Presídio Nilton Gonçalves: “Dá vontade de interditar a unidade e soltar todo mundo”, diz defensor público

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 29 out 2013

Tags:, ,


da Redação

presidio 1

Ao final do encontro na Câmara de Vereadores na tarde desta segunda-feira (28) que discutiu a situação carcerária de Vitória da Conquista, duas ações serão impetradas pela defensoria Pública, com apoio da OAB. Uma pede a interdição do módulo I, do Presídio Nilton Gonçalves e a outra mais radical – com possibilidade de pedido de habeas corpus coletivo.

Na reunião o defensor público Marco Aurélio, disse não acreditar na construção da nova penitenciária. “Creio que seja melhor reformar o Nilton Gonçalves para que os detentos não tenham os seus direitos violados. O povo não tem acesso à saúde, educação e quando comete um crime vive em uma situação de vergonha. Dá vontade de interditar a unidade e soltar todo mundo” Quem vai pagar é a sociedade pelos erros dos governos”, sentenciou o defensor público.

Ficou decidido no encontro e aprovado um manifesto dos advogados conquistenses.  Também foi lançado para colher assinaturas,  demonstrando a situação real da carceragem na cidade “É uma vergonha o cumprimento de penas no Brasil”, lamentou o advogado Rui Medeiros.

Foto: Roberto Silva (Blog da Resenha Geral)

Os comentários estão encerrados.