OAB cobra tombamento da Casa Glauber; Prefeitura diz aguardar implantação do Conselho de Cultura

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Cultura | Data: 30 nov 2016

Tags:, ,

por Mateus Novais

img_0023

Representantes da Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Bahia (OAB-BA) estiveram reunidos com o Governo de Vitória da Conquista para cobrar o tombamento da casa onde nasceu o cineasta Glauber Rocha. O encontro ocorreu no gabinete prefeito nesta quarta-feira (30) e contou com a presença do juiz da Vara de Execuções Penais, Reno Viana.

Na quinta (1º de dezembro) será realizada, em Salvador, a exibição do filme “Cinema Novo”, de Erick Rocha – filho de Glauber. Segundo o advogado Ronaldo Soares, representante a direção estadual da OAB, o evento contará com um bate-papo entre os convidados, em apoio ao tombamento da Casa Glauber Rocha.

“Nossa preocupação é não se perder aquele patrimônio, é um patrimônio nacional. Temos esse compromisso de preservá-lo, como um dever com as gerações futuras”, argumentou o juiz Reno Viana, justificando a necessidade de se realizar o tombamento do imóvel o quanto antes.

O prefeito Guilherme Menezes informou que o tombamento da casa deve acontecer logo após a reativação do Conselho Municipal de Cultura, que é o órgão responsável pelo parecer sobre o tombamento. O processo de negociação com a família Rocha para a compra do imóvel foi iniciado em 2015.

O casarão construído em 1938 está localizado em uma área central da cidade, na Rua Dois de Julho, onde sofre com a forte especulação imobiliária. Recentemente, o imóvel foi colocado à venda, mas a ação de produtores culturais fez com que os herdeiros da Casa Glauber repensassem a venda.

Os comentários estão encerrados.