Evento discutirá a situação das barragens baianas

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 21 mar 2019

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-candeias-premium.gif

Da Redação

A Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb) irá realizar no dia 25 de março, no campus de Vitória da Conquista um evento para debater a situação das barragens de água e mineração, que estão localizadas na Bahia.

O tema central é “Barragens, Água e Mineração na Bahia: o que sabemos ou NÃO sabemos!”. Com a participação de representantes de diversos setores, o objetivo do evento é articular agentes públicos responsáveis para vislumbrar caminhos possíveis para a sociedade no que se refere ao impactos ambientais das barragens.

A atividade acontecerá no Teatro Glauber Rocha, das 8h00 às 12h15, e os interessados podem se inscrever aqui.

Bahia tem 14 barragens de rejeitos; duas estão na região Sudoeste

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia | Data: 28 jan 2019

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

Da Redação

Segundo dados da Agência Nacional de Mineração na Bahia (ANM), o estado tem um número muito menor de barragens de rejeitos, em relação a Minas Gerais. No território baiano são 14, desse total, duas estão na região Sudoeste: uma em Brumado e outra em Guanambi.

Ainda conforme a Agência, a Bahia não tem registro de acidentes com barragens de rejeitos. Mas, como medida preventiva, haverá intensificação do monitoramento das unidades. Assim, a partir da semana que vem, já será feita uma reunião para retraçar os planos de monitoramento das barragens baianas.

As barragens que têm mais alto potencial de dano, ainda de acordo com a Agência, são as localizadas em Jacobina (2), Santa Luz (1) e Itagibá (1), mas elas estão sendo monitoradas, inclusive presencialmente, e as empresas estão cumprindo os condicionantes impostos pela ANM.

Depois de mais de um ano, chega ao fim o racionamento de água em Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 11 jul 2017

Tags:, , ,

Da Redação

Chegou ao fim, depois de 14 meses, o raciojamento em Vitória da Conquista. Ogovernador Rui Costa anunciiu nesta terça-feira (11) que o fim da distribuição alternada de água na cidade começam na quarta-feira (12).

Rui Costa disse ainda que o encerramento do racionamento, que começou em maio de 2016, foi definido após o nível da barragem de Água Fria II ter chegado a 100%. Para a decisão, também contribui a conclusão das obras da adutora do Gaviãozinho.

Segundo a Embasa, o empreendimento pode representar um incremento de 30% no volume de água para o Sistema Integrado de Abastecimento de Água (SIAA) de Vitória da Conquista. A medida também vai proporcionar a recuperação gradativa e manutenção dos níveis de segurança do Sistema de barragens de Água Fria I e II.

Esse foi o mais longo racionamento já enfrentado pelos moradores de Vitória da Conquista. De acordo com a Embasa, a medida foi necessária por conta da falta de chuvas na região, que reduziu o volume de água armazenado nas barragens de Água Fria I e II. Na época do início do racionamento, as barragens ofertavamm apenas 13 mil litros de água por dia, mas para atender a demanda da cidade, seriam necessários 48 mil litros.

Embasa esclarece a farsa da construção das barragens do Rio Catolé e Rio Pardo, montada em 2012

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Política, Vit. da Conquista | Data: 14 jun 2016

Tags:, , ,

da Redação

Comício-BB

A direção da Embasa em uma coletiva concedida na manhã desta segunda-feira (13), sem a presença do presidente do órgão que não apareceu devido o cancelamento do voo da Passaredo, esclareceu a farsa montada antes das eleições de 2012, – quando o prefeito Guilherme Menezes (PT) e o então governador Jaques Wagner (PT), aparecem no programa eleitoral no Rádio/TV, para anunciar a construção de duas barragens.

No vídeo os petistas anunciam os milhões que já estavam liberados para a contsrução da barragem do Rio Catolé em Barra do Choça e a barragem do Rio Pardo em Inhobim.

Nova promessa

A nova gerente regional da Embasa em Vitória da Conquista, Kelly Galvão, disse que  o novo projeto para a construção da barragem, no valor de 159 milhões, está sendo remetido para a Caixa Econômica Federal. Se aprovado, será aberto o quarto processo de licitação. “Esperávamos que o presidente pudesse trazer mais detalhes sobre os trâmites administrativos. Mas, fora isso, não temos mais novidades”, disse. Se o processo andar serão necessários, segundo a direção da Embasa, mais 5 anos. Conquista não merece tanto descaso.

Barragens cheias e falta de água em Vitória da Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 23 nov 2015

Tags:, ,

da Redação
foto: Arquivo do BRG

Barragem

A Embasa convocou a imprensa e mostrou através de imagens em blogs e na televisão que as barragens de Água Fria I e II estão quase cheias. O engenheiro Álvaro Aguiar atestou um volume de água acumulado na ordem de 90%. Comemorou que a adutora que faz captação flutuante no Rio Catolé está resolvendo o problema de volume nas duas barragens.

A constatação do engenheiro reforça a tese da falta de investimento da Embasa em Vitória da Conquista para que a água possa chegar em muitos lares da zona urbana e rural.

Na noite deste sábado (21), moradores do bairro Miro Cairo do Residencial Pau Brasil, em protesto na Rua Siqueira Campos, em frente ao escritório da Embasa, exigiram água no bairro há 14 dias sem chegar nas residências.

A falta de ação do Governo da Bahia não incomoda a Prefeitura que segue inerte sem esboçar nenhuma reação. A Embasa é uma concessionária que não sofre fiscalização ou exigência do poder público municipal para solucionar o grave problema.

ANA vê alto risco em 24 barragens no Brasil

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Brasil | Data: 08 nov 2015

Tags:, ,

Agência Brasil

barragemOs dados mais recentes, de 2014, são de relatórios da ANA e do DNPM. Segundo o órgão federal de fiscalização da mineração, a probabilidade de acontecer um acidente na Barragem do Fundão era baixa em virtude da forma como a estrutura era gerida. A boa gestão é aferida, de acordo com o DNPM, por meio do bom monitoramento do reservatório e da documentação regularizada.

Segundo o documento da ANA, que contabiliza todas as estruturas de contenção do País, a barragem de Mariana integrava um grupo de 265 reservatórios, cerca de 1,7% do total, usados para armazenar rejeitos. Levantamento mostra que, entre 2011 e o ano passado, dez pessoas perderam a vida em 16 deslizamentos do tipo no Brasil.

…Leia na íntegra

Embasa atualiza números das barragens de Água Fria I e II

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 28 ago 2013

Tags:, ,

Da Redação

Gerente local da empresa disse que com a manutenção do racionamento, o volume atual armazenado garante o abastecimento do município até a chegada do período das chuvas.

Barragem de Água Fria IIDados referentes aos níveis das barragens que abastecem Vitória da Conquista, Água Fria I e II, foram divulgados pela Empresa Baiana de Águas e Saneamento – Embasa nesta semana. De acordo com a empresa, atualmente a barragem de Água Fria I conta com 144 mil m³ de água, o que corresponde a 82% do total de sua capacidade.

No entanto a barragem que serve de referência é a barragem de Água Fria II, pelo fato de ser bem maior. Hoje ela está com 5,030 milhões m³, ou seja, 78% de sua capacidade. O gerente local da Embasa, Álvaro Aguiar, justifica esses índices devido as baixas temperaturas que o inverno trouxe contribuindo para a diminuição da evaporação da água e um pouco de chuva que ocorreu na bacia das barragens.

O gerente ainda disse que com a manutenção do racionamento, o volume atual armazenado garante o abastecimento do município até a chegada do período das chuvas.

Racionamento e desperdício de água

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 15 ago 2013

Tags:, , ,

da Redação

VAzamento de àguaUm  leitor do Blog da Resenha Geral enviou para nossa redação uma foto que mostra o flagrante de um vazamento de água que está ocorrendo entre as fazendas Cofarma e Maracujá. O vazamento está acontecendo há mais de 20 dias e funcionários da Embasa passam pelo local todos os dias. Margeando a estrada de terra existente no local,  está a tubulação que abastece a cidade de Vitória da Conquista com a água das barragens de Água Fria I e II, que ficam no município da Barra do Choça.

Geralmente todos avisos de vazamentos de água em qualquer local, são imediatamente normalizados pelo diretor regional José Olímpio. A Embasa continua impondo a cidade o racionamento em função da falta de chuvas na região. A adutora em construção, que permitirá o bombeamento de água do Rio Catolé, continua avançando.

Revoltado por falta de barragens, André Cairo solta o verbo na Câmara

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 03 jun 2013

Tags:, ,

da Redação

barragens_19Na Audiência Pública sobre Barragem do Rio Catolé, no mês passado, o Presidente do Movimento Contra a Morte Prematura, André Cairo, revoltado com a falta d´água em Conquista, fez pronunciamento enérgico, com documentos, representação no Ministério Público, que acabou resultando no bombeamento de água do Rio Catolé para Barragem Água Fria I e II, idealizado pelo MCMP em maio de 2012, protocolado por José Olímpio, Gerente Regional da EMBASA, aprovado por Jaques Wagner, liberando R$32 milhões em 15/04/2013, por força do Ministério Público a pedido do MCMP.

“Água é mais importante que Aeroporto; nesta última, tem gente que paga para mentir, e eu não ganho nada pra falar a verdade, contra a morte de vivos e pelo ressuscitar das consciências mortas em vivos duvidosos, de DNA incompatível com o filho de outro pai”, finaliza Cairo, com vídeo no YOUTUBE, cobrando Barragens, pedindo água com “fortes gritos”. Fonte: Ascom – MCMP

Confira como estão os níveis das barragens de Ágrua Fria I e II

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 12 abr 2013

Tags:, ,

TV Aratu

Embasa promove coletiva para explicar retorno do racionamento em Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 10 mar 2013

Tags:, , , ,

da Redação
Fonte: Ascom – Embasa

embasa

Em entrevista coletiva à imprensa na manhã da próxima segunda, 11, a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) vai detalhar o funcionamento do Sistema Integrado de Abastecimento de Água de Vitória da Conquista, que terá o volume de água reduzido em toda a cidade a partir do dia 18 como medida preventiva de racionamento para garantir o abastecimento durante todo o ano.

No momento a barragem de Água Fria I detém a quantidade armazenada de 103mil/m³, o que representa 58% de sua capacidade total de177 mil/m³. Já Água Fria II está com 4.652 milhões/m³, ou seja, 72% de sua capacidade máxima que é de 6,458 milhões/m³.

…Leia na íntegra

Sem chuvas, níveis das barragens continuam caindo

0

Publicado por Editor | Colocado em Sudoeste, Vit. da Conquista | Data: 25 fev 2013

Tags:, , , ,

Nota Oficial – Embasa de Vitória da Conquista

Barragem Água Fria II

A ausência da ocorrência das fortes chuvas registradas durante o verão do Nordeste brasileiro tem contribuído para que o volume das barragens de Água Fria I e II continue baixando sem recuperar os níveis dos mananciais. Desde novembro, quando foram registradas as primeiras precipitações na bacia das barragens, o saldo representa um acumulo de apenas 1,300 milhão/m³.

Nesta segunda, (25/02), o reservatório de Água Fria II registra o volume de 4.800 milhões/m³, ou seja, 75% de sua capacidade total, o que significa estar dois metros abaixo do nível de extravasamento. No quadro comparativo com o mesmo período, no ano de 2013 a barragem se encontrava com 1,1 milhão/m³ a mais, ou seja, eram 5.900 milhões/m³ armazenados, antes da ação ilegal dos irrigantes. Já Água Fria I, com capacidade de armazenamento inferior, está com um volume de 98 mil/m³, o que representa 56%.

…Leia na íntegra

Barragens de Água Fria I e II voltam a registrar números preocupantes

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Economia, Sudoeste, Vit. da Conquista | Data: 11 jan 2013

Tags:, , , ,

Da Redação

As duas registram média de 80% de sua capacidade. Caso não chova forte nos meses de janeiro e fevereiro, pode acontecer retomada do rodízio de abastecimento de água.

Barragem de àgua Fria IIA seca mais forte enfrentada pela Bahia nos últimos 47 anos continua espalhando seus efeitos. As barragens de Água Fria I e II que abastecem Vitória da Conquista chegaram a registrar um de seus piores índices. A Água Fria I, por exemplo, chegou a secar, já a Água Fria II chegou a registrar apenas 40% do total de sua capacidade. Daí não teve outra saída, a solução foi iniciar um racionamento de água no dia 15 de maio de 2012. Em sistema de rodízio, os bairros de Vitória da Conquista passaram a ficar dois dias com água e dois sem.

As chuvas que caíram durante boa parte do mês de novembro de 2012 foram suficientes para fazer com que a barragem de Água Fria I alcançasse o limite de sua capacidade, enquanto que a Água Fria II chegou a registrar 87%. Desde então o sistema de rodízio de abastecimento de água foi suspenso, mas o racionamento permanece oficialmente. …Leia na íntegra

Barragens que abastecem Vitória da Conquista estão com boa capacidade

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Bahia, Sudoeste, Vit. da Conquista | Data: 14 dez 2012

Tags:, , , ,

Da Redação

Nível de água nas barragens de Água Fria I e II é satisfatório. Apesar do racionamento, desde outubro a água cai normalmente em Vitória da Conquista.

Há seis meses, a situação na barragem de Água Fria I era bem diferente da atual. A barragem chegou a ficar desativada e hoje está com 100% da capacidade. Na barragem de Água Fria II a situação é parecida. Apesar de já ter atingido apenas 40% da capacidade, hoje são cinco milhões 630 mil metros cúbicos de água, o equivalente a 87% da capacidade. …Leia na íntegra