Esmeraldino Correia decide apoiar Herzem Gusmão como pré-candidato a prefeito

0

Publicado por Editor | Colocado em Política, Vit. da Conquista | Data: 02 jul 2016

Tags:, , ,

Assessoria

Esmeraldino Grupo

Em reunião, o Partido da Pátria Livre (PPL) oficializou na noite desta sexta-feira (1) o apoio a pré-candidatura de Herzem Gusmão (PMDB) a prefeitura de Vitória da Conquista.

“Retiro minha pré-candidatura para somar nossos esforços a pré-campanha de Herzem e, junto com os filiados ao PPL, para pensarmos um novo tempo para a cidade. Ele é sereno, tranquilo, não barganha e esse é seu estilo e vamos seguir juntos, inclusive para confirmar seu nome na convenção”, afirmou Esmeraldino.

Por sua vez, o médico Argemiro Correia, vice-presidente do PPL, disse estar “muito contente com esse apoio, pois sempre admirei Herzem e a proposta da meritocracia na administração pública que ele vem debatendo com a comunidade é muito importante e que realmente pode ser implantado pelo pré-candidato”.

Herzem agradeceu o apoio e diz que o PPL chega para somar substancialmente. “O apoio de Esmeraldino Correia e de todo o PPL é muito importante nessa caminhada e, desde agora na pré-campanha, significa que nosso trabalho está no rumo certo. Continuamos buscando a unidade das oposições e esse gesto de Esmeraldino mostra que continuamos dialogando com as forças oposicionistas na cidade”, disse Gusmão.

Esmeraldino Correia – Atual presidente da Academia Conquistense de Letras, Esmeraldino Correia é escrito, professor universitário e Pós-graduado em Gestão Estratégica de Segurança Pública e Gestão de Pessoas. Coronel aposentado da Polícia Militar da Bahia. Quando foi comandante do 9º Batalhão da PM, em Vitória da Conquista, implantou o Colégio da Polícia Militar. Em 2008, Esmeraldino Correia foi candidato a prefeito e obteve 19.015 votos, ou 13,40% dos votos válidos.

Apoios – Além do PMDB, Herzem Gusmão já garantiu nesse período de pré-campanha do PTB, liderado pela vereadora e pré-candidata a vice-prefeita Irma Lemos, do PRB, comandado pelo vereador Sidnei Oliveira, do PSC que tem o comando de Nei Mota e do PPL.

Os comentários estão encerrados.