Prefeitura inicia “Batalha contra o Aedes Aegypi”

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde, Vit. da Conquista | Data: 20 set 2017

Tags:, , ,

da Redação
Fonte: Ascom/Prefeitura (Conteúdo)

A “Batalha contra o Aedes Aegypti” começou cedo nesta segunda-feira, 18, no bairro Pedrinhas. Uma série de serviços de limpeza pública, educação ambiental e melhorias em iluminação foi realizada no local. A ação, idealizada pela Prefeitura Municipal, em parceira com outras instituições públicas, vem para intensificar o combate ao mosquito responsável por transmitir a dengue, a zika, a chikungunya e a febre amarela.

“A Secretaria Municipal de Saúde informou, através do levantamento rápido para aedes aegypti, que existe uma infestação de alto risco em aproximadamente 78% dos imóveis em Vitória da Conquista. Daí a Secretaria de Serviços Públicos, juntamente com a Saúde, a Educação, o Tiro de Guerra, a Polícia Militar e a comunidade, essencialmente, se mobilizou para educar e enfrentar este mal”, explica o secretário de Serviços Públicos, coronel Esmeraldino Correia. Ele destaca que as ações isoladas são constantes na rotina de cada órgão municipal, mas agora, o mutirão passa a disponibilizá-las em conjunto para um maior impacto nas localidades.

A “Batalha contra o Aedes Aegypti” se estenderá pelos próximos meses, levando até diversos bairros da cidade serviços de capina, limpeza das ruas, melhoria na iluminação e também na limpeza de feiras livres, cemitérios, lavanderias e chafarizes. Além disso, uma frente educativa é responsável por propagar informações para conscientizar a população sobre o perigo de ter água parada em casa.

A integrante da Associação de Moradores do bairro Pedrinhas, Linda Gonçalves, demonstrou a satisfação da comunidade local em receber o mutirão. “Tivemos uma reunião com o secretário Esmeraldino, ele nos prometeu essa ação, e a gente está vendo que foi cumprida. Nós, enquanto Associação, temos que agradecer. Isso está de acordo com tudo o que a gente tem pedido, para que essa comunidade seja mais vista”, afirma.

Ana Paula de Jesus, moradora do bairro, conta que já teve dengue, e por isso hoje ela tem uma atenção especial com os cuidados em casa, para evitar a criação de focos do aedes aegypti. Ao ver a ação por todo o bairro nesta manhã, ela se mostrou satisfeita: “com cada um fazendo a sua parte, a gente consegue combater o mosquito.”

Para Antônio Rodrigues, que também reside na localidade, a atenção do poder público voltada ao bairro é de grande importância. Segundo ele, a “Batalha contra o Aedes Aegypti” está aprovada. “Vai melhorar bastante, pois ajuda a evitar doenças, insetos e várias coisas”, resume.

77 mil crianças e adolescentes baianos já foram imunizados na Campanha Nacional de Multivacinação

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 18 set 2017

Tags:, , ,

Da Redação


De acordo com dados da Secretaria Estadual de Saúde (Sesab), durante os primeiros sete dias da Campanha Nacional de Multivacinação, já foram imanizados 77.308 crianças e adolescentes em toda a Bahia. As informações são referente ao período de 11 de setembro, data em que teve início à Campanha, até esta segunda (18).

No último sábado (16), foi realizado o “Dia D” da Campanha. Em Vitória da Conquista, a Secretaria Municipal de Saúde abriu as 23 unidades da zona urbana do município, das 8 às 17 horas, para atender ao público. A campanha continua até a próxima sexta-feira (22), nas unidades de saúde. Quem ainda não conseguiu vacinar os filhos deve se dirigir com a caderneta de vacinação até unidade de saúde mais próxima da casa onde mora, das 8 às 17 horas. Caso não tenha a caderneta, o esquema vacinal começará de acordo com a idade da criança.

A Campanha tem o objetivo de ampliar a cobertura vacinal da população, bem como proteger crianças e adolescentes que possam estar com alguma dose atrasada. Estão disponíveis 14 vacinas para crianças e cinco para adolescentes, entre elas, as de hepatites A e B, BCG, meningite C, tétano e a penta.

Faltam médicos anestesiologistas no Hospital de Base de Vitória da Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 16 set 2017

Tags:,

Da Redação


A direção do Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC), por meio de nota enviada à imprensa, afirmou que há, “no momento, de fato, um déficit de anestesiologistas da Unidade”. Diante dessa realidade, o HGVC esclarece que a “equipe de anestesiologia está trabalhando diuturnamente priorizando as situações de urgência e emergência e também realizando cirurgias eletivas”.

Ainda segundo a nota, a Direção do Hospital, juntamente à Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), tem tomado providências administrativas e está buscando retomar o quadro de funcionários. Nesse sentido, a diretoria da Unidade informou ainda que a Sesab iniciou a abertura de um processo licitatório, o qual está em tramitação para publicação.

“Atualmente, o centro cirúrgico do Hospital é um dos setores prioritários para a gestão, tendo um diagnóstico situacional realizado e encaminhamentos das demandas necessárias, sendo o quantitativo de salas suficiente para atender à realidade”, finalizou a nota.

Campanha de Vacinação Antirrábica tem início em Vitória da Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 14 set 2017

Tags:, ,

Da Redação


Já teve início Campanha de Vacinação Antirrábica 2017. em Vitória da Conquista. De acordo com a Secretaria de Saúde do município, a ação seguirá até o próximo dia 10 de outubro.

Durante a ação no campanha, ainda conforme o poder público municipal, três equipes volantes estão realizando a vacinação na zona rural, conforme calendário pré-estabelecido, com data definida para cada localidade. A expectativa é visitar mais de 240 localidades da zona rural, até o final da campanha.

No dia 30 de setembro, será realizado o Dia “D” de vacinação, quando serão vacinados os animais da zona urbana, com pontos de vacinação em escolas, praças e associações de moradores em diversos bairros da cidade. As unidades de saúde também estarão ofertando a vacina das 8 às 17 horas.

A vacina contra raiva é gratuita. A aplicação ocorre em cada dose única, anualmente, em cães e gatos, a partir de três meses de idade. A imunização protege os mesmos e toda a população contra o vírus da raiva. Neste ano, a meta é vacinar pelo menos 80% dos animais do município, que atualmente corresponde a 63.330 animais, sendo 51.910 cães e 11.420 gatos.

Quem não conseguir vacinar os animais no Dia “D” na zona urbana, poderá se dirigir à Policlínica de Atenção Básica Dr. Ademário Silva Santos, localizada na Avenida Frei Benjamim, no bairro Brasil, de segunda a sexta-feira, das 8 às 11 horas e das 14 às 17 horas.

 

 

Dia ‘D’ da Campanha Nacional de Multivacinação acontece neste sábado

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 13 set 2017

Tags:,

Da Redação


O Dia “D” da Campanha Nacional de Multivacinação está marcado para o próximo sábado (16). As unidades de saúde da zona urbana de Vitória da Conquista e do povoado do Simão estarão abertas das 8h às 17h para receber o público que não conseguir comparecer durante a semana.

A Multivacinação compreende 19 vacinas de rotina, dentre elas as de hepatites A e B, BCG, meningite C, tétano e a penta. Para que a criança seja vacinada, basta que os pais ou responsáveis apresentem a carteira de vacinação na unidade de saúde mais próxima da casa.

Confira a lista das unidades que estarão funcionando no Dia “D” da Campanha:

  • Unidade de Saúde Ademário Silva Santos
  • Unidade de Saúde Nestor Guimarães
  • Unidade de Saúde Solange Hortélio (CSU)
  • Unidade de Saúde Hugo de Castro Lima
  • Unidade de Saúde Morada dos Pássaros
  • Unidade de Saúde Pedrinhas
  • Unidade de Saúde Nossa Senhora Aparecida
  • Unidade de Saúde Urbis VI
  • Unidade de Saúde João Melo Filho
  • Unidade de Saúde Recanto das Águas
  • Centro de Saúde Régis Pacheco
  • Unidade de Saúde Miro Cairo

Prefeitura anuncia “Batalha contra o Aedes aegypti”

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde, Vit. da Conquista | Data: 13 set 2017

Tags:, , ,

da Redação
Fonte: Ascom/Prefeitura (Conteúdo)

A “Batalha contra o Aedes aegypti” está anunciada pela Prefeitura de Vitória da Conquista. Numa junção de esforços entre várias secretarias municipais e demais instituições públicas, será intensificado nos próximos meses o combate ao mosquito transmissor da Dengue, Zika, Chikungunya e Febre Amarela, vírus que podem levar a morte.

A Secretaria de Serviços Públicos está à frente da organização da campanha que começa com ações efetivas nos bairros a partir do dia 18 deste mês. “Para isso, estamos envolvendo toda Administração Municipal e convocamos outros órgãos públicos e organizações para enfrentar esse mosquito”, afirmou a subsecretária de Serviços Públicos, Taís Ferraz.

Os envolvidos na “Batalha contra o Aedes aegypti” serão divididos em quatro grupos. Em cada grupo, além da equipe de Educação Ambiental que vai conscientizar os moradores de cada bairro sobre o perigo de ter água parada em casa, outras equipes ficarão responsáveis pela capina, limpeza das ruas, melhoria na iluminação e também na limpeza de feiras livres, cemitérios,  lavanderias e chafarizes.

“A realização de mutirões é uma forma de envolver, mobilizar e engajar a população na luta contra o Aedes aegypti”, disse a engenheira sanitarista, Márcia Amorim, durante a apresentação do projeto ao chefe de instrução do Tiro de Guerra, tenente Marlon Barros da Silva; ao coordenador do Colégio da Polícia Militar, capitão Igor Rocha; e aos representantes das secretarias de Saúde, Eliezer Silveira, e de Mobilidade Urbana, Juraci da Silva.

Para o capitão Igor Rocha, a iniciativa da Prefeitura é positiva. “Quando se fala em políticas públicas, principalmente na área de Saúde, temos que pensar em cooperação. E o Colégio da Polícia Militar não vai se furtar a contribuir com a sociedade conquistense desenvolvendo atividades de conscientização popular para que possamos erradicar o mosquito Aedes aegypti de nossa cidade e do Estado”, declarou o coordenador.

Segundo o capitão, a instituição de ensino desenvolverá um projeto pedagógico no qual os alunos se envolvam na campanha. Para que os cerca de mil alunos recebam orientação sobre os cuidados para prevenir a infestação do mosquito e quais doenças o Aedes aegypti podem causar, a Coordenação Municipal de Controle de Endemias se disponibilizou a realizar uma capacitação de 16h ainda este mês.

Essa coordenação realiza um trabalho contínuo de combate ao mosquito e também está nesta campanha de enfrentamento. “Vamos com nossas equipes continuar fazendo este trabalho para encontrar a melhor solução possível para minimizar a situação”, resumiu o coordenador de Controle de Endemias, Eliezer Silveira.

Clique e confira o Cronograma de Mutirões.

Campanha nacional de multivacinação começou nesta segunda

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 11 set 2017

Tags:

Da Redação


Começou nesta segunda-feira (11), em todo o estado da Bahia, a Campanha Nacional de Multivacinação.  O dia D de mobilização nacional será neste sábado (16).

A campanha, que vai até o dia 22 de setembro, segundo o Ministério da Saúde, tem como foco principal atingir quem ainda não foi imunizado ou que esteja com o calendário incompleto. Assim, serão disponibilizadas 14 vacinas para as crianças e cinco para adolescentes.

A estratégia é para manter controladas, eliminadas ou erradicadas as doenças imunopreveníveis do país como o tétano, difteria, sarampo, rubéola, caxumba, poliomielite, febre amarela, hepatite A e B, varicela e a gripe, entre outras.

Campanha Nacional de Multivacinação começa na próxima segunda

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 04 set 2017

Tags:

Da Redação

De 11 a 22 de setembro, acontece, em todo o Brasil, a Campanha Nacional de Multivacinação para crianças e adolescentes. O objetivo é atualizar a caderneta de vacinação de crianças de 0 a 9 anos e de adolescentes de 10 a menores de 15 anos (14 anos 11 meses e 29 dias) com relação à 19 vacinas de rotina, como as de hepatites A e B, BCG, meningite C, tétano e a penta.

Este ano, o dia “D” da campanha será 16 de setembro, sábado. Nesta data, as unidades de saúde da zona urbana fr Vitória da Conquista irão funcionar das 8 às 17 horas.

Conforme a Secretaria Municipal de Saúde, nesta campanha não há uma meta a ser cumprida. A orientação é que os pais ou responsáveis compareçam às unidades com a caderneta da criança ou do adolescente em mãos para que a atualização seja realizada.

 

SUS terá medicamento para tratamento de microcefalia

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 04 set 2017

Tags:, ,

Da Redação


O Sistema Único de Saúde (SUS) incorporou a oferta do medicamento Levetiracetam para o tratamento de convulsões em pacientes com microcefalia. A novidade foi publicada na edição desta segunda (4) do Diário Oficial da União por meio de portaria, que regulamenta a oferta do fármaco na rede pública de saúde.

O governo brasileiro decretou Emergência Nacional em Saúde Pública em novembro de 2015 devido ao vírus Zika e sua associação com microcefalia e outas alterações neurológicas. Transmitido pelo mosquito Aedes aegypti, o vírus Zika provoca sintomas semelhantes aos da dengue e da febre chikungunya.

O Levetiracetam também será incorporado ao SUS para o tratamento de pacientes com epilepsia mioclônica juvenil resistentes à monoterapia, de modo associado ao medicamento já utilizado. O prazo máximo para que o medicamento esteja disponível no SUS é de 180 dias, a partir da publicação da portaria.

Governo Municipal conhece novas instalações do Hospital Esaú Matos

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde, Vit. da Conquista | Data: 02 set 2017

Tags:,

da Redação
Fonte: Ascom/Prefeitura (Conteúdo)

Garantir que qualquer pessoa seja bem atendida, do momento que chega até a hora de ir embora do Hospital Esaú Matos. Essa é a meta da Fundação Pública de Saúde de Vitória da Conquista, responsável pela gestão do hospital. Por isso, com o objetivo de melhorar o acolhimento e garantir mais conforto aos pacientes, reformas recentes deram nova configuração às recepções do hospital.

Na manhã desta sexta, 1º de setembro, o prefeito Herzem Gusmão, acompanhado por secretários e coordenadores, visitou as novas dependências e ficou surpreso com a transformação. “Eu tive uma grata surpresa. Surpreso com a nova gestão, jovens de excelência, que têm compromisso. Saio daqui entusiasmado e vamos atrair parceiros para esta fundação”, declarou o prefeito.

A reforma deu uma cara nova à recepção da obstetrícia, por onde passam mais de 40 mães diariamente – o espaço foi ampliado, ganhou climatização, novos assentos e banheiros com acessibilidade. Na ala da pediatria, a recepção ganhou novas cadeiras, foi criado um espaço para as crianças, construído banheiro para acompanhantes e implantados oito novos leitos para berçário lactente e estabilização neonatal. A recepção do Laboratório Municipal também já começou a ser reformada, com a ampliação da sua área de espera.

“A nossa visão, enquanto gestão, é de mudança, de trazer acolhimento e humanização para esse serviço. Pegamos um hospital com alguns problemas estruturais e de procedimentos e estamos aos poucos tentando nos ajustar, para que possamos servir a todos os usuários da melhor forma. Queremos que esse primeiro ponto, de recepção, seja o tipo de pensamento que deve ser levado a todo hospital, essa estrutura tem que ser levada a todos os setores”, explicou o diretor-geral da Fundação, Felipe Bittencourt.

As melhorias beneficiam tanto as pessoas que recorrem ao Hospital em busca de atendimento quanto aos funcionários, que terão melhores condições para recepcionar e atender aos pacientes. “Quando eu cheguei aqui hoje, elogiei para o recepcionista. Está muito bonito! A gente chega aqui preocupada, mas ao encontrar um ambiente tão bem arrumado, a gente se sente melhor”, afirmou Rosilene Prates, grávida de nove meses, que estava aguardando para ser atendida.

12 Sinais de que Você está Comendo Muito Açúcar

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde, Vit. da Conquista | Data: 27 ago 2017

Tags:, , ,

da Redação

Reprodução: Acessemed/Youtube

A maioria das pessoas pensa que apenas os diabéticos podem ter níveis elevados de açúcar no sangue. Mas não é assim, qualquer pessoa pode sofrer deste mal sem perceber os danos que causam em seus nervos, vasos sanguíneos e órgãos internos. Para evitar complicações, é importante reconhecer os sintomas preocupantes e tomar medidas a tempo, buscando ajuda de um especialista.

Ministério da Saúde amplia vacinação de HPV para homens e mulheres até 26 anos

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 18 ago 2017

Tags:, ,

Da Redação


O Ministério da Saúde ampliou a faixa etária de vacinação de HPV pelo Sistema Único de Saúde. A partir de agora, homens e mulheres entre 15 e 26 anos devem receber a imunização.

A medida tem caráter temporário e foi aprovada nesta quinta-feira (17) em Brasília, durante a reunião da Comissão Intergestores Tripartite (CIT). A iniciativa terá validade para os municípios que ainda tenham vacina em estoque, com prazo até setembro de 2017.

Conforme o Ministério, as coberturas vacinais continuam abaixo da meta preconizada de 80%. Isso se dá porque a vacinação na adolescência tem uma série de dificuldades, como a resistência desse grupo etário de buscar uma unidade de saúde, especialmente para vacinar-se, e o baixo conhecimento sobre a importância da vacinação.

Para a faixa etária de 15 a 26 anos, o esquema vacinal deverá ser com três doses, com intervalo de zero, dois e seis meses. As pessoas que tomarem a primeira dose neste período, excepcionalmente, terão as duas doses subsequentes garantida pelo SUS.

Inspeção não encontra indícios de contaminação após alunos passarem mal em restaurante universitário

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 14 ago 2017

Tags:, ,

Por G1 Ba

Cerca de 15 dias após estudantes da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb) terem passado mal após comerem no restaurante da universidade, a Vigilância Sanitária de Vitória da Conquista informou que não foram encontradas evidências de alimentos impróprios para o consumo na unidade.

A inspeção foi feita na última sexta-feira (11), por técnicos que disseram não haver indícios de inconformidades com as normas sanitárias no restaurante.

Em nota, a Uesb informou que o órgão não recebeu denúncias formais de suspeita de intoxicação por parte dos alunos, mas que está atenta aos fatos e à disposição da comunidade acadêmica.

Com relação ao suposto surto de Doença Transmitida por Alimentos (DTA), a prefeitura de Vitória da Conquista informou que não foi possível realizar uma investigação pois a Vigilância Sanitária não foi acionada em tempo hábil.

A prefeitura disse ainda que o restaurante possui licença sanitária atualizada, com validade até outubro de 2018.

Caso

Dezesseis estudantes da Uesb, campus da cidade de Vitória da Conquista, denunciaram ter passado mal este ano, após terem consumido refeições no restaurante universitário da Uesb. Uma estudante que preferiu não se identificar relatou que passou mal no dia 28 do mês passado.

O preço da comida no restaurante universitário custa R$ 10 reais o quilo no sistema self-service, o bandejão é de R$ 3,75, e para quem tem assistência estudantil, o custo é de R$ 1.

Diante da situação, a universidade informou por meio de nota que os serviços do restaurante universitário são prestados por uma empresa privada que ganhou o direito de uso do local por meio de licitação.

Em carta divulgada à comunidade acadêmica, a empresa terceirizada, informou que cerca de 500 refeições são servidas por dia, somente na hora do almoço, e que todos os alimentos são de boa qualidade e preparados diariamente.

Por que o número de crianças hospitalizadas por tentativa de suicídio dobrou nos EUA?

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 12 ago 2017

Tags:, ,

Relatos de mães e pais pedindo ajuda após encontrarem seus filhos à beira da morte após tentativas de suicídio se tornaram comuns em fóruns online e redes sociais nos Estados Unidos.

“Minha filha tomou uma garrafa inteira de Lexapro e meia garrafa de Wellbutrin (ambos antidepressivos). Ela vomitou cinco vezes antes de me contar, quando acordei para trabalhar naquela manhã. Essa é uma visão que nenhum pai deveria ver”, conta Hammer, em um desabafo que deu origem a mais de 15 relatos semelhantes.

Ann diz que não sabe o que fazer para ajudar a filha. “Ela tem 15 anos e tentou se suicidar hoje ingerindo produtos de limpeza. (…) Ela já tinha tentado se matar vários meses atrás com um corte no pulso.”

Claudia fala sobre culpa e vergonha.

“Minha filha, uma criança linda e talentosa, teve uma overdose ontem e eu sinto vergonha por não tê-la ajudado e protegido suficientemente. Sinto culpa, porque meu trabalho é garantir que a vida dela seja boa e segura. Mas no fundo, muito no fundo, também sei que a vida hoje é incrivelmente difícil para as crianças. As cobranças e expectativas parecem se mover muito rápido para que eles acompanhem, e eles sentem que falharam.”

Phyllis fala sobre o filho, um menino de 15 anos. “Encontrei meu filho no meu quarto, em overdose depois de tomar meus remédios. Não consigo parar de pensar no que poderia ter acontecido. Não consigo dormir, não consigo comer, e aquela manhã não sai da minha cabeça. Encontrei-o deitado na minha cama, quase sem respirar.”

…Leia na íntegra

Esaú Matos oferece Seminário de Boas Práticas na Atenção ao Parto e Nascimento

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde, Vit. da Conquista | Data: 12 ago 2017

Tags:, ,

da Redação
Fonte: Ascom/Prefeitura/Conteúdo

Mais de 60 profissionais de saúde, que dão assistência direta ao parto no Hospital Municipal Esaú Matos e nas maternidades convidadas da Santa Casa, São Geraldo e Unimec, participaram nesta sexta-feira, 11, do Seminário de Boas Práticas na Atenção ao Parto e Nascimento.

O evento foi ministrado pelo diretor da Maternidade de Referência Prof. José Maria de Magalhães Neto, Dr. Amado Nizarala. “Fiquei muito impressionado pela quantidade de participantes. Realmente, mostra que é um tema interessante, que as pessoas estão ávidas por mudanças”.

Sob sua direção, a maternidade, localizada em Salvador, conseguiu, em pouco tempo, implementar medidas que diminuíram as mortalidades materna e neonatal e garantir  indicadores de melhoria na assistência materna. O obstetra falou dessa experiência: “Em três meses mudamos 180°, mas pra isso tivemos vontade, foco e pessoas que tinham vontade de fazer a mudança e aí se deu esse conjunto de boas intenções. Fizemos um protocolo de atendimento e acompanhamento e imediatamente implantamos e começamos a treinar. Vimos o nível de satisfação dos usuários e dos profissionais e que nós podíamos oferecer a nossas mulheres grávidas um parto mais humano”.

Segundo a diretora Técnica Operacional do Esaú, Thais Meyin Lin Dutra, o objetivo do curso é avançar na melhoria da assistência à mulher no período da gravidez, parto e pós-parto. “Nós acreditamos que a medicina baseada em evidências associadas à humanização é o caminho que queremos tomar e propomos esse seminário justamente para nortear essa melhoria à nossa proposta de assistência à mulher e ao recém-nascido”, completou.

Para a técnica em Enfermagem do Hospital Unimec, Maria Júlia de Carvalho Silva, o curso foi proveitoso: “Gostei muito, foi um aprendizado e desejo que esse palestrante venha mais vezes, pois muita coisa que a gente não sabia, aprendeu com ele que é um professor obstetra muito qualificado. Pra mim, foi muito proveitoso”.

Após ação do MPF, Sesab começa a distribuir insulina no interior do estado

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Saúde | Data: 08 ago 2017

Tags:, ,

Da Redação

A União e o Estado da Bahia, a partir deste mês de agosto, vão fornecer a pacientes com diabetes do Sistema Único de Saúde (SUS), que residem em cidades do interior, a ter acesso à insulina basal ultrarrápida. Entre as 28 cidades beneficiadas está Vitória da Conquista.

O pedido foi feito pelo Ministério Público Federal na Bahia (MPF-BA), que desde 2012 busca a implantação de um protocolo clínico e o fornecimento do medicamento – classificado pelo Ministério da Saúde como excepcional ou de alto custo – em todo o estado. A Justiça deferiu a liminar obrigando a União e o Estado a repassarem recursos necessários para medicação, a construírem o protocolo clínico e a distribuírem a substância.

Antes, os pacientes que precisavam da insulina basal de ação ultrarrápida – conhecida como glargina (Lantus), detemir (Levemir), asparte (Novorapid), lispro (Humalog) e glulisina (Apidra) – precisavam propor ações individuais contra o estado. Entretanto, a insulina passou a ser distribuída apenas em Salvador, descumprindo a ordem judicial, mas após adoção de medidas restritivas impostas pela Justiça, a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) informou ao MPF, em reunião realizada em 24 de julho, o início da descentralização da medicação, cuja primeira etapa deve ser concluída até o fim de agosto deste ano, contemplando 28 núcleos regionais e bases operacionais de saúde do SUS na Bahia.

05 de agosto dia nacional da Vigilância Sanitária

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Saúde | Data: 04 ago 2017

Tags:, ,

 

No dia 5 de agosto, é comemorado o Dia Nacional da Vigilância Sanitária. A data foi criada por meio da Lei n° 13098, de 27 de janeiro 2015, e coincide com o dia do nascimento de um dos ícones da Saúde Pública no Brasil, Oswaldo Gonçalves Cruz. Cientista, médico, bacteriologista, epidemiologista e sanitarista brasileiro, Oswaldo Cruz foi pioneiro no estudo das moléstias tropicais e da medicina experimental no Brasil.

A Comissão Nacional de Saúde Pública Veterinária (CNSPV) explica que o trabalho da Vigilância Sanitária pode ser entendido de duas formas. “A primeira é um quadripé de atuação, pois todas as ações estão voltadas para a qualidade de produtos, qualidade de serviços, saúde do trabalhador e para o meio ambiente”. A segunda forma, segundo a CNSPV, fala dos tipos de estabelecimentos a serem fiscalizado, que podem ser divididos em: fiscalização de estabelecimentos de alimentos; fiscalização de estabelecimentos de produtos para saúde; produtos químicos e farmacêuticos; fiscalização de estabelecimentos de saúde; fiscalização de estabelecimentos de interesse da saúde; e fiscalização de estabelecimentos com interface com o meio ambiente.

A CNSPV espera quea população entenda melhor seu papel de ‘fiscal informal’. “Ao receber um serviço ou produto cuja qualidade sanitária não seja a esperada, todos devem procurar os canais competentes e denunciar. É através dessa comunicação que o Sistema Nacional de Vigilância Sanitária tem informações capazes de evitar que outras pessoas passem pela mesma situação”, explica a Comissão.

Assessoria de Comunicação do CFMV com informações da CNSPV/CFMV

 

Afrânio Peixoto passa a fazer parte, oficialmente, do Hospital Geral de Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 04 ago 2017

Tags:, , ,

Da Redação


Foi publicada no Diário Oficial do Estado da Bahia, dessa quinta-feira (3), a Portaria que informa que o Hospital Especializado Afrânio Peixoto passou a integrar o Complexo Hospitalar formado pelo Hospital Geral de Vitória da Conquista e o Hospital Crescêncio Silveira. Segundo o decreto, assinado pelo secretário de Saúde, Fábio Vilas Boas, o Afrânio Peixoto e o Crescêncio Silveira, a partir de agora, ficam diretamente vinculados e subordinados à gestão do Hospital Geral.

Dessa forma, tanto o Afrânio Peixoto e o Crescêncio Silveira funcionarão como leitos complementares do Hospital de Base, que é a unidade central do Complexo. Ainda conforme a Portaria, um dos objetivos da mudança é fortalecer e qualificar os atendimentos prestados aos usuários provenientes da região Sudoeste.

Mudança de Perfil do Hospital Especializado Afrânio Peixoto

No início deste ano, a Secretaria de Saúde informou que o Hospital Afrânio Peixoto deixaria de ser psiquiátrico. Com isso, seriam abertos leitos de psiquiatria no HGVC, aliado a uma estruturação do serviço ambulatorial na Unidade de Saúde Crescêncio Silveira. Segundo o comunicado, a expectativa é de que serviços municipais, como os centros de Atenção Psicossocial (Caps) e unidades básicas de saúde, absorvam algumas demandas do Afrânio Peixoto.

Assim, a Sesab, na época, anunciou que a unidade servirá de “referência” para o Hospital Geral de Vitória da Conquista, com leitos de enfermaria e centro cirúrgico para pequenos procedimentos. Ainda segundo a Sesab, a unidade será completamente reformado.

Agosto Dourado incentiva o aleitamento materno

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 02 ago 2017

Tags:, ,

Da Redação


Estamos no mês Mundial da Amamentação, ação intitulada “Agosto Dourado” que visa chamar a atenção da população para a importância do leite materno.  Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) e o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), a amamentação é uma das formas mais eficazes de garantir a saúde e a sobrevivência dos recém-nascidos.

Nesse sentido, estudos apontam inúmeros benefícios da amamentação como forma exclusiva de alimentar bebês de 0 a 6 meses. No entanto, um levantamento global feito em 194 países descobriu que apenas 40% das crianças menores de 6 meses são amamentadas exclusivamente (sem nada além de leite materno) e apenas 23 países têm taxas de amamentação exclusiva acima de 60%. No Brasil, 39% das mães amamentam seus filhos exclusivamente até os 6 meses de vida, segundo o estudo do Unicef e OMS.

Ainda conforme as entidades, se toda criança fosse amamentada desde o nascimento até os 2 anos, mais de 800 mil vidas seriam salvas anualmente. Isso porque, entre outras coisas, o leite materno possui células de defesa e fatores anti-infecciosos capazes de proteger os bebês.

Em Vitória da Conquista, de acordo com o Banco de Leite do Hospital Esaú Matos, durante o “Agosto Dourado”, para estimular a amamentação, serão realizadas visitas às maternidades credenciadas ao Sistema Único de Saúde (SUS) e palestras nas unidades de saúde e no Hospital.

Ação de combate às Hepatites Virais do CAAV é realizada no Presídio Nilton Gonçalves

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 26 jul 2017

Tags:, ,

Da Redação

Foto: Secom PMVC

Com a proposta de chamar a atenção da população carcerária para a importância da prevenção, da detecção e do tratamento das hepatites virais,  a equipe do Centro de Atenção e Apoio à Vida (CAAV), por meio da Secretaria Municipal de Saúde, visitou o Presídio Nilton Gonçalves.

A visita aconteceu na ala feminina do presídio. De acordo com a coordenação do CAAV, diversas ações foram realizadas com as internas da instituição, como a realização de teste sorológico para triagem dos vírus das hepatites B e C, HIV e sífilis. Também foi feita uma triagem com abordagem sindrômica das internas, na qual foram identificados alguns sinais e sintomas de infecções sexualmente transmissíveis para possíveis tratamentos.

As ações da campanha contra as hepatites continuam até o fim da semana. No dia 28, é celebrado o Dia Mundial de Combate à doença e, para reforçar a campanha, um estande foi montado na porta do CAAV. Quem visitar o local poderá realizar o teste rápido para detectar as hepatites B e C, além de receber informações e material educativo sobre a doença. O CAAV fica na Praça João Gonçalves, s/n, no Centro de Vitória da Conquista, próximo à Prefeitura.