual de restituição do Imposto de Renda é liberada pela receita

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 09 fev 2018

Tags:, ,


Da Redação

Foi disponibilizado na manhã da ultima quinta-feira (08), a  consulta ao lote multiexercício de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF), contemplando o período de 2008 a 2017.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na internet (RF),  Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nessa hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

Está sendo disponibilizado pela receita, um aplicativo para tablets e smartphones, que facilita a consulta às declarações do IRPF e à situação cadastral no CPF. Com ele será possível consultar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre liberação das restituições do Imposto de Renda e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

 

70% dos brasileiros atrasaram alguma conta em 2017

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 08 fev 2018

Tags:, , ,

da Redação
Fonte: CNDL/CDL (Conteúdo)

Segundo pesquisa, 47% tiveram o nome negativado nos últimos 12 meses. 71% dos brasileiros têm noção equivocada sobre o que é estar endividado


Uma pesquisa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) revela que sete em cada dez brasileiros (70%) deixaram de pagar ou pagaram com atraso pelo menos uma conta em 2017. As contas mais comprometidas no ano passado foram: cartão de crédito (39%), plano de internet (28%) e plano de celular e/ou telefone fixo (26%).

De acordo com o levantamento, quase metade dos brasileiros (47%) estão ou tiveram nos últimos 12 meses o nome incluído em algum serviço de proteção ao crédito, sobretudo entre as classes C, D e E (50%).

Segundo o último índice de inadimplência divulgado pelo SPC Brasil e CNDL, cerca de 39% da população brasileira adulta está registrada em listas de inadimplência. Segundo o educador financeiro do SPC Brasil e do portal Meu Bolso Feliz, José Vignoli, o endividamento não deve impedir a pessoa de pagar todas as suas contas fixas, caso contrário, corre o risco de resultar em inadimplência. “Além disso, é recomendável poupar uma parte dos ganhos e deixar uma quantia para arcar com as despesas variáveis do mês. E sempre que o consumidor se vir obrigado a pagar juros, o certo é recorrer à reserva financeira ou fazer atividades extras para aumentar a renda e se livrar dessa situação o mais rápido possível”, orienta. …Leia na íntegra

Aposentados e idosos podem sacar R$ 17,5 bi do PIS/Pasep

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 07 fev 2018

Tags:, , ,

Clayton Castelani
do Agora

Os cofres do governo possuem R$ 17,5 bilhões à espera de 8,3 milhões de idosos e aposentados com direito a cotas do PIS/Pasep.

Podem ter acesso aos valores os trabalhadores que tiveram a carteira profissional assinada ou foram servidores públicos entre 1971 e 4 de outubro de 1988 e que ainda não retiraram todo o saldo.

Desde o último dia 24 de janeiro, o resgate dessa grana foi liberado para os cotistas com 60 anos de idade ou mais, homens e mulheres.

45% dos brasileiros não controlam as próprias finanças, mostra pesquisa sobre educação financeira

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 06 fev 2018

Tags:, ,

da Redação
Fonte: CNDL/CDL (Conteúdo)

31% dos consumidores são inseguros para lidar com dinheiro e 34% deixam de cuidar das finanças por indisciplina. Em vez juntar dinheiro e comprar à vista, 45% optam por parcelar. SPC Brasil lança aplicativo com dicas para melhorar gestão do orçamento

Planejar as despesas da casa, organizar o orçamento de acordo com a receita disponível e não exagerar nas compras impulsivas. O brasileiro até sabe o que precisa ser feito, mas nem sempre coloca a teoria em prática. Um estudo realizado em todas as capitais pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) revela que 45% dos brasileiros admitem não fazer um controle efetivo do próprio orçamento, percentual que sobe para 48% entre as pessoas das classes C/D/E e para 51% entre os homens. Entre os que fazem uma administração precária do orçamento, 21% confiam na própria memória para gerir os recursos financeiros.

Os que fazem um controle de fato do orçamento somam 55% dos consumidores, sendo o caderno de anotações (28%), a planilha em Excel (18%) e aplicativos no celular (9%) as práticas mais adotadas. Para a economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti, a disciplina é parte fundamental para uma vida financeira saudável. “Foco e esforço são essenciais para se alcançar uma vida financeira equilibrada. Não importa a ferramenta utilizada para anotar os gastos, importa que o método seja organizado. Algumas pessoas têm facilidade com planilhas ou aplicativos, outras preferem o velho caderninho de anotações. O importante é anotar e principalmente analisar os registros, de forma que o consumidor identifique onde há sobras e onde o orçamento deve ser ajustado”, aconselha a economista. …Leia na íntegra

MPE registra saldo positivo na geração de emprego em 2017

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 03 fev 2018

Tags:, ,

da Redação
Fonte: Agência Sebrae de Notícias Bahia/CDL (Conteúdo)

Os pequenos negócios revertem os saldos negativos registrados em 2015 e 2016 e sinalizam retomada do emprego no país

Depois de dois anos com saldos negativos, os pequenos negócios voltam a reagir com saldo positivo na geração de empregos em 2017. Os pequenos negócios acumularam um saldo de aproximadamente 330 mil novos empregos, nos últimos 12 meses, na contramão das médias e grandes empresas, que foram responsáveis pela extinção líquida de 350 mil postos de trabalho neste mesmo período. “Os números mostram que há uma sinalização real em reverter de vez os saldos negativos de 2015 e 2016. Isso demonstra a força e importância das micro e pequenas empresas na geração de empregos do país”, explica o presidente do Sebrae, Guilherme Afif Domingos.

O acumulado do ano aponta ainda que praticamente todos os setores obtiveram resultado positivo, com destaque para as MPE do setor de Serviços, com um saldo de 206,4 mil postos de trabalho formais gerados, seguidas dos negócios do Comércio, com 90 mil novos empregos. Os dados são do levantamento feito pelo Sebrae com base no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), fornecido pelo Ministério do Trabalho e Emprego. Apenas os setores da Construção Civil e da Extração Mineral registraram saldos negativos de 6,4 mil e de 2,1 mil, respectivamente. …Leia na íntegra

Dívidas regularizadas crescem 4,42%, a primeira alta para os meses de dezembro desde 2014

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia | Data: 02 fev 2018

Tags:, ,

da Redação
Fonte: CNDL/ CDL (Conteúdo)

Novo indicador lançado hoje pelo Serviço de Proteção ao Crédito acompanha a evolução de consumidores que conseguem limpar o nome. Maior parte das dívidas recuperadas são com bancos. Natal e 13º salário influenciaram aumento das regularizações

O número de dívidas regularizadas, calculado a partir das exclusões dos registros de inadimplência, cresceu 4,42% no último mês de dezembrona comparação com o mesmo período de 2016. Trata-se da primeira alta do indicador para os meses de dezembro desde 2014, quando o crescimento fora de 12,11%. Os dados fazem parte do novo Indicador de Recuperação de Crédito lançado hoje pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), que permitirá acompanhar em todas as regiões, a evolução do número de consumidores brasileiros que deixam os cadastros de inadimplentes após pagamento da dívida pendente.

aaa

 

Os dados ainda revelam que na comparação mensal ― ou seja, em relação a novembro de 2017, sem ajuste sazonal ― o número de dívidas quitadas apresentou uma alta expressiva de 38% no mês de dezembro, influenciado, principalmente, pelas campanhas de recuperação de crédito e também pela injeção de capital extra na economia por meio do décimo terceiro salário e demais bonificações típicas do período. Nesse caso, em novembro de 2017 frente a outubro, o indicador também já havia apresentado uma alta elevada, de 11,98%, após três meses seguidos de retração. …Leia na íntegra

OAB divulga lista de materiais que não podem ser exigidos por escolas

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia, Educação, Vit. da Conquista | Data: 01 fev 2018

Tags:, ,

da Redação
Fonte: Ascom/OAB

Início de cada ano letivo é um verdadeiro tormento para pais de alunos na hora de comprar o material escolar. Sempre de ano a ano – o custo sempre se eleva, tornando uma tarefa difícil, e as vezes quase impossível para muita gente.

A OAB – Subseção Vitória da Conquista divulgou uma relação de materiais que não podem ser exigidos por escolas nesta volta às aulas. A lista foi elaborada com base na Lei Federal nº 9.870/99.

No parágrafo 7º do Artigo 1° da Lei mencionada, “será nula cláusula contratual que obrigue o contratante ao pagamento adicional ou ao fornecimento de qualquer material escolar de uso coletivo dos estudantes ou da instituição, necessário à prestação dos serviços educacionais contratados, devendo os custos correspondentes ser sempre considerados nos cálculos do valor das anuidades ou das semestralidades escolares”.

Confira p que não pode ser exigido pelas escolas:

Sebrae orienta MEI sobre Declaração Anual e mudanças no Simples Nacional

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia, Vit. da Conquista | Data: 26 jan 2018

Tags:, ,

Da Redação

O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) está oferecendo oficinas para que os Microempreendedores Individuais (MEI) da Região Sudoeste sobre as principais mudanças que ocorreram para o MEI no ano de 2018. As atividades acontecem de segunda a quinta-feira, em dois turnos: Pela manhã, começando às 9 hioras e, à tarde, a partir das 14 horas.

A programação segue até o dia 31 de maio, quando termina o prazo para entrega da Declaração Anual de Faturamento do MEI. Logo após o término da oficina, o empreendedor é encaminhado ao atendimento da instituição para realizar a Declaração Anual de Faturamento do Simples Nacional (DASN – SIMEI), quando já irá receber os boletos de pagamento das mensalidades do ano de 2018.

Todo MEI tem a obrigação de realizar a Declaração Anual à Receita Federal, onde deve constar a receita anual bruta, incluindo todas as vendas feitas ao longo do ano anterior, e se houve contratação de funcionário no período. O MEI deve comparecer aos pontos de atendimento do Sebrae portando o número do Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) e a relação de faturamento do ano de 2017. O Sebrae em Vitória da Conquista fica na Rua Cel. Gugé, 131, Centro.

EMPREGO – Caged confirma melhora do mercado de trabalho em 2017

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 26 jan 2018

Tags:, ,

Ministério do Trabalho

O Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) de 2017 confirmou a melhora do mercado de trabalho formal brasileiro. Segundo números apresentados nesta sexta-feira (26) pelo Ministério do Trabalho, o resultado acumulado do ano – equivalente aos últimos 12 meses –, indicou o fechamento de 20.832 vagas, uma redução de apenas 0,05% em relação ao estoque de dezembro de 2016. “Para os padrões do Caged, esta redução em 2017 é equivalente à estabilidade do nível de emprego, confirmando os bons números do mercado na maioria dos meses do ano passado e apontando para um cenário otimista neste ano que está começando”, afirmou o ministro do Trabalho substituto, Helton Yomura.

O otimismo é justificado pela comparação do saldo acumulado de 2017 com o fechamento de 2016, que apresentou um saldo negativo de 1.326.558vagas, e de 2015, quando houve queda de 1.534.989 postos de trabalho no País, na série ajustada. “Aqueles foram os piores resultados da série histórica do Caged, mas em 2017 o impacto positivo das medidas do governo já foi sentido, revertendo a tendência de retração do mercado de trabalho formal”, disse Yomura.

De acordo com o Caged, em dezembro o estoque de emprego formal no Brasil teve retração – situação historicamente normal para o período –, com o fechamento de 328.539 postos de trabalho, uma queda de 0,85% em relação ao estoque do mês anterior. Foram 910.586 admissões e 1.239.125 desligamentos no mês. “O resultado de dezembro veio dentro das expectativas de mercado, que já esperava um saldo consolidado do ano próximo da estabilidade”, disse o coordenador de Estatísticas do Trabalho do MTb, Mário Magalhães.

…Leia na íntegra