Minotauro é convidado para a Dança dos Famosos e estuda participar do quadro

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Economia | Data: 21 fev 2012

Uol

Rodrigo Minotauro recebeu um convite para participar da próxima edição da Dança dos Famosos, quadro do programa Domingão do Faustão, da Rede Globo. A informação foi confirmada nesta terça-feira pela assessoria pessoal do lutador.

Ainda de acordo com a assessoria, Minotauro gostou da ideia de participar do quadro após receber o contato da produção do programa. No entanto, o lutador ainda não confirmou sua presença.

…Leia na íntegra

Consumo de energia em 2012 deve crescer na mesma proporção que o PIB

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Economia | Data: 20 fev 2012

Agência Brasil

O consumo de energia elétrica no país deve crescer 4,5% em 2012 em relação ao ano passado. É o mesmo percentual previsto pelo governo para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) este ano. Segundo o presidente da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Maurício Tolmasquim, em 2011 foram consumidos 422.902 gigawatts-hora e a previsão para este ano é de consumo de 442.012 gigawatts-hora.
Para as residências, o aumento do consumo foi estimado em 4,4%. Para o setor industrial, o crescimento deve ficar em 4,7%, enquanto o comércio deve consumir 5,1% a mais este ano. O crescimento do consumo em 2011 relativo a 2010 foi 3,6%. Tolmasquim participou hoje (15) da reunião do Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE).

Preço da gasolina não vai subir, diz Lobão

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Economia | Data: 11 fev 2012

Agência Estado

O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, disse ao Grupo Estado que a redução no lucro da Petrobras não aponta para o aumento no preço dos combustíveis, como já reivindicou, em várias ocasiões, o presidente da estatal, José Sergio Gabrielli, que deixa o cargo na próxima segunda-feira. “A presidente Dilma Rousseff prefere que não haja inflação a ter balanços fantásticos”, disse o ministro.

Lobão deu razão às queixas e reivindicações de Gabrielli, mas defendeu a posição do governo. “O presidente da República tem de defender o interesse nacional, e não o localizado, de uma empresa. Cada um, no seu papel”, disse.

…Leia na íntegra

Piso salarial dos comerciários conquistenses sobe para R$ 660,00

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia, Vit. da Conquista | Data: 02 fev 2012

Por Mateus Novais

O piso salarial dos trabalhadores no comércio de Vitória da Conquista passou a ser de R$660,00, desde o início de janeiro de 2012. É o que indica o acordo firmado em Convenção Coletiva de trabalho entre o Sindicato dos Comerciários e o Sindicato do Comércio Varejista e Atacadista do município.

De acordo com a convenção, o valor do salário para os trabalhadores que tenham acima de três meses de admissão na mesma empresa, passou de R$ 580,00 para R$ 660,00, um reajuste de 13,8%. Para os empregados que possuem um período de trabalho abaixo de três meses, o piso salarial subiu de R$ 548,00 para R$ 625,00, sendo reajustado em 14,06%. Já os trabalhadores que recebiam até o último dia do ano de 2011 salários acima dos pisos estipulados na cláusula anterior, será concedido um reajuste salarial de 7,5%.

Para obter maiores informações sobre o piso salarial dos comerciários conquistenses e outros assuntos referentes à categoria, basta acessar o site da entidade sindical (www.comerciarioconquista.com.br) e consultar a Convenção Coletiva de Trabalho. Informações da ASCOM SECVC.

Infraero cria lanchonete popular para tentar reduzir preços em aeroportos

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia | Data: 01 fev 2012

Os preços exorbitantes do cafezinho, do pão de queijo ou dos lanches em geral nos aeroportos vão ficar mais em conta. A Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) vai licitar espaços para lanchonetes populares em 12 aeroportos da Copa de 2014.

A primeira será no terminal de Curitiba e deve ficar pronta até maio. O edital estava previsto para ser publicado hoje no Diário Oficial da União.A Infraero escolheu 15 itens (veja no fim do texto) e fixou um preço máximo que poderá ser cobrado. Um salgado de 80 a 100 gramas não vai poder custar mais de R$ 3,30, por exemplo.

Atualmente, em aeroportos como o de Congonhas, em São Paulo, um croissant custa R$ 10,50 em pelo menos duas lanchonetes diferentes. Além de serem poucas, as lanchonetes nos aeroportos praticam preços similares. Informações do Estadão.

Burocracia atrapalha economia e desenvolvimento da livre iniciativa

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Brasil, Economia | Data: 31 jan 2012

Tribuna da Bahia

O excesso de burocracia tem se tornado um entrave ao desenvolvimento econômico nacional. Para se ter uma ideia, o Banco Mundial realiza anualmente um levantamento classificando os países quanto à facilidade na realização de negócios. O agravante é perceber que o Brasil – que tem atraído nos últimos anos grande interesse mundial por força da vitalidade econômica – ocupa a desencorajadora posição número 126.

Ele perde para países que integram o BRICS como a África do Sul, que está na 35ª posição, Rússia, que aparece na 120ª colocação e China, na 91ª. Só está melhor cotado quando comparado com a Índia que está mais atrás, na posição 132.
Se voltarmos às comparações, à América Latina, nossos vizinhos “hermanos” levam larga vantagem na atração de investimentos: o Chile, por exemplo, está na 39ª posição da pesquisa do Banco Mundial. Peru e Colômbia, nas 41ª e 42ª, respectivamente, ao passo que o Paraguai na 102ª posição, a Argentina na 113ª e o Uruguai na 90ª colocação.

…Leia na íntegra

Governo federal arrecada R$ 993 bilhões em impostos em 2011

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Brasil, Economia | Data: 27 jan 2012

Folha

A arrecadação de tributos federais cresceu 10,10% no ano passado, já descontada a inflação do período. Dados divulgados nesta sexta-feira (27) pela Receita Federal mostram que o total recolhido em 2011 chega a R$ 993,66 bilhões.

Os impostos ligados ao lucro das empresas cresceram significativamente, como a CSLL (Constribuição Social sobre o Lucro Líquido), cujo recolhimento saltou 18,83% em 2011, chegando a R$ 59,7 bilhões.

…Leia na íntegra

INSS envia carta para quem pode requerer benefício em fevereiro

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia | Data: 26 jan 2012

O INSS já está enviando as cartas-aviso aos segurados urbanos que completam as condições para se aposentar por idade em fevereiro. A correspondência avisa ao cidadão que ele pode requerer o benefício a partir da data do seu aniversário. Quem não receber a carta e tiver as condições para se aposentar por idade, deve providenciar a atualização do seu cadastro. Para isso, deve agendar atendimento pela central 135.

Itapetinga foi onde mais se demitiu em 2011 no Brasil, segundo Ministério do Trabalho

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia | Data: 25 jan 2012

G1

Funcionários demitidos da Vulcabrás/Azaléia lotaram agência da CEF em Itapetinga, para dar entrada no seguro-desemprego

Itapetinga foi a cidade brasileira que mais demitiu em 2011, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho. A cidade baiana, localizada a 562 km de Salvador, apresentou perda de 2749 vagas formais no ano passado.

O secretário de finanças de Itapetinga, Zenóbio Cerqueira, indica o fechamento de fábricas da Azaleia como o motivo para o título. Segundo dados fornecidos por Flávia Santana, técnica do Observatório do Trabalho da Bahia e economista do Dieese, das 2749 vagas de trabalho fechadas no município de Itapetinga em 2011, 98,8% foram do setor de indústria da transformação (2717), que inclui a indústria calçadista, ramo que inclui a Azaleia.

Tarifa de ligação fixo para celular deve cair 10%

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia | Data: 25 jan 2012

Por Mateus Novais

O Conselho Diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) homologou a resolução que reduz a tarifa de chamadas realizadas de fixo para celular, a chamada VC.

Segundo o comunicado da agência divulgado na noite de terça-feira (24), as novas regras devem representar redução líquida de aproximadamente 10% sobre os valores pagos pelos usuários já no mês de fevereiro.

A tarifa que hoje é de R$ 0,54 por minuto deve cair de maneira gradativa até chegar a R$ 0,425 em 2014, gerando uma redução total de 45%. O reajuste da tarifa que seria feito nos próximos anos já foi considerado nesse cálculo da Anatel, se for mantida a regra atual.

A medida vale apenas para chamadas feitas a partir de telefones fixos para celulares.

INSS inicia hoje pagamento da folha de janeiro

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia | Data: 25 jan 2012

Por Mateus Novais

O INSS deposita nesta quarta-feira (25) o pagamento dos segurados que recebem até um salário mínimo e possuem o cartão com final um, sem considerar o dígito.

Os segurados que recebem acima do salário mínimo terão seus benefícios depositados a partir do dia 1° de fevereiro. Dúvida relacionada às datas do pagamento pode ser esclarecida por meio da central de atendimento, no telefone 135.

Conta de energia cairá até R$ 600 por ano para famílias brasileiras, diz Inmetro

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia | Data: 24 jan 2012

Correio

Uma revisão nas regras de classificação de eletrodomésticos feita pelo Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro) provocará uma economia de até R$ 600 por ano na conta de energia das famílias brasileiras.

Segundo o instituto, somente a troca de lâmpadas incandescentes por fluorescentes poderá gerar uma economia anual de R$ 240. Com as medidas, o Inmetro estima que será possível obter maior eficiência energética dos produtos.

A partir de fevereiro, fabricantes, importadores e lojistas não poderão mais comercializar eletrodomésticos que não atendam aos requisitos da avaliação da conformidade (RAC), determinados pelo Inmetro. Entre os itens que serão fiscalizados estão ferros de passar roupa, torradeiras, sanduicheiras e fornos elétricos, que deverão atender a critérios técnicos de eletricidade como resistência e voltagem.

As multas em caso de descumprimento das novas regras podem chegar a R$ 1 milhão.

Custo de vida do Brasil supera o dos EUA

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Brasil, Economia | Data: 15 jan 2012

Agência Estado

O custo de vida do Brasil superou o dos Estados Unidos em 2011, quando medido em dólares, segundo dados do Fundo Monetário Internacional (FMI) sobre o PIB dos 187 países-membros. Este fato é extremamente anormal para um país emergente. Em uma lista do FMI de 150 países em desenvolvimento, o Brasil é praticamente o único cujo custo de vida supera o americano em 2011, o que significa dizer que é o mais caro em dólares de todo o mundo emergente.

Na verdade, há outros quatro casos semelhantes, mas referentes a São Vicente e Granadinas, um arquipélago minúsculo; Zimbábue, país cheio de distorções, onde a hiperinflação acabou com a moeda nacional; e Emirados Árabes Unidos e Kuwait, de população muito pequena, gigantesca produção de petróleo e renda per capita de país rico.

…Leia na íntegra

Vitória da Conquista tem a 6ª maior economia do estado

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia, Vit. da Conquista | Data: 13 jan 2012

Prefeitura reconhece importância da iniciativa privada

Por Rodrigo Ferraz
Foto: Emanuel Moraes

Em seu site oficial, a prefeitura de Vitória da Conquista divulgou que a capital do Sudoeste tem a 6ª maior economia do estado da Bahia, com participação de 2,29% no PIB (Produto Interno Bruto) do Estado.

Os dados foram divulgados pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia/SEI e apontam que as riquezas produzidas em solo conquistense geraram R$ 3.142,68 milhões, contra R$ 2.650,25 milhões gerados no ano anterior.  O valor do PIB per capita registrado no município foi de R$ 9.854,71. Em 10 anos, no período de 1999 a 2009, o PIB de Vitória da Conquista apresentou um crescimento superior a 340%.

A frente de Conquista só estão Salvador, Camaçari, São Francisco do Conde, Feira de Santana e Candeias. Ainda no site oficial, a prefeitura da maior cidade do Sudoeste destaca a importância da iniciativa privada para que a cidade pudesse alcançar esses índices.

Renda fixa e poupança superam inflação em 2011

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Economia | Data: 01 jan 2012

Agência Brasil

O ano que se encerra foi rentável principalmente para quem apostou nas aplicações mais tradicionais, como a renda fixa, os títulos bancários (CDBs) e a caderneta de poupança. Todas estas aplicações superaram a inflação medida pelo IGP-M, que encerrou 2011 em 5,10%.

As opções de aplicação que integram a renda fixa (fundos de renda fixa e DI, CDB e poupança) tiveram bons resultados no fechamento do ano. Os fundos de renda fixa ganharam 9,59%; os fundos DI, 9,18%; os CDBs com aplicação superior a R$ 100 mil renderam 9,08%; a caderneta de poupança, 7,45%. Os CDBs com aplicação de até R$ 5 mil deram retorno de 7,03%; e os fundos DI de pequenos investidores, 7,34%.

…Leia na íntegra

Renda fixa e poupança superam inflação em 2011

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Brasil, Economia | Data: 31 dez 2011

Tribuna da Bahia

O ano que se encerra foi rentável principalmente para quem apostou nas aplicações mais tradicionais, como a renda fixa, os títulos bancários (CDBs) e a caderneta de poupança. Todas estas aplicações superaram a inflação medida pelo IGP-M, que encerrou 2011 em 5,10%.

As opções de aplicação que integram a renda fixa (fundos de renda fixa e DI, CDB e poupança) tiveram bons resultados no fechamento do ano. Os fundos de renda fixa ganharam 9,59%; os fundos DI, 9,18%; os CDBs com aplicação superior a R$ 100 mil renderam 9,08%; a caderneta de poupança, 7,45%. Os CDBs com aplicação de até R$ 5 mil deram retorno de 7,03%; e os fundos DI de pequenos investidores, 7,34%.

…Leia na íntegra

Diretora do FMI alerta que economia global está em perigo

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Economia | Data: 25 dez 2011

Agência Reuters

A diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde, afirmou que a economia mundial está em perigo e pediu a união dos europeus diante da crise da dívida que tem ameaçado o sistema financeiro global.

Na Nigéria, na semana passada, a diretora do FMI disse que a previsão do Fundo de 4 por cento de crescimento mundial em 2012 poderia ser revista para baixo, mas não deu nenhum novo número.

“A economia mundial está numa situação perigosa”, afirmou ela a um jornal francês, em entrevista publicada neste domingo.

…Leia na íntegra

Dilma fixa salário mínimo em R$ 622 e poupa R$ 900 milhões

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Brasil, Economia | Data: 24 dez 2011

Folha

Ao não elevar o valor do salário mínimo para R$ 625, o governo economizará cerca de R$ 900 milhões no próximo ano, um valor modesto em um Orçamento de mais de R$ 940 bilhões.

A presidente Dilma Rousseff assinou ontem o decreto que prevê salário mínimo de R$ 622 a partir de janeiro de 2012. A decisão deve ser publicada no “Diário Oficial da União” no início da próxima semana.

…Leia na íntegra

Salário mínimo será de R$ 622 em janeiro

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia | Data: 23 dez 2011

Do Estadão

A presidente Dilma Rousseff assinou nesta sexta-feira (23) o decreto que prevê salário mínimo de R$ 622 a partir de janeiro de 2012. A decisão deve ser publicada no “Diário Oficial da União” no início da próxima semana.

Desde o segundo mandato do presidente Lula, os reajustes anuais do mínimo têm seguido uma fórmula que combina o INPC acumulado desde o aumento anterior e o crescimento da economia do ano retrasado.

Pela legislação em vigor, o arredondamento dos valores deve ser sempre para cima. Por conta disso, havia a expectativa de que o valor pudesse ser de R$ 625.

…Leia na íntegra

Bancos ficam mais rigorosos com financiamento

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Brasil, Economia | Data: 18 dez 2011

O Estado de São Paulo

A escalada da inadimplência e o agravamento da crise internacional deixaram os bancos mais rigorosos na concessão de crédito neste Natal. Dinheiro tem, mas apenas para aqueles que representam menor risco para as instituições financeiras. O problema é que há uma demanda forte vinda de consumidores classificados como problemáticos.

“Será um Natal mais pobre, mais comedido”, diz o economista da Associação Nacional das Instituições de Crédito, Financiamento e Investimento (Acrefi), Nicolas Tingas. Ele conta que a inadimplência começou a incomodar os bancos entre abril e maio. Primeiro imaginou-se que seria uma alta pontual, que se acomodaria ao longo dos meses. Mas isso não ocorreu e os indicadores continuaram a subir. A solução foi fechar o cofre com regras mais criteriosas para a concessão de crédito.

…Leia na íntegra