Brasileiros estão otimistas com a economia em 2019, aponta Datafolha

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia, Geral | Data: 24 dez 2018

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

De acordo com um levantamento feito pelo Instituto Datafolha,  65% dos brasileiros estão otimistas com a economia do país. . Esse número é resultado de uma  pesquisa , que ouviu 2.077 pessoas em 130 municípios nos dias 18 e 19 de dezembro.

Para 24% dos entrevistados, a economia vai continuar como está e outros 9% acreditam que o pior está por vir. Essa pesquisa mostra uma mudança na percepção da população, já que em agosto o instituto mostrou que 23% eram otimistas enquanto 41% achavam que a situação iria piorar.

O levantamento também ouviu os entrevistados sobre outras questões. Quanto ao desemprego, 47% acreditam que vai cair, 29% acreditam que vai aumentar e 21% acham que não haverá mudança. Com isso, 43% acham que seu poder de compra vai aumentar, outros 36% acham que vai continuar estável e 18% acham que vai diminuir.

Temer tem preferência de 50% para continuar no governo, aponta pesquisa

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 16 jul 2016

Tags:, , ,

da Redação

Temer BBSegundo levantamento do DataFolha os brasileiros preferem que o presidente em exercício, Michel Temer (PMDB), continue comandando os destinos do Brasil. A pesquisa revelou que 50% das pessoas que foram entrevistadas preferem a continuidade de Temer até o fim do mandato sem o retorno de Dilma Rousseff (PT). Para 32%, o melhor seria o retorno de Dilma ao cargo.

O DataFolha apontou ainda que 4% dos entrevistados disseram que nenhum dos dois deve continuar na Presidência e 3% disseram que preferiam que houvesse a realização de novas eleições para a escolha de um novo presidente.

A pesquisa foi realizada nos dias 14 e 15 de julho e 2792. A margem de erro nesta pesquisa é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de 95%. A pergunta que foi feita para as pessoas foi a seguinte: “O que é melhor para o país?”.

Maioria da população quer Dilma e Temer fora do governo, diz Datafolha

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 10 abr 2016

Tags:,

O Globo
Dilma e Temer

SÃO PAULO — Pesquisa do Datafolha mostra que mais da metade da população é a favor do impeachment de Dilma Rousseff e de Michel Temer. Além disso, a maior parte dos entrevistados defendem que tanto a presidente da República quanto o vice renunciem a seus cargos. A maioria das pessoas ouvidas se mostrou a favor da convocação de novas eleições, de acordo com a pesquisa, divulgada neste sábado no jornal “Folha de S.Paulo”.

O apoio ao impeachment de Dilma caiu com relação à pesquisa realizada no mês passado. Em março, 68% responderam que os deputados deveriam votar a favor do impedimento da presidente. Em abril, o índice caiu para 61%, voltando a um patamar próximo dos 60% registrados no dois primeiros meses do ano. A porcentagem de quem é contra o impeachment subiu de 27%, em março, para 33%.

Quando foram questionados sobre o impeachment de Temer, 58% dos entrevistados se declararam a favor da saída do vice-presidente, enquanto 28% foram contra. Para 37% das pessoas ouvidas pelo Datafolha, o vice-presidente faria um governo igual ao de Dilma, 27% acham que seria melhor e 26% que seria pior. A maior parte dos entrevistados (38%) opinaram que o governo do peemedebista seria ruim ou péssimo.

Em outro quesito, 60% dos entrevistados afirmaram que tanto Dilma quanto Temer deveriam renunciar; 37% acham que a presidente não deveria renunciar e 30% dizem que Temer não deveria pedir renúncia. O Datafolha perguntou, ainda, se os entrevistados eram a favor da convocação de novas eleições, caso Dilma e Temer saiam dos seus cargos: 79% afirmaram apoiar a proposta, enquanto 16% afirmaram ser contra.

O Datafolha também questionou a posição das pessoas a respeito do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ): 77% são a favor da cassação do seu mandato, 11% são contra. Os que defendem que Cunha deve renunciar somam 73%, de acordo com a pesquisa. …Leia na íntegra

Lula tem 21%, Marina, 19%, Aécio, 17%, diz pesquisa Datafolha

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 09 abr 2016

Tags:, ,

G1, em Brasília

Pesquisa Datafolha divulgada neste sábado (9) pelo site do jornal “Folha de S.Paulo” mostra os percentuais de intenção de voto em quatro simulações da corrida presidencial de 2018.

Cenário 1 (com Aécio Neves):
Lula (PT): 21%
Marina Silva (Rede): 19%
Aécio Neves (PSDB): 17%
Jair Bolsonaro (PSC): 8%
Ciro Gomes (PDT): 7%
Luciana Genro (PSOL): 2%
Michel Temer (PMDB): 2%
Eduardo Jorge (PV): 1%
Ronaldo Caiado (DEM): 1%
Branco/nulo: 17%
Não sabe: 5%

Na pesquisa anterior, divulgada em março, Marina tinha 21% dos votos, Aécio, 19%, e Lula, 17%. …Leia na íntegra

Datafolha: apoio ao impeachment de Dilma e rejeição de Lula batem recorde

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 20 mar 2016

Tags:, , ,

Banner Expoconquista

Veja (online)

Número de brasileiros favoráveis ao afastamento da presidente chegou a 68%

A presidente Dilma Rousseff e o ex- presidente Luiz Inácio Lula da Silva durante a cerimônia de posse dos novos ministros no Palácio do Planalto, em Brasília
Dilma Rousseff e Lula durante a cerimônia de posse dos novos ministros no Palácio do Planalto, em Brasília(Adriano Machado/Reuters)

A semana mais turbulenta dos 14 anos do governo presidencial do PT arranhou de vez a imagem de seus dois principais líderes, a presidente Dilma Rousseff e o agora ministro suspenso da Casa Civil, Luiz Inácio Lula da Silva. A mais recente pesquisa do Datafolha, divulgada neste sábado, mostrou que subiu para 68% o número de brasileiros favoráveis ao impeachment de Dilma. Além disso, Lula atingiu o maior índice de rejeição popular de sua vida: 57%. O Datafolha ouviu 2.794 eleitores nos dias 17 e 18, em 171 municípios de todo o país.

O número de apoiadores do impeachment de Dilma subiu oito pontos em relação à última pesquisa, de fevereiro. Também cresceu o número de entrevistados que defendem a renúncia de Dilma: 65% contra 58% do mês passado. Os que são contrários ao impeachment somam agora 27%, 6 pontos a menos do que no mês passado. …Leia na íntegra

Dilma: rejeição vai a 89%

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 28 fev 2016

Tags:, , ,

Diário do Poder

DILMA/MARCHA DAS MARGARIDAS

Para 80% a situação piorou e 60% querem o impeachment

Pesquisa Datafolha divulgada neste sábado (27) mostra que o governo da presidente Dilma Rousseff (PT) é considerado ruim ou péssimo por 64% dos entrevistado, mas incluindo na avaliação não-positiva ou negativa os 25% que o consideram “regular”, a repulsa à sua gestão soma 89% do total. Apenas 11% avaliam o governo Dilma como ótimo ou bom.

O Datafolha realizou o levantamento nos dias 24 e 25 de fevereiro. As somas podem passar ou ficar abaixo dos 100% por conta de arredondamentos, informou o instituto. Dilma atingiu o pico de desaprovação em agosto, quando tinha 71% de desaprovação. Na pesquisa realizada em dezembro, o governo Dilma recebeu a aprovação de 12%, que consideravam sua gestão ótima ou boa.

Os entrevistados também foram questionados se consideravam que, com o pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff aceito pela Câmara, se os deputados devem votar pelo seu afastamento. Para que o processo siga para o Senado, onde o caso será julgado, é preciso que dois terços dos 513 deputados votem pela abertura do impeachment. Os resultados foram: …Leia na íntegra

Datafolha: 71% rejeitam o governo Dilma e 66% querem o impeachment

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 06 ago 2015

Tags:, , ,

da Redação

impeachment datafolha agosto

Pesquisa Datafolha mostra números que atestam a insatisfação do povo brasileiro com o governo da presidente Dilma Rousseff (PT).  O Datafolha ouviu 3.358 entrevistados em 201 municípios. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. A maior rejeição a Dilma está no Centro-Oeste, com 77% de ruim e péssimo, índice que é de 73% no Sul e no Sudeste e de 66% no Nordeste.

Aumentou o número de brasileiros que querem o impeachment da presidente. Em menos de um mês, saltou de 63%  para 66% — dois em cada três brasileiros. Só 28% afirmam ser contrários a essa possibilidade, uma queda de cinco pontos em relação ao levantamento anterior.

O Nordeste, que era PT de maneira consagradora,  alcançou agora 67% em defesa do impeachment; no Sul e no Sudeste, 65%. O Centro-Oeste lidera de novo: 74%.

Forma de Governo

O Datafolha, sobre o sistema de governo, constatou que 53% responderam ser o presidencialismo a melhor alternativa, contra 28% que escolheram o parlamentarismo.

 

Oito em cada dez brasileiros têm medo de ser assassinados, afirma Datafolha

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Brasil, Segurança | Data: 02 ago 2015

Tags:,

Agência Brasil

Assalto-a-mão-armadaOs moradores das cidades brasileiras têm medo de morrer assassinados. É o que constata pesquisa divulgada nessa sexta (31.07) pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, mostrando que essa possibilidade preocupa 81% da população com mais de 16 anos.

A informação consta de levantamento encomendado pelo fórum ao Instituto Datafolha, que ouviu 1.307 pessoas em 84 municípios com mais de 100 mil habitantes na última terça-feira. (28.08). A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

“Sessenta e três por cento das pessoas têm muito medo [de morrer assassinadas] e 49%, com medo, acham que podem ser vítimas já no próximo ano”, disse o vice-presidente do fórum, Renato Sérgio de Lima, que apresentou os dados. “Ou seja, temos uma população atemorizada”, destacou.

…Leia na íntegra

87% dos brasileiros são a favor da redução da maioridade penal

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Justiça | Data: 22 jun 2015

Tags:, ,

de São Paulo

MAiridade PenalPesquisa Datafolha mostra que caso houvesse uma consulta à população adulta brasileira a respeito da redução da maioridade penal, de 18 para 16 anos, 87% votariam a favor da redução. Na comparação com levantamentos anteriores, a taxa de apoio à redução da maioridade oscilou três pontos e alcançou o índice mais alto da série histórica (era 84% nas pesquisas de 2006 e 2003).

Contrários a mudança na legislação são 11% (mesmo índice de 2006), indiferentes 1% e não souberam responder 1%. O apoio à redução é maior entre os moradores das regiões Centro-Oeste e Norte, respectivamente, 93% e 91%. Já, a rejeição à mudança de idade da maioridade penal é mais alta entre os mais escolarizados (23%) e entre os mais ricos (25%).

De acordo com as opiniões dos entrevistados, a idade mínima para uma pessoa ir para a cadeia por algum crime cometido ficou na média, em 15,2 anos – próxima as médias de 2006 e 2003 quando ficou em 15,4 anos. Para 45%, a idade mínima deveria ser entre 16 e 17 anos (era 41% em 2006), para 28%, entre 13 a 15 anos, para 12%, de 18 a 21 anos, para 11%, até 12 anos, e 4% não souberam responder.

Nesse levantamento realizado nos dias 09 e 10 de abril de 2015, foram realizadas 2.834 entrevistas em 171 municípios brasileiros. A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos considerando um nível de confiança de 95%.

Para aqueles que são favoráveis à redução da maioridade penal, 74% defendem que ela deva valer para qualquer tipo de crime cometido – entre os moradores do Centro-Oeste, o índice alcança 80%. Já, para 26% a redução deve valer apenas para crimes específicos, sobretudo, para homicídios (75%), estupros (41%) e roubos ou furtos (40%), entre outros crimes.

Na comparação com pesquisas anteriores, observa-se que a taxa de brasileiros adultos favoráveis à redução da maioridade penal para qualquer tipo de crime vem crescendo: era 62% em 2003, 71% em 2006, e agora alcança 74%.

Crise de Dilma tem afetado imagem de Lula

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 14 abr 2015

Tags:, , , ,


por Mateus Novais

Lula Dilma BA imagem do ex-presidente Lula, que antes era considerado por muitos como “o melhor presidente que o Brasil já teve”, está sendo desgastada pela crise gerada no governo Dilma Rousseff. De acordo com o Datafolha, em pesquisa, a imagem de Lula desabou nada menos de 21% e, a cada mês, o seu prestígio encolhe.

Na última pesquisa realizada semana passada pelo Datafolha, a presidente Dilma havia ficado praticamente com os mesmos percentuais negativos do mês anterior. A queda de Dilma está em todas as classes sociais e em todas as regiões, especialmente no Nordeste que, em razão da crise gerada por não ter dito no período eleitoral o que estava por vir.

O ex-presidente passa por um dilema: se tentar ficar em exposição, a tendência é que o seu prejuízo de imagem seja muito maior. A consequência sobre Lula está também em função da perda de substância do partido que fundou, o PT. Por sinal, o PT é o partido que nos últimos tempos mais perdeu em relação à imagem, além de estar dividido e em situação difícil no Congresso Nacional.

Datafolha 1 – Pesquisa evidencia o naufrágio de Lula. Ou: Lembram-se do tempo em que Gilberto Carvalho dizia que o PT contava com “um Pelé” no banco de reservas?

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 12 abr 2015

Tags:, , , ,

Por Reinaldo Azevedo

Datafolha abril Lula-Aécio

Aí, ai… No terceiro dia do primeiro mandato de Dilma Rousseff, Gilberto Carvalho, nomeado, então, secretário-geral da Presidência, concedeu uma entrevista à Folha. Com a modéstia habitual que caracteriza os petistas quando julgam estar acima da carne-seca, afirmou
“(…) Acho que o governo da Dilma será de muita competência. Se Deus quiser, faremos um belíssimo governo, e ela será reeleita. É evidente que, se não der certo, temos um curinga. Estou dizendo para a oposição: ‘Calma. Não se agitem demais. Temos uma carga pesada. Não brinca muito que a gente traz. É ter o Pelé no banco de reservas’”.

Carvalho estava se referindo, claro!, a Lula. E olhem que, reitero, a entrevista foi publicada no terceiro dia do primeiro mandato. Nem se sabia ainda que comportamento adotaria, então, a oposição. Mas o chefete petista já estava lá, ameaçado com a  “volta do Lula”… Pois é. Parece que o Super-Homem se encontrou com a kryptonita da realidade, não é mesmo? Segundo pesquisa Datafolha publicada na Folha deste domingo — os infográficos que aparecem nos posts foram extraídos do jornal —, se a eleição fosse hoje, este seria o resultado do primeiro turno. …Leia na íntegra

Datafolha registra recuperação de Aécio e empate técnico com Dilma

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Brasil | Data: 25 out 2014

Tags:,

Agência Brasil

dilma-e-aecio_1457494Pesquisa Datafolha divulgada na tarde deste sábado (25/10) aponta que o candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, recuperou terreno na véspera das eleições e está tecnicamente empatado com Dilma Rousseff (PT) no limite da margem de erro de dois pontos porcentuais.

A petista lidera a corrida com 52% dos votos válidos (excluídos brancos, nulos e os eleitores indecisos), e o tucano 48%.

Na pesquisa anterior Dilma tinha 53% e Aécio 47%, fora da margem de erro.

O tucano tem 41% de rejeição (40% na pesquisa anterior) e a petista 38% (contra 39%).

O Datafolha ouviu 19.318 eleitores em 400 municípios.

Dilma atinge 53% e abre 6 pontos de vantagem sobre Aécio, diz Datafolha

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 23 out 2014

Tags:, , , ,

Folha de S. Paulo

14295909Pesquisa Datafolha finalizada nesta quinta-feira (23) mostra a presidente Dilma Rousseff (PT) pela primeira vez à frente do senador Aécio Neves (PSDB) no segundo turno da eleição presidencial.

Conforme o instituto, Dilma tem 53% das intenções de votos válidos, enquanto Aécio tem 47%. A margem de erro do levantamento é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. A diferença entre eles, portanto, está além dos limites máximos da margem.

Nas quatro pesquisas anteriores do Datafolha neste segundo turno, a situação sempre foi de empate técnico. Nas duas primeiras, com o tucano numericamente à frente (ambas por 51% a 49%). Nas duas últimas, com a petista numericamente à frente (nos dois casos, por 52% a 48%).

Em votos totais, Dilma alcança 48%, Aécio atinge 42%. Brancos e nulos somam 5%. Outros 5% dizem não saber em quem votar. …Leia na íntegra

Dilma tem 52%, e Aécio, 48% dos votos válidos, aponta Datafolha

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Brasil, Política | Data: 21 out 2014

Tags:, ,

Globo.com

dilma-e-aecio_1457494Pesquisa Datafolha divulgada nesta segunda-feira (20) aponta os seguintes percentuais de votos válidos no segundo turno da corrida para a Presidência da República:
– Dilma Rousseff (PT): 52%
– Aécio Neves (PSDB): 48%

Para calcular esses votos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição.

A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal “Folha de S.Paulo”.

…Leia na íntegra

Aécio tem 51%, e Dilma, 49% dos votos válidos, aponta Datafolha

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 15 out 2014

Tags:, ,

do G1

620datafolhaPesquisa Datafolha divulgada nesta quarta-feira (15) aponta os seguintes percentuais de votos válidos no segundo turno da corrida para a Presidência da República:
– Aécio Neves (PSDB): 51%
– Dilma Rousseff (PT): 49%
Para calcular esses votos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição.

A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal “Folha de S.Paulo”.

De acordo com o Datafolha, “o segundo turno da disputa pela Presidência da República continua empatado após a retomada das propagandas no rádio e na TV”.

Votos totais …Leia na íntegra

Marina empata com Dilma no 1º turno e venceria com 10 pontos à frente no 2º

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 30 ago 2014

Tags:, ,

TB

Montagem BBPesquisa Datafolha divulgada hoje (29) mostra a candidata Dilma Rousseff (PT) e a candidata Marina Silva (PSB) empatadas no primeiro turno das eleições presidenciais. Cada uma aparece com 34% das intenções de voto. A seguir, Aécio Neves (PSDB) aparece com 15% das intenções.

A pesquisa foi encomendada pela Rede Globo e pelo jornal Folha de S.Paulo. Na pesquisa anterior, divulgada no dia 18, Dilma tinha 36% das intenções de voto, Marina, 21%; e Aécio, 20%. O candidato Pastor Everaldo (PSC) aparece com 2% das intenções na sondagem divulgada hoje. Os demais candidatos: Luciana Genro (PSOL), Eduardo Jorge (PV), Zé Maria (PSTU), Eymael (PSDC), Levy Fidelix (PRTB), Mauro Iasi (PCB) e Rui Costa Pimenta (PCO) têm juntos 1%. Votos nulos ou brancos somam 7% e são também 7% os indecisos.
Segundo turno

De acordo com a pesquisa, na simulação de um segundo turno entre Dilma e Marina, a candidata do PSB alcançaria 50%, contra 40% da atual presidente. Na pesquisa anterior, Marina tinha 47% e Dilma 43%. Já em um confronto entre Dilma e Aécio, o tucano perderia por 48% a 40%. O Datafolha não realizou simulação de segundo turno entre Marina e Aécio.

Eleição/Copa: 4ª feira tem pesquisa Datafolha/Rede Globo

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 13 jul 2014

Tags:, , ,

da Redação

Jornal-Nacional (1) BBSerá divulgada na 4ª feira (16), a primeira pesquisa eleitoral na disputa para a Presidência da República. O Datafolha registrou pesquisa solicitada pela Rede Globo de TV. A pesquisa de campo será feita nos dias 15 e 16 com divulgação instantânea.

O questionário inclui a pergunta qual candidato foi mais beneficiado ou mais prejudicado com a Copa do Mundo. Questiona o trabalho do técnico Felipão e indaga quem deve ser o novo técnico da Seleção do Brasil.

Leia aqui  o questionário completo do primeiro levantamento depois da Copa. A TV Globo não vinha divulgando pesquisas eleitorais na sucessão da presidente Dilma Rousseff.

Números do Datafolha, acreditem, acenam com uma possível derrota de Dilma

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 10 maio 2014

Tags:, ,

A presidente Dilma: números ruins e uma Copa do Mundo no meio do caminho

Por Reinaldo Azevedo

É claro que é muito cedo! É claro que a campanha ainda não começou. É claro que a gente não viu quase nada em matéria de jogo bruto. Falo, no entanto, dos números de agora e de uma tendência esboçada. Sim, leitores: o PT, que nunca contou com isto, está sendo assombrado por um vulto estranho: o fantasma da derrota. Vamos ver.

No dia 29 de abril, escrevi aqui, a propósito de outra pesquisa, que os números evoluíam contra a possibilidade de Dilma Rousseff, do PT, vencer a eleição presidencial no primeiro turno, feito que nem Lula nem ela própria lograram em 2002, 2006 e 2010, em circunstâncias muito mais favoráveis ao PT. E, agora, conhecidos os dados da mais recente pesquisa Datafolha, o que há um ano seria considerado mera torcida se mostra uma possibilidade plausível — e, mais um pouco, vira uma tendência: Dilma perder a disputa. Se a eleição fosse hoje, segundo o Datafolha, no cenário mais provável, a petista teria 37% dos votos. Seus adversários, somados, teriam 38%, a saber:
Aécio Neves (PSDB): 20%
Eduardo Campos (PSB): 11%
Pastor Everado (PSC): 3%
Outros nomes: 4% …Leia na íntegra

Eleições 2014: Resultado do Datafolha abre crise no PT

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 29 jun 2013

Tags:, , , ,

da Redação

O dia, que começou mal para a presidente Dilma Rousseff, acaba de trazer mais uma má notícia para o PT. O Datafolha também simulou intenções de voto para presidente da República e, pela primeira vez, desde que tomou posse, ela teria que enfrentar um segundo turno em 2014.

Dilma “derrete” e Lula pode voltar

De acordo com o instituto, Dilma teria hoje 30% dos votos, contra 23% da ex-senadora Marina Silva, 17% de Aécio Neves e 7% de Eduardo Campos. Somados, os três alcançam 47%, ou seja, 17 pontos a mais do que a presidente. Antes dos protestos, Dilma tinha 54%, contra 18% de Marina, 12% de Aécio e 4% de Eduardo Campos. Enquanto ela perdeu 24 pontos, todos os seus adversários cresceram. E a vantagem de 24 pontos em relação aos adversários se transformou em desvantagem de 17 pontos. Os números devem aumentar a pressão sobre o ex-presidente Lula, para que ele entre no jogo de 2014. Fonte: Brasil 247

Aprovação de Dilma cai de 57% para 30%, diz Datafolha

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 29 jun 2013

Tags:, , ,

Por Rodrigo Ferraz

dilmaSeria um reflexo das manifestações que acontecem em todo o Brasil? Fato é que a aprovação do governo da presidente Dilma Rousseff caiu 27 pontos em três semanas, de acordo com pesquisa Datafolha finalizada nesta sexta-feira (28).

Segundo o levantamento, em matéria publicada no Bahia Notícias, 30% dos brasileiros consideram o governo bom ou ótimo. Antes da série de protestos ocorridos no país, a aprovação era de 57%, conforme o mesmo instituto. Em março, o índice era ainda mais alto (65%). A gestão Dilma foi avaliada como ruim ou péssima por 25% dos brasileiros. Antes, o percentual registrado era de 9%. A petista perdeu mais de 20 pontos em todas as regiões do país, recortes de idade, renda e escolaridade.