Mesmo com recomposição de mais de 7% sindicato dos professores mantém greve

0

Publicado por Editor | Colocado em Educação, Vit. da Conquista | Data: 29 maio 2017

Tags:, ,

da Redação
Foto: Blog do Giorlando Lima

A Prefeitura de Vitória da Conquista ofereceu em reunião na tarde da última quinta-feira (25), ao Sindicato do Magistério Municipal Público,  a recomposição da tabela salarial com recursos oriundos  do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação). A decisão representa aumento de mais de 7% aos professores. A reunião contou com as presenças dos vereadores Luis Carlos Dudé (PTB), Nidma Ribeiro (PCdoB) e Valdemir Dias (PT) e vários secretários do governo.

Outro avanço ficou por conta do aumento de R$ 100,00 na CET (Condição Especial de Trabalho) para os monitores de creches. O valor passaria dos atuais R$ 300,00 para R$ 400,00.

Na reunião, o prefeito Herzem Gusmão (PMDB), reafirmou aumento de 25% no Vale-Alimentação, garantiu que os primeiros R$ 5 milhões do Refis serão repassados a todos os servidores, garantindo também que irá destinar  de R$ 500 a R$ 1 milhão para subsidiar o plano de saúde do servidor. Para o programa de moradia a administração anunciou doação de terreno, e intermediação com a CEF para facilitar a implantação de moradia para beneficiar todas as categorias de servidor.

Mesmo com tantas conquistas, na assembleia da categoria realizada na sexta (26), os professores anunciaram que a greve irá continuar por tempo indeterminado. O prefeito na reunião afirmou: “Eu pratico democracia. Não pratico democratismo”,  que é a política definida pelo excesso de discussões e pelo atraso na tomada de decisões.

 

 

 

Os comentários estão encerrados.