Novo elegante terminal de passageiros já em operação em Conquista no atual aeroporto

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 31 maio 2017

Tags:, , ,

da Redação

O Aeroporto Pedro Otacílio Figueiredo já colocou em operação o seu novo Terminal de Passageiros climatizado e confotável. A Socicam investiu R$ 2 milhões. O novo espaço possui estrutura com amplo espaço para embarque além de novos sanitários e a praça de alimentação. Os passageiros no embarque durante todo o dia de ontem se surpreenderam com a nova realidade de embarque na cidade de Vitória da Conquista.

As obras da construção do novo aeroporto que receberá o nome de Glauber Rocha, na 2ª etapa para construção do terminal, terá investimento do Governo Federal na ordem de R$ 45 milhões. Coube ao Governo da Bahia comandar a obra em função de convênio firmado desde a época de governo de Dilma Roussef. Após 20 anos de promessas, iniciadas do primeiro ano de mandato do ex-governador Jaques Wagner (PT), em Brasília no ano passado, o atual prefeito Herzem Gusmão (PMDB), conseguiu destravar os recursos com intervenção do deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB).

O deputado Lúcio foi o relator da MP que garantiu investimento de R$ 398 milhões para os aeroportos do Brasil.  Desde o ano passado, em plena campanha eleitoral, que Gusmão anunciou que a licitação do aeroporto de Conquista seria a primeira. A garantia foi dada pelo comando da SAC.

 

O aeroporto Pedro Otacílio de Figueiredo será desativado em julho de 2018.  O Ministério dos Transporte já homologou a desativação do atual aeroporto em operação deste a década de 50. No passado aviões Douglas (bimotores) operavam voos para São Paulo e Rio de Janeiro com as empresas Real e Nacional. A cidade de Vitória da Conquista tem tradição em voos comerciais desde 1949.

A previsão para inauguração no novo aeroporto será de maio a julho de 2018.

Conquista embarca para Ilhéus para enfrentar o Vitória

0

Publicado por Editor | Colocado em Esportes, Vit. da Conquista | Data: 09 fev 2016

Tags:, , , ,

da Redação
Foto: Rafael Gusmão

B

O E.C Vitória da Conquista embarcou na tarde desta 3ª feira (9), às 13 horas, para a  cidade de Ilhéus onde será realizado o jogo Conquista x Vitória pelo Campeonato Baiano de 2016.

O Bode treinou na manhã de hoje sob o comando do treinador Evandro Guimarães que não anunciou o time que enfrentará o Vitória da capital, nesta 4ª feira (10),  às 21 horas,  no Estádio Mário Pessoa.

O Conquista precisa de uma vitória. Na estréia contra o Flamengo de Guanambi não passou de um empates sem gols e apenas 1 ponto ganho. O certame é curto com 6 jogos e a vantagem de jogar em casa, tudo faz crer, que s´po deverá acontecer no mês de março.

Passageiros não conseguem embarcar em voo da Passaredo e causam confusão no aeroporto

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em transporte | Data: 23 fev 2015

Tags:, , , ,


por Mateus Novais
fotos: Roberto Silva

DSC_2857

Uma confusão no embarque de um voo da Passaredo Linhas Aéreas provocou revolta em passageiros que não conseguiram entrar no avião da companhia, com destino à São Paulo. O tumulto aconteceu devido a finalização do check-in e despacho das bagagens, que, segundo os passageiros que perderam o voo, teria ocorrido antes do horário mínimo permitido por lei. A Polícia Federal foi acionada.

O voo da Passaredo, com destino ao aeroporto de Guarulhos (SP), estava marcado para as 15h25 desta segunda-feira (23). Porém, cerca de 10 passageiros não conseguiram embarcar. A falta de funcionários no balcão da companhia provocou revolta nos clientes. Alguns argumentaram que alguns chegaram com 40 minutos de antecedência da decolagem (o tempo mínimo previsto por lei é de 30 minutos), mas não havia ninguém para despachar a bagagem ou mesmo fazer o check-in.

A situação provocou revolta em alguns dos passageiros, que acabaram invadindo a área de desembarque, mas foram impedidos de ter acesso à pista. A Polícia Federal foi chamada, mas informou que não houve prisão porque o acesso à pista de decolagem se manteve inviolado.

À nossa reportagem, um grupo de cinco clientes da Passaredo informou que “se houvesse funcionários para orientar, pelo menos quem tivesse feito o check-in online, algumas pessoas teriam embarcado”. O acesso a remarcação do voo também foi impedido, pois, ainda segundo o grupo, o sistema dos computadores da companhia estava fora do ar. Nenhum funcionário da Passaredo foi encontrado para prestar esclarecimento.