Herzem propõe audiências públicas para debater o Plano Estadual de Educação

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 26 abr 2016

Tags:, ,

por Mateus Novais

DSC_0511

O Plano Estadual de Educação entra na pauta da Assembleia Legislativa e levanta a discussão sobre o assunto em toda a Bahia. O Plano Estadual de Educação da Bahia conta com conteúdo de combate e conscientização em relação à homofobia e transfobia, o que provoca resistência de deputados evangélicos e conservadores.

A votação do Plano, prevista para acontecer nesta terça-feira (26), em regime de urgência foi adiada. Os deputados da Bancada de Oposição decidiram que o debate sobre o Plano não deve se restringir à Casa, mas ser expandida a todos os segmentos da sociedade, através de audiências públicas.

“Este é um projeto extraordinário, que prevê, inclusive, sete horas de aula por dia. O que todos querem é uma educação integral, mas precisamos também observar que o Plano não fique apenas no papel, é necessário qualificar os professores. Sugiro que a Assembleia realize Audiências Públicas para ampliar o debate, tendo em vista a necessidade ouvir quem está inserido diretamente, incluindo os profissionais da educação, pais e alunos”, destacou o deputado estadual Herzem Gusmão (PMDB).

Os comentários estão encerrados.