Ocupações na Uesb e Ifba completam dois meses

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Educação | Data: 23 dez 2016

Tags:, ,

por Mateus Novais

Há dois meses um grupo de estudantes está ocupando prédios de instituições de ensino superior em Vitória da Conquista. Mesmo com o fim do movimento na maior parte das universidades do país, Ifba e Uesb estão com todas as suas atividades suspensas devido a manifestação dos discentes.

Desde o dia 18 de outubro, quando estudantes ocuparam o Ifba, o movimento contrário às mudanças propostas para a Educação ganhou força no município. Dias depois, em 22 de outubro, o movimento ganhou a Uesb – principal universidade instalada em Conquista – e Ufba. A ocupação provocou a suspensão atividades da TV e Rádio Uesb, bem como os atendimentos no Centro Universitário de Atenção à Saúde (Ceuas), bem como as provas do Enem.

A expectativa era a de que o movimento se encerrasse após a votação da PEC 55 no Senado, no dia 13 deste mês. No entanto, a mobilização não chegou ao fim.

Retorno das aulas

O Conselho Superior de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe) da Uesb convocou estudantes e professores para o retorno das aulas no dia 1º de fevereiro de 2017, após o término das férias coletivas da categoria docente. O calendário acadêmico será redefinido em reunião no dia 8 de fevereiro.

O movimento estudantil, que ainda ocupa o campus de Vitória da Conquista, não discutiu o sobre o assunto. Os campi de Jequié e Itapetinga foram desocupados pelos estudantes na última semana e as atividades administrativas foram retomadas. A perspectiva do Conselho é de que as atividades também sejam retomadas no campus de Vitória da Conquista até a data de convocação para a volta às aulas.

Os comentários estão encerrados.