Itapetinga: Azaleia demite 1.500 funcionários da sua matriz

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia, Vit. da Conquista | Data: 15 dez 2012

Tags:, ,

Por Davi Ferraz – Sudoeste Hoje

Contrariando todas as expectativas e as previsões ‘otimistas’ das autoridades locais e estaduais, a matriz da fábrica de calçados Vulcabras|Azaleia demitiu nesta sexta-feira (14), cerca de 1.500 funcionários, sem nenhum aviso prévio. Os ‘colaboradores’ da Azaléia em Itapetinga foram demitidos sumariamente, durante todo o dia, à medida em chegavam no seu turno de trabalho, devendo continuar nos turnos seguintes.

Muitos não conseguiram sequer acessar as dependências da fábrica, visto que os seus cartões de acesso foram bloqueados e não passaram da portaria. Outros, que já se encontravam trabalhando, foram sendo levados em pequenos grupos para o setor de RH, onde receberam os comunicados de demissão.

Desta vez a Azaléia não poupou sequer os funcionários com deficiência física, demitindo-os sumariamente, sem pena nem dó. Os critérios de demissão, segundo informações de coordenadores que não quiseram se identificar, foram aleatórios e incluíram pessoas recém contratadas e até antigos funcionários, com até 10 anos de casa. Para o turno da meia-noite desta sexta, mais demissões estão previstas.

A nossa reportagem esteve na porta da fábrica no início da noite desta sexta-feira e constatou, in loco, o desespero dos funcionários demitidos, que se aglomeravam no portão, sem acreditarem no que estava ocorrendo. Com medo de futuras represálias, nenhum dos demitidos quis gravar entrevista, mas mesmo assim conseguimos filmar a aglomeração dos demitidos no pátio interno da fábrica.

No local não havia nenhum representante do sindicato da categoria.

Os comentários estão encerrados.