PRF faz “pente fino” nas divisas da Bahia para evitar entrada de traficantes do Rio de Janeiro

0

Publicado por Editor | Colocado em Polícia | Data: 30 nov 2010

A PRF ainda não divulgou um primeiro balanço da operação

Redação CORREIO

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) intensificou as vistorias nas divisas da Bahia com Minas Gerais e Espírito Santo – o principal objetivo é evitar que os criminosos que estão fugindo do Rio de Janeiro consigam chegar ao estado. Segundo a PRF, a operação deve durar até o dia 10 de dezembro, podendo ser esticada por todo o mês.

Os principais pontos de vistorias são as duas rodovias de movimento mais intenso perto das divisas – a BR-116, na divisa com Minas, e a BR-101, na divisa com o Espírito Santo. Quase cem policiais participam da fiscalização, que aborda pessoas e veículos que atravessam de um estado para o outro para impedir que entrem armas, drogas e traficantes vindos do Rio.

A Polícia Militar irá ajudar na fiscalização cuidando das estradas que ligam as BRs e costumam ser usadadas para evitar a PRF. Em nota divulgada nesta terça, a PM informou que está tomando medidas preventivas desde a sexta-feira e que age em parceria com a PRF e a Policia Federal no caso.

A PRF ainda não divulgou um primeiro balanço da operação “Fecha Porteira”.

Rio de Janeiro
A megaoperação realizada pela Polícia Militar no Rio de Janeiro, especialmente no Conjunto de Favelas do Alemão, já causou prejuízo de mais de R$ 100 milhões aos tráfico, segundo informou nesta terça-feira (30) o comandante-geral da Polícia Militar do estado, Mario Sergio Duarte. A polícia teme que estes traficantes em fuga acabem buscando refúgios em outros estados como São Paulo, Minas Gerais e a Bahia.

Ao longo desta semana de ataques, foram registradas 37 mortes, 118 prisões, 130 detidos e 102 veículos incendiados no Rio. Foram apreendidos também 12 coquetéis molotov, 14 litros de gasolina, cinco litros de álcool, sete galões de gasolina, seis dinamites, seis espoletas e 77 granadas e bombas caseiras. No último domingo, a polícia civil apreendeu no Alemão 33 toneladas de maconha, 235 kg de cocaína, 27 kg de crack e 1.406 frascos de lança-perfume.

Escreva um Comentário

Faça o login para publicar um comentário.