Principais destinos dos conquistenses no Réveillon estão com passagens mais caras; confira

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Bahia | Data: 27 dez 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

Má notícia para quem pretende viajar de ônibus durante o Réveillon. As principais empresas que operam em Vitória da Conquista já estão comercializando os bilhetes com os preços alterados. Conforme antecipado pelo BLOG DA RESENHA GERAL, a Agerba autorizou o reajuste de 8,42% no preço das passagens no transporte intermunicipal.

Os novos valores passam a valer justamente no momento de alto fluxo de passageiros nos terminais rodoviários do estado, em função das festas de fim de ano. Sobretudo, em cidades do litoral. Desde ontem, todos aqueles que não compraram passagem antecipadamente terão que pagar valores já reajustados.

O BRG entrou em contato com as empresas Camurujipe e Cidade Sol, que confirmaram o reajuste nas passagens. Confira:

O principal destino comercializado pela Camurujipe, Salvador, teve um reajuste acima do autorizado pela Agerba, de 11%. O valor da passagem do ônibus convencional saltou de R$ 102.92 para R$ 110.77.

Já a Cidade Sol apontou as cidades de Ilhéus e Porto Seguro com o maior volume de procura. Para passar a virada de ano na terra de Gabriela, o consumidor terá que desembolsar R$ 57,10, antes a passagem custava R$ 53 (reajuste de 7,5%). O expresso para o mesmo destino saltou de R$ 59,70 para R$ 64,50 (8%). Para Porto Seguro, o acréscimo também foi maior que o autorizado, saindo de R$ 50 para R$ 55 (10%).

A Viação Novo Horizonte ainda mantêm os preços, mas garantiu que irá realizar o reajuste, no entanto, ainda sem prazo definido.

Segundo as empresas Camurujipe e Cidade Sol, os reajustes acima de 8,42% se devem ao fato das mudanças autorizadas pela Agerba nos anos anteriores não terem sido repassados integralmente ao consumidor.

A última vez em que o preço dos ônibus intermunicipais sofreu majoração foi em dezembro de 2015, quando sofreu aumento de 7,10%, válido a partir de janeiro deste ano.

Os comentários estão encerrados.