Falso médico que atuava na maternidade de Itororó é preso

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Sudoeste | Data: 05 set 2015

Tags:, , ,

por Mateus Novais

Adriano-VeigasUm homem identificado como Adriano César Caetano Veiga (48) foi preso pela polícia civil da 21ª Coorpin, nesta sexta-feira (4), quando atuava irregularmente como médico no Hospital e Maternidade de Itororó. De acordo com informações do Itororó Já, Adriano trabalha no hospital há cerca de um ano.

Após ser autuado e conduzido à delegacia, Adriano Veiga, afirmou que é graduado em medicina pela Universidade Nacional Ecológica da Bolívia, em 2012, tendo apresentado uma fotocópia do suposto diploma. No entanto, o homem confessou não ter registro no Conselho Regional de Medicina do Estado da Bahia (Cremeb), e disse ter uma ação com o pedido de inclusão de seu nome no programa Mais Médicos.

Adriano é reincidente, em 2011 já havia sido acusado de exercer a medicina ilegalmente em Potiraguá, cidade próxima a Itororó, à época o falso médico atendia usando apenas o comprovante de matrícula da suposta universidade.

Estudante acusado de exercício ilegal da medicina deve deixar delegacia esta semana em Jaguaquara

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Bahia, Brasil, Polícia, Saúde, Sudoeste | Data: 08 jul 2013

Tags:, , ,

Da Redação

Ele foi preso no último sábado (05) após investigações do Ministério Público Estadual do Município.

Delegacia-de-JaguaquaraDeve ser liberado da prisão nesta semana o estudante de medicina goiano Acácio Júnior, de 32 anos. Ele foi preso no último sábado (05) acusado de exercício ilegal da profissão e falsidade ideológica. A liberação da prisão vai acontecer mediante o pagamento de fiança.

Segundo o Ministério Público Estadual do município, o estudante atuava há mais de dois meses no Hospital Regional de Jaguaquara usando registro no Cremeb em outro nome. Ele foi contratado pela prefeitura de Jaguaquara com o nome de Daniel Rui Diniz dos Santos, Cremeb nº 18.169.

Procurada para falar sobre a contratação do médico, a prefeitura de Jaguaquara alegou que também foi enganada pelo falso médico, que teria apresentado todos os requisitos legais exigidos pelo Conselho Regional de Medicina para ocupar o cargo.

Foto: Blog do Marcos Frahm

Prefeito diz que irá entrar na Justiça contra enfermeiro que se passava por médico utilizando seu nome e CRM

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Bahia, Brasil, Polícia, Saúde | Data: 02 jul 2013

Tags:, , , ,

Da Redação

Roney_FirminoO médico Roney Firmino afirmou que vai entrar na justiça contra o enfermeiro, Luiz Carlos da Silva Milho, que estava utilizando o nome dele e registro no Conselho Regional de Medicina (CRM) da Bahia. Roney Firmino ficou sabendo da notícia no sábado (29).

Desde janeiro de 2013 Roney Firmino atua como prefeito da cidade de Plácido de Castro, no estado do Acre. Ele afirmou que chegou a conhecer e a trabalhar junto com o enfermeiro em 2010 em um mesmo hospital na Bahia, mas que perdeu o contato depois que se mudou para o Acre.

Clique e confira aqui a matéria publicada pelo Blog da Resenha Geral no sábado (29), sobre o assunto.

Rio do Pires: Falso médico é preso

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde, Sudoeste | Data: 29 jun 2013

Tags:, ,

da Redação

normal_Rio-do-Pires-(2)-04Um falso médico, o qual exercia ilegalmente a profissão no Hospital de Trabalhadores Rurais da cidade de Rio de Pires, foi preso na manhã deste sábado, 29, no momento em que realizava atendimentos no local. Segundo informações preliminares, passadas a Reportagem do blog Brumado Agora pelo delegado titular da comarca de Rio do Pires, Márcio Andrei, o acusado, Luiz Carlos da Silva Milho, é enfermeiro e utilizava o nome do médico e atual prefeito da cidade de Plácido de Castro, localizada no Acre, Roney Oliveira Firmino.

Ainda segundo o delegado, as investigações tiveram início assim que a Procuradoria de Justiça da comarca recebeu a denúncia do exercício ilegal do falso médico. Em depoimento a polícia, o acusado informou que atuava de forma irregular por necessidade, para com o recurso poder quitar dívidas. Fonte: Brumado Agora