Cartão Reforma vai operar R$ 7 milhões em Vitória da Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 14 nov 2017

Tags:, ,

da Redação

Lançado pelo Governo Federal,o Cartão Reforma será operado em Vitória da Conquista pela Caixa Econômica Federal. A Prefeitura através da Secretaria do Desenvolvimento Social desenvolveu ações para inserir Conquista no programa.

Economia

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles está eufórico com o momento que vive o Brasil –  ao sinalizar crescimento atual com projeção de crescimento para 2018. Meirellis repetiu que o Brasil superou a maior recessão da história e está crescendo desde o começo do ano.

“Com a mudança do governo no ano passado começamos a ter a recuperação da economia que se consolidou a partir do primeiro trimestre deste ano”, afirmou, em cerimônia na qual o presidente Michel Temer realizou a entrega simbólica dos primeiros Cartões Reforma. “O Brasil é um paciente que já saiu da UTI e não corre mais riscos”, completou.

Vitória da Conquista

O coordenador de Programas e Projetos Habitacionais, Péricles Nascimento – recebeu delegação do prefeito Herzem Gusmão (PMDB), e foi a Brasília no primeiro semestre do ano para viabilizar a inclusão da cidade de Vitória da Conquista no programa Cartão Reforma do Governo Federal. Os recursos aplicados servirão para fortalecer a economia da cidade e impulsionará a construção civil e tem um componente social relevante.

A Secretaria de Desenvolvimento Social tem avançado sob a administração da vice-prefeita Irma Lemos (PTB). O Programa de Regularização Fundiária, com entrega de escrituras, será contemplado com o financiamento do Cartão Reforma. Um percentual de investimento do Cartão Reforma contemplará famílias que recentemente receberam as escrituras de suas casas.

Famílias carentes de Vitória da Conquista serão prioridade no Cartão Reforma

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Brasil | Data: 19 maio 2017

Tags:, ,

da Redação

Vitória da Conquista é um dos municípios do Estado da Bahia que está relacionado e capacitado a participar da Primeira Etapa do programa Cartão Reforma do Ministério das Cidades – que tem como prioridade as famílias de baixa renda. O prefeito Herzem Gusmão (PMDB), enviou técnico para Brasília, o engenheiro Péricles, para receber toda capacitação que contribuirá para que o programa seja logo iniciado na cidade.

Economia

O Cartão Reforma lançado pelo Governo Federal irá fomentar a economia local pelo dinheiro oriundo da concessão de subsídio para compra de materiais de construção e contratação de profissionais da área de construção civil.

O Ministério das Cidades alerta que os municípios brasileiros, como Vitória da Conquista, poderá participar do processo seletivo, a partir do edital que será divulgado em breve pelo governo federal.  A PMVC iniciou a preparação do projeto, condição indispensável para que os recursos venham.

Os bairros mais carentes serão prioritários e as famílias terão que ter renda familiar bruta de até R$2.811,00 – e a quantidade estimada de famílias que poderão ser atendidas serão identificas e selecionadas pela Secretaria de Desenvolvimento Social. A previsão é que cada família receba cerca de R$ 5 mil para as obras de melhorias de suas habitações.

 

Cartão-Reforma será lançado na quarta-feira, diz ministro das Cidades

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 06 nov 2016

Tags:, ,

Estadão

brunoO ministro das Cidades, Bruno Araújo (PSDB-PE), anunciou neste sábado (5) que o Cartão-Reforma, voltado a reparos em imóveis, será lançado na próxima quarta-feira (9), às 15 horas, em Brasília (DF). No mesmo dia, “vamos assinar os primeiros contratos da faixa 1,5 do Minha Casa, Minha Vida (MCMV)”, acrescentou a jornalistas após participar da solenidade de abertura do 1º Feirão Morar Bem, Viver Melhor, realizado na capital paulista. O evento imobiliário é destinado a servidores estaduais e a inscritos no auxílio moradia.

Araújo detalhou que o orçamento inicial do Cartão-Reforma será de R$ 500 milhões, o que possibilitará atender cerca de 3,5 milhões de moradias em 2017, de um universo de 7,5 milhões de unidades habitacionais que necessitam de reformas em todo o País. Conforme o ministro, serão contempladas famílias com renda mensal de até R$ 1.800,00. O benefício médio deve girar em torno de R$ 5 mil, mas em alguns casos, a depender dos reparos, pode atingir um valor maior.

Sobre a faixa 1,5 do MCMV, Araújo destacou que os primeiros contratos também serão assinados na semana que vem. A contratação de 40 mil moradias inclusas nessa faixa, que considera famílias com renda de até R$ 2.350, foi anunciada pelo governo em agosto. A execução do projeto, porém, só foi autorizada pelo Ministério das Cidades no fim de setembro, quando a instrução normativa foi publicada no Diário Oficial da União (DOU).

Sobre a inadimplência no MCMV, Araújo comentou apenas que o ministério tem buscado fazer “uma campanha educativa, mas longe de ser repreensiva”, sobre o assunto com os beneficiários.