Ocupação: Conselho da Uesb decide não acatar recomendação do MP-BA

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Educação | Data: 09 dez 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

img_1332

O Conselho Universitário da Uesb (Consu) decidiu por não acatar a recomendação do Ministério Público (MP-BA) de proceder com a desocupação da instituição. A decisão foi tomada em uma reunião extraordinária realizada na manhã desta quarta-feira (7), no campus de Vitória da Conquista.

Segundo a deliberação da reunião, “a maioria dos conselheiros se posicionaram a favor do movimento de ocupação na Universidade e contrários a qualquer ato coercitivo aos estudantes”. A plenária deliberou, também, pela formação de uma comissão do Conselho para dialogar com os estudantes e outra para elaborar um documento de apoio ao movimento estudantil.

O MP-BA recomendou ao reitor da Uesb, Paulo Roberto Pinto, que proceda a desocupação das dependências da Universidade até o dia 30 de novembro. No entanto, o reitor solicitou o alargamento do prazo, apontando esta reunião do Consu como uma das alternativas para a desocupação.

Itapetinga

Enquanto os estudantes da Uesb de Vitória da Conquista demonstram que não deixarão o prédio da instituição até o dia da votação da PEC 55 – 13 de dezembro -, em Itapetinga, a desocupação já foi iniciada.

Em assembleia realizada na manhã dessa quinta (8), foi deliberada, por 125 votos a favor e 10 contra, a desocupação da instituição no prazo de 24 horas.

Os comentários estão encerrados.