Embasa estuda mudanças na rede para corrigir problemas no abastecimento do Miro Cairo e zona rural

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 06 nov 2014

Tags:, , ,

por Mateus Novais
foto: Roberto Silva

IMG_5099Os problemas de desabastecimento de água em Vitória da Conquista estão causando dor de cabeça não apenas na população da cidade. As reclamações da falta d’água têm se agravado nos últimos quinze dias na cidade, o que fez a gerencia regional da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) convocar a imprensa para prestar esclarecimentos.

Em entrevista concedida a repórter da Resenha Geral, Mônica Cajaíba, o gerente regional da Embasa, José Olimpio, anunciou que a empresa está elaborando um orçamento para melhorar o abastecimento em pontos críticos da cidade, como a região do bairro Miro Cairo e Zona Rural.

“Estamos elaborando um orçamento para melhorar ou até desativar aquela unidade operacional, porque ela causa um problema seríssimo pra gente. É ela [unidade operacional] que é a responsável por atender a região do Miro Cairo, Pradoso, aquela região toda da Zona Rural, até chegar no Bate-pé. Ou seja, esses bairros e localidades são atendidos através de bomba. Então, se tiver um problema em uma dessas três elevatórias, aquela região fica sem água.”, garantiu o gerente.

José Olimpio também explicou o porquê da demora em restabelecer o fornecimento de água após os problemas na rede. Citando o exemplo do povoado de Bate-pé, ele afirmou que “se parar por uma hora uma dessas unidades, levam 8 horas, até dois ou três dias, para regularizar o abastecimento. Então a gente direciona um pouco pro Miro Cairo, um pouco pro Bate-pé, e nessa divisão que a gente faz para atender a todos, causa a despressurizarão na rede, que acaba fazendo com que a água não chegue nos reservatórios”.

Os comentários estão encerrados.