Centro de Cultura recebe Concerto em homenagem a Euclides da Cunha

0

Publicado por Editor | Colocado em Cultura, Geral, Vit. da Conquista | Data: 21 dez 2018

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-candeias-premium.gif

Neste domingo (23), o Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima, ), recebe na sua sala principal o maestro João Omar, o violonista Petrônio Joab e o solista Elton Becke, com o Concerto d’Os Sertões & Outras Terras.O evento começa às 17h. e as entradas custam R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia), com classificação livre.

O Concerto d’Os Sertões & Outras Terras é uma apresentação especial para homenagear o escritor e jornalista Euclides da Cunha (1866-1909), cuja morte completa 110 anos no ano que vem. No repertório, peças de Elomar Figueira Mello, Heitor Villa-Lobos, Carlos Gomes, Luiz Gonzaga, Chiquinha Gonzaga, entre outros compositores brasileiros. Haverá também a leitura de trechos do livro Os Sertões, da autoria do homenageado, e poesias de Guimarães Rosa, Ariano Suassuana, Affonso Romano de Sant’Anna e Camillo de Jesus Lima.

Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima recebe o encontro de Orquestras nesta sexta (14)

0

Publicado por Editor | Colocado em Cultura, Vit. da Conquista | Data: 13 dez 2018

Tags:, ,

 

Neste domingo (16), Centro de Cultura recebe a Orquestra Conquista Sinfônica; Confira

0

Publicado por Editor | Colocado em Cultura, Vit. da Conquista | Data: 14 set 2018

Tags:,

banner alfa park

Da Redação

Um grande evento irá acontece neste final de semana no Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima, a Orquestra Conquista Sinfônica, regida pelo maestro João Omar, realiza mais edição do Concerto Sinfonia Popular, com um repertório que aproxima o público do universo sinfônico a partir de músicas consagradas e, desta vez, a Orquestra vai apresentar também obras de compositores clássicos como Johann Sebastian Bach (1685-1750), Georg Philipp Telemann (1681-1767), Joseph Haydn (1732-1809), Giuseppe Verdi (1813-1901) e Ennio Morricone (1928)

A abertura do concerto será feita pela Orquestra Jóia do Sertão, que faz parte de um projeto pedagógico de aulas de instrumentos sinfônicos.

 O evento acontece neste domingo, 16 de setembro, 17h no Teatro do Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima. Os ingressos custam de R$ 20 e R$ 10 reias. Lembrando que estudantes, professores, idosos e pessoas com deficiência têm direito à meia-entrada. No domingo, a bilheteria do Centro de Cultura será aberta às 14h00.

Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima recebe turnê “Divino e Ateu”, do cantor Achiles

0

Publicado por Editor | Colocado em Cultura, Vit. da Conquista | Data: 19 jul 2018

Tags:, ,


Da Redação

Foto: Divulgação

Nesta quinta-feira (19), o Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima  recebe a partir das 20h, o Show de despedida da turnê “Divino e Ateu”, do cantor Achile.  O show concorreu ao Prêmio Caymmi de Música em 2017, tendo levado o troféu de Melhor Intérprete Masculino.

O projeto é tem o apoio institucional do Governo do Estado, através da convocatória especial Ocupe Seu Espaço, edição #ReConquista, através da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia.

Os ingressos podem ser adquiridos no valor de 20 (inteira) e R$ 10 (meia), à venda no Sympla e na loja Seja Nerd (av Siqueira Campos, 325 – Centro)

“Divino e Ateu” foi o primeiro álbum solo da carreira do cantor e compositor natural de Maracás (BA), lançado em março do ano passado pelo selo PIRIPIRI. O registro teve produção de Tiago Menezes e masterização de Felipe Tichauer, ganhador do Grammy Latino pelo álbum “Céu – Tropix” e sua turnê passou por cidades como Salvador, Maracás, Jequié e Natal (RN).

Centro de Cultura recebe a peça conquistense “Antônio – o espetáculo” neste fim de semana

0

Publicado por Editor | Colocado em Cultura | Data: 09 jul 2018

Tags:, , ,

Da Redação

Nos dias 13 e 14 de julho, o teatro do Centro de Cultura Camilo de Jesus Lima irá receber  a peça “Antônio – o espetáculo”. Sob a direção de Victória Vieira, a peça é uma produção 100% conquistense.

O espetáculo é fruto de uma pesquisa cênica que reproduz passagens e milagres da vida de Santo Antônio de Pádua, enfatizando sua busca por uma sociedade igualitária, pelo amor incondicional ao próximo e encontro com o verdadeiro sentido existencial. Exalta a valorização do conhecimento, o qual dignifica e constrói a individualidade e importância de cada ser.

Para além do elenco de atrizes e atores da cidade, se somam às cenas os bonecos marionetes, característicos das produções de Victória, que também é artista plástica e assina o texto, e a música autoral do maestro João Omar, em parceria com o músico Marcelo Viana.

As apresentações acontecerão às 20 horas, no Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima. Os ingressos podem ser adquiridos no Memórias de Naftalina (Praça dos Motoristas, nº 105); Trilha Calçados e Panvicon Center.

 

Depois de cinco anos, Centro de Cultura é enfim reinaugurado em Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Cultura | Data: 04 jul 2018

Tags:,

Da Redação
fotos: Rafael Gusmão

A população de Vitória da Conquista demorou cinco anos para ver o Teatro do Centro de Cultura Camilo de Jesus Lima com um espetáculo. O canto Xangai foi quem subiu ao palco do espaço pela primeira vez depois de tanto tempo sem funcionar. Seu show marcou a cerimônia de reinauguração do Centro de Cultura.

O evento aconteceu na noite dessa terça-feira (3) e contou com a presença do governador da Bahia, Rui Costa, que na ocasião recebeu o Título de Cidadão conquistense. Vitória da Conquista tem uma tradição cultural extraordinária. Para os artistas, a reinauguração do Centro de Cultura representa o resgate da arte da cidade, que estava adormecida.

Coordenadas pela Secretaria de Cultura do Estado (Secult), as obras incluíram substituição das portas de emergência e instalação em local visível, instalação de barras anti-pânico e de guarda-corpo na sala principal, piso tátil (com adequação às normas de acessibilidade), aquisição de extintores de incêndio, instalação de luminárias de emergência, sinalização retrorrefletiva de emergência, revisão da bomba de recalque, revisão de hidrante e mangueira de incêndio e revisão elétrica.

Os serviços envolveram também pintura, revisão das esquadrias de madeira e vidro, recuperação de piso, telhado e forro da sala de espetáculos, pavimentação da área externa, projeto de paisagismo, revisão do sistema de ar condicionado e substituição de luminárias. Além disso, houve requalificação técnica do espaço, com instalação de novas poltronas, vestimentas cênicas anti-incêndio e equipamentos de iluminação, como mesa de iluminação cênica, dimmer box e lâmpadas cênicas.

Divulgadas as primeiras ações aprovadas para o retorno do Centro de Cultura

0

Publicado por Editor | Colocado em Cultura, Geral | Data: 11 jun 2018

Tags:


Da Redação

A Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (Secult) divulgou o resultado da convocatória especial de ocupação de pautas artístico-culturais do Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima, em Vitória da Conquista. As ações aprovadas marcarão o retorno do espaço, que ficou fechado durante os últimos cinco anos.

Foram contempladas as propostas no Ocupe Seu Espaço edição especial ReConquista: Piripiri – Mostra Autoral deMúsica; Antônio, O Espetáculo; Cantando o Rádio Nacional; Achiles – encerramento do show “Divino e Ateu”; A Bofetada; Tal Pai, Tal Filho; Folia de Rainhas; Sarau & Palco Hotel Mambembe 21ª Edição; Rock You To Hell – 6°Edição; Dias de Circo – Tela, Trape e Piso; Capoeira como meio preservação cultural e de combate a desigualdade e racismo; Invasão Nave – Drama e Musicalidade; Workshop de Produção Cultural e Lançamento CD Fruturo.

Conforme a Secretaria, os proponentes devem entrar em contato com coordenação do Centro de Cultura a partir desta segunda-feira (11), para assinatura do Termo de Compromisso e Responsabilidade (TCR).

Inscrições para ocupação das dependências do espaço cultural Centro de Cultura começam nesta quarta (9)

0

Publicado por Editor | Colocado em Cultura, Vit. da Conquista | Data: 09 maio 2018

Tags:,

                                         

Da Redação


A Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA), através da Superintendência de Desenvolvimento Territorial da Cultura (Sudecult), lançou a primeira chamada pública com o objetivo de selecionar propostas artístico-culturais, das mais variadas linguagens, para ocupação das dependências do espaço cultural Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima. Os interessados poderão submeter as propostas até o dia 25 de maio.

As atividades artísticas-culturais poderão ser realizadas na sala principal, anfiteatro, foyer/galeria, área externa e salas multiuso do Centro de Cultura no período de 12 de junho a 31 de julho de 2018. Com a divulgação da chamada pública, a expectativa é que o Centro de Cultura, fechado há mais de quatro anos, seja reinaugurado até o início de junho.

Atualmente, o espaço está recebendo a terceira etapa da reforma. A obra segue o projeto do Sistema de Segurança e Combate a Incêndio, Pânico e Acessibilidade. Teto e piso do teatro também passaram por reforma.

O Centro de Cultura Camilo de Jesus Lima foi interditado a pedido do Ministério Público da Bahia, baseado em dois laudos do Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia da Bahia (Crea-BA) e do Corpo de Bombeiros que apontaram falhas em 34 itens de segurança, como fiação exposta e extintores de incêndio vencidos, por exemplo.

Governador Rui Costa afirma reabertura do Centro de Cultura para final de maio

0

Publicado por Editor | Colocado em Cultura, Vit. da Conquista | Data: 09 abr 2018

Tags:, ,

Da Redação


Na última sexta-feira (06), em entrevista coletiva o governador do estado Rui Costa,  comentou sobre a situação do  Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima em Vitória da Conquista.

Segundo o governador o compromisso da Secretaria de Cultura do Estado está firme,  e que o Centro de Cultura vai conseguir ser reaberto no final de maio.  “Se isso fosse extrapolado para outros serviços nós teríamos um colapso em vários serviços públicos, mas é um compromisso da secretária (de Cultura do Estado) de entregar e de concluir a obra até o final de maio. Eu retornarei à Conquista até o final de maio para inaugurar os 20 leitos de UTI eu pretendo casar as duas vindas e reabrir o Centro”, destacou o governador.

O Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima, está fechado desde 2013 quando foi apresentada pelo Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA), uma ação solicitando novas normas de segurança.

Governo do Estado promete reabertura do Centro de Cultura para o primeiro quadrimestre de 2018

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 20 nov 2017

Tags:, ,

Da Redação


Na última semana, o Governo do Estado retomou as obras da reforma do Cento de Cultura Camilo de Jesus Lima, em Vitória da Conquista. De acordo com a Secretaria Estadual de Cultura, que administra o espaço, o Centro de Cultura deve ser reaberto no primeiro quadrimestre de 2018.

Fechado há  quatro anos, o principal espaço de apresentações culturais de Vitória da Conquista está recebendo a terceira etapa da reforma. A obra segue o projeto do Sistema de Segurança e Combate a Incêndio, Pânico e Acessibilidade. Teto e piso do teatro ainda devem ser reformados e as 380 cadeiras também serão trocadas por novas poltronas.

O pedido de interdição do espaço partiu do Ministério Público da Bahia, baseado em dois laudos do Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia da Bahia (Crea-BA) e do Corpo de Bombeiros que apontaram falhas em 34 itens de segurança, como fiação exposta e extintores de incêndio vencidos, por exemplo.

 

Centro de Cultura de Conquista deve completar 5 anos fechado

0

Publicado por Editor | Colocado em Cultura | Data: 21 set 2017

Tags:,

Da Redação


Ao que tudo indica, a suspensão das atividades do Centro de Cultura Camilo de Jesus Lima, em Vitória da Conquista, completará, em 2018, cinco anos. Isso porque o espaço só deverá reativado no fim do primeiro semestre do próximo ano, conforme informações da Secretaria de Cultura do Estado.

Para voltar a funcionar, o Centro de Cultura precisa passar pela terceira etapa da reforma, que vem caminhando a passos lentos desde 2013. O próximo passo, será a execução do projeto de reforma do Sistema de Segurança e Combate a Incêndio, cuja licitação foi concluída e teve como empresa vencedora a Nordeste Incorporações e Serviços Eireli.

O pedido de interdição do espaço partiu do Ministério Público da Bahia, baseado em dois laudos do Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia da Bahia (Crea-BA) e do Corpo de Bombeiros que apontam falhas em 34 itens de segurança, como fiação exposta e extintores de incêndio vencidos, por exemplo.

Reforma do Centro de Cultura pode sair do papel; equipamento está fechado há 4 anos

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 29 jul 2017

Tags:, ,

Da Redação

A Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (Secult) publicou o edital de licitação para reforma do Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima, em Vitória da Conquista, que está fechado há exatos quatro anos. O processo licitatório visa a contratação de uma empresa para executar o projeto de reforma do Sistema de Segurança e Combate a Incêndio, Pânico e Acessibilidade.

Teto e piso do teatro ainda devem ser reformados e as 380 cadeiras também serão trocadas por novas poltronas. No entanto, o Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima, ainda não tem data para voltar a funcionar.

Sendo o principal local para a realização de eventos culturais, como apresentações teatrais, musicais e de dança e exposições, em Vitória da Conquista, a interdição do espaço, ocorrida em 2013, ainda tem trazido bastante prejuízo para a cultura do município.

De acordo com a Secretaria Estadual de Cultura, a responsável pela gestão do Centro de Cultura, a interdição foi necessária para a realização de reforma do espaço que, por falta de verba, vem acontecendo a passos bem lentos. Na primeira parte da obra, apenas foram concluídos os banheiros do foyer, camarins e concha acústica e instalados uma rampa para dar acesso ao palco externo, algumas barras e um corrimão, para cumprir as normas de acessibilidade. Também foram finalizadas as reforma do anfiteatro e das salas de ensaio.

 

 

Quatro anos depois, Centro de Cultura ainda não tem data para ser reativado

0

Publicado por Editor | Colocado em Cultura | Data: 23 maio 2017

Tags:, ,

Da Redação


O Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima, fechado há quatro anos, ainda não tem data para voltar a funcionar. Sendo o principal local para a realização de eventos culturais, como apresentações teatrais, musicais e de dança e exposições, em Vitória da Conquista, a interdição do espaço tem trazido bastante prejuízo para a cultura do município, que já é muito carente.

De acordo com a Secretaria Estadual de Cultura, a responsável pela gestão do Centro de Cultura, a interdição foi necessária para a realização de reforma do espaço que, por falta de verba, vem acontecendo a passos bem lentos. Na primeira parte da obra, apenas foram concluídos os banheiros do foyer, camarins e concha acústica e instalados uma rampa para dar acesso ao palco externo, algumas barras e um corrimão, para cumprir as normas de acessibilidade. Também foram finalizadas as reforma do anfiteatro e das salas de ensaio.

O próximo passo, será a execução do projeto de reforma do Sistema de Segurança e Combate a Incêndio, cuja licitação está concluída. Segundo a Secretaria de Cultura, essa parte final da obra irá custar R$ 900 mil. Teto e piso do teatro ainda devem ser reformados e as 380 cadeiras também serão trocadas por novas poltronas.

A falta de interesse do Governo do Estado em reativar o Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima demonstra o quanto a cultura do interior baiano ainda está inviabilizada. Infelizmente, os olhos, bem como os investimentos, são direcionados apenas para a capital.

Bancada cobra esclarecimentos sobre reabertura do Centro de Cultura

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Cultura, Vit. da Conquista | Data: 07 abr 2017

Tags:, , , ,

da Redação

Conteúdo Ascom / Câmara Municipal

Os encaminhamentos do governo estadual para a reabertura do Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima, interditado há mais de três anos, foi a principal pauta de reunião entre representantes da Secretaria Estadual de Cultura (Secult-Ba) e vereadores da Bancada de Oposição, ocorrida nessa quarta, 5, na Câmara Municipal de Vitória da Conquista. Os parlamentares Nildma Ribeiro (PCdoB), Danillo Kiribamba (PCdoB), Viviane Sampaio (PT), Valdemir Dias (PT), Fernando Jacaré (PT), Professor Cori (PT), Luciano Ribeiro (PR), Adinilson Pereira (PSB) e Rodrigo Moreira (PP) conversaram com a diretora de Espaços Culturais da Secult, Maria Marighella, a representante Territorial de Cultura, Maritza Ribeiro, e o coordenador do Centro de Cultura, Elton Becker.

Marighella relatou a situação que levou ao fechamento do equipamento e as ações do Estado para atender às adequações exigidas por diversos órgãos, como o Corpo de Bombeiros. Ela ressaltou que contingenciamentos tanto no orçamento da pasta como em emendas do orçamento da União prejudicaram a reabertura do Centro. Em 2015, por exemplo, uma emenda do deputado Waldenor Pereira (PT) de R$ 1 milhão, diante da crise por que passa o país, caiu para R$ 500 mil. A emenda cobriria o orçamento inicial de reestruturação do Centro, na época R$ 750 mil. Segundo a diretora, “a gente precisa devolver a essa comunidade, a essa população, e esse território” um equipamento completo.

Vistoria da Caixa no equipamento

Aos vereadores, ela explicou que o orçamento do projeto foi reestruturado e vai ganhar o reforço da Caixa, foi assinado um contrato de repasse de recursos no final de 2016, além dos valores já previstos – emenda do deputado Waldenor Pereira (PT), recursos próprios e do Ministério da Cultura. Ainda na quarta, pela manhã, a equipe da Secult e o vereador Danillo Kiribamba (PCdoB), presidente da Comissão de Cultura da Casa, acompanharam vistoria da Caixa no equipamento. Já na última terça, 4, o Estado publicou no Diário Oficial a realização de pregão eletrônico nº 009/2017, previsto para o dia 19 de abril, para aquisição de poltronas para o auditório do Centro. O recurso vem de convênio firmado com o Ministério da Cultura.

Maria Marighella ressaltou que o projeto conta com o apoio direto da Casa Civil e que o governador Rui Costa tem se empenhando pessoalmente na reabertura do equipamento. O gestor se comprometeu a adiantar o valor da emenda parlamentar para dar celeridade ao processo. Já os vereadores acordaram solicitar mais informações por meio de um requerimento e fazer ainda uma vistoria no equipamento, além de continuar a acompanhar os desdobramentos até a reabertura do Centro.

Cori propõe união dos vereadores para reabertura do Centro de Cultura

0

Publicado por Editor | Colocado em Política, Vit. da Conquista | Data: 17 mar 2017

Tags:,

da Redação
Com informações da Ascom / Câmara Municipal (Conteúdo)

Na sessão especial de entrega da Medalha Glauber Rocha, parte da programação do Dia Municipal da Cultura, ocorrida nessa quarta-feira (15), o vereador Professor Cori (PT) reconheceu a importância da Casa da Cultura, uma das homenageadas, e afirmou que se trata de um justo reconhecimento. Para Cori a cultura é a espinha dorsal de um povo, “emprestando-lhe as características e as raízes do seu desenvolvimento como também para o seu crescimento intelectual e social”.

Em sua fala, Cori frisou que a medalha faz uma justa referência ao cineasta conquistense e mundialmente famoso Glauber Rocha. Lembrou que esse ano faz uma homenagem póstuma, dedicando a medalha ao produtor cultural Paulo Mascena, falecido recentemente, e que agora pode se tonar um símbolo da luta pela reabertura do Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima, interditado há mais de três anos. “Que essa Casa possa ecoar voz e o que foi discutido aqui”, disse. Ele aventou a possibilidade de os edis destinarem parte das emendas impositivas para a conclusão das obras de reforma do Centro. “Se o governo do Estado não garantir que os 21 vereadores destinem parte das emendas impositivas”, sugeriu. O vereador propôs levantar o projeto técnico e o orçamento da obra.

O parlamentar ressaltou a riqueza cultural do povo brasileiro. “É o Brasil da folia de Reis, do bumba-meu-boi, do maracatu, da festa junina, do fandango, do carnaval, do carimbo, do boi-bumbá, do forró, das mais diversas manifestações”. Ele lembrou que a cultura é sinônimo de resistência e promove fortes laços nas relações humanas.

Scambo será uma das atrações da 2ª edição do Veraneio

0

Publicado por Editor | Colocado em Cultura, Vit. da Conquista | Data: 21 dez 2016

Tags:, ,

Da Redação

A segunda edição do Veraneio vai acontecer no dia 21 de janeiro e uma das atrações será banda a Scambo, de Salvador. O evento acontecerá no Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima.

A banda, que já completa mais de 10 anos de carreira, participou e foi destaque no programa Superstar, da Rede Globo, no ano de 2015. A banda conquistou fãs por toda a Bahia com o seu repertório autoral, com influências do rock e da MPB.

A primeira edição do Veraneio, que é de realização do Coletivo Suíça Bahiana, aconteceu em janeiro deste ano com um grande sucesso de público, e a próxima edição promete consolidar o evento em Vitória da Conquista.

A programação do Veraneio, que começa a partir das 15h, também contará com o show das bandas Enio, de Salvador, e a Hazamat, da Paraíba, além do cantor conquistense, Achiles. Feira de vinis, camisetas e acessórios, mini praça de alimentação e discotecagens de Paulinha Chernobyl e RaFha também farão parte do evento.

Os ingressos custam R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia) e já podem ser comprados na internet, por meio do site Sympla.

Centro de Cultura segue fechado, enquanto Governo investe em festa privada

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Cultura | Data: 30 ago 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

Centro-de-cultura

Desde junho de 2013, o teatro do Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima está fechado para apresentações artísticas. Nesses mais de três anos, vários espetáculos deixaram de acontecer no município por falta de espaço. O prejuízo é grande. No entanto, o Governo do Estado, responsável pelo Centro de Cultura, investe recursos em evento privado.

Na reforma do Centro de Cultura, já foram gastos R$ 320 mil – há três anos a reforma foi orçada em R$ 300 mil. Há 10 meses toda a reforma foi paralisada, tendo sido reformado os banheiros, construído rampas de acesso e melhorias na parte hidráulica e elétrica. A terceira e última etapa, que contempla o teatro, não tem previsão para começar, mas deve custar R$ 550 mil. (números que geraram estranheza ao Ministério Público)

Enquanto isso, o Governo do Estado foi um dos patrocinadores másteres da última edição do Festival de Inverno Bahia, assegurando R$ 174 mil, conforme apurou o BLOG DA RESENHA GERAL.

Outra discrepância com a Cultura do município foi registrada na edição do São João de Vitória da Conquista. O edital da Bahiatursa (empresa de turismo do estado) deixou o município custear sozinho a festa, orçada em R$ 200 mil. Na época, uma fonte ligada à Administração Municipal fez a comparação dos gastos entre o evento privado e o evento popular. “Está sendo melhor ser contra do que a favor do Governo”, declarou esta fonte.

O investimento, claro, não é ilícito, mas é moralmente questionável. Como é regida a prioridade na cultura do Estado? É a pergunta a ser respondida.

Prefeitura é quem determina novos alvarás na Concha, diz Centro de Cultura

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Cultura | Data: 15 jul 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

IMG_7833Após a publicação de matéria sobre problemas de estrutura para a realização de eventos do Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima, a coordenação do espaço procurou a redação do BLOG DA RESENHA GERAL para explicar a exigência do alvará na realização de show na Concha. Segundo a coordenação do espaço, a medida atende uma determinação da Prefeitura Municipal, que solicita o alvará a cada show realizado no local.

A cerca do valor de aluguel cobrado dos produtores, a coordenação do espaço informou que os valores praticados são R$ 320, em eventos que vão até às 22 horas, e R$ 640, naqueles que ultrapassarem este horário. O valor de até R$ 2.160 só é cobrado em eventos na sala principal (teatro), em eventos com público fechado sem venda de ingressos, apontou a coordenação.

Sobre os demais problemas citados na matéria, como falta de som, iluminação e cobertura, a coordenação do Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima preferiu não comentar.

Concha do Centro de Cultura não tem alvará para realização de shows

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Cultura | Data: 13 jul 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

IMG_7833

Vitória da Conquista é carente de espaços públicos para a realização de evento. Disso todo mundo sabe e todo produtor cultural conquistense se queixa há muito tempo. O problema é que os poucos que tem não oferecem estrutura adequada, o que impede a realização de eventos que fogem do main stream.

O principal deles, o Centro de Cultura Camilo de Jesus Lima (que está há 3 anos com seu teatro fechado), com sua Concha Acústica, é apontado como o principal local para a realização de shows. No entanto, o espaço mais dificulta do que facilita a vida do produtor alternativo.

O problema já começa com a falta de alvará. Isso mesmo, o alvará de funcionamento da Centro de Cultura (um equipamento do Governo do Estado) não serve para a realização de eventos na Concha. Toda vez que se faz evento na Concha tem que solicitar vistoria do Corpo de Bombeiro, vistoria do CREA-BA, vistoria da Vigilância Sanitária, tirar alvará na Prefeitura, pagar o ISS da Prefeitura e o ECAD. Tudo isso custa dinheiro.

Mas o problema é mais extenso. Depois de todos estes gastos, o produtor terá que providenciar toda estrutura de som, luz, cobertura, etc. E a administração do centro de Cultura ainda cobra R$ 500 ou 10% da bilheteria (o que for maior) para eventos que vão até as 22 horas. No caso dos que ultrapassarem este horário o valor sobe monstruosamente: R$ 2 mil.

Por estas e outras é que a média da Concha conquistense é de um evento por mês. Só para efeito de conhecimento, a Concha Acústica do Teatro Castro Alves, em Salvador, recebe pelo menos quatro eventos por semana.

Carro destrói portão do Centro de Cultura em Conquista

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 22 abr 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais
foto: WhatsApp BRG

IMG_0768

Um veículo destruiu parte do portão de acesso ao Centro de Cultura Camilo de Jesus Lima, em Vitória da Conquista, na madrugada desta sexta-feira (22). Com o forte impacto o portão e parte da mureta de pedra ficaram destruídos.

Ainda não se sabe o que teria causado este acidente, e nem as condições de saúde de quem conduzia o carro.