Vereador Sidney Oliveira cobra construção de viaduto próximo ao novo aeroporto

0

Publicado por Editor | Colocado em Política | Data: 13 fev 2019

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-candeias-premium.gif

Da Redação

Na sessão da Câmara desta quarta-feira (13), o vereador Sidney Oliveira cobrou a construção do viaduto para ligar a BR 116 ao novo aeroporto de Vitória da Conquista. Segundo o edil, preocupa a construção de uma rotatória ao invés do viaduto.

Caso seja verdade, eu pergunto: quantos cadáveres serão necessários para se colocar um viaduto saindo do aeroporto?”, afirmou o vereador. O parlamentar disse ainda que espera que o anúncio da construção da rotatória seja apenas uma disputa política ou uma falácia e não a realidade.

Na última semana, o Governo do Estado anunciou que a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) autorizou a Via Bahia a realizar a obra da rotatória que interliga a BR-116 ao novo aeroporto.

De acordo com o Governo do Estado, essa é a última etapa de obras físicas que faltava para a inauguração e operacionalização do Aeroporto Glauber Rocha.

Após recesso, vereadores retomam as atividades na próxima semana

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Política, Vit. da Conquista | Data: 29 jan 2019

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

A Câmara Municipal de Vitória da Conquista, retornará com as atividades na próxima quarta-feira (06). Os parlamentares estavam no recesso do mês de janeiro, previsto no regimento interno da Casa.

Neste ano de 2019, o Legislativo Municipal irá iniciar os trabalhos sob o comando da nova mesa diretora eleita no dia 21 de dezembro de 2018. Dentre as metas já estabelecidas para esse ano de trabalho estão o retorno das Sessões Itinerantes e a ampliação dos canais de Comunicação da casa.

A atual mesa diretora da Câmara para o biênio 2019-2020 é composta pelos vereadores Luciano Gomes (PR) como presidente, Gilmar Ferraz (MDB) como 1º vice-presidente, Nildma Ribeiro (PCdoB) como 2º vice-presidente, Valdemir. Dias (PT) como 1º secretário e Cícero Custódio (PSL) como 2º secretário.

Bolsonaro fala em ‘libertar o país do socialismo’

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 02 jan 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-candeias-premium.gif

Editorial

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro (PSL), ao discursar para o povo brasileiro no Palácio do Planalto, prometeu “libertar o país do socialismo’.

O primeiro ministro inglês, já na década de 40, pregava contra o socialismo e deixou a famosa frase:

O Socialismo é a filosofia do fracasso, a crença na ignorância, a pregação da inveja. Seu defeito inerente é a distribuição igualitária da miséria (Winston Churchill).

O exemplo de Cuba, reforça a tese de Churchill. Em 1959 Fidel Castro destitui do poder, Fulgencio Batista, que instaurou uma ditadura, que foi marcada pela corrupção, violência contra a oposição e censura a imprensa.

O erro de Fidel foi adotar e se entregar ao socialismo e maxismo. Tornou-se também um ditador perverso e levou Cuba a extrema miséria.

O Brasil viveu momentos difíceis, e partidos de esquerda, liderados pelo PT afundaram o Brasil na pior crise da sua história. Estabeleceram o ‘nós contra eles’. Difundiram o ódio e o apartheid, e estimularam a desordem.

Bolsonaro encontrou um país melhor, graças ao impeachment de Dilma Rousseff e a atuação de Michel Temer que implementou importantes reformas. A reforma da Previdência, necessária e importante para o Brasil, não aconteceu devido o clima de desordem que a esquerda irresponsável implantou no Brasil.

Bolsonaro invoca Deus e o seu governo será revolucionário sem precisar derramar sangue.

A bandeira do Brasil é verde e amarela. O fim do socialismo, no comando da nação, marcará a era soberana da vontade do povo brasileiro. Viva o Brasil!!

Prazo para justificar ausência no 2° turno termina nesta quinta (27)

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral, Política | Data: 26 dez 2018

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-candeias-premium.gif

Os eleitores que não votaram no segundo turno das Eleições 2018,
têm até quinta-feira (27) para regularizar a situação eleitoral. O não comparecimento injustificado no dia da eleição é irregularidade punível com multa.

De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), a comprovação da quitação com as obrigações eleitorais é necessária para, por exemplo, tomar posse em cargo público, fazer matrículas em instituições de ensino superior e, no caso de servidor público, receber o salário.

Devido ao recesso do judiciário (de 20/12 a 6/1), que suspende o funcionamento dos cartórios eleitorais em todo o estado, os eleitores poderão enviar justificativa de maneira online, por meio do Sistema Justifica.

Luciano Gomes é o novo presidente da Câmara de Vereadores de Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Política | Data: 21 dez 2018

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

Da Redação

Foto: Ascom Câmra

Na manhã desta sexta (21), foi realizada a eleição da nova Mesa Diretora do Poder Legislativo Municipal, para o biênio 2019-2020. Com 20 votos a favor, o vereador Luciano Gomes foi eleito presidente da Casa.

O novo presidente, após a contagem dos votos, destacou que a nova formação da mesa atende à representatividade das cadeiras do Legislativo. “Nós conseguimos construir uma chapa com grande representatividade”, disse ele ressaltando a presença feminina, e de quase todos os partidos com mandatos no Legislativo Municipal. “Serão 21 vereadores representando a população de Vitória da Conquista”, assegurou Gomes.

Confira a composição completa da Mesa Diretora para o biênio 2019-2020:

Presidente: Luciano Gomes (PR)
1º Vice-presidente: Gilmar Ferraz (MDB)
2ª Vice-presidente: Nildma Ribeiro (PCdoB)
1º Secretário: Valdemir Dias (PT)
2º Secretário: Cícero Custódio (PSL)

Prazo para justificar ausência na votação das eleições de 2018 termina na próxima semana

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Brasil, Geral, Política | Data: 18 dez 2018

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

Os eleitores que não compareceram ao local de votação na eleição deste ano (2018) e não justificaram a ausência no segundo turno ainda podem regularizar a situação eleitoral neste mês de dezembro, prazo vai até 27 de dezembro.

A justificativa pode ser feita mediante o preenchimento de um requerimento disponível no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que deve ser entregue pessoalmente em qualquer cartório eleitoral ou enviado por via postal ao juiz da zona eleitoral na qual é inscrito. Além do formulário, o eleitor deve entregar documentação que comprove a impossibilidade de comparecimento na votação.

Pela internet, o eleitor pode justificar a ausência usando o Sistema Justifica nas páginas do TSE ou dos tribunais regionais. No formulário online, o eleitor deve informar seus dados pessoais, declarar o motivo da ausência e anexar comprovante do impedimento para votar.

O requerimento de justificativa gerará um código de protocolo que permite ao eleitor acompanhar o processo até a decisão final do juiz da zona eleitoral. A justificativa aceita será registrada no histórico do eleitor no Cadastro Eleitoral.

Encruzilhada: Ex-prefeita terá de devolver R$ 277,3 mil por convênio para construção de praça

0

Publicado por Editor | Colocado em Política | Data: 12 dez 2018

Tags:

Da Redação


A ex-prefeita de Encruzilhada, Ivani Andrade Fernandes Santos, terá de devolver R$ 277,3 mil aos cofres públicos e pagar multa de R$ 5 mil. A decisão foi tomada Tribunal de Contas do Estado (TCE-BA) nessa terça (11).

A gestora teve a prestação de contas rejeitadas por conta de um convênio firmado entre a prefeitura e a Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder) que previa a reforma e a ampliação de uma praça pública. O Tribunal constatou a existência de graves irregularidades, como a não comprovação da aplicação de parte dos recursos conveniados.

Câmara de Vitória da Conquista homenageia o Dia Nacional da Conscientização Negra com Troféu Zumbi dos Palmares

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Política, Vit. da Conquista | Data: 22 nov 2018

Tags:, , ,

Por  Dilson Gusmão

Foi realizada na  Câmara Municipal de Vitória da Conquista (CMVC), nesta quarta-feira (21), uma sessão especial em comemoração ao Dia da Consciência Negra.

 Vários representantes e militantes do movimento negro do município e região, estiveram presentes no evento debatendo a respeito do combate à discriminação racial e religiosa,  em que alguns vereadores se pronunciaram,  como o vereador Jorge Bezerra, que relatou que é inadmissível que exista discriminação racial.

Na ocasião, foram entregues homenagens através do Troféu Zumbi dos Palmares, a Fernanda Pereira Chaves estudante de psicologia, Mestre Joselito Chaves dos Santos e a Babalorixá Jorge.

 

 

Prazo para justificar ausência no segundo turno das eleições termina no próximo mês

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 16 nov 2018

Tags:, ,

Da Redação

Os eleitores que não compareceram ao local de votação nas eleições  e não justificaram a ausência no segundo turno ainda podem regularizar a situação eleitoral até dezembro. Os ausentes do primeiro turno, realizado em 7 de outubro, tem até de de dezembro para justificar por que não compareceram à votação. Para os que se ausentaram no segundo turno, o prazo vai até 27 de dezembro.

A justificativa pode ser feita mediante o preenchimento de um requerimento disponível no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que deve ser entregue pessoalmente em qualquer cartório eleitoral ou enviado por via postal ao juiz da zona eleitoral na qual é inscrito. Além do formulário, o eleitor deve entregar documentação que comprove a impossibilidade de comparecimento na votação.

Pela internet, o eleitor pode justificar a ausência usando o Sistema Justifica nas páginas do TSE ou dos tribunais regionais. No formulário online, o eleitor deve informar seus dados pessoais, declarar o motivo da ausência e anexar comprovante do impedimento para votar.

Se Magno Malta esteve lá, o vereador Cícero pode continuar no PSL

0

Publicado por Editor | Colocado em Política | Data: 06 nov 2018

Editorial

O novo presidente é uma conquista do povo brasileiro. Bolsonaro não tem dono.

O vereador Cícero Custódio (PSL), é legalmente, o único representante do partido do presidente Jair Bolsonaro em Vitória da Conquista.

Importante destacar que a Comissão Provisória do PSL foi destituída, e o TRE/BA, não reconhece nenhuma formação na atualidade de novos membros como representantes legítimos do partido.

O único com mandato é o vereador Cícero Custódio, eleito pelo voto popular. A ameaça de expulsá-lo do partido é ato de violência de que se acha “dono” de Bolsonaro. O novo presidente é uma conquista do povo brasileiro. A Justiça garantirá a manutenção do seu mandato se necessária.

A foto que ilustra a matéria em voga mostra o provável futuro ministro de Bolsonaro, senador Magno Malta, ao lado de Dilma Rousseff (PT), quando o senador do Estado do  Espírito Santo era cabo leitoral da ex-presidente. Agora todos reconhecem que Magno Malta é aliado de Bolsonaro e foi cotado para ser o vice do presidente.

O vereador Cícero Custódio já iniciou articulação com meta de construir a maior bancada entre os demais partidos na Câmara de Vereadores de Vitória da Conquista.

O vereador Luis Carlos Dudé (PTB) recebeu sinalização de uma grande liderança política da Bahia para se aproximar do novo presidente Bolsonaro. Política se faz com civilidade, sem ódio e sem revanche.

Cartórios eleitorais voltam a funcionar normalmente nesta segunda (05)

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Justiça, Política | Data: 05 nov 2018

Tags:,

Da Redação


Após as eleições, os  cartórios eleitorais de todo o país retomaram suas atividades nesta segunda-feira (05). Os serviços como a emissão da primeira via do título de eleitor, chamada de alistamento eleitoral e a transferência do documento.

As unidades também voltarão a expedir certidões de quitação eleitoral, que atestam que o cidadão está em dia com a Justiça Eleitoral, isto é, que compareceu às urnas nas eleições mais recentes ou que comunicou, dentro do prazo determinado, o motivo de sua ausência a um dos postos de justificativa montados para essa finalidade.

O eleitor que não votou nem apresentou justificativa no primeiro e segundo turnos do pleito (7 e 28 de outubro) têm 60 dias, a contar de cada turno, para preencher o Requerimento de Justificativa Eleitoral – Pós-eleição e escolher de que forma o documento deve chegar ao juiz da zona eleitoral na qual está inscrito: se será entregue pessoalmente ao cartório, enviado pelos correios ou via internet, por meio do Sistema Justifica. Os prazos finais são, respectivamente, 6 e 28 de dezembro.

Partido de Bolsonaro ganhará força na Câmara de Vereadores de Vitória da Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Política, Vit. da Conquista | Data: 05 nov 2018

Tags:, ,

da Redação
Foto: Ascom/Câmara

O vereador Cícero Custódio (PSL) está feliz com a vitória de Jair Bolsonaro (PSL), novo presidente do Brasil.

O edil iniciou trabalho em defesa do fortalecimento do PSL em Vitória da Conquista. A posição do vereador logo terá resposta. A onda Bolsonaro contagiou o País na eleição. A vitória esmagadora sobre o adversário Haddad (PT) não deixou nenhuma dúvida sobre a força da onda bolsonariana.

Lideranças políticas ligadas ao PT, que estão filiados ao PSL, terão que buscar uma nova alternativa partidário. Existe até ex-secretários de gestões petistas, e até candidatos a Câmara de Vereadores que estrategicamente garantiam o partido atrelado ao PT.

Bancada

Segundo informações, o vereador Luis Carlos Dudé (PTB) aguardará a janela partidária, e vê com grande simpatia o seu ingresso no partido de Bolsonaro.

Nos bastidores existe a crença, que até julho de 2019, o PSL terá a maior bancada na Câmara Municipal.

Libertas quae sera tamen

0

Publicado por Editor | Colocado em Política | Data: 30 out 2018

Tags:,

Por Valdir Barbosa

Ontem, ao acordar, longe de casa, de onde sai para sufragar meu voto, na cidade serrana que me acolheu há mais de quarenta anos, quando deixei minha soterópolis e nasci como polícia no entorno desta Vitória da Conquista, assisti uma chuva forte que lavou a cidade por horas e fez descer enxurrada, desde o alto da serra do Periperi lavando tudo, levando morro abaixo, a sujeira acumulada nos últimos dias.

Atento aos sinais entendi, como de costume, a mensagem cósmica da consagração do candidato, em quem depositei e deposito minhas esperanças, de promover a necessária assepsia e remover a imundice que vem se acumulando no país, há tanto tempo. E assim ocorreu, Jair Messias Bolsonaro, pela vontade do povo brasileiro, do Japão em diante foi acumulando votos, em enxurrada, capazes de lhe fazer eleito presidente do Brasil.

A campanha, recheada de golpes baixos, sujos, culminando com agressão física ao candidato esfaqueado em praça pública, revelou a face obscura daqueles que tentavam a todo custo se manter no poder, única e exclusiva pretensão do P.artido T.enebroso que levou o país a bancarrota.

Toda uma gama de desmandos foram praticados nesta nação, desde que Lula assumiu o poder, reelegeu-se, enfiou um fantoche no governo e tentou emplacar outro seu protegido, agora na presidência, mesmo preso, condenado por corrupção, com sentença confirmada em instancias superiores.

Frise-se, seu candidato, a quem havia feito prefeito da maior metrópole sul americana, implicado em três dezenas de processos, por improbidade e desvios diversos foi considerado o pior prefeito de São Paulo, mas, a ambição incontida de Luis Inácio sempre insistiu em apostar nos piores nomes, posto, marionetes fazem parte da preferência daqueles que desejam a perpetuação no poder.

José Dirceu, gênio do mal que arquitetou o plano de fazer do Brasil, o centro latino americano da ditadura do proletariado, acertou em quase tudo, todavia, não contava com a personalidade doentia da figura que escolheu, em razão do carisma que guardava Lula, como artífice mor do seu projeto. Criou um monstro que o engoliu, como de resto a toda estrutura trepada sobre um mar de lama, onde afinal se fez afundar.
Além disto, há que referir sobre a mão perfeita do Soberano que, de Roberto Jeferson, ao incongruente Joaquim Barbosa – no mensalão – seguindo na direção do competente Sérgio Moro, suporte máster da operação lava-jato foi revelando as entranhas podres da quadrilha que assaltou o país nos derradeiros anos.

O dinheiro desviado no “petrolão”, os milhares de dólares destinados, via BNDES, a países americanos e a africanos, para viabilizar a corrupção, recursos que poderiam ter sido aplicados no Brasil são prova inconteste, de que o interesse dos petistas nunca foi atender as necessidades do povo brasileiro, na verdade, tão somente guardavam propósito de engordar os bolsos dos falsos patriotas e atender ao projeto de poder fomentado no Foro de são Paulo.

Porém, tudo é finito neste mundo terreno, assim, o tempo do grupo que por quase duas décadas comandou, da pior forma, os desígnios desta terra chegou a seu termo. A partir de janeiro confiamos que outros rumos serão trilhados e poderemos retomar o crescimento, viver dias de prosperidade, segurança e paz vendo as instituições, sobretudo a família, célula mãe da sociedade, fortalecidas. Por isto, mais de cinquenta milhões de brasileiros depositaram seu voto nas urnas e elegeram o capitão como presidente.

A campanha foi dura. Conhecidos e até amigos fraternos entraram em rota de colisão, frente as preferências nos candidatos que ao final polarizaram a disputa, contudo, a hora agora é de entendimento e união de esforços, para apoiar e fiscalizar aquele que foi guindado ao cargo na força da escolha independente. O mau exemplo do derrotado, que no seu discurso, após o resultado, não menciona o vitorioso e nem o cumprimenta, como de praxe, não deve ser seguido, posto revela postura antirepublicana e antidemocrática.

Pouco importa se na Bahia, minha terra, Bolsonaro não foi vitorioso. Em setembro de 1822, quando proclamada a independência brasileira pelo Príncipe Regente, os ventos da liberdade apenas sopraram por aqui, tardiamente, após as pugnas sangrentas dos nossos índios, negros, caboclos e mamelucos, quando muitos perderam suas vidas, para que afinal fosse percorrido o Corredor da Vitória, em dois de julho de 1823.

Nos próximos dias volto, com o corpo e alma lavadas para o regaço dos meus, os abraços de minha amada e juntos, como fazemos sempre haveremos de caminhar, sob as mesmas arvores seculares que sombrearam os heróis da nossa independência, em direção à Igreja de Nossa Senhora, para agradecer a vitória e rezar, na certeza de que haverá de chegar o dia, em que a Bahia estará também liberta do P.artido dos T.enebrosos.

VDC, 29 de outubro de 2018
Valdir Barbosa

Eleições 2018: prazo para justificar ausência no segundo turno vai até 27 de dezembro

0

Publicado por Editor | Colocado em Política | Data: 29 out 2018

Tags:, ,

Da Redação

Fonte: A.B

As eleições  deste ano chegaram ao fim e os eleitores que não compareceram ao local de votação neste domingo (28) e não justificaram a ausência no segundo turno ainda podem regularizar a situação eleitoral até dezembro. Os ausentes do primeiro turno, realizado em 7 de outubro, tem até 6  de dezembro para justificar por que não compareceram à votação. Para os que se ausentaram no segundo turno, o prazo vai até 27 de dezembro.

A justificativa pode ser feita mediante o preenchimento de um requerimento disponível no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que deve ser entregue pessoalmente em qualquer cartório eleitoral ou enviado por via postal ao juiz da zona eleitoral na qual é inscrito. Além do formulário, o eleitor deve entregar documentação que comprove a impossibilidade de comparecimento na votação.

Pela internet, o eleitor pode justificar a ausência usando o Sistema Justifica nas páginas do TSE ou dos tribunais regionais. No formulário online, o eleitor deve informar seus dados pessoais, declarar o motivo da ausência e anexar comprovante do impedimento para votar.

O requerimento de justificativa gerará um código de protocolo que permite ao eleitor acompanhar o processo até a decisão final do juiz da zona eleitoral. A justificativa aceita será registrada no histórico do eleitor no Cadastro Eleitoral.

Discurso: Bolsonaro tem as bençãos de Deus para governar o Brasil

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 29 out 2018

Tags:, ,

da Redação

Bolsonaro cita a Bíblia e garante respeito a Constituição. Salve o Brasil!!! 

O novo presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, eleito neste domingo, com 55,14% dos votos válidos, com uma frente de mais de 10 milhões de votos, falou ao povo brasileiro, e deixou uma mensagem de fé em Deus, de esperança e de respeito a Constituição do País.

Leia a íntegra do discurso de Bolsonaro:

“Conhecereis a verdade e a verdade os libertará. Nunca estive sozinho, sempre senti a presença de Deus e a força do povo brasileiro, orações de homens, mulheres, crianças, famílias inteiras, que diante da ameaça de seguirmos por um caminho que não é o que os brasileiros desejam e merecem, colocaram o Brasil acima de tudo. Faço de vocês minhas testemunhas de que esse governo será um defensor da Constituição, da democracia e da liberdade. Isso é uma promessa não de um partido não é a palavra de homem, é um juramento a Deus. A verdade vai liberar esse grande país e vai nos transformar em uma grande nação. A verdade foi o farol que nos guiou até aqui e vai seguir iluminando nosso caminho.

O que ocorreu hoje nas urnas não foi a vitória de um partido, mas a celebração de um país pela liberdade. O compromisso que assumimos com os brasileiros foi de fazer um governo decente, comprometido exclusivamente com o país e o nosso povo e eu garanto que assim o será. Nosso governo será formado por pessoas que tenham o mesmo propósito de cada um que me ouve nesse momento, o propósito de transformar o Brasil em uma grande, livre e próspera nação. Podem ter certeza de que nós trabalharemos dia e noite para isso. Liberdade é um princípio fundamental. Liberdade de ir e vir, andar nas ruas em todos os lugares desse país, liberdade de empreender, liberdade política e religiosa, liberdade de fazer, formar e ter opinião, liberdade de escolhas e ser respeitado por elas. Esse é um país de todos nós, brasileiros natos ou de coração. Um Brasil de diversas opiniões, cores e orientações.

Como defensor da liberdade, vou guiar um governo que defenda, proteja os direitos do cidadão que cumpre seus deveres e respeita as leis. Elas são para todos, assim será o nosso governo constitucional e democrático: acredito na capacidade do povo brasileiro que trabalha de forma honesta, de que podemos juntos, governo e sociedade, construir um futuro melhor. Esse futuro de que falo e acredito passa por um governo que crie condições para que todos cresçam. Isso significa que o governo dará um passo atrás, reduzindo sua estrutura e a burocracia, cortando desperdícios e privilégios para que as pessoas possam dar muitos passos à frente. Nosso governo vai quebrar paradigmas, vamos confiar nas pessoas, vamos desburocratizar, simplificar, desburocratizar e permitir que o cidadão, o empreendedor, tenha menos dificuldades para criar e construir o seu futuro. Vamos desamarrar o Brasil. Outro paradigma que vamos quebrar: o governo respeitará de verdade a federação, as pessoas vivem nos municípios, portanto os recursos irão para os estados e municípios. colocaremos de pé a federação brasileira. Nesse sentido, repetimos que precisamos de mais Brasil e menos Brasília. Muito do que estamos fundando no presente trará conquistas no futuro. As sementes serão lançadas e regadas para que a prosperidade seja o desígnio dos brasileiros do presente e do futuro.

Esse não será um governo de resposta apenas às necessidades imediatas, as reformas que nos propomos são para criar um novo futuro para os brasileiros. E quando digo isso falo com uma mão voltada ao seringueiro no coração da selva amazônica e a outra para o empreendedor suando para criar e desenvolver sua empresa. Porque não existem brasileiros do sul e do norte, somos todos um só país, uma só nação, uma nação democrática.

O Estado democrático de direito tem como um dos seus pilares o direito à propriedade. Reafirmamos aqui o respeito e a defesa desse princípio constitucional e fundador das principais nações democráticas do mundo. Emprego, renda e equilíbrio fiscal é o nosso compromisso para ficarmos mais próximos de oportunidades e trabalho para todos. Quebraremos o ciclo vicioso do crescimento da dívida, substituindo-o pelo ciclo virtuoso de menores déficits, dívida decrescente e juros mais baixos. Isso estimulará os investimentos, o crescimento e a consequente geração de empregos. O déficit público primário precisa ser eliminado o mais rápido possível e convertido em superávit, esse é o nosso propósito.

Aos jovens, palavra do fundo do meu coração: vocês têm vivido um período de incerteza e estagnação econômica, vocês foram e estão sendo testados a provar sua capacidade de resistir. Prometo que isso vai mudar, essa é a nossa missão. Governaremos com os olhos nas futuras gerações e não na próxima eleição.

Libertaremos o Brasil e o Itamaraty das relações internacionais com viés ideológico a que fomos submetidos nos últimos anos. O Brasil deixará de estar apartado das nações mais desenvolvidas, buscaremos relações bilaterais com países que possam agregar valor econômico e tecnológico aos produtos brasileiros. Recuperaremos o respeito internacional pelo nosso amado Brasil. Durante a nossa caminhada de quatro anos pelo Brasil, uma frase se repetiu muitas vezes: ‘Bolsonaro, você é a nossa esperança’. Cada abraço, cada aperto de mão, cada palavra ou manifestação de estímulo que recebemos nessa caminhada fortaleceram o nosso propósito de colocar o Brasil no lugar que merece. Nesse projeto que construímos cabem todos aqueles que têm o mesmo objetivo que o nosso. Mesmo no momento mais difícil dessa caminhada, quando, por obra de Deus e da equipe médica de Juiz de Fora e do Albert Einstein, ganhei uma nossa certidão de nascimento, não perdemos a convicção de que juntos poderíamos chegar à vitória. É com essa mesma convicção que afirmo: ofereceremos a vocês um governo decente, que trabalhará verdadeiramente por todos os brasileiros. Somos um grande país e agora vamos, juntos, transformar esse país em uma grande nação, uma nação livre, democrática e próspera. Brasil acima de tudo e Deus acima de todos.”

Herzem comemora vitória de Jair Bolsonaro, eleito presidente do Brasil

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política, Vit. da Conquista | Data: 28 out 2018

Tags:, ,

da Redação

O deputado federal do Rio de Janeiro, Jair Bolsonaro, foi eleito neste domingo (28) de outubro de 2018, o novo presidente da República. Com 92% das urnas totalizadas, ele lidera a apuração com 55,63% dos votos válidos — seu adversário, Fernando Haddad (PT) tem 44,37%.

A vitória de Bolsonaro, foi muito bem recebida pelo prefeito de Vitória da Conquista, Herzem Gusmão (MDB), primeiro prefeito de uma grande cidade baiana, oposição ao PT,  a declarar apoio ao Capitão do Exército, ainda no 1º turno.

“Deus no comando! O novo presidente contará com as bençãos de Deus. O Brasil ora pelo sucesso do novo presidente. Glória a Deus pela vitória de Bolsonaro”, disse Herzem Gusmão a reportagem do BRG.

O novo presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, em seu primeiro discurso como presidente eleito, colocou a Bíblia e a Constituição Federal, como norte das suas decisões no COMANDO do Brasil.

 

Deu no Blog de Fábio Sena: Luciano Gomes é o mais provável futuro presidente da Câmara

0

Publicado por Editor | Colocado em Política, Vit. da Conquista | Data: 26 out 2018

Tags:, ,

Reprodução do Blog de Fábio Sena

Luciano Gomes, PR

O segundo-vice-presidente da Câmara de Vereadores de Vitória da Conquista, Luciano Gomes, do PR, é o mais provável futuro presidente do legislativo local, estando a depender de amarrações miúdas para anunciar a composição de uma chapa mista com votos suficientes para vencer com folga uma eventual disputa.

Fontes informaram agora à noite ao Blog do Fábio Sena que os vereadores Sidney Oliveira (PRB), Gilmar Ferraz (MDB) e Luis Carlos Dudé (PTB) já teriam admitido a hipótese de retirar o nome da disputa para selar um acordo capitaneado por Luciano Gomes. “Um sujeito de palavra”, afirmou o interlocutor.

A articulação em curso – asseguram fontes – estaria eliminando a possibilidade de uma derrota do governo municipal na Câmara de Vereadores, já que uma outra arquitetura, envolvendo o PCdoB e o atual presidente Hermínio Oliveira, poderia eleger uma chapa de franca oposição ao prefeito Herzem Gusmão.

Confirmada a chapa encabeçada por Luciano Gomes, afirma a fonte, não estaria em discussão nenhum alinhamento político entre este e o governo. “Identificamos que Luciano tem trânsito no legislativo e tem mantido uma relação de oposição responsável ao governo. É uma pessoa de confiança e saberá conduzir essa relação”, diz a fonte.

Sobre o interesse do governo do prefeito Herzem Gusmão na sucessão da Câmara, a fonte afirma que o mesmo tem acompanhado à distância e que term preferido deixar as articulações por conta da própria base no legislativo. “A articulação é interna, é feita entre os vereadores, mas estamos pensando, claro, no melhor para a base governista”.

Direito a folgas para quem trabalha na eleição vale também para o segundo turno

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Política | Data: 25 out 2018

Tags:, ,

Da Redação

Os trabalhadores convocados para atuar nas seções eleitorais no segundo turno continuam com o direito a dois dias de folga para cada dia em que ficaram à disposição da Justiça Eleitoral. Assim, quem participou de um dia de treinamento e comparecer no dia de votação pode tirar quatro dias de descanso, sem prejuízo do salário.

Lembrando que quem tem direito é  todo trabalhador que for convocado pela Justiça Eleitoral e atuar durante a eleição tem direito ao descanso pelo dobro do tempo à disposição. Isso vale para mesários, secretários, presidentes de seção e também para quem exercer função durante apuração dos votos.

Os dias de folga devem ser definidos de comum acordo entre o funcionário e o empregador. A empresa não pode negar o descanso ao empregado. Caso ocorra algum impasse sobre a concessão do período de descanso, o trabalhador deve procurar o cartório eleitoral. A comunicação ao empregador deve ocorrer assim que o trabalhador receber a convocação. A entrega da declaração expedida pelo juiz eleitoral deve ser enviada imediatamente após o pleito.

Quando folgar …Leia na íntegra

Eleitor que faltou no primeiro turno pode votar no próximo domingo

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Brasil, Política | Data: 24 out 2018

Tags:,


Da Redação

O eleitor que não votou no primeiro turno poderá votar no segundo, desde que tenha situação eleitoral regular, ou seja, que o título de eleitor não esteja cancelado ou suspenso. Para a Justiça Eleitoral, cada turno de votação é considerado uma nova eleição e, por isso, o eleitor que não votou no primeiro turno deverá votar no segundo turno, no próximo domingo (28), ele não está impedido de votar no segundo, porque têm até 60 dias para fazê-lo.

Na Bahia a votação ocorrerá apenas para presidente da república, já que o governador foi eleito no primeiro turno. Em outros 14 estados, os eleitores  irão definir o nome de governadores de  e prefeitos de 19 cidades. Neste último caso, são as chamadas eleições suplementares, previstas no Código Eleitoral em casos específicos, geralmente quando há condenação eleitoral ou criminal, abuso de poder político, compra de votos, cassação de mandato, entre outros casos, por parte dos políticos.

Assim como no primeiro turno, quem não comparecer para votar neste domingo é obrigado a  justificar sua ausência.

A partir de amanhã eleitores só podem ser presos em casos especiais

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 22 out 2018

Tags:, ,

Da Redação

As eleições do segundo turno já acontecem neste fim de semana e algumas medidas acertadas no primeiro turno  continuam valendo. A partir de amanhã (23), cinco dias antes do segundo turno das eleições 2018, nenhum eleitor poderá ser preso ou detido. A exceção ocorre apenas em casos de flagrante delito e ainda se houver sentença criminal condenatória por crime inafiançável ou desrespeito a salvo-conduto. A determinação está prevista no artigo 236 do Código Eleitoral.

Em 13 estados e no Distrito Federal, os eleitores também terão que definir o governador que irá comandar os Executivos locais nos próximos quatro anos. Em 19 municípios serão realizadas as chamadas eleições suplementares para a escolha de novos prefeitos e vice-prefeitos.