Sem acordo, greve nas Universidades Estaduais continua

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Educação | Data: 31 jul 2015

Tags:, ,

por Mateus Novais

dsc_0265

Mais uma tentativa de acordo entre professores universitários e Governo do Estado falhou, nesta sexta-feira (31). Durante a semana, os docentes sinalizaram positivamente para o fim da greve, sob a condição da assinatura de um termo de compromisso; o que não ocorreu.

O Termo de Compromisso solicitado pelos professores deveria prever implementação de promoções, progressões e mudanças de regime de trabalho que estão travadas, em até 60 dias. Além disso, o governo deveria se compromete a encaminhar, também em até 60 dias, para a Assembleia Legislativa o projeto de lei que revoga a lei 7176/97 e assegura a autonomia universitária conforme previsão do artigo 207 da Constituição Federal.

Ao fim da reunião de hoje, a Associações de Docentes da Uesb afirmou que “os representantes de Rui Costa não apresentaram o termo de Compromisso discutido durante as negociações do dia 27.07, que garantiria a criação de uma agenda de trabalho para debater os direitos trabalhistas em 2016″.

A greve deve ser mantida, pelo menos, até uma nova assembleia da Adusb, que ocorrerá no dia 4 de agosto, conforme prometeu os professores, “caso de algum tipo de mudança no conteúdo do acordo ou retirada da mesa de algum dos documentos, por parte do governo”.

Os comentários estão encerrados.