Agentes comunitários e de endemias quer reajuste aprovado para os servidores

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 25 maio 2015

Tags:, , , ,


por Mateus Novais

tiraOs agentes Comunitários de Saúde e os de Combate às Endemias estão mobilizados contra a proposta da Prefeitura para a campanha salarial 2015. A categoria quer a concessão do reajuste salarial junto com os demais servidores públicos, o que é descartado pelo governo municipal.

O reajuste de 8.84%, retroativo a 1º de maio de 2015, que foi aprovado na última semana para os servidores, não contempla os agentes. A Administração Municipal argumenta que a aprovação do isso salarial é muito recente. Assim sendo, a Prefeitura oferece o reajuste para setembro deste ano, quando a aprovação do piso completa um ano. Mas a proposta não foi aceita pela categoria.

A coordenadora estadual do Sindicato dos Agentes Comunitários e de Endemias (Sindacs), Rita Suzana (foto), diz que os trabalhadores querem a “isonomia”. “Realizamos uma assembleia nesta segunda-feira e a categoria rejeitou a proposta do governo, porque nós somos servidores do município como todos os outros e merecemos o reajuste”, afirma. Ela também aponta para uma paralisação, caso as negociações não avancem. “Se o governo nos oferecer uma proposta razoável, não será necessária uma paralisação”.

Agentes comunitários e Prefeitura fecham acordo

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 06 maio 2014

Tags:, ,

por Mateus Novais

DSC_0083A Prefeitura Municipal emitiu nota informando que fechou um acordo com o Sindicato dos Agentes Comunitários e de Endemias (Sindacs), referentes à campanha salarial deste ano. O acordo estabelece aumento salarial de 6,78% para a categoria, além de 6,25% de reajuste no auxílio-alimentação, que passará a R$ 170, e reajuste de 40% na ajuda de custo.

Segundo a coordenadora estadual do Sindacs, Rita Suzana,a proposta foi aprovada, em uma assembleia realizada no dia 25 de abril, por quase 95% dos agentes. “O entendimento foi de que a categoria também concordou com o andamento das negociações, uma vez que o acordo foi aprovado praticamente por unanimidade”, afirmou.

Para conseguirmos bicicletas demorou 4 anos, imagina para motos, diz agente comunitário

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 20 mar 2014

Tags:, ,

por Mateus Novais

DSC_0083Segundo a coordenadora estadual do Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde Bahia (Sindacs), Rita Suzana, “somente hoje, através do Blog da Resenha Geral, é que o sindicato tomou conhecimento que as bicicletas tinham sido compradas”.

A coordenadora do sindicato também informou que a luta para a aquisição destas cerca de 180 bicicletas durou quatro anos. “Mas este ainda não é a melhor forma de deslocamentos dos agentes comunitários na zona rural. Solicitamos as bicicletas porque fomos informados que era o mais viável para a Prefeitura. Agora eu pergunto: se para conseguirmos bicicletas demorou 4 anos, imagina para motos?”, questiona.

Agentes comunitários conquistenses pararam atividade nesta quinta (20)

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 20 mar 2014

Tags:,

por Mateus Novais

DSCN2995Os agentes comunitários de saúde de Vitória da Conquista paralisaram as atividades nesta quinta-feira (20). A paralisação teve o objetivo de chamar atenção para algumas demandas da categoria que foram apresentadas ao Governo Municipal em 2010, mas que até agora não foram atendidas.

Segundo a coordenadora estadual do Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde Bahia (Sindacs), Rita Suzana, “somente agora foram apresentadas as bicicletas, que é uma reivindicação de quatro anos atrás. Além disso, estamos solicitando os uniformes, ponto de apoio nas localidades e material didático, que são reivindicações da campanha salarial de 2013”.

Agentes Comunitários de Saúde irão paralisar atividades por dois dias em Vitória da Conquista

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 18 mar 2014

Tags:, ,

por Mateus Novais

vitoria-2Os agentes comunitários de Saúde de Vitória da Conquista decidiram que vão paralisar as atividades nesta quinta e sexta-feira (20 e 21). A decisão foi tomada em assembleia realizada nesta terça-feira (18) no plenário da Câmara Municipal.

A paralisação já conta com a adesão de quase 100% da categoria. Os agentes alegam que a paralisação tem o objetivo de chamar atenção para algumas demandas da categoria que foram apresentadas ao Governo Municipal, mas que até agora não foram atendidas.

Os agentes reivindicam aumento salarial para R$ 1.500,00. A pauta será discutida com a secretaria de administração do município.