Licínio de Almeida: maquinista morre carbonizado após descarrilamento de trem

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Sudoeste | Data: 15 fev 2016

Tags:,

por Mateus Novais

Um acidente com um trem da Ferrovia Centro Atlântica, no município de Licínio de Almeida (a 230 km de Vitória da Conquista), vitimou uma pessoa. O trem de carga descarrilou e pegou fogo com o maquinista George Fagner da Rocha Silva Ferreira, de 28 anos, dentro. O acidente ocorreu no último sábado (13), próximo a localidade de Salto da Onça.

O acidente teria sido provocado por uma pedra que estava nos trilhos. Segundo a Polícia Militar, o trem, formado por três locomotivas e 21 vagões, arrastou a pedra por cerca de 100 metros e, com o impacto, o veículo descarrilou, tombou e pegou fogo.

maquinistaGeorge Fagner morreu carbonizado

O veículo saiu da Vila de Catiboaba, zona rural da cidade de Brumado, a cerca de 150 quilômetros do local do acidente, e seguia para o município de Contagem, em Minas Gerais. O corpo do maquinista foi encaminhado ao Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Guanambi, onde será periciado.

Por meio de nota, a Ferrovia Centro Atlântica lamentou o falecimento do maquinista. “É com grande pesar que a Ferrovia Centro-Atlântica (FCA) comunica o falecimento de um de seus empregados em decorrência de um incêndio ocorrido no sábado (13), que acometeu as locomotivas de uma composição ferroviária. As apurações preliminares indicam que as locomotivas provavelmente se chocaram com algum obstáculo sobre a linha férrea, provocando o incêndio. Apesar de termos acionado o Corpo de Bombeiros e uma UTI aérea para o resgate, infelizmente o maquinista foi encontrado já sem vida”, diz a nota da empresa.

Os comentários estão encerrados.