Postos de Conquista têm manhã movimentada em dia de vacinação contra gripe

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 18 abr 2016

Tags:, , , , ,

por Mateus Novais

DSC_1256

Os postos de saúde de Vitória da Conquista tiveram uma manhã movimentada nesta segunda-feira (18), no primeiro dia da Vacinação contra a Gripe. Crianças de 6 meses a 5 anos incompletos, idosos e gestantes integram o grupo que começou a ser atendido nesta segunda.

No Centro, a Unidade de Saúde Régis Pacheco teve grande movimento. Antes mesmo dos postos abrirem, às 8 horas, já havia pessoas à espera nas unidades de atendimento. As filas dobravam os quarteirões.

DSC_1241

E a expectativa é de que o movimento aumente novamente no final da tarde, no horário em que as crianças saem das aulas. A vacinação ocorre nos postos de saúde, diariamente, das 8 horas às 17 horas. O Dia “D” da campanha permanece 30 de abril.

DSC_1260

A Secretaria Estadual da Saúde decidiu antecipar campanha nesta semana, que para o resto do país começa só dia 30 de abril, devido ao surto de gripe H1N1. Em Vitória da Conquista já foram confirmados 3 casos para Influenza A-H1N1 (2 com altas hospitalares); além de duas mortes, 1 confirmada e outra inconclusiva.

A cobertura visa abranger um público estimado de mais de 71 mil pessoas. A meta da Secretaria de Saúde é vacinar 80% deste público até o dia 20 de maio.

Confira a relação de grupos prioritários que serão atendidos:

  • crianças de 6 meses a menores de 5 anos;
  • gestantes e puérperas (mulheres que deram à luz recentemente);
  • trabalhador de saúde;
  • povos indígenas;
  • indivíduos com 60 anos ou mais de idade;
  • população privada de liberdade;
  • adolescentes e jovens que estão cumprindo medidas socioeducativas;
  • funcionários do sistema prisional;
  • pessoas portadoras de outras condições clínicas especiais (doença respiratória crônica, doença cardíaca crônica, doença renal crônica, doença hepática crônica, doença neurológica crônica, diabetes, imunossupressão, obesos, transplantados e portadores de trissomias).

 

Os comentários estão encerrados.