Corrupção na Petrobras é o segundo maior do mundo, aponta ONG alemã

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Mundo | Data: 11 fev 2016

Tags:, ,

por Mateus Novais

650x375_petrobras-vagas-inscricoes-concursos_1483005

A organização não governamental Transparência Internacional, instalada na Alemanha, elegeu o esquema de propinas instalado na Petrobras entre 2004 e 2014 como o segundo maior caso de corrupção do mundo. A ONG promoveu uma votação de âmbito internacional pela internet sobre os 400 episódios mais importantes da corrupção.

Com 11.900 votos, a Petrobras pegou o segundo posto, ficando atrás apenas de Viktor Yanukovych, ex-presidente da Ucrânia (2010/2014), merecedor de 13.210 votos. O esquema na Petrobras, desmontado na Operação Lava Jato, supera, na avaliação dos entrevistados, outros capítulos marcantes de fraudes, como o caso Fifa (1.844 votos) e o do ex-presidente panamenho Ricardo Martinelli (10.166 votos), acusado pelo desvio de US$ 100 milhões. Martinelli encerrou a votação da Transparência em terceiro lugar.

Padrão Fifa!

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 31 maio 2015

Tags:, , ,


 

– Charge do Duke, via O Tempo. (Josias de Souza)

Bolsa e ações da Petrobras caem com novas denúncias envolvendo candidatos

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Economia | Data: 09 set 2014

Tags:, , , ,

Correio 24h

RTEmagicC_b13b41f7d8.jpgO nervosismo que tomou conta da política nacional no rastro do depoimento do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa ultrapassou a fronteira da disputa eleitoral e atingiu em cheio o mercado financeiro. Numa reação em cadeia, a neurose provocada pelo surgimento de um novo escândalo de corrupção fez as ações da estatal petroleira despencarem, levando também à queda da Bolsa.

Puxado pelas ações da Petrobras, o Ibovespa, principal índice do mercado acionário brasileiro, fechou em queda de 2,45%, a maior retração desde 3 de fevereiro, quando registrou desvalorização de 3,13%. Foram as ações preferenciais da Petrobras (sem direito a voto) que guiaram as perdas do índice. Os papéis, que chegaram a subir mais de 3% após a abertura dos negócios ontem, ainda na esteira da pesquisa Sensus, terminaram o dia em baixa de 4,91%.

Mesmo que tenha servido de pretexto para investidores venderem ações e embolsarem lucros acumulados recentemente com a Petrobras, a tensão no mercado é resultado direto da turbulência política surgida no fim de semana. Na sexta e no sábado, o jornal O Estado de São Paulo e a revista Veja publicaram reportagens baseadas em vazamentos de informações fornecidas pelo ex-diretor da petroleira à Polícia Federal em Curitiba. …Leia na íntegra

“Não queremos ver Eduardo morrer duas vezes”, diz Marina sobre nome do político em escândalo da Petrobrás

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Brasil | Data: 06 set 2014

Tags:, , ,

por Mateus Novais
foto: Roberto SIlva

DSC_0080Durante a visita da candidata Marina Silva (PSB) a Vitória da Conquista, a presidenciável rebateu a acusação de que o ex-candidato a presidente pelo PSB, Eduardo Campos, morto em um acidente aéreo em agosto, teria recebido propina de um esquema de favorecimento de partidos políticos envolvendo a Petrobras. A acusação foi feita pelo ex-diretor de Abastecimento e Refino da Petrobras Paulo Roberto Costa e divulgado pela Revista Veja.

Segundo a candidata, que era vice de Eduardo, ainda é precipitado se falar desse assunto. “Nesse momento qualquer julgamento, qualquer acusação, sobre uma pessoa que não está mais aqui para se defender pode ser uma grande injustiça. Nós estamos aguardando às investigações, porque queremos a verdade. E não queremos ver Eduardo morrer duas vezes, por uma fatalidade e por qualquer leviandade à seu nome e a sua memória.”, afirmou.

Marina também afirmou que esse fato não pode ser usado para promover candidatos. “Tanto eu, quanto o Beto somos os maiores interessados na verdade (de que seja revelada a verdade). Se tiver culpados que se aplique a lei; se tiver inocentes a mesma coisa. Nós (classe política) não podemos usar esses erros para fazer promoção de qualquer um que seja.”, finalizou.

Escândalo de Seabra: deputado diz que Jorge Solla tentou burlar a lei

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Política, Saúde | Data: 04 fev 2010

Tags:, , , , , , ,

do Bahia Notícias

O deputado estadual Carlos Gaban (DEM – foto), um dos denunciantes de uma suposta contratação irregular para o Hospital de Seabra, na Chapada Diamantina, afirmou ao Bahia Notícias que o secretário estadual de Saúde, Jorge Solla, tentou driblar a legislação por meio de uma concorrência pública. Ele questionou a declaração do titular, que em entrevista à Tudo FM desmentiu as denúncias e disse que a empresa a ser contratada será responsável pela “Construção, equipamento e gestão” da unidade.

O parlamentar aponta que no Diário Oficial do Estado o aviso de licitação fala em “contratação de pessoa jurídica de direito privado para organização, administração e gerenciamento da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e do Hospital da Chapada”. “Só se ele (Solla) está falando de outro edital. O texto está escrito em português. Ele tentou burlar a lei. O edital tem várias irregularidades e pretende enganar os empresários, uma vez que não demonstra que vai ter construção. Serão usados recursos do SUS (Sistema Único de Saúde) que não podem ser utilizados em construção. Qual é o valor do hospital? Não tem. Quem projeta não pode construir. Ele está brincando com a inteligência dos mortais”, disparou.

…Leia na íntegra