Conta de luz começa o ano 8,3% mais cara

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Bahia | Data: 27 dez 2014

Tags:,

A Tarde

650x375_coelba-energia-tarifa_1478356O consumidor brasileiro já vai começar 2015 pagando uma conta de luz mais cara. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) divulgou, nesta sábado, 27, que as chamadas bandeiras tarifárias para janeiro serão classificadas como vermelhas em todas as regiões do País, indicando que o custo da energia está em seu nível mais alto.

Assim, cada conta de luz terá um adicional de R$ 3 por cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos. As empresas distribuidoras devem arrecadar até R$ 800 milhões a mais já no próximo mês. Uma conta de R$ 65,20 subiria para R$ 67,65 em caso de adoção da bandeira amarela e para R$ 70,09 no caso da bandeira vermelha.

Isso porque o consumo médio do brasileiro é de 163 kWh por residência, segundo a Empresa de Pesquisa Energética (EPE), e a tarifa média do consumidor residencial, de acordo com a Aneel, é de R$ 400 por megawatt-hora (Mwh). Os valores parecem pouco significativos individualmente.

…Leia na íntegra

Conta de luz ficará mais cara a partir de janeiro

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Economia | Data: 13 dez 2014

Tags:, , ,


650x375_conta-coelba-reajuste_1406080A partir de janeiro de 2015 já começa a valer o Sistema de Bandeiras Tarifárias, nas contas de energia de todo o país. Os baianos já estão recebendo as contas com bandeiras nas cores verde, amarela e vermelha, que sinaliza o custo da energia. Ou seja, sempre que as usinas térmicas forem acionadas, o preço da energia aumenta. Conforme a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), “as bandeiras funcionam como um semáforo de trânsito que indica diferença de custo de geração de energia para o consumidor”.

A Bandeira Verde significa custos baixos para gerar a energia e nenhum acréscimo na tarifa. A Amarela indica um sinal de atenção, pois os custos de geração estão aumentando e a tarifa sofre acréscimo de R$ 1,50 para cada 100 quilowatt-hora (KWh) consumidos. …Leia na íntegra

Conta de luz pode aumentar se Brasil não cumprir Convenção de Estocolmo

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Brasil, Economia | Data: 29 nov 2014

Tags:,

Agência Brasil

Reduzir Conta de Luz 2A Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica (Abradee) estima que o setor precisará investir R$ 25 bilhões para cumprir, até 2028, parte dos compromissos assumidos pelo Brasil na Convenção de Estocolmo. O tratado, firmado em 2004 e ampliado em 2010, tem por objetivo proibir produção e uso dos chamados Poluentes Orgânicos Persistentes (POPs).

São 21 substâncias químicas que, além da afinidade com tecidos gordurosos, têm facilidades para se acumular e se espalhar pelo meio ambiente. Entre esses poluentes, o askarel – óleo resistente ao fogo – é bastante usado para condução de energia elétrica em transformadores, capacitores, reatores, interruptores e cabos elétricos. Em contato com pessoas, o produto pode causar males como câncer, além de problemas em diversos órgãos.

…Leia na íntegra

Conta de luz ficará quase 17% mais cara

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Brasil, Economia | Data: 14 set 2014

Tags:

Rádio 2 de Notícias

340x255_conta-coelba-reajuste_1407447A conta de luz deve fechar 2014 quase 17 por cento mais cara. É o que diz a ata da última reunião do Comitê de Política Monetária do Banco Central.

Se confirmado, o aumento será mais de duas vezes maior que o previsto pelos economistas do próprio Copom no começo deste ano.

A explicação para a alta da conta de luz é a falta de chuva, que prejudicou a produção de energia nas hidrelétricas. Com isso, as usinas termelétricas, que funcionam com a queima de gás ou de óleo, por exemplo, foram acionadas. Mas, neste caso, o custo para se produzir energia é bem maior. E acaba repassado ao consumidor.

A boa notícia para o trabalhador é que a conta de telefone deve ficar mais barata. Já que a previsão para as tarifas do setor é de queda de mais de seis por cento.

Conta de luz deve subir 11,5%, diz Banco Central

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Brasil, Economia | Data: 07 jun 2014

Tags:

Agora São Paulo

650x375_conta-coelba-reajuste_1406080O Banco Central projeta alta de 11,5% nos preços da energia elétrica no Brasil neste ano, além de esperar uma redução de 4,2% nas tarifas de telefonia fixa.

As estimativas foram divulgadas ontem na ata do Copom (Comitê de Política Monetária).

Na última ata, divulgada em abril, o governo esperava um reajuste de 9,5% nas contas de energia elétrica.

O relatório se refere à reunião realizada na semana passada para definir a taxa básica de juros, a Selic, que foi mantida em 11% ao ano.

Os membros do Copom discutem a situação econômica do país sob vários aspectos para definir se haverá ou não alteração na taxa.

Reajustes já ‘engoliram’ desconto na conta de luz

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Brasil, Economia | Data: 10 maio 2014

Tags:

Agência Estado

Reduzir Conta de Luz 2O desconto dado pela presidente Dilma Rousseff na conta de luz durou pouco mais de um ano. Depois dos últimos reajustes concedidos pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), o benefício praticamente desapareceu da tarifa de algumas distribuidoras. Numa delas, caso da AES Sul (RS), o preço para o consumidor residencial está R$ 7 mais alto que antes do desconto. Em outros casos, falta muito pouco para o benefício ser anulado.

Das 17 concessionárias que tiveram reajuste até abril, apenas três mantiveram a redução na tarifa do ano passado para cá, segundo dados da Aneel. É o caso de CPFL Mococa, CPFL Leste Paulista e Enersul. Os consumidores do Nordeste e de Minas Gerais foram os que mais sentiram os reajustes.

…Leia na íntegra

Conta de luz fica mais cara a partir desta terça na Bahia

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Bahia | Data: 21 abr 2014

Tags:,

A Tarde

340x255_conta-coelba-reajuste_1407447As contas de luz na Bahia ficam mais caras até 15% a partir desta terça-feira, 22, quando começa a valer o reajuste da tarifa de energia para consumidores residenciais e empresariais aprovado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Conta residencial sobe 14,82%, empresarial aumenta 15% para consumidores de baixa tensão e 16,04% para os de alta tensão.

Na fatura do mês de maio o reajuste começa a pesar no bolso do baiano.São 5,3 milhões os  consumidores, em 415 municípios. Duas cidades, Jandaíra e Rio Real, terão outros percentuais porque são abastecidas pela sergipana Sulgipe.

O reajuste pedido pela Coelba era de 18%, mas apesar de a companhia ter alegado aumento de custo na compra de energia, a Aneel manteve o aumento médio de 15,35%.

Coelba oferece opção de fatura em Braille para clientes com deficiência visual

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Economia | Data: 27 fev 2014

Tags:, ,

por Mateus Novais

BrailleA Coelba informa que desde 2004 disponibiliza aos clientes com deficiência visual a opção de receber a fatura de energia em sistema Braille. Esta funcionalidade acontece em parceria com o Instituto de Cegos da Bahia.

Para receber a conta de luz em Braille, o cliente deve solicitar o serviço em uma das agências de atendimento da concessionária ou através das centrais de teleatendimento 0800 071 0800 e 0800 281 0142 (atendimento exclusivo para deficiente auditivo ou de fala).

Promessa do governo para energia depende de usinas atrasadas, diz jornal

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia | Data: 25 jan 2013

Tags:,

Reduzir Conta de Luz 2O governo federal utilizou o artifício de incluir usinas hidrelétricas, termelétricas e eólicas atrasadas para turbinar uma promessa de expansão recorde em 2013.

Em pronunciamento anteontem em cadeia de rádio e TV, a presidente Dilma Rousseff disse que o país vive uma situação singular: mesmo com a forte redução da tarifa de energia elétrica, haverá uma expansão de 7% do parque gerador.

Levantamento da Folha de S. Paulo indica, entretanto, que, dos novos 8.722 MW (megawatts) esperados até dezembro, 2.475 MW se referem a empreendimentos que já deveriam estar operando há, pelo menos, um ano. Estão na lista de atrasos térmicas da MPX -do grupo EBX, de Eike Batista-, projetos hidrelétricos -como as usinas de Simplício e Batalha- e 33 dos 67 projetos eólicos esperados para 2013.

…Leia na íntegra

Dilma sanciona lei que diminuirá valor da conta de energia

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia | Data: 14 jan 2013

Tags:, ,

conta-de-luz-coelbaA presidenta Dilma Rousseff sancionou a lei que prorroga as concessões de geração de energia elétrica e reduz encargos setoriais de forma a oferecer tarifas menores ao consumir.

De acordo com a lei 12.783, de 11 de janeiro de 2013, publicada hoje (14) no Diário Oficial da União, as concessões de geração de energia elétrica poderão ser prorrogadas uma única vez, pelo prazo de até 30 anos, de forma a assegurar a continuidade, a eficiência da prestação e a tarifa mais baixa.

…Leia na íntegra

Aneel começa a calcular reduções tarifárias para os consumidores

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Brasil | Data: 12 set 2012

Tags:,

Agência Brasil

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) divulgou nesta quarta-feira (12) que já começou a implementar as medidas anunciadas ontem (11) pelo governo para reduzir o custo da energia elétrica a partir do dia 5 de fevereiro do ano que vem, quando os consumidores residenciais terão redução média de 16,2% e as empresas serão beneficiadas com diminuição média de 20,2%, podendo chegar a até 28%, dependendo do porte e atividade industrial.

De acordo com informe da Aneel, o diretor-geral da agência, Nelson Hubner, disse que o cálculo dos valores na distribuição de energia considera as reduções tarifárias nos segmentos de geração e de transmissão, além da diminuição de três encargos setoriais: reserva global de reversão (RGR), conta de consumo de combustíveis fósseis (CCC) e conta de desenvolvimento energético (CDE).

…Leia na íntegra

Desconto na conta de luz vai folgar orçamento das famílias

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Brasil | Data: 08 set 2012

Tags:,

Agência Brasil

Se você acompanhou os noticiários sobre as medidas do governo federal para reduzir a conta de energia elétrica no país deve ter se perguntado o que uma economia de 16,2% na conta de luz pode significar no seu orçamento.

A resposta vem nos últimos números do IBGE sobre o orçamento das famílias: em média, a conta de energia representa 2,3% de todo o rendimento de uma família, podendo chegar a 3,5%, no caso de famílias com renda de até dois salários mínimos, que não estejam inseridas no programa de tarifa social.

…Leia na íntegra