Acordo Prefeitura/Coelba beneficia a Avenida Brumado que recebe 100 mudas de ipê

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 03 ago 2017

Tags:, , ,

da Redação
Com informações e foto da Ascom/Prefeitura

A Prefeitura de Vitória da Conquista e a Coelba assinaram um termo de compensação ambiental e cem mudas de ipê, doadas pela concessionária foram plantadas na avenida Brumado. Outras 100 mudas de palma imperial serão plantadas na Avenida Jutaci Magalhães.

O acordo foi exigido pela Secretaria do Meio Ambiente que evitou que eucaliptos que estão às margens da BR-116, fossem erradicados, autorizando apenas a poda, e ainda a compensação ambiental com doação de árvores pela Coelba.

A secretária municipal de Meio Ambiente, Luzia Vieira não enconde a sua alegria e satisfação com o acordo firmado. Os ipês são de três cores diferentes –  branco, rosa e roxo. “A ideia é forma um degradê para termos um embelezamento daquela área. Pedimos a população que cuide dos ipês para que daqui a dois anos tenhamos o resultado que será o florescer destas árvores”, declara Luzia.

O empresário Ronaldo Carvalho que  comercializa equipamentos e máquinas na Avenida Brumado destacou a ação realizada pela Prefeitura. “Acho legal arborizar a Brumado. Acho bonita avenidas bem arborizadas e a nossa aqui até então tinha árvores, mas muito pouca. Os gramados das áreas públicas, de jardins, canteiros estão sempre bem aparados. Quanto isso ai estou satisfeito, está indo bem”.

Moradora do Vila Serrana IV, Marilene Santos, ficou feliz ao  ver as novas mudas de ipês: “É importante. Eu gosto muito do verde e ultimamente o homem tem matado as plantações e o ar fica mais poluído, então é bom plantar essas árvores”.

 

Vândalos destroem árvores plantadas na calçada da Prefeitura

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 19 jun 2017

Tags:, ,

Da Redação

Foto: Secom PMVC

Na noite do último domingo (18), um grupo de vândalos destruiu as árvores plantadas na calçada da sede da Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista. As mudas plantadas no local eram do tipo pingo-de-ouro, muito utilizada em projetos de paisagismo. De acordo com comunicado emitido pela Administração Municipal, a Secretaria de Meio Ambiente já está investigando o ocorrido e tomará as providências jurídicas cabíveis.

Segundo a Lei de Crimes Ambientais e Infrações Administrativas (Lei nº 9.605/98), o ato de vandalismo é configurado como crime ambiental, com pena de detenção de três meses a um ano, multa ou ambas as penas cumulativamente. Segundo o Art. 49, a penalidade é para qualquer ato de destruição, danificação, lesão ou maus tratos, por qualquer modo ou meio, a plantas ornamentais de logradouros públicos ou, ainda, em propriedade privada alheia.

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente afirmou que replantio dessas mudas será feito e o trabalho de arborização pública continuará ainda mais forte pela cidade.

Tem início projeto de urbanização e paisagismo do quarteirão da Prefeitura

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 08 maio 2017

Tags:, ,

da Redação
Conteúdo Ascom / Prefeitura

Neste final de semana, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente deu início à execução do projeto de urbanização e de paisagismo criado pelo engenheiro Leandro Fonseca. De acordo com a secretária de Meio Ambiente, Luzia Vieira, é um projeto belíssimo, que dará uma nova configuração ao quarteirão do prédio da prefeitura.

“Estamos iniciando o projeto pela arborização. A espécie que nós escolhemos é a Cássia Chuva de Ouro, que é uma espécie muito bela. Tivemos a preocupação de escolher uma espécie que nos permitisse trabalhar com facilidade a sua manutenção e para que não venha tampar a fachada da Prefeitura”, explicou a secretária. A parte de infraestrutura do projeto será executada pela Emurc.

Ao todo, foram plantadas 27 mudas da árvore, com a colocação de gradil de proteção. A árvore escolhida é uma das espécies indicadas para arborização urbana em passeios, dentro dos critérios técnicos de arborização pública. Para o plantio, após a abertura das covas, foi realizada a colocação de terra vegetal e a adubação orgânica e química do solo.

O prefeito Herzem Gusmão acompanhou o plantio das mudas e colaborou com a equipe da Secretaria de Meio Ambiente.

Lomantão ganha novas mudas no lugar de eucaliptos erradicados

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente | Data: 10 mar 2017

Tags:, ,

Da Redação

Foto: Secom PMVC

Cerca de 20 eucaliptos que, segundo estudos técnicos feitos pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Vitória da Conquista, já estavam com o ciclo de vida vencido, foram retirados do Estádio Lomanto Júnior. No lugar, foram plantadas 50 novas mudas das espécies Flamboyant e Pau Ferro.

Ainda conforme a Secretaria,  quando são detectadas árvores mortas, elas são erradicadas. E a cada árvore que se erradica, há o cuidado de se plantar o dobro ou o triplo de espécies diferenciadas.

As duas espécies escolhidas para substituição dos eucaliptos são plantas que se adaptam bem ao clima e ao solo de Vitória da Conquista. O Flamboyant, além de ser de grande porte, tem um crescimento rápido e floresce em determinadas épocas do ano. Já o Pau Ferro é uma espécie nativa, cujo crescimento não é tão rápido quanto o do Flamboyant. Mas a planta tem a característica de soltar um grande número de sementes, que germinam e dão origem a novas plantas – ou seja, ela forma verdadeiros “bosques” em torno de si, esclarece a pasta.

Vereador deseja a cidade mais verde com PL de plantio de árvores

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 18 dez 2015

Tags:, , ,

da Redação

Cori MoraesO vereador Cori Moraes (PT), passou a defender o Projeto de Lei nº 024/2015-L, de sua autoria, que disciplina a arborização urbana no município. A proposta foi apresentada na sessão da Câmara Municipal na quarta-feira (16). O parlamentar destacou que em todo o Brasil a preservação do meio ambiente ganhou espaço e destaque. “Em função disso propomos o presente projeto de lei visando disciplinar o plantio de árvores nas vias públicas”, disse e apresentou dois artigos que considera vitais:

Artigo 1º: Para efeitos desta lei, considera-se como bem de interesse comum a todos os munícipes, a vegetação de porte arbóreo nativa existente ou a que venha a existir no território do município, tanto de domínio público, como privado.

Artigo 7º: Fica oficializado e adotado em todo o município, como observância obrigatória, o “Guia de Arborização Urbana Viária” para servir de referência ao planejamento integrado da arborização urbana e outros equipamentos e serviços.

A cidade de Vitória da Conquista carece de áreas verdes. Impressiona a ausência de árvores na cidade. Para o Professor Cori “as áreas verdes ou os espaços verdes tornam-se, cada vez mais, essenciais ao planejamento urbano, cumprindo funções importantes de paisagismo, estética, plástica, higiene e de beleza cênica”.

Com informações da Ascom/CâmaraVC

Poda ou erradicação de árvore?

0

Publicado por Editor | Colocado em Meio Ambiente, Vit. da Conquista | Data: 20 jan 2015

Tags:, ,

da Redação

Poda B

Nesta 2ª feira (19), a Prefeitura de Vitória da Conquista através da Secretaria do Meio Ambiente, podou ou deu início à erradicação de mais uma árvore na cidade. A foto mostra uma estranha fiação que aparece atravessando a Avenida Ascendino Melo. Pode ter sido esse a motivação da estranha poda, proteger os fios, ou mesmo o corte definitivo da árvore por outro problema.

Conquista é uma cidade árida com poucas porções verdes preservadas. Atitudes inaceitáveis a PMVC vêm tomando. A impermeabilização da mata do Poço Escuro é um grande exemplo da falta de sensibilidade do prefeito que autorizou o maior crime ecológico da história do município. Em lugar de recompor a mata fizeram edificações com a utilização de cimento e ferro. As vias asfaltadas construídas no passado foram outro grande erro. Raul Ferraz, ex-prefeito, deixou pronto um projeto de recomposição da vegetação e a construção de um lago com um belo espelho d’água.

Relatório recomendava erradicação de eucalipto que caiu e deixou 3 feridos

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 10 mar 2014

Tags:, ,

da Redação

EucaliptoA equipe de fiscalização da Secretaria do Meio Ambiente da Prefeitura de Vitória da Conquista produziu e entregou no órgão um relatório sobre situação de árvores que representam risco com fixação no solo comprometida. Na relação consta o eucalipto que desabou na semana passada no Kadija deixando feridos 3 ocupantes de uma moto, inclusive uma criança.

Em vários pontos da cidade é possível localizar árvores nessas condições de risco. Algumas podem ser recuperadas com tratamento no combate de pragas e parasitas.

O Bosque da Rua da Granja é um bom exemplo. Formigueiros estão retirando muita terra que serve de fixação das árvores e não são combatidos pela secretaria competente. Áreas verdes, que são poucas na cidade, não vêm merecendo a devida atenção do poder público municipal.

Família adota jaqueira na Urbis II

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 22 jan 2014

Tags:, , ,

da Redação

Jaqueira 1BOntem foi citado em artigo os bons e maus exemplos em Vitória da Conquista em relação à preservação de árvores na cidade. A nossa reportagem detectou na Urbis II (CSU), mais um bom exemplo.

Uma família de uma residência preferiu preservar uma jaqueira. A casa foi construída sem que a árvore fosse sacrificada. Pelo visto a jaqueira foi adotada pela família. A cidade possui poucas árvores e existe uma cultura de erradicação de várias espécies.

Jaqueira 2BEm várisa cidades do Brasil existem leis e incentivos dos gestores para que os seus habitantes plantem e preservem áreas verdes. Até redução na cobrança do IPTU é possível após aprovação de Lei específica na Câmara de Vereadores. A cidade de Vitória da Conquista permanece sem nenhum incentivo ou campanha junto a população em defesa de uma cidade mais bela e agradável para se morar.

O bom exemplo que precisa ser seguido

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 20 jan 2014

Tags:, ,

da Redação

Arvore Tião B

A foto mostra uma bela porção verde de árvores que esconde grande parte da casa do médico, Sebastião Castro, localizada na Avenida Olívia Flores. Na frente e lateral de sua residência existem 16 árvores e mais umas 30 no quintal. Uma árvore isolada pode transpirar, em média, 400 litros de água por dia, produzindo um efeito refrescante equivalente a 5 condicionadores de ar com capacidade de 2.500 kcal cada, funcionando 20 horas por dia de acordo o Guia de Planejamento da Arborização Urbana Cesp, CPFL e Eletropaulo.

Em Vitória da Conquista é comum para muitos moradores erradicarem as suas árvores. Falta uma campanha de conscientização que possa estimular o plantio de várias espécies que tornarão a cidade mais bela e mais agradável. A cidade é muito árida e carece de urgente campanha em defesa de criação de áreas verdes.

No governo do ex-prefeito Murilo Mármores (89 a 92), foi lançado o projeto Bela Cidade que permitiu o plantio de várias árvores em toda cidade bem como a preservação de áreas verdes existentes.

Taxistas querem replantio de árvores no centro da cidade

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 30 set 2013

Tags:, ,

da Redação

Arvores Baraão BProfissionais motoristas de taxi da Praça Barão do Rio Branco, em Vitória da Conquista, vêm insistentemente cobrando da prefeitura à retirada de duas árvores mortas com galhas secas existentes naquele ponto.

Para Edson Oliveira, motorista de taxi “As árvores servem para sombrear os veículos e que a reposição precisa ser feita o mais rápido possível. Esperamos uma ação rápida do poder publico municipal”, afirmou. Em dias quentes, a depender do tempo da exposição dos veículos ao sol podem alcançar 60º de temperatura no seu interior.

Eucaliptos ameaçados por formigas no Lomantão

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 09 ago 2013

Tags:, ,

da Redação

FORMIGA LOMANTÃO BEngenheiro recomenda monitoramento das árvores

Um formigueiro  vem retirando grande quantidade de terra de alguns eucaliptos que ficam nas proximidades das arquibancadas do Estádio Lomanto Junior em Vitória da Conquista, margeando o acesso principal às cabines de Rádio/TVAs saúvas são formigas cortadeiras e são consideradas uma das principais pragas existentes na agricultura brasileira.

A ação do formigueiro, que retira muita terra das raízes das árvores, reduz a fixação ao solo e poderá com o tempo colocar em risco a integridade dos torcedores que frequentam o Lomantão. O engenheiro Leandro Fonseca, vice-presidente do CREA-BA, vem recomendando monitoramento de todos os eucaliptos e demais árvores que embelezam aquela praça esportiva. A poda  pode ser utilizada como prevenção de acidentes.

No Bosque da Paquera,  na Rua da Granja, vários eucaliptos sofrem do mesmo mal. A quantidade de terra retirada pelas formigas em determinadas árvores pode encher uma carroça. Com a palavra a Secretaria do Maio Ambiente da PMVC.