Embasa diz que não há anormalidade em contas de moradores do Pé de Galinha

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 19 jan 2013

Tags:, ,

por Mateus Novais

Pé-de-galinhaApós reclamações sobre aumento no valor das contas de água no povoado de Pé de Galinha, Embasa emitiu nota explicando o motivo dos novos valores.

Segundo os moradores, as tarifas que variavam de R$17 a R$ 20 passou para a casa dos R$ 100  no mês de dezembro do ano passado. Um aumento de mil por cento com relação à média de consumo.

Para a Embasa, “é possível que o problema tenha sido causado após a instalação de hidrômetros em alguns imóveis da localidade, já que antes a empresa cobrava por média de consumo”. A Embasa também afirma que, com o fim do racionamento, os moradores passaram a receber um volume maior de água e que não há registro de falta d’água na localidade.

Por fim, a Embasa também informou que registrou consumo elevado em alguns imóveis da localidade e notificou os usuários, além de enviar um técnico para negociar o consumo, mas os moradores não foram encontrados.

Cidade de Jaguaquara sofre com a falta d´água

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Bahia, Geral, Sudoeste | Data: 18 jan 2013

Tags:, ,

Da Redação

Choveu ontem (17) e na madrugada de hoje na cidade, mas chuva não foi suficiente para melhorar condições da barragem.

Barragem-do-BaixãoHá meses, por causa da longa estiagem de 2012, a Barragem do Baixão em Jaguaquara está bem abaixo do nível normal. A barragem é responsável pelo abastecimento de boa parte do município, além das cidades de Itaquara e Irajuba.

Ontem (17) choveu por pouco mais de meia hora na cidade de Jaguaquara e também na madrugada desta sexta-feira (18), o que não foi suficiente para encher o reservatório.  Há alguns meses, o abastecimento passou a ser feito com água bombeada do Rio das Almas, na região de Santo Estevão, mas a água tem demorado a chegar até a torneira nos reservatórios dos moradores, o que gerou falta d’água em várias casas da cidade. …Leia na íntegra

Moradores do povoado de Pé de Galinha reclamam de valores de contas de água

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Bahia, Sudoeste, Vit. da Conquista | Data: 18 jan 2013

Tags:, ,

Da Redação

Contas subiram muito acima da média de consumo, é o que dizem os moradores.

Pé-de-galinhaMoradores do povoado de Pé de Galinha, situado às margens da BR 116 em Vitória da Conquista reclamam do alto valor das contas de água que têm chegado na maioria das casas da localidade. Boa parte dos moradores paga tarifas que variam de R$17,00 a R$ 20,00. Mas desde dezembro do ano passado, eles têm recebido contas que passam dos R$100,00. Um aumento de mil por cento com relação à média de consumo.

Em algumas casas, os moradores ainda utilizam o recurso de cisternas, o que reduz o consumo de água que vem da Embasa. A água encanada é utilizada apenas para beber, segundo os moradores, enquanto que a água da cisterna é utilizada para os demais afazeres domésticos. …Leia na íntegra

Com a palavra o leitor

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 12 jan 2013

Tags:, ,

Por Leila Carla Santos

LEITOR-Chuva-acida-244x300111111Sou moradora do Bairro Miro Cairo e estou desesperada pela falta de água que nós moradores estamos enfrentando. Há três dias o abastecimento de água não acontece e por mais que tenhamos nossos reservatórios, não conseguimos nos livrar do problema, pois ficamos até uma semana sem água, haja reservatório!!!

Na sexta-feira, dia 11, passei o dia inteiro ligando para a Embasa (0800 0555 195) e ninguém atendia o telefone, somente no final da tarde um dos funcionários atendeu e a informação que passou é que houve um “probleminha técnico” que será resolvido no decorrer do final de semana, ou seja, corro o risco de ficar mais dois dias sem água!!!

…Leia na íntegra

Barragens de Água Fria I e II voltam a registrar números preocupantes

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Economia, Sudoeste, Vit. da Conquista | Data: 11 jan 2013

Tags:, , , ,

Da Redação

As duas registram média de 80% de sua capacidade. Caso não chova forte nos meses de janeiro e fevereiro, pode acontecer retomada do rodízio de abastecimento de água.

Barragem de àgua Fria IIA seca mais forte enfrentada pela Bahia nos últimos 47 anos continua espalhando seus efeitos. As barragens de Água Fria I e II que abastecem Vitória da Conquista chegaram a registrar um de seus piores índices. A Água Fria I, por exemplo, chegou a secar, já a Água Fria II chegou a registrar apenas 40% do total de sua capacidade. Daí não teve outra saída, a solução foi iniciar um racionamento de água no dia 15 de maio de 2012. Em sistema de rodízio, os bairros de Vitória da Conquista passaram a ficar dois dias com água e dois sem.

As chuvas que caíram durante boa parte do mês de novembro de 2012 foram suficientes para fazer com que a barragem de Água Fria I alcançasse o limite de sua capacidade, enquanto que a Água Fria II chegou a registrar 87%. Desde então o sistema de rodízio de abastecimento de água foi suspenso, mas o racionamento permanece oficialmente. …Leia na íntegra

Comunicado importante da Embasa de Vitória da Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 11 jan 2013

Tags:,

Nota Oficial – Ascom Embasa

embasa711A Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) informa que está realizando nesta sexta, 11, serviço de manutenção para reestabelecer o pleno funcionamento de uma Estação Elevatória do Sistema Integrado de Vitória da Conquista. Por conta disso, os bairros Alton Maron (parte alta), Lagoa das Flores, Chácaras Guarani e Mirassol, Itapirema, Caiçara, Distrito Industrial, Povoado da Choça, Bruno Barcelar, Nossa Senhora Aparecida, Bateias II, Cidade Maravilhosa, Urbis V (parte alta), Vilas Serranas, Sobradinho, Henriqueta Prates, Recantos das Águas, Miro Cairo, Senhorinha Cairo, Condomínios Flamboyant e Jacarandá, além da região do Baixão ao Bate-pé, poderão registrar problemas de desabastecimento.

Técnicos da Embasa estão trabalhando no local com a expectativa de normalizar o abastecimento nestes bairros gradativamente durante o final de semana.

Em nota oficial, diretoria da Embasa diz que ‘estuda’ retomada do racionamento em Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 10 jan 2013

Tags:, ,

Nota Oficial – Ascom Embasa Vitória da Conquista

Água Fria II 09 01 13 - Foto Ascom Embasa 01

As chuvas registradas no mês de novembro do ano passado não foram suficientes para recuperar o nível do reservatório de Água Fria II e a situação preocupa a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) que não descarta a retomada do racionamento, suspenso parcialmente em setembro.

Nesta quarta, 09, a barragem de Água Fria II registrou o volume de 5.200 milhões/m³ de água, ou seja, 80% de sua capacidade de armazenamento. Já Água Fria I, com menor capacidade de armazenamento, está com 100 mil/m³, também com 80% da capacidade. Há um ano os mananciais encontravam-se extravasando.

…Leia na íntegra

Sem água em casa, moradores de Jaguaquara apelam para os carros-pipa

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Economia, Sudoeste | Data: 08 jan 2013

Tags:, ,

Da Redação

Carro-Pipa-em-JaguaquaraUma combinação de fatores tem provocado falta de água nas casas em Jaguaquara. É que devido a seca prolongada e problemas técnicos da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), parte da população que vive na zona urbana está tendo que recorrer aos serviços do carros-pipa.

Nos últimos dias alguns carros-pipa estão em alguns bairros das cidade como Palmeira, Cruzeiro e São Jorge, além do Distrito Stela Dubois – Entroncamento. Os moradores alegam que há mais de 15 dias não ocorre o fornecimento de água nas localidades. Mesmo sem divulgar valores exatos, a população conta que está pagando caro pelo serviço. …Leia na íntegra

Moradores do Loteamento Vivendas da Serra reclamam de falta de assistência na localidade

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Bahia, Saúde, Sudoeste, Vit. da Conquista | Data: 07 jan 2013

Tags:, , ,

Da Redação

imagesMoradores do Loteamento Vivendas da Serra em Vitória da Conquista reclamam da falta de assistência na localidade. O loteamento não possui esgotamento sanitário. Para amenizar a situação, quem tem condição paga pela instalação de fossas.

Outros moradores alegam que não têm condições nem para construir uma fossa, o que deixa as condições de higiene e saúde no loteamento comprometidas. A água utilizada por alguns moradores passa por um cano e cai diretamente na rua, que se transforma em um córrego de água suja. …Leia na íntegra

Embasa deve começar hoje consertos para reabastecer moradores de Bate-Pé Velho

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Bahia, Saúde, Sudoeste, Vit. da Conquista | Data: 02 jan 2013

Tags:, , ,

Da Redação

Há três semanas não cai água nas torneiras na localidade.

Depois que a nossa reportagem foi procurada pelos moradores de Bate-Pé Velho, localidade situada no Distrito de Bate-Pé em Vitória da Conquista para falar sobre a falta d´água que já dura três semanas, talvez agora uma solução esteja próxima para os moradores.

Apesar da aparência do açude cheio, a fartura não é favorável para os moradores da localidade. A água não é de boa qualidade, mas tem sido o único recurso utilizado para beber, cozinhar, tomar banho, lavar roupas.Os moradores têm água encanada em casa e pagam as contas, mas segundo eles, a água não chega. Para chegar até o açude, é preciso que a água seja trazida em lombos de animais ou andar até o local, que é distante para alguns moradores. …Leia na íntegra

Moradores de Bate Pé Velho recorrem a água de açudes

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Bahia, Sudoeste, Vit. da Conquista | Data: 29 dez 2012

Tags:, , ,

Da Redação

Eles estão há três semanas sem água encanada na localidade.

Apesar da aparência do açude cheio em Bate Pé Velho, distrito de Bate Pé, a fartura não é favorável para os moradores da localidade. A água não é de boa qualidade, mas tem sido o único recurso utilizado para beber, cozinhar, tomar banho, lavar roupas. Moradores da localidade procuraram nossa equipe de reportagem para falar sobre o sofrimento que estão vivendo com a escassez de água.

São três semanas sem água nas torneiras. Os moradores têm água encanada em casa e reclamam que pagam as contas, mas a água não chega. Para chegar até o açude, é preciso pagar para que a água seja trazida em lombos de animais ou andar até o local e trazer a água em baldes. …Leia na íntegra

Moradores do bairro Jardim Guanabara sofrem com falta d´água

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Bahia, Sudoeste, Vit. da Conquista | Data: 19 dez 2012

Tags:, ,

Da Redação

22 dias e muito sofrimento com a irregularidade no abastecimento de água. Assim é a situação dos moradores de algumas ruas no bairro Jardim Guanabara, em Vitória da Conquista. Segundo os moradores, a água chega a cair muito fraca nas torneiras e às vezes nem cai.

De tão fraca não sobe até a caixa. Situação que faz com que pessoas tenham que sair na casa de vizinhos pedindo por um balde de água para as atividades domésticas diárias. …Leia na íntegra

Barragem de Água Fria II está com 87% de sua capacidade máxima

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 12 dez 2012

Tags:, ,

Da Redação

Nesta semana a Embasa voltou a solicitar que o Inema fiscalize a área das barragens para evitar captação de água clandestina.

A situação da barragem de Água Fria II que abastece Vitória da Conquista é considerada tranquila pela Empresa Baiana de Água e Saneamento (Embasa). Atualmente a barragem conta com 87% do total de sua capacidade, o que corresponde a 5 milhões e 630 mil metros cúbicos de água. Faltando cerca de 82 cm para o total de sua capacidade, ou seja, mais 828 mil metros cúbicos de água.

Apesar da situação da barragem ser considerada satisfatória, a Embasa ainda não finalizou o racionamento de água oficialmente, que teve início no dia 15 de maio. Para garantir a segurança de uma situação confortável, a Embasa voltou a solicitar que o Instituto de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (INEMA) fiscalize novamente as áreas das barragens para conferir se fazendeiros da localidade estão captando água irregularmente.

Embasa é acionada pelo Ministério Público Estadual

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Bahia, Sudoeste | Data: 26 nov 2012

Tags:, ,

Da Redação

A ação foi provocada devido a empresa liberar esgotos sem tratamento no leito do Rio Jequiezinho, em Jequié.

A ação civil pública em defesa do meio ambiente contra a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), foi motivada devido a empresa liberar esgotos sem tratamento no Rio Jequiezinho, que fica localizado na cidade de Jequié, distante cerca de 150 Km de Vitória da Conquista. A Embasa foi acionada judicialmente pelo Ministério Público Estadual, por intermédio do promotor de Justiça Maurício Cavalcante.
O inquérito civil constatou que a liberação dos dejetos durou cinco dias. De acordo com o conteúdo do inquérito, o dano ambiental atingiu cerca de 250 metros de leito do Rio Jequiezinho. …Leia na íntegra

Embasa diz que racionamento continua, mas afirma que barragens chegaram ‘aos níveis de março’

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 19 nov 2012

Tags:, ,

Nota Oficial – Ascom Embasa

As chuvas que  atingem a região desde o início do mês continuam contribuindo para a recuperação dos mananciais responsáveis pelo armazenamento de água que abastece Vitória da Conquista. Desde 06 de novembro, quando foi registrada a primeira precipitação na região dos lagos, o pluviômetro da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) localizado na área de abrangência das represas, registrou a 277 mm, fazendo a barragem de Água Fria I atingir a sua capacidade total de 260 mil m³ e colaborando com o crescimento de 0,85 cm no nível de Água Fria II.  Em volume absoluto esse valor representa 705 mil m³ de água armazenada nos últimos 15 dias.

Apesar do aumento da vazão dos rios que alimentam os mananciais ter contribuído para recuperar a barragem ao nível registrado em 13 de março deste ano, Água Fria II ainda não chegou a uma situação totalmente confortável para anunciar a suspensão integral do racionamento. Nesta segunda, 19, a gerência da Embasa registrou 5,394 milhão m³ de água acumulada, o que significa 84% da capacidade máxima de armazenamento, mas ainda com um déficit de 1,060 milhão m³, ou seja, 1,15 metro abaixo do nível máximo.

…Leia na íntegra

Gerente da Embasa de Conquista diz que racionamento pode terminar no fim do ano

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 13 nov 2012

Tags:,

Por Rodrigo Ferraz

As fortes chuvas em Vitória da Conquista não caíram com o mesmo impacto no distrito de Barra Nova, em Barra do Choça, onde estão localizadas as barragens de Água Fria I e II e que abastecem a maior cidade do Sudoeste baiano.

Em entrevista a nossa reportagem, o gerente do escritório local da empresa, Álvaro Aguiar (foto), revelou que, caso as chuvas continuem, o racionamento no abastecimento de água deverá terminar no fim deste ano.

“Hoje podemos afirmar que as barragens vivem o melhor momento desde que o racionamento começou”.

Ouça a entrevista na íntegra:

Gerente da Embasa de Conquista diz que não existe prazo para o fim do racionamento

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 27 set 2012

Tags:, ,

Por Rodrigo Ferraz

Em entrevista concedida a repórter Mônica Cajaíba na manhã de hoje (quinta-feira), o gerente do escritório da Embasa de Vitória da Conquista, Álvaro Aguiar, revelou que não existe previsão para o fim do racionamento de água na maior cidade do Sudoeste baiano.

O engenheiro ainda disse que mesmo se a seca continuar o município não corre o risco de ficar sem água.

Aguiar também respondeu questionamentos quanto a situação dos Bairros Santa Helena e Bateias II. O gerente ainda esclareceu sobre o fato de muitas pessoas reclamarem que, mesmo com a falta de água, as contas muitas vezes chegam com aumento.

Ouça a entrevista na íntegra:

Com 77% da capacidade, barragem de Água Fria apresenta recuperação, mas racionamento continua

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 25 set 2012

Tags:, ,

TV Aratu

Bairros de Vitória da Conquista voltam a ficar sem água nas torneiras

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 20 set 2012

Tags:, ,

Da Redação

Mais de quatro meses de racionamento de água em Vitória da Conquista, ainda assim a Embasa não conseguiu regularizar o calendário proposto.

Desde o dia 15 de maio o racionamento de água começou a ser aplicado no município, desde então, um cronograma para cair água nos bairros foi elaborado pela Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), onde ficou certo de que dois dias cairia água nas torneiras e outros dois não, isso dividido por setores na cidade. Mas na prática a situação tem sido diferente, vários bairros da cidade chegaram a ficar sem água por longos períodos.

Nesta semana, por exemplo, recebemos reclamações de dois bairros da cidade, o Campinhos e o Jardim Copacabana II, no primeiro a falta de água chegou a completar 9 dias nesta quarta-feira. …Leia na íntegra

Racionamento de água em Conquista completa 4 meses

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 14 set 2012

Tags:, ,

Embasa divulga novos números sobre situação da Barragem de Água Fria II

Por Rodrigo Ferraz

Neste sábado, 15, o regime de racionamento na distribuição de água no Sistema de Abastecimento de Vitória da Conquista completará quatro meses. Neste período, através da medida, a Embasa recuperou 1,300 milhões/m³ de água nas barragens de Água Fria I e II elevando a situação registrada em 15 de maio de 49% da capacidade de armazenamento para os atuais 77%. O percentual representa 1,450 milhões/m³ de água armazenada.

Segundo a assessoria de comunicação da empresa, apesar da melhora, com o forte calor que tem atingido a cidade nos últimos dias, esse percentual tende a se reduzir devido à evaporação e a redução da vazão dos rios Monos e Água Fria que alimentam a bacia das barragens.

Além disso, devido às altas temperaturas comuns nesta época do ano, o consumo tende a aumentar e, por isso, é importante que a população continue economizando já que, conforme previsto, o racionamento em Vitória da Conquista está mantido até a chegada do ciclo das chuvas e a normalização da situação.