Advogado de Geddel, Gamil diz que prisão é ‘absolutamente desnecessária’

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Brasil | Data: 03 jul 2017

Tags:, ,

Por Rodrigo Daniel Silva (Bahia.ba)

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil.
Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

 

O advogado Gamil Föppel, responsável pela defesa ex-ministro da Secretaria de Governo, em nota enviada ao bahia.ba, nesta segunda-feira (3), afirmou que a prisão preventiva do peemedebista é “absolutamente desnecessária”.

Na nota, o defensor critica a “ausência de relevantes informações” para ordenar a detenção. Ressaltou ainda que “sucessivamente” se dispôs a “prestar depoimento”.

“Inacreditavelmente, até o presente momento, jamais foi intimado para tanto, revelando uma preocupação policialesca muito mais voltada às repercussões da investigação para grande imprensa, do que efetivamente a apuração de todos os fatos”, condenou, ao ressaltar que o ex-ministro “segue inabalável na reparação do cerceamento às suas liberdades fundamentais”.

Leia a nota na íntegra:

A defesa técnica do Senhor Geddel Vieira Lima vem registrar sua incompreensão em relação ao absolutamente desnecessário decreto de prisão preventiva.

Decerto, diante da ausência de relevantes informações para sua decisão, inexplicavelmente não relatadas na representação policial, a autoridade judiciária infelizmente laborou em erro. Dessa forma, acabou por não considerar que, desde o momento em que o Senhor Geddel Vieira Lima se viu injustamente enredado no bojo da “Operação Cui Bono”, colocou-se à disposição das autoridades constituídas, para apresentar os documentos que lhe fossem solicitados, assim como comparecer a todos os chamados que eventualmente lhe fossem formulados, inclusive abrindo mão dos seus sigilos bancário e fiscal, assim como do seu passaporte.

Assim, em que pese tenha sucessivamente se disponibilizado a prestar depoimento, inacreditavelmente, até o presente momento, jamais foi intimado para tanto, revelando uma preocupação policialesca muito mais voltada às repercussões da investigação para grande imprensa, do que efetivamente a apuração de todos os fatos.

Ademais, deixou de ser relatado que, mesmo no depoimento prestado à Procuradoria-Geral da República, Joesley Batista foi enérgico em pontuar que jamais pagou propina (ou qualquer tipo de vantagem indevida) ao Senhor Geddel Vieira Lima. Enfim, diante da ausência de relevantes informações, acabou-se por não apreciar os substanciais elementos que comprovavam a inadmissibilidade da prisão preventiva no caso concreto.

Sabedor da sua inocência e confiante na altivez do Poder Judiciário, o Senhor Geddel Vieira Lima segue inabalável na reparação do cerceamento às suas liberdades fundamentais, registrando que, estando custodiado, deposita sua integridade física nas mãos da autoridade policial.

Salvador/BA, 3 de julho de 2017. Gamil Föppel

Geddel decide deixar o cargo após crise atingir Temer e Padilha

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 25 nov 2016

Tags:, ,

A Tarde

img_1125

O ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) decidiu deixar a Secretaria de Governo após acusações de tráfico de influência para liberar a obra onde ele teria comprado um apartamento . A decisão foi tomada depois do ex-ministro da Cultura Marcelo Calero afirmar que gravou conversas com o peemedebista, com o presidente Michel Temer e com o ministro Eliseu Padilha.

Calero alega que foi pressionado pelos três para liberar construção do prédio La Vue, na Ladeira Barra, em Salvador.

O anúncio oficial da saída dele deve ser feito ainda nesta sexta-feira, 25. Contudo, Geddel já comunicou a aliados de sua decisão, assim como alguns ministros e o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB).

img_1750

Em carta enviada para Temer (confira a íntegra abaixo), Geddel cita que as críticas feitas a ele estão causando sofrimento aos seus familiares e que esse era “o limite da dor” que ele suporta. Diante disso, o baiano disse que fez uma análise e decidiu deixar o governo.

“Fiz minha mais profunda reflexão e fruto dela apresento aqui este meu pedido de exoneração do honroso cargo que com dedicação venho exercendo”.

Geddel ainda aproveitou para elogiar Temer, que ele chamou de “sério, ético e afável no trato com todos” e disse que vai continuar torcendo pelo governo.

A polêmica envolvendo Geddel começou após a renúncia de Calero. Na ocasião, ele argumentou que tomou a decisão por conta da pressão feita pelo baiano para que o Instituto do Patrimônio Histórico Artístico Nacional (Iphan) liberasse a construção do empreendimento imobiliário.

Calero alega que foi “enquadrado” por Temer para encontrar uma “saída” para a obra de interesse de Geddel. Além disso, o ex-ministro da Cultura disse que também foi procurado por Padilha após uma conversa ruim com Geddel.

O baiano comprou um apartamento no prédio. Ele confirma que conversou com Calero sobre o empreendimento, mas nega que tenha feito pressão.

No início dessa semana, o Planalto afirmou que Geddel seria mantido no governo apesar da polêmica envolvendo seu nome.

Leia a íntegra da carta de demissão de Geddel:

“Meu fraterno amigo presidente Michel Temer,

Avolumaram-se as críticas sobre mim. Em Salvador, vejo o sofrimento dos meus familiares. Quem me conhece sabe ser esse o limite da dor que suporto. É hora de sair.

Diante da dimensão das interpretações dadas, peço desculpas aos que estão sendo por elas alcançados, mas o Brasil é maior do que tudo isso.

Fiz minha mais profunda reflexão e fruto dela apresento aqui este meu pedido de exoneração do honroso cargo que com dedicação venho exercendo.

Retornando à Bahia, sigo como ardoroso torcedor do nosso governo, capitaneado por um presidente sério, ético e afável no trato com todos, rogando que, sob seus contínuos esforços, tenhamos a cada dia um país melhor.

Aos congressistas, o meu sincero agradecimento pelo apoio e colaboração que deram na aprovação de importantes medidas para o Brasil.

Um forte abraço, meu querido amigo.

Geddel Vieira Lima”

Herzem recebe ACM Neto e Geddel em grande carreata

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 15 out 2016

Tags:, , , ,

Assessoria de Comunicação

dsc_0190
Uma enorme carreata da coligação “Uma Conquista Melhor” parou Vitória da Conquista, neste sábado (15). O candidato a prefeito Herzem Gusmão (PMDB) recebeu o prefeito reeleito de Salvador, ACM Neto, o ministro Geddel Vieira Lima, deputados federais e estaduais, além de diversas lideranças da região, em um dos maiores atos políticos já vistos no município.

As atividades tiveram início no aeroporto Pedro Otacílio Figueredo, por volta das 10 horas, de onde Herzem e sua vice, Irma Lemos, saíram em carreata com as demais lideranças. A carreata passou pelas principais ruas e avenidas da cidade até o Espaço Rafiki, onde as autoridades discursaram.

dsc_0750

“Chegou o momento de Conquista dá uma mensagem muito clara de mudança pro seu futuro e isso vem com a eleição de Herzem para prefeito. Ele se preparou, se qualificou para isso e eu tenho certeza que ele vai fazer a melhor gestão que Conquista já viu”, afirmou ACM Neto.

“Herzem significa novas esperanças, renovação, um novo modelo de fazer gestão, sem aquele populismo barato do PT. Com a eleição de Herzem, Conquista vai ter a oportunidade de ter uma parceria real com o Governo Federal, para resolver os problemas já prometidos e que nunca tiraram do papel”, ressaltou Geddel.

Durante o seu discurso, Herzem agradeceu os apoios que sua campanha vem recebendo. “Nós queremos agradecer a todos que estão conosco desde o início dessa caminhada e aos que chegaram agora, adesões importantes que esse evento traduz muito bem”, destacou. “A nossa vitória no dia 30 de outubro vitória terá um significado histórico. Nós haveremos de unir a Bahia a partir dessa nossa vitória e retomar a Bahia para os baianos. Esse é o nosso papel”, finalizou Herzem.

“Novo estilo” de Geddel agrada deputados baianos

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia | Data: 24 maio 2016

Tags:, ,

Tribuna da Bahia

Em entrevista nesta segunda-feira ao jornal A Tarde, Geddel disse ter aprendido com Ulysses Guimarães que na política raiva só fingida ou combinada

Deputados federais da bancada baiana estão animados com o novo estilo adotado pelo ministro da Articulação Política do governo Michel Temer (PMDB), Geddel Vieira Lima.

Nos encontros que tem mantido com os aliados na Bahia, Geddel tem deixado claro que não quer nada para o PMDB, além do devido para o irmão, o deputado federal Lúcio Vieira Lima, além de defender claramente que quem votou a favor do impeachment tenha prioridade em qualquer pleito em relação àqueles que aderiram depois ao novo governo.

Em entrevista nesta segunda-feira ao jornal A Tarde, Geddel disse ter aprendido com Ulysses Guimarães que na política raiva só fingida ou combinada.

Dilma deixou rombo de R$ 200 bilhões, diz Geddel

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 19 maio 2016

Tags:, ,

da Redação

GeddelEntrevistado pelo jornalista Josias de Souza o ministro Geddel Vieira Lima (Secretaria de Governo) informou que a herança do governo Dilma Rousseff inclui um rombo orçamentário de cerca de R$ 200 bilhões. “É um número absolutamente assustador”, disse Geddel na entrevista. O PT estimou para 2016 um déficit de R$ 96 bilhões. “Não corresponde à realidade”, disse o ministro.

“O governo atual terá muitas dificuldades e terá que pedir muitos sacrifícios para controlar e levar o país numa situação melhor até 2018”, revelou Geddel.

“O PT estava aqui, na Secretaria, utilizando-se de cerca de mil cargos para aparelhar a sua militância política”. Esses militantes não trabalhavam?, indagou o repórter. E Geddel: “Não trabalhavam. Estamos trabalhando na identificação desses processos.

Minha Casa

Sobre o programa Minha Casa, Minha Vida do Governo Federal, o ministro apontou algumas conhecidas irregularidades que foram também praticadas em Vitória da Conquista. O PT explorava politicamente a distribuição de chaves do programa Minha Casa, Minha Vida, sob a responsabilidade do Ministério das Cidades.

Reunião define espaços para aliados de Temer

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Brasil | Data: 18 maio 2016

Tags:, , ,

TB

Geddel está à frente da reunião com a bancada baiana para definir espaços

Uma reunião entre deputados federais da bancada baiana deve definir hoje a distribuição de cargos de segundo escalão na Bahia entre os aliados do presidente interino, Michel Temer (PMDB). Cinquenta cargos federais, que incluem institutos como Ibama, INSS e Iphan, estão entre os mais cobiçados pelos parlamentares. A briga política, no entanto, é maior pela presidência da Companhia de Docas do Estado da Bahia (Codeba), vinculada à Secretaria de Portos da Presidência da República. O órgão é gerido atualmente por José Muniz Rebouças, indicado pelo senador Otto Alencar (PSD). Conforme apurou a Tribuna, o prefeito ACM Neto (DEM) desembarca hoje em Brasília a fim de participar dessas negociações, com o deputado federal Benito Gama (PTB) e o secretário de Governo, Geddel Vieira Lima (PMDB). O petebista foi incumbido pelo próprio Michel Temer para distribuir os postos no estado. …Leia na íntegra

Em Brasília, ACM Neto visita três ministérios

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Brasil, Política | Data: 17 maio 2016

Tags:, , ,

BN

Em Brasília, ACM Neto visita três ministérios

Foto: Divulgação / Agecom

O prefeito ACM Neto (DEM) visitou três ministros nesta terça-feira (17), durante agenda em Brasília. O gestor se reuniu com o ministro Geddel Vieira Lima (Secretaria de Governo) para discutir projetos para a capital baiana e logo depois foi até o Ministério da Fazenda para levar ao ministro Henrique Meirelles a proposta de financiamento de US$ 105 milhões do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), por intermédio do Programa de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur). “Fiquei muito entusiasmado com a receptividade e estou confiante que todos os projetos que nós pensamos com o financiamento serão executados”, avaliou o prefeito. Após o encontro com Meirelles, ACM Neto esteve com o ministro da Saúde, Ricardo Barros.

Na pauta, a apresentação de proposta de saneamento do déficit de serviços médicos e hospitalares de média e alta complexidade, que, até o ano passado, era de R$170 milhões. O prefeito também solicitou a habilitação e qualificação de quatro UPAs: São Cristóvão (já construída), Brotas, Paripe e Pirajá, que serão inauguradas nas próximas semanas. Antes de retornar à capital baiana, Neto deve mais uma audiência. Na manhã desta quarta (18), ele vai se reunir com o ministro Bruno Araújo (Cidades).

Ministro de Temer, Geddel quer dialogar; confira nomes dos novos ministros

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 12 maio 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais
foto: arquivo BRG

DSC_1299

O presidente interino Michel Temer já escolheu sua equipe de governo. No total, serão 22 ministérios, segundo divulgou a assessoria de imprensa da Vice-Presidência. O Ministério da Cultura, por exemplo, será incorporado ao Ministério da Educação.

O único baiano na lista, Geddel Vieira Lima (PMDB), disse, em entrevista ao jornal A Tarde,  no final da noite de quarta (11), que sua nova função será dialogar com parlamentares no Congresso, mas também com movimentos sociais. E mandou recado: “É preciso aprender a diferença entre oposição ao governo e oposição ao país. Meu objetivo é dialogar, dialogar e dialogar, com quem tiver interessado em contribuir”, disse.

Questionado sobre como fica a relação com os adversários políticos na Bahia, o futuro ministro-chefe da Secretaria de Governo  afirmou que o interesse pela Bahia se sobrepõe às disputas políticas. “Não há figura de aliado nem de adversário político. O que existe é o interesse da Bahia que sempre esteve acima de tudo para mim. A Bahia vai ser sempre o local em primeiro lugar. Estarei à disposição do governador (Rui Costa – PT), do prefeito (ACM Neto – DEM) e dos prefeitos. De quem estiver interessado em contribuir para a Bahia”.

Abaixo, a lista dos novos ministros: …Leia na íntegra

Geddel elogia ausência de Temer em posse de Lula: ‘PMDB quer sair’

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Política | Data: 18 mar 2016

Tags:, , ,

Por Evilasio Junior – Bahia.ba

Presidente do PMDB baiano está em Brasília e admite que o partido tem discutido a situação de crise do atual governo: “Com essa confusão toda, é reunião toda hora”

Foto: Blog do Marcelo/ Flickr
Foto: Blog do Marcelo/ Flickr

O presidente do PMDB baiano, Geddel Vieira Lima, elogiou a atitude do vice-presidente da República, Michel Temer, que não compareceu, nesta quinta-feira (17), à cerimônia de posse do novo ministro-chefe da Casa Civil, Luiz Inácio Lula da Silva.

Contatado pelo bahia.ba, o peemedebista considerou o ato como “simbólico” e apostou que o seu partido vai romper definitivamente com o governo de Dilma Rousseff (PT). “Não tem aceno [de rompimento]. A convenção foi muito clara: o PMDB quer sair em até 30 dias. Michel tinha compromissos em São Paulo e fez muito bem de não ir, até porque estava tomando posse um ministro do PMDB, em total desrespeito à decisão da direção nacional”, apontou Geddel, em relação à nomeação do deputado Mauro Lopes (MG) como titular da Secretaria de Aviação Civil (SAC).

O comandante do PMDB da Bahia está em Brasília e só deve retornar a Salvador na próxima semana, devido às discussões sobre a crise política que atinge o Palácio do Planalto. “Com essa confusão toda, é reunião toda hora”, relata Geddel.

 

Peemedebistas reelegem Geddel à presidência estadual do partido

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 21 out 2015

Tags:, ,

por Mateus Novais

IMG_0310foto: divulgação – Assessoria Parlametar

O Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) da Bahia realizou a convenção estadual do partido, nesta quarta-feira (21), que reconduziu o ex-ministro Geddel Vieira Lima à presidência da legenda. Foram eleitos os membros do Diretório Regional da Bahia; delegados à Convenção Nacional; membros da Comissão Executiva, do Conselho Fiscal e da Comissão de Ética e Disciplina, e seus suplentes, além de deliberar e decidir sobre assuntos diversos de interesse do PMDB.

O deputado estadual Herzem Gusmão, uma das principais lideranças do partido no estado, participou da convenção e celebrou o evento. “Foi uma grande convenção, com a participação de lideranças de todas as regiões. O PMDB, mais uma vez, demonstrou a sua força”, disse Gusmão. O parlamentar afirmou também que ficou muito feliz com a possibilidade de o deputado Lúcio Vieira Lima assumir a presidência da Câmara. “Lúcio é um deputado que tem enorme prestígio em todo o país e está muito cotado para comandar a Casa”, disse Herzem.

Segundo parlamentar, o prestígio de Lúcio aumentou ainda mais depois que ele passou a defender até o rompimento do PMDB com o PT, em virtude dos escândalos de corrupção que envolvem o governo federal. “O PMDB é um partido histórico, de resistência, e não pode aceitar o que está acontecendo no país. Nós precisamos tomar uma decisão porque não compactuamos com a corrupção”, concluiu Herzem.​

Geddel se diz envergonhado com postura de sua sigla

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Política | Data: 03 out 2015

Tags:, , ,

Tribuna da Bahia

GeddelA reforma ministerial da presidente Dilma Rousseff (PT), que reduziu os ministérios de 39 para 31 e deixou nove petistas com pastas e sete peemedebistas, dando aos aliados inclusive o Ministério da Saúde, não agradou ao presidente da sigla na Bahia, Geddel Vieira Lima.

Para o ex-ministro de Integração Nacional durante o governo do ex-presidente Lula, a negociação de cargos feita pela petista com os peemedebistas, distribuindo os ministérios e dando aos correligionários pastas importantes, é uma espécie de “book rosa”.

Para quem não sabe, book rosa é um novo termo utilizado para se referir aos programas sexuais realizados por modelos após suas atividades profissionais ocorridas numa noite. Seria uma espécie de book, porém sem ser numa relação de trabalho empregador.

Nessa sexta (3/10), em seu Twitter, Geddel também disse se sentir envergonhado. Essa de que o PMDB está fazendo Book Rosa é terrível. 30 anos nesse partido,nunca senti tanta vergonha”, desabafou. …Leia na íntegra

‘Agenda de Renan é conversa fiada’, diz Geddel

0

Publicado por Editor | Colocado em Política | Data: 19 ago 2015

Tags:, ,

banner_shop_05

Blog do Josias de Souza

GeddelDivulgacao2Presidente do PMDB da Bahia e membro da Executiva Nacional do partido, Geddel Vieira Lima decidiu participar da reunião suprapartidária articulada por Aécio Neves para discutir saídas para a crise. Em conversa com o blog, ele chamou de “conversa fiada” a agenda anticrise negociada pelo correligionário Renan Calheiros com Dilma Rousseff.

Geddel afirmou que Michel Temer, seu amigo de trinta anos, “vive um momento em que terá de tomar a decisão de exercer a sua função institucional de vice-presidnete da República. Ele tem que entender que não cabe ao vice-presidente ficar discutindo nomeação para delegacia do INSS nos Estados.” Ex-ministro de Lula e ex-vice-presidente da Caixa Econômica Federal sob Dilma, Geddel sustenta que “esse modelo faliu.”

Raro conhecedor do que se passa na cozinha do PMDB, Geddel diz estranhar o comportamento dos líderes do partido que ainda estendem a mão para Dilma. “O que o PMDB diz de noite não corresponde ao que certos peemedebistas fazem de dia.” Vão abaixo as declarações de Geddel: …Leia na íntegra

Geddel reúne oposição na Assembleia para avaliar momento político

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 14 abr 2015

Tags:, , , ,

por Mateus Novais
foto: divulgação 

IMG_0012

O presidente do PMDB baiano, Geddel Vieira Lima, se reuniu na última segunda-feira (13) com a bancada de oposição na Assembleia Legislativa para fazer uma análise do momento político nacional e local e traçar estratégias para o futuro. O deputado Herzem Gusmão (PMDB) participou do encontro e também avaliou com o correligionário os primeiros 100 dias do governo Rui Costa (PT).

Após a conversa, os deputados e o ex-ministro Geddel afirmaram que os baianos estão sendo administrados por um “governo do continuísmo”.  O grupo oposicionista apontou que a Bahia passa por um período de “oito anos e 100 dias de um governo desastroso”, com “promessas não cumpridas, obras que não saíram do papel e caos na saúde”.

Herzem Gusmão tratou da realidade de Vitória da Conquista e da região Sudoeste, que serão prioridades para o PMDB nas eleições do ano que vem. “O PT prometeu mundos e fundos para Conquista e região. A pista do aeroporto até hoje só tem 50% das obras concluídas. Barragens ficaram só na promessa. E a saúde continua um caos. A oposição vai trabalhar para mudar isso. E o início de tudo são as eleições do ano que vem”, completou Herzem.

Paulo Souto e Geddel hoje em Vitória da Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 24 set 2014

Tags:, ,

da Redação

Paulo Souto e Geddel BBChegarão por volta das 9 horas, no aeroporto Pedro Otacílio de Figueredo, em Vitória da Conquista, os candidatos da oposição Paulo Souto, Joaci Góes e Geddel Vieira Lima, da coligação “Unidos pela Bahia” onde do aeroporto seguirão em caravana até o centro da cidade. Com este evento os candidatos oposicionistas encerram a campanha eleitoral fazendo a última visita  à cidade até o dia 5 de outubro.

A comitiva liderada pelos candidatos Paulo Souto (DEM), governador e Geddel Vieira Lima (PMDB), senador será recepcionada no aeroporto pelos candidatos a deputado federal e estadual que são aliados. Dentre eles Herzem Gusmão (Estadual/PMDB), Dr. Ladeia ( Estadual/PTC), Claudionor Dutra (Estadual/PSDB), Marcelo Melo (Federal/DEM) dentre outros. Os candidatos do Grupo Independente, liderados por Romilson Filho se farão presentes.

Geddel diz que saúde, segurança e educação superam desejo de desenvolvimento econômico na população

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Política | Data: 01 ago 2014

Tags:, , , , ,

por Mateus Novais
foto: Roberto Silva

DSC_1761

Finalizando a visita a região sudoeste, a chapa “Unidos pela Bahia” realizou um comício no município de Barra do Choça (a 30 km de Vitória da Conquista). Lideranças da oposição baiana discursaram para a população local, que receberam os candidatos Paulo Souto (DEM), Geddel Vieira Lima (PMDB) e Joaci Goés (PSDB), mesmo debaixo de forte chuva.

Por este motivo, o candidato ao Senado, Geddel, afirmou que o “sentimento de vitória aumentou ao ver o povo encher a praça de Barra do Choça para nos ouvir, mesmo debaixo de chuva intensa.”.

O peemidebista também fez uma avaliação sobre sua visita a região sudoeste, na última sexta-feira. Para ele, saúde, segurança e educação superam desejo de desenvolvimento econômico na população. “O anseio da população é grande em desenvolver a economia da região com a possibilidade da chegada de novas indústrias, mas a prioridade é um problema comum em todo o estado: saúde, segurança e educação.”, avaliou.

Geddel se articula para ser candidato das oposições na disputa ao governo

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Política | Data: 04 dez 2013

Tags:,

Tribuna da Bahia

Geddel BPré-candidato da oposição que mais se apresenta para o processo, o presidente do PMDB no Estado, Geddel Vieira Lima, se articula para ser o candidato e já deixou claro que defende uma antecipação do nome pelo grupo. O peemedebista tem demonstrado disposição para correr atrás do quinhão e apareceu essa semana como estrela de uma campanha promocional do PMDB. Integrante das mídias sociais, o peemedebista aproveitou as ferramentas para divulgar o vídeo, produzido para TV e internet, e pedir a opinião dos seguidores.

Na apresentação, ele mostrou a ligação com a administração democrata em Salvador ao contrapor com a gestão petista no Estado. “Enquanto a Bahia vive um clima de abandono, Salvador mostrou, em pouco tempo, como é importante dar chance às novas ideias”, destacou.

…Leia na íntegra

Geddel tenta se viabilizar na disputa em 2014 e diz que prioridade é derrotar PT

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Política | Data: 22 out 2013

Tags:, ,

Tribuna da Bahia

geddel (1)Com afiado discurso de oposição ao governo Wagner, o presidente do PMDB baiano, Geddel Vieira Lima busca se viabilizar como o nome que pode vencer o PT nas urnas de 2014. O ex-ministro, que se afastou do governador ainda no primeiro mandato, em 2009, deixou claro ontem que dentro dessa meta não lutará de forma “obsessiva” para ser o candidato da chapa dos partidos oposicionistas (PMDB, PSDB, DEM e PPS). “Sou candidato, mas não sou empecilho para que outro do grupo seja o candidato. A minha prioridade é derrotar o PT”, disse, pontuando supostos fracassos da gestão estadual. Em conversa com a reportagem, Geddel sinalizou que quer desconstruir qualquer tese de divergência, em função de uma possível disputa entre ele o ex-governador Paulo Souto, nome apontado pelo DEM.

Com o lema da tranquilidade, o líder peemedebista disse que está “fazendo a sua parte”, mas que não há pressas. “Estou me colocando junto ao conjunto de forças. Estou viajando, conversando com as pessoas, com a imprensa, dando entrevistas nas rádios, estudando a Bahia”, disse.  Segundo ele, no “momento mais conveniente”, a oposição anunciará o candidato sob a liderança do prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM).

…Leia na íntegra

Geddel almoça com lideranças políticas em Vitória da Conquista

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Bahia, Vit. da Conquista | Data: 01 set 2013

Tags:

Da Redação

almoço comitivaDepois de uma série de compromissos previstos em agenda para a sexta-feira (30), em Vitória da Conquista. Geddel Vieira Lima, presidente estadual do PMDB e pré-candidato ao governo da Bahia, fez uma pausa com sua comitiva, e acompanhado por Herzem Gusmão e outros convidados almoçaram em um famoso restaurante da cidade.

Mesmo em clima de descontração, o momento também serviu para discutir ideias e planos futuros. Na foto ao lado estão Herzem Gusmão, Geddel, Cel. Esmeraldino Correia, ex-vereador Eduardo Mesquita, prefeitos e ex-prefeitos da região sudoeste. Os vereadores do parlamento conquistense  Bibia (PSDB), Álvaro Pithon (DEM) e Arlindo Rebouças (PMN) também participaram do almoço.

Geddel vai ao Centro de Vitória da Conquista e conversa com comerciantes

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Bahia, Vit. da Conquista | Data: 01 set 2013

Tags:

Da Redação

geddel baianas do acarajéSeguindo a agenda programada para a última sexta-feira (30), o pré-candidato ao governo da Bahia, Geddel Vieira Lima, também percorreu ruas do Centro da cidade de Vitória da Conquista. Na ocasião estabelecimentos foram visitados e comerciantes e populares cumprimentados.

Durante o percurso Geddel ouviu queixas e solicitações das pessoas que pediam mais segurança e melhorias na localidade. Geddel ainda parou com parte da comitiva em uma barraca de baiana de acarajé. Muito simpático, falou com as tradicionais comerciantes e aproveitou para experimentar o mais famoso dos quitutes da Bahia.

Logo depois seguiu para encontro com representantes da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Vitória da Conquista.

Geddel é entrevistado no programa Resenha Geral

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 30 ago 2013

Tags:,

da Redação

geddel.resenhaComo parte da sua programação de atividades na capital do sudoeste baiano, o ex-ministro da integração nacional, atual presidente do PMDB da Bahia,  Geddel Vieira Lima, esteve no programa Resenha Geral para conceder uma entrevista.

Geddel colocou o seu nome como pré-candidato ao governo da Bahia. Debateu e apresentou propostas para os principais problemas que afligem o estado como: educação, saúde, segurança pública, agricultura, economia, geração de emprego e combate à seca.

Quando questionado a respeito da recente pesquisa do IBOPE e da possibilidade de disputar a eleição do governo da Bahia com Paulo Souto ou ACM Neto, ele afirmou que não há a menor possibilidade deles estarem em lados opostos e garantiu que estará unido à oposição na disputa eleitoral em 2014.