Diretor do Vitória da Conquista faz avaliação de 2014 e projeções para 2015

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Esportes | Data: 17 dez 2014

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

jjose-roberto1O diretor financeiro do Vitória da Conquista, José Roberto, concedeu entrevista ao repórter Elias José, do programa Cidade Esporte (Rádio Clube, FM 95,9) e fez a avaliação do ano de 2014 para o clube de futebol. O dirigente também aproveitou para fazer projeções para o próximo ano, já pensando na Copa do Nordeste, quando o time jogará com o Palmeiras, dentro do Lomantão.

2014

– Foi um ano de resultados bons tecnicamente. Financeiramente, mais uma vez terminamos um ano difícil, por conta do segundo semestre que sempre foi, e sempre será, deficitário, a não ser que aconteça uma mudança de rumo nos próximos anos. Tivemos dificuldades, mas estamos sobrevivendo.

Tecnicamente nós fomos bem no [Campeonato] Baiano, na Copa do Nordeste, ficamos em terceiro lugar no [Campeonato] Baiano Sub-18 e ganhamos a Copa do Estado. Infelizmente, mais uma vez, na Série D, a parte financeira não nos permitiu fazer um time competitivo. Na conta mais e menos, nós fomos bem, sim, estamos satisfeitos com a parte técnica.

Copa do Brasil

– Na Copa do Brasil, que é a menina dos olhos, esperamos movimentar a cidade e fazer o Lomantão voltar a ficar todo verde. Já fomos informados que o jogo será no início de abril. Mas o foco total, agora, chama-se Campeonato Baiano. Também já começamos a conversar algumas coisas da Copa do Brasil, mas estamos focados no Baiano, que começa dia 1º de fevereiro.

Contratações

– Do time titular deste ano saíram quase todos, ficou Silvio, Carlinhos, Cacá e Neto Potiguar. Ederlane [Amorim, presidente do clube] ainda está montando o time, não temos nomes, mas há conversas. Só vamos anunciar quando houver a definição desses nomes.

Dificuldades financeiras

– As dificuldades financeiras são grandes. Nós temos um limite, não podemos gastar mais do que nós ganhamos, se não vamos atrapalhar todo o trabalho que fizemos no passado. Mas Ederlane está sabendo o que deve fazer e acho que até dia 5, quando for a apresentação, teremos novos jogadores e um bom time para o Campeonato Baiano, o Sub-20 e o segundo semestre.

10 anos

– Em uma festa que deve haver no dia 21 de janeiro, vamos celebrar e festejar muito os 10 anos do clube. Um projeto vitorioso, que se iniciou lá em 2005. Em 2006, conquistamos o nosso primeiro troféu, estamos em 2014; oito anos de muitas vitórias e muitas conquistas. Conseguimos permanecer com um time equilibrado, um clube que não tem problema com Justiça, com Federação Bahiana e com CBF.

Os comentários estão encerrados.