Prefeitura Móvel: população procura serviços de saúde e sociais e conhece outras ações

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 29 set 2018

Tags:,


Reprodução do site da PMVC


A jovem moradora do Cruzeiro, Renata Sena, foi à oitava edição do Prefeitura Móvel receber atendimento odontológico e oftálmico e ficou admirada com a quantidade de serviços disponíveis: “São muitos serviços e hoje foi uma oportunidade muito grande pra mim e outras pessoas. Vários serviços interessantes. Vim fazer dois serviços e acabei fazendo vários, porque tem muita coisa importante”.

No Prefeitura Móvel, além da Administração Municipal e a comunidade estarem próximas, a população tem ainda a oportunidade de conhecer setores e programas municipais. Foi o que aconteceu com Renata. “Vi alguns serviços e me interessei muito pelo ID Jovem, que eu não conhecia e tive hoje informações. Vi que é muito interessante para os jovens. Aconselho a todo mundo se cadastrar pois com ele temos direito a viagens interestaduais. A partir de agora vou viajar bastante”, festejou a jovem de 23 anos na manhã desta sexta-feira (28).

Nailde é atendida pelo ouvidor da Saúde

O Programa de Identidade Jovem, ou ID Jovem, é realizado através da parceria entre a Secretaria Nacional de Juventude e a Caixa Econômica Federal. Ele é voltado a pessoas com idade de 15 a 29 anos e com renda familiar de até dois salários mínimos. A equipe do Programa Nacional de Inclusão de Jovens (Projovem Urbano) também esteve atendendo nesta sexta-feira.

Atendimento com praticidade – Quem também foi realizar um serviço e acabou descobrindo outro foi a Nailde de Jesus Almeida, que mora no Cruzeiro há quatro meses. Ela veio fazer o Cartão Sus e não pode pois não tem o Cartão Família, que deve ser emitido pela unidade de saúde de seu bairro. “Desde janeiro que tento e não consigo ter esse cartão. No Prefeitura Móvel soube que poderia fazer a reclamação na Ouvidoria, então fui no estande deles e fui bem atendida. Amei”, disse a senhora. Para ela, é importante essa ação: “pois muita das vezes não sabemos dos nossos direitos. Aqui eles me orientaram, fizeram a queixa e falaram que daqui, no máximo, a 20 dias, eu terei resposta sobre essa questão”.

Prefeito com equipe do CAAV

O prefeito Herzem Gusmão esteve presente durante toda a edição e demonstrou satisfação em aproximar o governo dos moradores: “Fico muito feliz porque é uma forma de sairmos do Gabinete e buscar contatos com as pessoas. Hoje estamos atendendo todos os bairros da cercania e verdadeiramente as pessoas tem governo. Antes dos serviços, os nossos secretários fazem um contato com o bairro e essas demandas paulatinamente são atendidas”.

A vice-prefeita e secretária municipal de Desenvolvimento Social, Irma Lemos, também despachou do Prefeitura Móvel do Pedrinhas. Na ocasião, ela reafirmou a alegria em participar de mais uma edição: “A Prefeitura vem ao encontro do povo do bairro. Sabemos da carência do Pedrinhas e ao observamos o prefeito vindo até esses moradores é uma alegria muito grande. Só mesmo quem está trabalhando que pode avaliar o quanto é bom ser abraçado e ouvir: ‘Muito obrigado por você está aqui no meu bairro’. É muito bom”

Maria Dilma Rangel foi atendida pelo Programa Bolsa Família e saiu do Ginásio da Igreja Batista Nova Sião satisfeita, na verdade “muito, muito, muito. Nem sabia que existia essa praticidade. Pra mim foi muito bom: mais perto, mais rápido”, disse a moradora do Santa Cecília. Pela Secretaria de Desenvolvimento Social tinha também atendimento do Centro de Referência de Assistência Social (Cras), do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) e do Centro de Referência da Mulher Albertina Vasconcelos (Crav).

Maria Dilma Rangel é atendida no Bolsa Família

O projeto contou com o atendimento do Núcleo de Apoio a Saúde da Família (Nasf); do Centro de Apoio e Atenção à Vida (Caav); atendimento médico, preventivo, aferição de pressão e glicemia e entrega de repelentes. Ainda na área da saúde, o oftalmologista Armênio Santos alertou que diversas doenças relacionadas à visão têm atingido grande parte da população brasileira e realizou consultas gratuitas. A Associação das Empresas do Sistema de Transporte Coletivo Urbano de Vitória da Conquista (Atuv); e a instituição não-governamental Seja Digital, que fez o cadastro para o recebimento da antena e conversor digital, também cooperaram nesta edição.

O lazer ficou por conta do projeto Educarte da Secretaria Municipal de Educação e do Serviço Social do Comércio (Sesc). Música ao vivo, dança, jogos de tabuleiro, pintura facial, basquete, além de uma deliciosa massagem. “Vim com minha namorada que vai dançar. Tem várias modalidades, pode ganhar até brinde. Antes não sabia do projeto, mas achei bem legal da parte da Prefeitura fazer esses projetos assim. É uma grande necessidade ter projetos culturais desse jeito e que inclua o jovem”, comentou Artur Oliveira, que jogou ping pong e xadrez.

Nesta edição do Prefeitura Móvel, 179 colaboradores trabalharam no atendimento de 3.420 pessoas.

Artur joga xadrez com sua namorada

Os comentários estão encerrados.