Prefeitura realiza manutenção de áreas verdes na Urbis I

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 07 maio 2018

Tags:, ,

                                         

da Redação
Fonte: Secom/Prefeitura (Conteúdo)

Praça Gesner Chagas recebe ações de manutenção das áreas verdes

Os mais de 50 anos como moradora da Urbis I fazem com que dona Alzira Bonfim, 94 anos, tenha um grande carinho pela praça Gesner Chagas. Nesta sexta-feira (04), a moradora observava da fachada de sua casa funcionários da Secretaria de Meio Ambiente realizarem uma ação de manutenção nas áreas verdes da praça.

“Fico feliz ao ver a Prefeitura cuidando da nossa praça. Lembro de todas as vezes em que eu trouxe os meus filhos para passearem por aqui. São lembranças que ficarão para sempre”, afirma a senhora de 94 anos.

Alzira Bonfim, 94 anos: “Fico feliz ao ver a Prefeitura cuidando da nossa praça”.

Para garantir melhor qualidade aos espaços públicos, a Prefeitura está realizando a roçagem, poda e manutenção das áreas verdes da Urbis I e da Avenida Rosa Cruz. “É uma ação importante, já que estamos cuidando de espaços que são destinados ao lazer e ao bem-estar da comunidade”, afirma a Coordenadora Geral do Meio Ambiente, Ana Cláudia Passos.

Carlos Antônio Nogueira também é morador do bairro e sempre passeia pela Gesner Chagas com o seu cachorro. O funcionário público considera importante a ação da Secretaria de Meio Ambiente, mas acrescenta também a necessidade de conscientização por parte dos moradores.

Carlos Antônio, 51 anos: “Nossa praça está linda graças ao trabalho da Prefeitura”.

“Hoje nossa praça está linda graças ao trabalho da equipe da Prefeitura. O problema é que ainda existem muitos moradores que não fazem questão de preservar o espaço e insistem em jogar lixo no chão”, afirma. Para Carlos, a conscientização ajudaria na preservação do local.

 

Atitude: secretário Ivan Cordeiro comanda mutirão de limpeza na Feirinha do Bairro Brasil

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 05 fev 2018

Tags:, , ,

da Redação

Após a desordem e vandalismo praticados na Feirinha do Bairro Brasil – com lixo deliberadamente espalhado, numa tentativa de enfraquecer o Governo Municipal sobre a correta medida da Prefeitura em abolir da folha as horas extras, o secretário Ivan Cordeiro (Serviços Públicos), iniciou desde às 6 horas da manhã, um grande mutirão de limpeza na Feirinha.

Segundo informações, o secretário montará esquema de vigilância para evitar que as feiras sejam vandalizadas. Escala será elaborada já a partir de hoje.

Terceirização

A Prefeitura avança com as terceirizações em vários setores da administração municipal. Toda Prefeitura está sendo informatizada, e o GEP – Gestão Eletrônica de Processos tornará a administração mais moderna e menos burocrática.

O prédio histórico da Prefeitura, que fica localizado na Praça Joaquim Correia, e várias secretarias serão monitoradas eletronicamente. Homens da Segurança Patrimonial serão liberados paulatinamente para formação da Guarda Municipal que será implantada em Conquista.

A população vem comentando que a cidade de Vitória da Conquista, com a atual administração, tornou-se uma cidade mais limpa e bem mais iluminada.

 

Plano Municipal de Saneamento é objeto de estudo em Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 03 fev 2018

Tags:, , ,

da Redação
Fonte: Ascom/Prefeitura (Conteúdo)

Durante a manhã desta sexta-feira (2), o prefeito Herzem Gusmão e representantes de diversas secretarias municipais se reuniram com o professor Fernando Marcatto, da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), instituição vinculada à Universidade de São Paulo (USP). O encontro foi para apresentação do diagnóstico preliminar relativo à situação dos serviços de saneamento básico do município.

As primeiras conclusões foram apresentadas por Marcatto, que também ouviu os representantes da Prefeitura para colher diretrizes adicionais que complementarão o trabalho em andamento.

A pesquisa busca compreender a real situação da prestação desses serviços no município e teve início no final do ano passado, com um estudo da Fipe na cidade. Com a finalização desse diagnóstico, será possível dar início ao processo de elaboração do Plano Municipal de Saneamento, que norteará as ações do município para essa área pelos próximos 30 anos.

Segundo Marcatto, esse processo facilitará a identificação dos pontos necessários para melhorar a qualidade dos serviços, solucionando questões como o tratamento de esgoto e dando um fim ao racionamento de água na cidade. “Com o Plano Municipal, você consegue entender o quanto de investimento vai ser necessário nos próximos 30 anos. Todos esses problemas que a população vive podem ser solucionados com o Plano”, explicou o professor.

O diagnóstico final deve ser entregue nas próximas semanas à Prefeitura, que, em seguida, dará início à elaboração do Plano Municipal de Saneamento. “A Fipe está trazendo uma contribuição enorme. Esse estudo irá contribuir e muito para a melhoria do sistema de saneamento que temos e para que estejamos preparado para os próximos anos”, declarou José Antônio Vieira, secretário de Infraestrutura Urbana.

Desobediência de invasores da Serra do Periperi será punida pela Justiça

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 26 jan 2018

Tags:, ,

da Redação

A Prefeitura de Vitória da Conquista continua firme no propósito de preservar a Serra do Periperi. Na tarde desta quinta-feira (25), o prefeito Herzem Gusmão (MDB) e os secretários Murilo Mármore (PGM) e Luzia Vieira (Meio Ambiente) foram recebidos pelo juiz Frederico  da 1ª Vara da Fazenda Pública.

No encontro, o juiz assegurou que as pessoas em desobediência com as determinações da Justiça poderão ser presas. No local da invasão na Serra do Periperi, nas imediações do bairro Nova Cidade, o oficial de justiça constatou a existência de novos barracos no local. Confira abaixo:

O Parque Municipal da Serra do Periperi, protegido pelas leis Federal nº 9.605/1998 e Municipal nº 1.410/2007, é o maior bem ambiental, histórico e cultural do município. As leis estabelecem expressamente que é proibida a habitação em toda a sua extensão. Assim, a ocupação é irregular e prejudicava a área preservada, além de desequilibrar o meio ambiente de um patrimônio natural.

 

Tráfico mata milhares de animais a cada ano no Brasil

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Brasil, Educação, Meio Ambiente | Data: 24 jan 2018

Tags:, ,

crmvba.org.br / Foto google imagens

Entre 2016 e 2017, mais de 18 mil animais silvestres provenientes de tráfico de todas as regiões do Brasil foram resgatados pela PRF. A atividade é uma das mais rentáveis do mundo do crime e a terceira modalidade de tráfico mais volumosa.

Além de assassinar animais, o tráfico prejudica todo o meio ambiente, colocando espécies animais e vegetais (quando retira os propagadores de sementes da área, por exemplo) em risco de vida.
FPIs

Na Bahia, o Ministério Público do Estado tem um programa voltado para a proteção do meio ambiente, a FPI, Fiscalização Preventiva Integrada. Diversas equipes se unem para coibir, investigar ou prevenir ações predatórias contra as populações humanas, o solo, a flora e a fauna. O CRMV/BA, Conselho Regional de Medicina Veterinária da Bahia, sempre participa da equipe fauna, grupo que em todas as edições, faz a soltura de centenas de animais na natureza.

Aves são preparadas para retornar a natureza pelo Cetas

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 19 jan 2018

Tags:, ,


Da Redação

Até o fim de janeiro, a equipe do técnica do Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas) pretende devolver seis casais de araras ao seu habitat natural. As araras começaram a chegar ao Cetas há pouco mais de dois anos.

Segundo o Centro, a maioria foi vítima de tráfico ou criação ilegal. As aves chegaram a Vitória da Conquista depois de serem apreendidas por órgãos ambientais ou de segurança. Debilitadas ao chegarem, elas tiveram sua espécie identificada e foram avaliadas clinicamente. As que estavam em situação mais grave, passaram por tratamento.

O processo de soltura envolve uma série de etapas. Elas já estão em fase de preparação para serem devolvidas à vida selvagem. As araras da espécie “Canindé” que se encontram lá dentro já tem previsão para serem devolvidas a natureza.

Chuvas provam necessidade de preservação da vegetação da Serra do Periperi

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 12 jan 2018

Tags:, ,

da Redação
Vídeo: Secom/Prefeitura

O ano de 2018 começou com uma chuva inesperada de quase 100 mm em apenas 1h30 minutos.  Uma chuva de 20 mm com duração de apenas 1 hora, segundo Climatempo,  já pode ser considerada forte.

As chuvas levaram a Prefeitura de Vitória da Conquista decretar Estado de Emergência. A macrodrenagem que envolve custo altíssimo tem sido alvo do governo municipal, e com o decreto facilitar a atração de recursos em Brasília.

Serra do Periperi

A pouca vegetação que restou na Serra do Periperi precisa ser preservada, e é isso que a Prefeitura vem tentando implementar ainda com incompreensões e exploração política partidária irresponsável.

A Secretaria do Meio Ambiente, sob o comando da agrônoma Luzia Vieira, iniciou plantio em áreas devastadas com o envolvimento de crianças e jovens estudantes de várias idades.

A meta é continuar com o trabalho de desocupação e estímulo e campanhas em defesa do meio ambiente. Salve a Serra é um lema que precisa ser estimulado.

Despoluição do Rio Verruga e Lagoa das Bateias terá parceria Prefeitura x Embasa

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 10 jan 2018

Tags:, , , ,

da Redação

Na reunião que ocorreu na manhã desta terça-feira (9), com o prefeito Herzem Gusmão (MDB), e a Embasa representada pelo seu presidente, Rogério Cedraz, que estava acompanhado  do diretor de operação do interior, José Ubiratan Matos,  Kelly Galvão,  coordenadora regional.  e o gerente local, Álvaro Aguiar – foi dado o ponta pé inicial para a parceria que será firmada entre os órgãos em defesa da despoluição do Rio Verruga.

Outra preocupação da administração municipal será o trabalho de despoluição da Lagoa das Bateias, que vem recebendo descargas de esgotos da Urbis IV e do bairro Santa Cruz. A Embasa se comprometeu em atuar para evitar os danos ambientais.

Parceria

A Prefeitura sugeriu a parceria para regularizar ligações irregulares de esgoto no município, em toda extensão do leito do Rio Verruga, e também na fiscalização rigorosa para evitar emissão de esgoto na Lagoa das Bateias.

Caberá a Prefeitura, que tem o poder de polícia, notificar e abrir prazo para  que comerciantes e moradores interrompam  a pratica de crimes ambientais – nunca combatidos em Vitória da Conquista, em defesa do Rio Verruga e da Lagoa das Bateias.

 

 

Ponto de coleta seletiva de lixo será desativado no Lomantão

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 03 jan 2018

Tags:, ,

da Redação

O ex-vice presidente da CBF (Nordeste), e vice-presidente da FBF,  Marcos Ferreira, que assumiu o Gabinete Civil na atual administração na Prefeitura de Vitória da Conquista iniciou os trabalhos de preparação do Lomantão para os jogos oficiais do Campeonato Baiano de 2018.

Uma das primeiras providências foi o tratamento contra um fugo que estava devorando o gramado do estádio –  que atente as competições de futebol do E.C Vitória da Conquista.

Lixo

A Prefeitura Municipal em administrações passadas  implantou na cidade o PEV – Pontos de Entrega Voluntária de Lixo.  No Lomantão funciona do lado do portão de entrada de veículos. Em que pese a importância da coleta seletiva o aspecto para quem tem acesso ao estádio não condiz com a beleza natural do estádio municipal de futebol.

A Secretaria de Serviços Públicos já foi acionada e providenciará imediatamente a transferência do PV para outro local. A população do entorno tomará conhecimento da mudança.

Diagnóstico decidirá futuro da Embasa em Vitória da Conquista, revelou Herzem

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 27 dez 2017

Tags:, ,

da Redação
Foto: Blog do Marcelo

“A empresa ao longo dos últimos 20 anos tratou muito mal a cidade. Precisa melhorar! A cidade não suporta mais racionamentos de água, e mais promessas de construção da barragem do Rio Catolé”

Na entrevista coletiva concedida a imprensa de Vitória da Conquista, no dia 20 de dezembro – o prefeito Herzem Gusmão (MDB) revelou que a Prefeitura de Vitória  da Conquista contratou a GO Associados, considerada a melhor do Brasil, para elaborar um diagnóstico da atuação da Embasa –  Empresa Baiana de Saneamento com objetivo de avaliar a atuação do órgão na cidade.

Contrato

O prefeito não descartou a possibilidade de renovar o contrato com a Embasa, mas também informou que se o estudo apontar para outro caminho seguirá orientação do estudo. Romper ou não o contrato será uma decisão responsável tendo como balizamento dados que serão levantados pela GO Associados.

“A empresa ao longo dos últimos 20 anos tratou muito mal a cidade. Precisa melhorar! A cidade não suporta mais racionamentos de água, e mais promessas de construção da barragem do Rio Catolé”, disse Gusmão ao blog.

Plano Municipal de Saneamento Básico

Em todas as suas entrevistas o prefeito Herzem Gusmão insiste em lamentar o fato da cidade não possuir sequer um Plano Municipal de Saneamento – que norterará qual a viabilidade técnica/econômica que possa atender as necessidades do município em relação aos serviços de abastecimento água e de esgotamento sanitário.

 

 

Cerca de mil mudas nativas são plantadas na Serra do Periperi

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente | Data: 22 dez 2017

Tags:, ,

Da Redação


Cerca de mil mudas de plantas nativas foram plantadas na Serra do Periperi nessa quinta (21). A ação, coordenada pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente, na região do “Casulo” (Povoado de Batalha), contou com a participação de 180 estudante das escolas municipais Pedro Francisco de Moraes e Milton Santos e do Centro Educacional Paulo Freire.

O plantio faz parta de uma parceria ente as Secretarias de Meio Ambiente e Educação, com o intuito de despertar a conscientização dos alunos para a preservação da Serra do Periperi.

A área que recebeu o plantio foi uma das três da serra que havia sido invadidas. Com a plantação, espera-se recuperar a vegetação do local.

Tribunal de Justiça mantém reintegração de posse na Serra do Piripiri no Nova Cidade

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 14 dez 2017

Tags:, ,

da Redação

Saiu decisão e já publicada  do TJ/BATribunal de Justiça do Estado da Bahia  que mantém a desocupação de áreas de preservação ambiental na Serra do Piripiri.

A decisão reforça a posição da Prefeitura em promover a desocupação de toas as áreas que foram ocupadas na Serra do Periperi ampara por Lei Federal de nº 9.605/1998 e Lei Municipal nº 1.410/2007.

As decisões judiciais em 1ª e 2ª instância determinam a reintegração e a manutenção de posse para o Município de Vitória da Conquista de três áreas que integram o Parque Municipal da Serra do Periperi: Parque Nova Cidade, “Casulo” (Povoado de Batalha) e Cidade Maravilhosa.

OAB/Defensoria Pública

A  OAB – Ordem dos Advogados do Brasil,  e a Defensoria Pública vão promover nesta 5ª feira (14), audiência pública para discutir a situação da Ocupação do Nova Cidade, que fica localizada no bairro Nova Cidade.

A Prefeitura entendeu ser desnecessária a audiência pública e não participará do evento. A OAB e Defensoria Pública devem agora tentar reverter a decisão no TJ/BA. Dr. Murilo Mármore, procurador geral e o Dr. Ronaldo Soares foram a OAB  e prestaram esclarecimentos ao presidente Ubirajara Ávila.

Caberá a Prefeitura o dever de preservar a pouca vegetação que restou da Serra do Periperi. Os estragos das últimas chuvas mostram a necessidade da manutenção das áreas de preservação ambiental na cidade.

Antes da operação a Prefeitura através da Secretaria do Desenvolvimento Social buscou identificar as famílias em situação de vulnerabilidade que foram atendidas pelo Cras.

Natal das Luzes: ornamentação que respeita o meio ambiente

0

Publicado por Editor | Colocado em Cultura, Meio Ambiente | Data: 13 dez 2017

Tags:, ,

Da Redação / Foto: pmvc

Ontem foi inaugurada a iluminação da Praça Tancredo Neves e em entrevista à Resenha Geral, a Secretária de Cultura Cristina Rocha, falou um pouco sobre a programação e organização da festa. Relatou que o tipo de ornamentação escolhida este ano foi considerando as condições das árvores da praça, onde muitas foram machucadas com pregos e barras de ferro atravessando ao longo dos anos e por esse motivo algumas árvores não foram ornamentadas.

A secretária ainda falou um pouco sobre a programação da festa. Decidiu não utilizar o espaço Glauber Rocha devido à grande aglomeração de pessoas, preferindo dividir a programação entre três praças, Nove de Novembro, Tancredo Neves e na Mármore Neto.

Serão 50 atrações com artistas locais em apresentações simultâneas. Os ambulantes e a feira de artesanato ficarão nas ruas laterais até a Praça Barão do Rio Branco, onde o sorteio já foi realizado e as apresentações serão em frente a Catedral, devido à proteção ambiental da Praça Tancredo Neves.

A Praça Mármore Neto além de ganhar a decoração e vinte shows em sua programação neste natal, será contemplada com alguns ajustes e será futuro palco de eventos e saraus. Ouça entrevista na íntegra.

 

 

Ação demoliu 50 casas e 6 barracos no bairro Nova Cidade

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 05 dez 2017

da Redação

A Polícia Militar, sob o comando do Major Leite da 77ª – Companhia Independente da Polícia Militar, cumprindo determinação da Justiça promoveu de maneira eficiente a desocupação de grande área invadida no bairro Nova Cidade. A área de preservação ambiental integra a Serra do Periperi.

Coube ao secretário José Antonio (Infraestrutura) – a estratégia de demolição com imediata coleta de todo material empregado nas construções de casas e barracos. Vários homens e máquinas foram utilizados na mega operação.

Restauração

A Secretaria do Meio Ambiente preparou uma ação de restauração da vegetação que foi destruída pelos invasores. A secretária da pasta, Luzia Vieira, contará com a participação de estudantes da rede municipal para o plantio de várias espécies de árvores na Serra do Periperi. A ação deverá acontecer no dia 12 de dezembro.

Ação Social

Antes da desocupação, a Secretaria de Desenvolvimento Social promoveu levantamento, e não encontrou ninguém no perfil para receber o aluguel social. A maioria do invasores já tinha vendido os terrenos ocupados segundo levantamento da Prefeitura.

As famílias de baixa renda estão sendo acompanhadas por uma equipe da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social. “A nossa responsabilidade é garantir proteção social a essas pessoas. Desde o primeiro instante, a Secretaria tomou todas as providências, de modo a analisar o perfil das famílias, fazer o encaminhamento para o setor de habitação e de resguardar os direitos delas”, explicou o diretor de Assistência Social, Michael Farias.

Os invasores roram alertados também que a Coelba e Embasa não prestariam o fornecimento de energia e água respectivamente por determinação da Justiça. Investir em área de preservação ambiental é correr um risco desnecessário.

Fiscalização

A Prefeitura cumpre a nobre missão de manter o pouco que restou da vegetação da Serra do Periperi. “O nosso governo não irá recuar, e uma permanente vigilância será exercida para evitar ocupações irregulares na Serra do Periperi. É o nosso dever e vamos cumprir”, disse  o prefeito Herzem Gusmão (PMDB).

 

Programa ‘Adote uma Praça’ é sucesso na cidade; quinze novas empresas acabam de aderir

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 02 dez 2017

Tags:, ,

da Redação
Fonte: Ascom/Prefeitura (Conteúdo)

Já são 18 os logradouros públicos que estão sob os cuidados da iniciativa privada

Quinze novas empresas aderiram formalmente ao programa municipal Adote uma Praça. Com isso, agora são 18 os logradouros públicos espalhados pela cidade que estão temporariamente sob os cuidados da iniciativa privada. Os termos de adoção foram assinados nesta quinta-feira, 30, por representantes da Prefeitura de Vitória da Conquista e das instituições participantes da iniciativa.

Instituído pela Lei Municipal nº 1649/09, o programa Adote uma Praça tem como objetivos conservar e embelezar espaços públicos, através de parceria entre o Poder Público e a iniciativa privada, mediante a permissão de uso de bem público.

Antes de assinarem seus respectivos termos de adoção e oficializarem a parceria, as empresas interessadas protocolaram a documentação necessária junto à Secretaria Municipal de Meio Ambiente.

“A Prefeitura está sendo procurada por empresários, educadores, segmentos do comércio, da indústria, do agronegócio, e as pessoas querem adotar praças, avenidas, logradouros para embelezar a cidade”, afirmou o prefeito Herzem Gusmão. Segundo o gestor, neste momento, o governo municipal sinaliza para “uma cidade mais verde, mais agradável, menos árida e de acessibilidade”.

A secretária municipal de Meio Ambiente, Luzia Vieira, falou em “acolhimento” ao se referir ao programa. “Essa parceria em praças e avenidas vai nos tornar mais próximos para que possamos trazer aos visitantes e aos moradores de nossa cidade um ambiente mais agradável e acolhedor”, declarou.

‘Sonho realizado’ – Esse tipo de sentimento foi mencionado pelo empresário Sandro Jardim. Ele adotou um trecho com 44 metros de extensão, no canteiro central da Avenida Juracy Magalhães – bem em frente à loja Vaso, da qual é proprietário. Ali, ele colocou 16 vasos de cerâmica – cada um com uma palmeira da espécie Fênix. Além disso, ornamentou o local com grama e 4 bancos feitos de eucalipto.

A novidade é vista e utilizada diariamente por ciclistas, praticantes de caminhada ou cooper, ou ainda trabalhadores a caminho do serviço. “Nosso maior prazer, de manhã, é limpar o lugar para que as pessoas possam utilizá-lo”, observou Jardim. “Para mim foi uma honra, um prazer, e também um sonho realizado”, complementou o empresário.

Zita Kelle Cunha, representante da Vidrassel, adotou um canteiro com aproximadamente 60 metros de comprimento na Rua N, no bairro Felícia. Trata-se do canteiro central de uma via que faz parte do trajeto do futuro Corredor Perimetral.

Nesse local, há 5 anos, Zita Kelle já havia plantado 6 flamboyants (alguns deles, hoje, já têm 4 metros de altura), além de lírios e bromélias. Agora, com a formalização da adoção do local, ela pretende intensificar os cuidados e a manutenção. “Pretendemos plantar uma cobertura com grama e fazer uma via de acesso para que as pessoas possam passar. E a limpeza, a gente sempre está fazendo”, informou.

O programa – A assinatura do Termo de Adoção não estabelece um período determinado de duração para o tempo em que o logradouro estará sob a responsabilidade da empresa requerente. Mas a parceria pode ser desfeita através de manifestação do empresário ou da própria Prefeitura, nos casos de descumprimento das finalidades do programa.

Como contrapartida à adoção, entendida como custeamento da manutenção da praça adotada, a entidade social que participar do programa poderá afixar placas publicitárias, inclusive com seus logotipos, informando que a urbanização, a conservação e a manutenção daquele local estão sob sua responsabilidade.

Mais limpeza e mais iluminação: Prefeitura cuida da Lagoa das Bateias

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 22 nov 2017

Tags:, ,

da Redação
Fonte: Ascom/Prefeitura (Conteúdo)

Não é por menos que a Lagoa das Bateias é um dos espaços preferidos para o esporte e lazer de quem mora na Zona Oeste de Vitória da Conquista: a bela paisagem e a pista de corrida de aproximadamente 3 quilômetros atraem muitos conquistenses que amam curtir o local. É por isso que, desde o início da atual gestão, o espaço tem sido muito bem conservado pela Prefeitura Municipal.

Na manhã desta terça-feira, 21, a Secretaria Municipal de Serviços Públicos iniciou, pela quarta vez em menos de um ano, serviços de roçagem, capinagem e varrição do ambiente. Cerca de 20 profissionais de limpeza pública participaram da ação. Até a quinta-feira, 23, toda a extensão do parque deve estar completamente linda e arrumada.

“A Lagoa das Bateias deve servir a nossa comunidade. E as pessoas querem caminhar em lugares limpos e arrumados. Por isso, o trabalho aqui é constante: porque a limpeza faz parte da saúde”, declarou o coordenador de Limpeza Pública, Joaquim Ernesto Santos.

Após a limpeza, a Secretaria Municipal de Serviços Públicos pretende realizar a manutenção geral da rede elétrica, com substituição de lâmpadas e outros serviços necessários. Assim, a população poderá aproveitar o local com mais tranquilidade.

Seu Alceu José dos Santos, que mora em frente à Lagoa das Bateias, aprovou a ação: “Nestes últimos dias, tenho visto muitas mudanças. Antes, tinha muita sujeira. Hoje, as pessoas trazem a família para piqueniques. Esse Governo está de parabéns”. …Leia na íntegra

Município e Poder Judiciário dialogam sobre a desocupação da Serra do Piripiri

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 21 nov 2017

Tags:, , ,

da Redação
Fonte: Ascom/Prefeitura (Conteúdo)

Em audiência na 1ª Vara da Fazenda Pública, nesta segunda-feira, 20, as partes reforçaram a necessidade de cumprimento das medidas legais

Uma das ações estabelecidas pelo Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) proposto pela Vara da Fazenda Pública e firmado este ano entre a Prefeitura de Vitória da Conquista e o Ministério Público da Bahia é a desocupação imediata da área de preservação existente na Serra do Piripiri.

A decisão judicial determina a reintegração e a manutenção de posse para o Município de Vitória da Conquista de três áreas que integram o Parque Municipal da Serra do Periperi: Parque Nova Cidade, “Casulo” (Povoado de Batalha) e Cidade Maravilhosa.

Trata-se de uma área de proteção integral e, portanto, não pode ser habitada. As ocupações ilegais iniciadas no local devastam a vegetação nativa e ameaçam espécies e nascentes, pondo em risco o futuro do Parque.

A fim de reforçar o cumprimento das medidas previstas pelo TAC, o prefeito Herzem Gusmão, acompanhado pelo procurador geral do Município, Murilo Mármore, e pela secretária municipal de Meio Ambiente, Luzia Vieira, se reuniu na tarde desta segunda-feira, 20, com o juiz Ricardo Frederico Campos, da 1ª Vara da Fazenda Pública – responsável por determinar a desocupação imediata da Serra do Piripiri.

O prefeito voltou a ressaltar a necessidade da presença da Polícia Militar para o cumprimento dessas medidas legais. “Nós encaminhamos uma correspondência à Polícia Militar. Ainda não fomos atendidos e, portanto, não pudemos cumprir a decisão. Vamos encaminhar uma nova solicitação”, informou Gusmão.

“A Prefeitura precisa providenciar a desocupação de uma área importante. É o pouco que restou da Serra do Piripiri, que nós queremos muito preservar. Inclusive nascentes que existem lá”, prosseguiu o gestor, após a audiência com o magistrado.

‘Ordens vão ser cumpridas’ – O procurador Murilo Mármore também se referiu à manifestação do juiz: “O dr. Ricardo já despachou. E, através dessa determinação da Justiça, as ordens vão ser cumpridas, se necessário, com o reforço da Polícia Militar”.

O processo de desocupação leva em consideração as famílias que ocupam o local. Todas estão sendo identificadas e as de perfil socioeconômico de baixa renda serão encaminhadas à Secretaria de Desenvolvimento Social para que se habilitem em programas sociais.

Plantio de mudas – Além da desocupação imediata, o município terá que recompor a vegetação destruída e devolver a vida à região devastada por ocupações ilegais. Segundo a secretária Luzia Vieira, a Prefeitura já se prepara para essa etapa. “Estamos preparados para realizar plantios na serra. Na área onde as pessoas já saíram, nós abrimos cerca de 800 covas. Queremos aproveitar as chuvas e convidar a cidade para plantar nesses locais”, explicou.

Prefeitura e Embasa avançam na despoluição do Rio Verruga

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 13 nov 2017

Tags:, , ,

da Redação

“Quem sepultou o rio Verruga sepultou, quem não sepultou não o sepultará mais”. (Herzem Gusmão)

O Prefeito Herzem Gusmão (PMDB) está levando a serio a meta de despoluir o Rio Verruga. Uma das primeiras ações este ano foi a divulgação da Portaria 007/2017 que tornou de interesse público a área verde que vai da Av. Bartolomeu de Gusmão, passando pelo horto, indo até o viaduto da Av. Luis Eduardo Magalhães.

Prefeitura/Embasa

A Prefeitura e Embasa iniciaram ações em defesa da despoluição do Rio Verruga. A Secretaria de Infraestrutura já está notificando proprietários de residências, lojas comerciais e agências bancárias, para a necessidade do uso da rede de esgotamento sanitário que está disponibilizada em toda extensão no perímetro urbano – onde correm às águas do Rio Verruga, que nasce na mata do Poço Escuro na Serra do Periperi.

Alvará

Nenhum alvará será liberado pela atual administração para construção nas proximidades da  APP – Área de Preservação Permanente do Rio Verruga. “Quem sepultou o rio Verruga sepultou, quem não sepultou não o sepultará mais”, disse o prefeito Herzem Gusmão em discurso na programação do aniversário dos 177 anos de emancipação política de Vitória da Conquista no dia 9 de Novembro.

Erro

Em dezembro do ano passado a administração petista liberou alvará para construção do Condomínio Caminho das Árvores, localizado às margens do Rio Verruga, o que representa mais um grande prejuízo ao meio ambiente. O empreendimento fica localizado ao lado do Caminho do Parque. Curioso é que o alvará saiu no dia 22 de dezembro.

Jabuticabeiras são plantadas na Olívia Flores

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 11 nov 2017

Tags:, ,

da Redação
Fonte: Ascom/Prefeitura (Conteúdo)

Ação foi realizada pela organização da Feira de Flores de Holambra em parceria com a Secretaria de Meio Ambiente

Daqui a dez anos, os conquistenses que passarem pela Avenida Olívia Flores poderão contemplar 23 pés de jabuticabeira e até provar do seu fruto. Isso graças ao plantio de mudas desta espécie realizado na manhã da última quarta-feira, 8, por integrantes do Centro Espírita Beneficente União do Vegetal – Núcleo Vitória, responsável pela Feira de Flores “Conquista Florescendo – Feira de Flores de Holambra”, em parceria com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente.

“A feira este ano teve um diferencial, pois concluímos com este plantio que pra nós é importante. É um presente à cidade pelos seus 177 anos e traz uma conscientização para essas crianças da importância que é a gente plantar e zelar por uma árvore para que, daqui alguns anos, a gente passe por essa avenida e veja essas árvores adultas produzindo e as pessoas usufruindo desse bem que plantamos hoje”, declarou o presidente do Centro Espírita, Adão Gomes Lima.

A menina Ive Leite, 6, foi uma das crianças que participaram da ação. “Eu gostei muito porque eu gosto muito de plantar árvores”, disse ela após o plantio. Beatriz Lima, 8, foi outra criança que se divertiu: “Gostei. Foi muito legal estar aqui, plantando estas árvores, colocando a mão na terra”.

A comerciante Maria Amélia Oliveira foi com os netos Luísa, Marina e Abraão, de apenas um ano e dois meses, plantar as jabuticabas. “É uma ação importante esta. A gente tem um quintal, tem bastante fruta e elas já estão acostumadas a mexer com terra”, falou a senhora, apontando para a neta ‘do meio’.

Por ser nativa da Mata Atlântica, a jabuticabeira, com seus frutos pequenos da cor roxa escura, é considerada bem brasileira. Além de frutífera, a árvore é considerada uma planta ornamental, já que em determinadas épocas desabrocham lindas flores na cor branca, em troncos e ramos.

A ação faz parte da programação em comemoração do aniversário da cidade, celebrado nesta quinta-feira, 9.

Regularmente, o Governo Municipal tem realizado serviços de arborização e paisagismo da cidade. Nos últimos dez meses, como ressaltou a secretária de Meio Ambiente, Luzia Vieira, cerca de 2 mil árvores foram plantadas nas áreas verdes do município.

 

Doação de alimentos para animais é prática comum ao contrário de maldosa reportagem

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 02 nov 2017

Tags:, ,

da Redação
Foto: Tudo pela liberdade

Um blog sensacionalista que demonstra clara intensão de atacar o Governo Municipal, – o faz de forma irresponsável ao elaborar mais uma reportagem deturpando comunicado interno da Prefeitura. A matéria já traz na manchete a intenção do ataque rasteiro e desleal. Desta vez o alvo foi o Cetas – Centro de Triagem de Animais Silvestres. Na manchete o blog denota a clara intenção do ataque: Meio Ambiente: sem recursos animais terão que comer frutas e verduras “estragadas” em Vitória da Conquista. A manchete foi uma afirmação leviana do blogueiro.

Doação não é lixo

Doação em Conquista nas feiras livres nunca foi lixo. Várias instituições filantrópicas recebem doações de alimentos que abastecem pessoas. Os alimentos doados são aqueles que não são comercializados, e que não retornam ao estoque do comerciante.

Banco de Alimentos

O Brasil é um dos países que mais desperdiça alimentos. O Banco de Alimentos foi criado e desenvolve campanhas Ajude a quem precisa conheça o Banco e seja um doador. O combate a fome no Brasil ainda não possui uma política eficaz. A média de desperdícios no Brasil está entre 30% e 40%. Esses alimentos descartados são alvo da Secretaria do Meio Ambiente e disponibilizados ao Cetas.

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que, nas dez maiores capitais do País, o cidadão consome 35 quilos de alimento por ano, ou seja, dois quilos a menos do que o total que é jogado no lixo. A média de desperdícios no Brasil está entre 30% e 40%. Nos Estados Unidos, esse índice não chega a 10%. Estima-se que em restaurantes, o índice de desperdício chega a 15% e nas casas, a 20%.

Cetas

No caso do Cetas, as frutas antes de serem servidas aos animais passam por uma triagem, e são cortadas e colocadas em bandejas. Os veterinários são responsáveis pela distribuição de frutas e verduras. A administração municipal não recebeu nenhum relatório da equipe do Cetas apontando qualquer irregularidade. A equipe possui dois veterinários e uma bióloga.