Pane do ATR – 600 da Azul em Conquista não é caso isolado. Passaredo usa o mesmo modelo

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 17 jan 2018

Tags:, ,

da Redação
Com informações do Diário do Poder

Segundo reportagem do Diário do Poder, a pane na noite desta 2ª feira (15), de uma aeronave  ATR 72-600 da Azul em Vitória da Conquista, não representa caso isolado. O piloto informou que houve uma pane no equipamento eletrônico da aeronave, que está sendo submetida à inspeção.

Esse tipo de aeronave é o mesmo que chocou o mundo em fevereiro de 2015, ao cair em um rio na zona urbana de Taiwan matando mais de 40 pessoas, embora foi constatado falha humana.

Panes

Não é caso isolado a pane que provocou pouso forçado do bimotor ATR 72-600 da empresa aérea Azul em Vitória da Conquista (BA).

Outras panes do ATR da Azul ocorreram em Uberlândia, São José do Rio Preto, Juiz de Fora, Salvador, Belo Horizonte e agora em Conquista.

Preocupação

A Azul garante que “não tem fundamento” a preocupação, mas já anunciou a venda de dez dos seus trinta ATRs, e a devolução de três.

O ATR 72-600 é muito usado por ser o mais barato (US$ 25 milhões), um quarto do valor do Airbus A320, e pelo baixo custo de manutenção.

A Passaredo utiliza o mesmo modelo de aeronave em voos para São Paulo, Salvador e Brasília.

Polícia Militar utilizará aeronaves no combate aos ataques contra bancos

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Segurança | Data: 14 jul 2015

Tags:, , ,

por Mateus Novais

IMG_1429foto: divulgação PM-BA

A Polícia Militar do Estado (PM-BA) anunciou, nesta terça-feira (14), o uso de duas aeronaves no combate aos ataques contra bancos. As aeronaves serão deixadas em estado de alerta para ocorrências que venham a acontecer no estado.

Em entrevista à Rádio Metrópole o comandante da PM-BA, Anselmo Brandão, afirmou que “uma aeronave [ficará] no norte e outra no leste, em estado de alerta”. “Eu não tenho dúvida que com essas ações de mobilidade para o enfrentamento das quadrilhas, fora as ações que estamos realizando diuturnamente, nós vamos ter uma redução significativa”, disse o comandante.

Vitória da Conquista desponta como produtora de aeronave

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 01 jun 2015

Tags:, , ,


por Mateus Novais

DSC_0526

Vitória da Conquista está sendo cada vez mais reconhecida pela terra das oportunidades. A força do empresariado local tem tornado o município em um terreno fértil para novos empreendimentos. Como é o caso da primeira fábrica de aeronaves da região Sudoeste.

Desde o ano de 2014, a cidade conta com uma empresa voltada para o mercado da aviação civil. Ela foi criada por um homem visionário, Gilberto Guilherme (foto), que, desde criança, sonhou em construir aviões. “Quando eu ainda era criancinha e via uma aeronave passar, ficava encantado e tinha vontade de construir uma aeronave”, revela Gilberto.

DSC_0524A primeira aeronave feita por ele levou um ano e meio para ficar pronta. Na época, o avião foi vendido quando ainda estava no papel. Apostando na vocação, Gilberto começou a produzir os aviões sob encomenda há quatro anos. No final do último ano, ele decidiu deixar a produção na Ilha de Itaparica, no recôncavo baiano, e se mudar para Vitória da Conquista. Após se instalar em um galpão no distrito de São Sebastião, a venda começou a aumentar, chegando a sete aeronaves vendidas em pouco mais de seis meses.

Hoje no Brasil só existem cinco empresas, como esta que ele criou, que são reconhecidas pela Anac. A aeronave criada por Gilberto tem ganhado espaço cada vez maior no mercado nacional. E para atender a demanda, os gestores da empresa já pretendem ampliar a produção. “Cada aeronave demora de seis a oito meses para ser construídas, mas a gente está pretendendo atingir, a partir de dezembro, duas aeronaves mês”, aposta Gilberto.

Projeto do deputado federal Lúcio Vieira Lima visa aumentar segurança em aeronaves

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 11 maio 2015

Tags:, , , , ,


Assessoria parlamentar 

Deputado Federal Lúcio Vieira Lima_Foto - DivulgaçãoNa última quinta-feira (7), o deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB) apresentou no plenário da Câmara um projeto de lei que trata sobre a obrigatoriedade da instalação de circuito interno de câmera de vídeo em aeronaves pertencentes às empresas brasileiras de aviação comercial. O PL n°1458, de 2015, visa aumentar a segurança dentro das aeronaves, seja de transporte de passageiros ou de cargas, tendo em vista a possibilidade da ocorrência de situações que precisem da captação de imagens, como por exemplo, caso de furtos, brigas, assédio, ameaça de terrorismo, danos às cargas transportadas, entre outros.

De acordo com Vieira Lima, a adoção de novas medidas de segurança, como o monitoramento através de câmeras de vídeo, ajudará na prevenção e resolução das situações citadas acima.  “Em uma rápida pesquisa na internet é possível encontrar episódios que poderiam ter sido resolvidos rapidamente caso esse sistema de segurança já estivesse em vigor”, estimou.

O deputado também salienta que a proposta do projeto de lei difere do sistema de monitoramento apenas da cabine do piloto, como já existe em muitas empresas. “A instalação das câmeras de vídeo nas aeronaves ocorreria nas áreas de circulação de passageiros e tripulantes, e de compartimento de cargas, como já existem em vários meios de transporte, como ônibus, trens, metrôs, etc.”, explicou.

Aeronave que decolou do aeroporto de Vitória da Conquista é obrigada a retornar por problema em equipamento

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 30 out 2013

Tags:, ,

Da Redação

Aeroporto de Vitória da ConquistaSusto em aeronave que decolou do Aeroporto de Vitória da Conquista na manhã desta quarta-feira (30). Um avião da viação Passaredo que decolou com destino à Guarulhos (SP) por volta das 09h30, teve que retornar ao aeroporto minutos depois da decolagem. É que foi constatado um problema no Ground Power Unit (GPU), um equipamento móvel terrestre que serve para fornecer energia aos aviões  quando eles estão no aeroporto, longe dos terminais. A tampa não foi fechada como deveria e o piloto foi orientado a retornar ao aeroporto para que a tampa fosse fechada corretamente.

Pouco tempo depois a aeronave decolou novamente, e a situação se normalizou no aeroporto de Vitória da Conquista.