Governo leva UPA para “dentro” de hospital em Vitória da Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Saúde, Vit. da Conquista | Data: 19 ago 2016

Tags:, ,

da Redação
Foto: ilustração

UPAsEm todo Brasil, as UPAs fazem parte da Política Nacional de Urgência e Emergência, que foram lançadas pelo Ministério da Saúde em 2003, que estrutura e organiza a rede de urgência e emergência no país, com o objetivo de integrar a atenção às urgências.

São concebidas para funcionar 24 horas por dia, sete dias por semana, para resolver  grande parte das urgências e emergências, como pressão e febre alta, fraturas, cortes, infarto e derrame. Com isso, ajudam a diminuir as filas nos prontos-socorros dos hospitais.

Vitória da Conquista

Após ter recebido mais de R$ 2 milhões do FNS – Fundo Nacional da Saúde, o PT construiu e abandonou a UPA da Patagônia em Vitória da Conquista.

Agora o Governo da Bahia está anunciando para a próxima segunda-feira (22), a inauguração de uma UPA que funcionará praticamente dentro do Hospital de Base – contrariando a Política Nacional de Urgência e Emergência que trabalha para reduzir a procura por hospitais em todo Brasil. Mesmo não tendo coordenação independente, o serviço estará relegado à superlotada assistência do Hospital de Base.

O mais correto seria levar o equipamento para um bairro mais populoso. Em Conquista existem bairros que são verdadeiras cidades dentro da grande cidade, que continuam relegadas a um segundo plano.

Hemoba de Vitória da Conquista precisa urgentemente de doaroes de sangue

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 12 ago 2016

Tags:,

Da Redação

SCM_0599Foto: Divulgação

Atualmente, a Fundação de Hematologia e Hemoterapia (Hemoba) de Vitória da Conquista está com déficit de 50% de doadores e precisando com urgência de doadores com o fator RH negativo. Diante da situação crítica, o Hemoba convida os conquistenses a realizarem um gesto de solidariedade, doando sangue.

Para doar, as pessoas interessadas devem ser atender alguns pré-requisitos, como estar em bom estado de saúde, apresentar peso a partir de 50 quilos e estar bem alimentado são algumas das condições para o doador. Além disso, é preciso se enquadrar na faixa etária de 16 a 69 anos, sendo que, para os menores de idade, é necessário ainda apresentar autorização dos pais. No ato da doação, também é preciso apresentar documento com foto.

Outras recomendações para o dia da doação são: evitar comidas gordurosas nas últimas quatro horas, ter dormido no mínimo seis horas, não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 12 horas e não ter fumado por pelo menos duas horas. Segundo a Fundação, o procedimento é rápido, simples e seguro. O material utilizado para a coleta é inteiramente descartável, não deixando margem para riscos de contaminação do doador. Além disso, nas 24 horas seguintes à doação, o organismo repõe o volume de sangue doado.

Os interessados em fazer a doação devem comparecer à Hemoba, localizada no Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC), na Avenida Filipinas, s/n°, bairro Jardim Guanabara. O atendimento acontece de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 11 horas, funciona também no turno vespertino nas segundas e terças de 13h30 às 15h30.

Contratos com médicos cubanos acabam em novembro

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 11 ago 2016

Tags:, ,

por Mateus Novais

IMG_1432

O contrato com os médicos cubanos, do programa federal Mais Médicos, está bem perto do fim. Até o próximo mês de novembro, o vínculo que estes profissionais mantêm com o Brasil será quebrado. Mas, até o momento, paira uma incerteza de como ficará a atenção às comunidades que dependem do trabalho destes médicos.

Em Vitória da Conquista, dos 26 profissionais mantidos pelo Mais Médicos, 11 são cubanos. Mas em cidades menores da região Sudoeste, como Barra do Choça, o programa é responsável por até 60% da Rede de Atenção Básica.

Segundo o Ministério da Saúde, as vagas deixadas pelos médicos cubanos serão ocupadas por médicos brasileiros formados no exterior. Só na Bahia, mais de mil profissionais deverão ser contratados.

“A gente aguarda a substituição desses profissionais, cujo contrato está fazendo agora três anos. Mas a gente não tem nenhum posicionamento do Ministério da Saúde em relação a isso”, explica a diretora da Atenção Básica, Jildacy Brito. A única certeza, até o momento, é de que se houver um buraco nessa lista de espera, boa parte da população, principalmente a da Zona Rural, pode ficar sem atendimento.

Servidores estaduais da Saúde paralisam as atividades

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 09 ago 2016

Tags:,

Da Redação

paralisação-saúde
Nesta terça-feira (09), os servidores do Núcleo Regional de Saúde Sudoeste, base em Vitória da Conquista paralisam as atividades por 24 horas. A manifestação, convocada pelo SindSaúde Bahia, faz parte de mobilização nacional em defesa do Sistema Único de Saúde (SUS), contrária à proposta de terceirização e privatização da saúde.

Entre as reivindicações estão a qualificação da assistência à saúde com reestruturação dos serviços prestados à população; realização de concursos públicos para provimento de vagas no serviços de saúde; posicionamento oficial da Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) quanto à permanência das bases operacionais de saúde e aumento do número de núcleos regionais de saúde; reajuste Salarial, com base no índice da inflação anual (IPCA-IBGE); manutenção do adicional de insalubridade para servidores de saúde. Além disso, a categoria é contrária a aprovação da PL257/2016, projeto de lei que prevê a perda dos direitos adquiridos dos servidores públicos.

De acordo com o Sindicato da categoria, uma nova mobilização deve acontecer no dia 12 de agosto, próxima sexta-feira.

Índice de Infestação Predial de Conquista cai para nível recomendado pelo Ministério da Saúde

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 05 ago 2016

Tags:,

Da Redação

dengue
A Secretaria de Saúde de Vitória da Conquista divulgou que o índice de infestação geral na cidade caiu para 0,8%. Dessa forma, o município atingiu o índice preconizado pelo Ministério da Saúde – menos que 1%.

No fim de abril, quando foi divulgado o primeiro Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa) de 2016, o índice de infestação era 4,5%.  Isso é um resultado de trabalho de conscientização e de combate aos focos do mosquito.

Embora a notícia seja positiva, os esforços para combater o Aedes aegypti não podem ser esquecidos. Principalmente por se tratar de um período atípico, devido ao racionamento de água implantado no município – em que os moradores costumam armazenar água em vários recipientes.

Nesse sentido, as ações regulares de combate aos focos do mosquito precisam continuar. E a população deve continuar a fazer sua parte, principalmente porque, além da dengue, o Aedes aegypti também pode transmitir a Zika e a Chikungunya. Assim, é preciso continuar com a parte preventiva, evitando o acúmulo de água parada e mantendo os reservatórios fechados.

 

Mães com bebês de colo aguardam no sol por atendimento em Conquista

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 05 ago 2016

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

IMG_4610foto: blog do Nildo Freitas

A cena é lamentável! Mães conquistenses estão sendo submetidas a uma situação humilhante para conseguir atendimento pediátrico em Vitória da Conquista. A foto acima foi feito nessa quinta-feira (4) na Unidade de Saúde do bairro Vila América.

No flagrante é possível ver as mães com bebê de colo agachadas no chão, tentado conseguir um espaço na sombra, do lado de fora do posto de saúde. Em relato publicado no blog do Nildo Freitas, uma mãe conta que elas se submetem a esta situação para conseguir uma vaga pra o pediatra. Ainda segundo as mães a situação se repete todos os dias, por volta das 12 horas, “faça sol ou faça chuva”.

“Isso é pra qualquer atendimento à tarde, onde precisamos chegar às 11 horas da manhã para garantir uma vaga. Ao meio dia, o posto fecha e não temos o direito de ficarmos no pátio interno da unidade”, queixa-se uma das mães.

Notificações para H1N1, Dengue, Zika e Chikungunya diminuem em Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 04 ago 2016

Tags:, , , ,

Da Redação

Vitória-da-ConquistaA Secretaria Municipal de Saúde informou que está havendo um diminuição do número de notificações de casos suspeitos para as doenças relacionada ao Aedes aegypti em Vitória da Conquista. De acordo com a pasta, até o dia 21 do mês de julho, foram registradas 48 novas notificações para dengue, nenhuma para zika e uma de chikungunya.

Segundo a Vigilância à Saúde, houve uma queda também no número de registro de internações por conta desses agravos. Nenhum paciente foi internado em Vitória da Conquista devido por está com zika, chikungunya ou dengue.

H1N1

Ainda de acordo com informações da Secretaria, diminui também o número de casos suspeitos de H1N1. Em julho, foram registrados cinco novos casos, o que significa uma diminuição de mais de 60%, já que em maio foram notificados 12 casos da doença na cidade. Já o número de pacientes hospitalizados por causa da gripe H1N1 caiu em mais de 50%. Foram 04 internações até a última quinta-feira, enquanto que em junho 09 pessoas foram hospitalizadas por causa da doença.

Cai número de pacientes ausentes em procedimentos agendados no SUS

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 01 ago 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

Hospital-Base

O número de pacientes que faltam às consultas e aos procedimentos marcados, no SUS de Vitória da Conquista, caiu para 11% nos últimos três meses. Em média, 50 mil agendamentos são realizados, por mês, na Central de Regulação.

Segundo a coordenação da Central de Regulação, o número de ausência nos procedimentos foi reduzido de 15 mil para 5,5 mil ao mês.

“Com a desmarcação dos procedimentos e consultas, as vagas geradas podem ser utilizadas por outras pessoas que também estejam precisando”, explicou a coordenadora da Central, Rebeca Nascimento.

OAB entra na luta por implantação de novos leitos de UTI em Conquista

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 29 jul 2016

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

IMG_0360

A Justiça Federal autorizou a participação da OAB Conquista na Ação Civil Pública que pede a implantação de 144 leitos de UTI adulto, 46 leitos UTI neonatal e 11 leitos de UTI pediátrica na macrorregião sudoeste e no Município de Vitória da Conquista. A ação foi impetrada pelo Ministério Público Federal e Defensoria Pública da Bahia, em maio deste ano, contra os governos Municipal e Estadual.

A investigação que gerou a Ação teve início após o óbito de um paciente que aguardou por 15 dias vaga para a UTI do Hospital de Base do município. No pedido liminar, os órgãos pedem a instalação e o funcionamento de pelo menos 50% da quantidade necessária (50 leitos de UTI adulto, 15 leitos de UTI neonatal e 03 leitos de UTI pediátrica) no prazo de 90 dias. Outra solicitação em caráter liminar é a transferência de todos os pacientes que se encontram ou venham a se encontrar necessitados de atendimento em UTI para hospitais públicos ou particulares detentores de tais unidades.

A Justiça ainda não analisou o pedido de liminar, mas, nessa quinta-feira (28), autorizou que a OAB Conquista, através de sua Comissão de Direitos Coletivos e Difusos, participe do processo como amicus curiae (instituição que tem por finalidade fornecer subsídios às decisões dos tribunais, oferecendo-lhes melhor base para questões relevantes e de grande impacto). “O pleito se trata de medida de extrema urgência, uma vez que hoje o quadro se mostra caótico, estando a vida de centenas de pessoas em risco na nossa cidade por conta de uma omissão inadmissível do Poder Público”, destacou o presidente da OAB, Ubirajara Ávila.

*Atualizado às 10h13 de 30/07/2016

Vitória da Conquista registrou 161 casos de hepatites, em 2015

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 28 jul 2016

Tags:

por Mateus Novais

hepatite-viraisEm 2015, foram confirmados em Vitória da Conquista 161 casos de hepatites. A maior incidência é do tipo B, para o qual existe vacina gratuita e disponível nas unidades do município. Como forma de prevenir o contágio da doença, a Secretaria Municipal de Saúde está realizando a Semana Municipal de Combate às Hepatites Virais.

Até a última terça-feira (26), já haviam sido feitos cerca de 200 testes rápidos de diagnóstico das hepatites B e C no estande montado em frente ao Caav (Praça João Gonçalves, s/n, Centro). A equipe estará lá, à disposição do público em geral, até o dia 29.

As atividades da Semana preveem uma blitz informativa no centro da cidade (no semáforo próximo ao Banco do Brasil, praça Barão do Rio Branco) no dia 28, às 10h – data dedicada ao Dia Nacional de Combate às Hepatites Virais. E, no dia 29, haverá a Balada Noturna, destinada aos profissionais do sexo que trabalham em casas noturnas e no trecho urbano da BR-116.

Rede hospitalar de Conquista participa de workshop gratuito

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 27 jul 2016

Tags:, ,

por Mateus Novais

IMG_1269

O Projeto Circuito Indeba de Conhecimento (CIC), realiza um workshop gratuito aos profissionais de hotelaria hospitalar. O ciclo de palestras vem acontecendo em diferentes regiões do Brasil, e chefa a Vitória da Conquista nesta quinta-feira (28), a partir das 13h30, na Pousada da Conquista Resort Spa.

Com palestras sobre governança e métodos de higienização adequados para evitar riscos de contaminação à saúde dos funcionários e pacientes, o workshop também visa contribuir para reforçar a imagem de qualidade e gerar redução de custos destes equipamentos, com discussões sobre a limpeza e desinfecção de superfícies; gerenciamento operacional; estratégias para a aquisição e técnicas para conservação de enxoval.

Especialista em administração hoteleira, com 16 anos de atuação no setor hospitalar, Fernanda Cerri, vai falar sobre a importância de inserir procedimentos padronizados no setor de governança. “Além de aumentar a produtividade, o uso do POP melhora o desempenho da equipe a partir de um roteiro de trabalho que visa a qualidade do serviço prestado e o melhor aproveitamento dos produtos utilizados, gerando economia e eficiência”, ressalta.  …Leia na íntegra

Vacina contra a Dengue custará mais de 130 reais

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 26 jul 2016

Tags:, , ,

Da Redação

dengue
Nessa segunda-feira (25), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou que a vacina contra a Dengue já pode ser comercializada no país. De acordo com o Comitê Técnico Executivo da Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (Cmed), o preço da Dengvaxia, como é chamada a vacina da Sanofi Pasteur, vai variar entre R$ 132,76 e R$ 138,53, dependendo do ICMS adotado em cada estado.

No entanto, o valor estipulado é o que será pago ao fabricante por clínicas, hospitais e distribuidores e deve ser bem diferente do que será cobrado do consumidor final, ou seja, os paciente que quiserem receber a imunização terão que desembolsar um valor bem maior.  Principalmente, porque ainda não há nenhuma informação oficial de que a Dengvaxia será utilizada na rede pública. Para isso, o Ministério da Saúde deve fazer estudos sobre o custo/benefício da compra e distribuição do produto e de qual seria a estratégia de aplicação para ter impacto em termos de saúde pública.

imunizante é indicado para pessoas entre 9 e 45 anos, deve ser aplicado em três doses com intervalo de seis meses entre elas. O fabricante garante proteção contra os quatro tipos do vírus da dengue. Segundo os estudos, a proteção é de 93% contra casos graves da doença, redução de 80% das internações e eficácia global de pouco mais de 60% contra todos os tipos do vírus. A capacidade de produção do laboratório é de 100 milhões de doses por ano.

Governo de Cuba exige retorno de médicos; a Bahia possui 1.064; Vitória da Conquista tem 6

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Brasil, Saúde, Vit. da Conquista | Data: 25 jul 2016

Tags:, ,

da Redação
foto: Arquivo do BRG

O Governo de Cuba exige o retorno  imediato dos médicos daquele país que estão integrados ao Programa Mais Médicos.  Só no Estado da Bahia são 1.064 médicos cubanos,  No estado, eles estão distribuídos em 368 municípios e nove polos do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI).

Para o representante da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) no Programa Mais Médicos, Ângelo Castro Lima, embora os cubanos sejam maioria no Estado,  essa decisão não altera o andamento do programa do Governo Federal na Bahia.

O presidente do  Sindicato dos Médicos do Estado da Bahia (Sindimed-BA), Francisco Magalhães, espera e afirmou  ao jornal A Tarde que com a saída dos médicos cubanos, os profissionais  que brasileiros sejam priorizados. “O governo deve estimular os médicos brasileiros a ocupar os rincões oferecendo boas condições de trabalho”, disse.

Vitória da Conquista

Cubanos-B

Em novembro de 2013 , seis médicos cubanos  se apresentaram  na Prefeitura de Vitória da Conquista, fazendo parte do programa Mais Médicos do Governo Federal. São  profissionais com experiência de 14 a 23 anos na profissão. A equipe é integrada por 5 médicas e 1 médico. Maelemnis Pompas, Magaly Perez , Magaly Lópezpes, Magaly Berrio e Madiel Cobras e Mable Morales foram escalados para trabalhar   nos distritos de Inhobim, Bate-Pé e São Sebastião.

Frustração

O jornal A Tarde revelou que “a decisão de não permitir a prorrogação dos contratos, de acordo com representantes de entidades médicas, é uma tentativa do governo cubano de pressionar o MS a reajustar os valores pagos pelo governo brasileiro. O MS, por sua vez, afirma que pretende aproveitar da determinação para preparar novo edital e incentivar brasileiros a ocuparem vagas em cidades mais distantes”. 

“Ingressei no programa para ajudar ao país que necessitava dos meus serviços. Esperava ser tratado com mais respeito. A não prorrogação do contrato, que seria uma escolha nossa, se tornou uma exigência. Estamos sendo tratados com muito descaso”, disse o profissional cubano que abriu mão da convivência com a família, em 2013, para trabalhar em Salvador.

CAAV realiza estes contra sífiles em empresas

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 22 jul 2016

Tags:, ,

por Mateus Novais

SCM_0418O Centro de Atenção e Apoio à Vida Dr. David Capistrano Filho (Caav) promove, rotineiramente, atividades de informação e saúde em empresas e instituições da cidade. Na manhã desta sexta-feira (22), a equipe esteve no Serviço Nacional de Aprendizagem Social (Senac), aplicando cerca de 100 testes rápidos de sífilis em alunos e funcionários do órgão.

Nas últimas duas semanas, as ações de testagem rápida de sífilis foram intensificadas. As equipes de saúde do Caav passaram pelo Centro Integrado Empresa Escola (CIEE), Microlins e e conjuntos habitacionais do programa Minha Casa Minha Vida do bairro Miro Cairo. Nesses locais, foram realizados 75 testes, com resultados imediatos.

“São ações de prevenção, para facilitar a orientação quanto às medidas de prevenção”, afirmou a coordenadora do Caav, Fernanda Aguiar.

Os interessados em obter mais informações e se submeter ao teste rápido, podem entrar em contato com o Caav (Praça João Gonçalves, s/n, Centro), por meio do telefone (77) 3429-7250.

Casos novos de AIDS reduziram 3% em Vitória da Conquista

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 20 jul 2016

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

134266795445609429-HIV-AIDS_blocksO registro de novos casos do vírus HIV/AIDS sofreu uma leve redução nos últimos dois anos em Vitória da Conquista. De acordo com o Centro de Apoio e Atenção à Vida Dr. David Capistrano Filho (CAAV), a taxa de detecção do vírus reduziu de 12 casos por 100 mil habitantes, em 2014, para 11 casos, em 2015. Uma pequena redução de 3% nos casos novos.

“Em Vitória da Conquista, como em todo o país, a gente tem mantido estável o número de casos novos”, afirma a coordenadora do CAAV, Fernanda Aguiar. O CAAV não divulga dados totais de infectados no município, mas aponta que 973 pessoas portadoras do vírus da AIDS realizam tratamento no espaço. Os casos são mais frequentes em homens jovens, entre 20 a 39 anos.

“Os jovens não acompanharam aquele pânico da AIDS nos anos 1980. Hoje, ela criou o status de doença crônica, que tem tratamento gratuito e é possível viver com qualidade fazendo o uso da medicação. Então os jovens não têm o costume de usar o preservativo”, explica a coordenadora do CAAV.

Mesmo com a predominância, o HIV/AIDS não está mais em um grupo, nós encontramos em todos os perfis: homens, mulheres, idosos, jovens, heteros e homossexuais, aponta os dados do CAAV. “Vale reforçar que o uso do preservativo ainda é a melhor medida de evitar a AIDS”, conclui Fernanda.

Surgem novas denúncias de golpe contra pacientes do SUS

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 20 jul 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

MAcas Arquivo

Como o BLOG DA RESENHA GERAL mostrou nessa terça-feira (19), estelionatários estão aplicando golpe contra pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) em Vitória da Conquista. Pessoas se passando por médicos oferecem agilidade em procedimentos, como cirurgias, em troca de valores. Os golpistas chegam a cobrar R$ 3 mil de uma família com um paciente internado no Hospital de Base com a síndrome de Guillain Barré.

A família do paciente não quis se identificar, mas informou que o suposto médico disse trabalhar na unidade e passou detalhes sobre o estado do internado. “Eles são bem convincentes, pois falam como quem realmente conhece o caso. Por pouco não caímos no golpe”, relatou a um parente do paciente.

Ainda segundo a família do paciente, eles chegaram a pensar em tomar um empréstimo para efetuar o pagamento. Porém, desconfiaram da ligação e procuraram representantes do hospital para saber o que estava acontecendo.

A Assessoria de Comunicação do Hospital de Base confirmou que houve duas denúncias, uma em fevereiro, outra em abril de 2016. “Em um dos casos, pediram aos familiares uma quantia de 2 mil reais, para fazer uma cirurgia com um neurologista, quando o paciente já estava em  estado de pós-operatório”, relatou a Ascom. Ainda de acordo com o hospital, a denúncia não foi formalizada a direção do hospital. “O caso não chegou a envolver a equipe médica”, disse.

Farmácia da Família começa a disponibilizar medicamento para H1N1

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 19 jul 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

H1N1A partir do próximo dia 25 de julho, o Fosfato de Oseltamivir, medicamento conhecido como Tamiflu, passará a ser distribuído nas Farmácias da Família de Vitória da Conquista. O remédio, usado no tratamento da gripe, é indicado para pacientes com sintomas relacionados ao vírus H1N1 e pessoas com Síndrome Respiratória Aguda.

Para ter acesso gratuito ao Tamiflu, que agora faz parte da Relação de Medicamentos Essenciais, o usuário deve se dirigir à Farmácia da Família munidos de receita médica, Cartão SUS e Carteira de Identidade.

No município, há duas unidades das farmácias da Família, uma no centro (Av. Bartolomeu de Gusmão) e outra no bairro Brasil (Av. Ceará). As Farmácias da Família funcionam de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h.

Situação Epidemiológica

Até esta terça-feira (19), a Secretaria Municipal de Saúde recebeu 71 notificações de casos semelhantes a H1N1. Destes, 14 foram positivos, 52 negativos e cinco aguardam resultados. Também foi registrada uma morte em decorrência e um óbito suspeito.

Terceirizados do Hospital de Base paralisaram atividades nesta terça (12)

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 12 jul 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

hospital_geral_vitoria_conquista

Os funcionários terceirizados do Hospital de Base em Vitória da Conquista paralisaram mais as atividades da unidade de saúde nesta quarta-feira (16). O ato reivindica o pagamento de salário ticket refeição e vale transporte, que está a um mês atrasado.

Durante a paralisação serão mantidos apenas os serviços de urgência, emergência e a assistência nos setores de internamento. A Secretaria de Saúde do Estado não se manifestou sobre as reivindicações dos trabalhadores.

Santa Casa de Vitória da Conquista adere ao movimento “SOS Saúde da Bahia”

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 12 jul 2016

Tags:, ,

Da Redação

santa casaA Santa de Vitória da Conquista aderiu  à campanha “SOS Saúde da Bahia”, ação que busca incentivos para entidades filantrópicas. A iniciativa foi lançada por meio das redes sociais no dia 2 de julho, data em que é lembrado o Dia do Hospital, por meio do Hospital da Criança Martagão Gesteira e as Santas Casas de Misericórdia de Nazaré, Valença e Cruz das Almas.

De acordo com as instituição, com o movimento, espera-se que os valores repassados pelo Sistema Único de Saúde (SUS) cubram o custo dos procedimentos realizados, assegurando à população o direito à saúde pública e de qualidade.

Com o déficit, há risco de que serviços essenciais à população sejam suspensos, segundo as entidades. Com o défict, a Santa Casa de Vitória da Conquista, por exemplo, pode ter uma redução 34 mil procedimentos mensais.

Além das instituições citadas, participam do movimento as Santas Casas de Misericórdia de Itabuna e Poções.

Notificações da Prefeitura para casos de H1N1, Dengue, Zika e Chikungunya

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Saúde, Vit. da Conquista | Data: 09 jul 2016

Tags:, , , ,

da Redação

Em Vitória da Conquista a Prefeitura através  da Secretaria Municipal de Saúde informou em seu site oficial a situação das notificações de casos suspeitos para os agravos H1N1, Dengue, Zika e Chinkungunya até o dia 8 de julho:

Zika

Diferença das doenças

Com informações do Mundo Educação

Apesar de serem transmitidas pelo mosquito, o Aedes aegypti  pelo mesmo mosquito, a dengue, a chikungunya e a zika são doenças que apresentam alguns sintomas semelhantes, o que pode dificultar o diagnóstico. Entretanto, pequenas diferenças existem e podem ser usadas como critério para a diferenciação.

A dengue é, sem dúvidas, a doença mais grave quando comparada à chikungunya e à zika. Ela causa febre, dores no corpo, dores de cabeça e nos olhos, falta de ar, manchas na pele e indisposição. Em casos mais graves, a dengue pode provocar hemorragias, que, por sua vez, podem ocasionar óbito. …Leia na íntegra