50 mil baianos caem na malha fina do IR

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Economia | Data: 24 dez 2009

Tags:, , , ,

do A Tarde

Quase 50 mil baianos tiveram sua declaração de imposto de renda retida em malha fina em 2009. O número, divulgado nesta quarta, 23, pela Receita Federal, é equivalente a 4,8%, do um milhão de declarações retidas em todo o Brasil. Este é o maior número já registrado – desde 2005, quando começa a série histórica disponível no Fisco – e representa um aumento de 177% sobre 2008, quando 361.451 contribuintes ficaram retidos.

A principal causa das retenções, na Bahia, continua sendo a omissão de rendimentos recebidos de pessoas jurídicas, respondendo por cerca de 40% do total de declarações inscritas em malha. O critério “despesas médicas” representou 9% das declarações com problemas no Estado.

“Assim como no Brasil, o número de declarações retidas cresceu na aqui na Bahia, mas não nas mesmas proporções”, comentou o auditor da Receita e porta-voz do órgão no Estado, Demian Fagundes. O número foi 25% maior que em 2008, quando 22,2 mil contribuintes foram para a malha fina no Estado. Ainda assim, o percentual é muito menor que a evolução nacional, já que no País o volume praticamente triplicou neste mesmo período.

Nacionalmente, 12% dos que caíram nas garras do Leão tiveram problemas com recibos médicos – alvo de uma nova medida de cerco à sonegação, divulgada ontem e que vai dificultar o uso de notas frias, porém obrigará os profissionais da saúde a preencher mais uma papelada para o Fisco. “O nosso objetivo é ter informações que facilitem o trabalho de análise das declarações”, argumentou o subsecretário de Fiscalização da Receita, Marcos Vinícius Neder.

Revisão – A malha fiscal da Declaração de Ajuste Anual da Pessoa Física, conhecida por malha fina, é o procedimento de revisão das declarações de Imposto de Renda da Pessoa Física. Nela são efetuadas verificações nos dados declarados pelo contribuinte, assim como os cruzamentos das informações com outros elementos disponíveis nos sistemas da Secretaria da Receita Federal do Brasil.

Na malha fina, são identificados erros ou inconsistências das informações declaradas, que podem representar uma infração à legislação tributária. Para saber se o contribuinte está na malha fina, basta fazer a pesquisa da situação da declaração na página da Receita Federal na Internet (www.receita fazenda.gov.br), informando os números do CPF e do recibo de entrega da declaração que ele deseja consultar.

Quem não está inscrito em nenhum lote de restituição do Imposto de Renda, foi colocado em malha. Neste caso, o contribuinte deve rever a sua declaração e verificar se houve algum erro ou divergência de sua parte. Deve verificar também se todas as deduções que ele informou, podem ser aproveitadas e se os comprovantes são válidos.

Escreva um Comentário

Faça o login para publicar um comentário.