Morte de mulher gera revolta e protesto de internos no presídio Nilton Gonçalves

0

Publicado por Editor | Colocado em Polícia, Vit. da Conquista | Data: 27 jun 2013

Tags:, ,

Por Rodrigo Ferraz

presidio_Vitoria-da-Conquista1Na manhã da última segunda-feira (24) carcereiras do Presídio Nilton Gonçalves, em Vitória da Conquista, encontraram uma das presas mortas. Durante a chamada das detentas, Dalva Santos, 47 anos, não respondeu, foi então que as carcereiras entraram na cela e acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) 192. Um médico do serviço constatou a morte. A suspeita é que ela tenha sofrido um enfarte.

A fatalidade gerou revolta e protesto dos internos da unidade. Nesta quinta-feira (27), por exemplo, os detentos rejeitaram o café da manhã e o almoço.

Em entrevista concedida por telefone a repórter Mônica Cajaíba, o diretor interino do presídio, Joir Sala, revelou que membros da direção da unidade estão conversando com os presos no intuito de acalmar os ânimos dos presos.

Um processo administrativo já foi instaurado no intuito de investigar a causa da morte de Dalva. O juiz da comarca de Vitória da Conquista, responsável pela vara do Júri, Reno Soares, esteve na unidade ouvindo as presas no intuito de analisar os depoimentos e apurar as causas da morte.

Os comentários estão encerrados.