Veja como a reforma muda a sua idade de aposentadoria

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 23 abr 2017

Tags:, , ,

Clayton Castelani
do Agora

Após passar pelas primeiras mudanças na Câmara dos Deputados, a proposta de reforma da Previdência pode complicar a cabeça do trabalhador que tentar descobrir quando poderá se aposentar, caso as novas regras sejam aprovadas no Congresso.

A proposta de acabar com a aposentadoria por tempo de contribuição, criando a idade mínima para a concessão do benefício, foi mantida.

Mas para quem já é ou passar a ser contribuinte do INSS antes da reforma, o novo texto prevê idades mínimas progressivas, começando aos 55 anos, para homens, e aos 53 anos, para mulheres.

Após 2020, a idade mínima aumenta em um ano a cada dois anos, até ser fixada em 65 anos (para homens) e em 62 anos (para mulheres).

Mas não basta ter a idade exigida para se aposentar.

O segurado também precisará ter o tempo mínimo de contribuição exigido hoje (de 35 anos, se homem, e 30 anos, se mulher), além de um adicional de 30% do tempo que estiver faltando para a aposentadoria dele na data da aprovação da reforma.

Decisão do Supremo eleva valor de atrasados do INSS

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 21 abr 2017

Tags:, ,

Vanessa Sarzedas e Fernanda Brigatti
do Agora

Os cerca de 27 mil segurados que esperavam a decisão do STF (Supremo Tribunal Federal) sobre a aplicação de juros de mora no cálculo da RPV (Requisição de Pequeno Valor) ou do precatório terão atrasados maiores.

A Suprema Corte decidiu, na última quarta-feira, que o valor devido ao segurado deve ter juros pela demora entre o cálculo do atrasado e a emissão do pagamento.

Segundo o advogado Roberto de Carvalho Santos, do Ieprev (Instituto de Estudos Previdenciários), a espera para receber a grana após a execução é de, em média, seis meses, mas pode chegar a até dois anos.

Veja quem garante a revisão que dá a aposentadoria integral

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 15 abr 2017

Tags:, ,

Leda Antunes
do Agora

O trabalhador que se aposentou depois de entrar em vigor a regra 85/95, mas mesmo assim recebeu um benefício com desconto, pode ter direito a uma revisão de sua aposentadoria.

A fórmula que concede o benefício integral, igual a média dos salários, entrou em vigor em 18 de junho de 2015.

Para garantir o cálculo, o segurado precisa ter, na soma da idade com o tempo de contribuição, 85 pontos, se for mulher, e 95 pontos, se for homem.

Por erro no sistema do INSS ou falta de reconhecimento de períodos trabalhados, por exemplo, o segurado pode ter recebido o desconto do fator previdenciário no seu benefício, mesmo já tendo direito ao cálculo mais vantajoso, pela regra 85/95.

Auxílio-doença negado no INSS só sai na Justiça

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 14 abr 2017

Tags:, , ,

Clayton Castelani
do Agora

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) está mais rigoroso ao conceder ou renovar o auxílio-doença, benefício que garante renda mensal temporária para trabalhadores incapacitados para suas atividades.

Com um rombo na Previdência de R$ 152 bilhões em 2016, o governo tem tomado medidas para tornar mais duro o processo de avaliação dos candidatos ao benefício.

Desde meados do ano passado, um pente-fino começou a ser feito nos benefícios por incapacidade e tem foco justamente nos auxílios que foram concedidos na Justiça.

Balanço da revisão mostra que, de cada dez benefícios, oito estão sendo suspensos.

INSS libera resultado de perícia no dia do exame

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 10 abr 2017

Tags:, ,

da Redação

A Previdência Social fez alterações para quebrar a burocracias no INSS. O segurado que passar por perícia médica agora será informado no mesmo dia sobre o resultado do exame. O serviço que foi iniciado na semana passada  funciona por meio da internet ou por telefone.

As informações estrarão disponibilizadas no site www.previdencia. gov.br ou pela central telefônica 135 a partir das 21 horas da data em que a perícia foi realizada. Para saber se o benefício solicitado será concedido, o interessado precisará informar o nome completo, a data de nascimento, o CPF e o número do benefício.

Antes os segurados tinham que aguardar por muito tempo a resposta que era dad apor carta  após 20 dias da perícia. Outra alternativa era procurar a própria agência  onde ocorreu o atendimento.

Revisão do tempo especial mais que dobra benefício

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Economia | Data: 04 abr 2017

Tags:,

Clayton Castelani
do Agora

Atividades consideradas prejudiciais à saúde podem garantir a antecipação da aposentadoria e um benefício com valor maior.

Levantamento do escritório Roberto de Carvalho Santos com ações judiciais concluídas em 2016 mostra exemplos de segurados que conseguiram aumentar e mais que dobrar o benefício após a Justiça reconhecer o tempo especial.

No exemplo em que houve a maior vantagem, a aposentadoria de um metalúrgico de 55 anos subiu de R$ 1.934 para R$ 4.304.

O aumento foi de 122%.

A aposentadoria dele, portanto, mais do que dobrou.

No caso do trabalhador, havia direito ao tempo especial devido à exposição constante ao barulho acima dos níveis permitidos.

Consulte as contribuições ao INSS sem sair de casa

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 13 mar 2017

Tags:,

Cristiane Gercina
do Agora

Os segurados que querem garantir todas as contribuições ao INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) antes que a reforma da Previdência seja aprovada podem começar conferindo as informações do seu Cnis (Cadastro Nacional de Informações Sociais) sem sair de casa.

O portal Meu INSS, que pode ser acessado em servicos.inss.gov.br, traz essas informações detalhadas. Para acessá-lo, o segurado precisa de senha, que pode ser gerada pela internet.

No entanto, para que ela se torne válida e o trabalhador consiga ter acesso a todos os seus dados, é preciso passar por um atendimento telefônico, no 135.

Nesse atendimento, após responder a algumas questões, o código para consultar o Cnis pela internet será validado e o segurado poderá conferir o documento, que é um dos mais importantes para quem vai se aposentar.

Fim da troca de benefício ameaça renda de segurados

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 28 fev 2017

Tags:, , ,

da Redação
Com Clayton Castelani do Agora

Quatro meses após o STF (Supremo Tribunal Federal) decidir que não cabe à Justiça conceder a troca de aposentadoria aos aposentados que contribuem para a Previdência Social, milhares de segurados que tinham conseguido a chamada desaposentação convivem com o risco de perder o aumento obtido na renda mensal.

Em todo o país, mais de 180 mil aposentados pediram a desaposentação.

Boa parte deles não teve o processo concluído, pois muitas ações que chegavam à segunda instância tinham o andamento interrompido, à espera de uma decisão definitiva do Supremo –a Corte levou mais de dois anos para analisar o tema.

Nova etapa do pente-fino tem 42 mil benefícios a mais

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 18 jan 2017

Tags:, ,

Clayton Castelani e Fernanda Brigatti
do Agora

A retomada do pente-fino do INSS nos benefícios por incapacidade terá mais segurados com auxílios-doença incluídos nas revisões.

O programa havia sido interrompido porque a medida provisória que o autorizava deixou de valer.

Nesta semana, uma nova medida permitiu o reinício das perícias.

No Estado de São Paulo, o número de auxílios a serem reavaliados subiu de 99.523 para 148.064 entre julho do ano passado, quando a primeira versão do pente-fino foi colocada em prática, e janeiro deste ano, quando as revisões foram retomadas.

O aumento é de quase 49% na quantidade de beneficiários que serão obrigados a passar pela perícia médica.

A entrada de 48.541 novos segurados na revisão é resultado do aumento, no último semestre, da quantidade de segurados que recebem auxílios-doença e estão há mais de dois anos sem passar por uma perícia médica.

Benefícios do INSS são reajustados em 6,58% e teto sobe para R$ 5.531,31

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 16 jan 2017

Tags:, ,

Os benefícios pagos pelo INSS serão reajustados em 6,58% em 2017 e terão teto de R$ 5.531,31. O aumento foi definido pelo INPC de 2016, como prevê a legislação, e publicado em portaria no Diário Oficial desta segunda-feira (16). O porcentual de alta ficou acima do salário mínimo, que obedece outra regra e teve reajuste de 6,48%.

O salário mínimo é o piso para o pagamento dos benefícios, como aposentadorias, auxílio-doença, auxílio-reclusão e pensão por morte. A portaria publicada pelo Ministério da Fazenda prevê que, desde 1º de janeiro deste ano, as contribuições ao INSS tenham alíquota de 8% para quem ganha salário até R$ 1.659,38. Para remunerações entre R$ 1.659,39 e 2.765,66, a alíquota será de 9% e, entre 2.765,67 e 5.531,31, de 11%.

O valor da cota do salário-família por filho de até 14 anos de idade ou inválido de qualquer idade foi definido em R$ 44,09 para o segurado com remuneração mensal não superior a R$ 859,88; e R$ 31,07 para o segurado com remuneração mensal entre R$ 859,88 e R$ 1.292,43. O auxílio-reclusão será pago a dependentes de segurado com salário abaixo de R$ 1.292,43. Também foram reajustados os valores das multas cobradas por descumprimento de obrigações previdenciárias, que vai variar de R$ 300,49 a R$ 30.050,76.

*Com informações do Bahia Notícias

Segurado deve se preparar para a volta do pente-fino

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 16 jan 2017

Tags:, ,

Fernanda Brigatti
do Agora

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) retoma hoje as perícias do pente-fino nos benefícios por incapacidade.

Esses exames extras chegaram a ser iniciados em 2016, mas foram interrompidos porque o governo não conseguiu aprovar o pagamento de um bônus aos médicos peritos.

No início deste mês, nova medida provisória -que passa a valer antes da votação- permitiu que os exames recomeçassem.

Com a paralisação das perícias em novembro, os segurados convocados pelo INSS ganharam mais tempo para agendar novas consultas médicas e atualizar exames e laudos médicos.

Quem tinha exame agendado de 4 de novembro até hoje ganhou um tempo extra, pois essas perícias ainda serão reagendadas.

O advogado previdenciário Rômulo Saraiva explica que é muito comum o médico não incluir no laudo a estimativa da duração da incapacidade.

“Os médicos não dizem se a incapacidade é por tempo indeterminado ou por 60 ou 90 dias. Também não falam, muitas vezes, se a incapacidade é total e definitiva. Isso pode ajudar se a pessoa tem direito a auxílio-doença ou auxílio-acidente”, explica.

Confira os novos valores das aposentadorias do INSS

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 15 jan 2017

Tags:, ,

Clayton Castelani

do Agora

Os benefícios pagos pelo INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) terão um novo valor a partir deste mês.

Segurados que recebiam o salário mínimo de R$ 880 passarão a ganhar R$ 937. O reajuste é de 6,48%.

Aposentadorias, pensões e auxílios com valor acima do piso terão um aumento de 6,58%. Com o reajuste, o teto dos benefícios passará de R$ 5.189,82 a R$ 5.531,31.

O Agora traz hoje o valor dos novos benefícios para diversas faixas salariais e os descontos do Imposto de Renda, aplicados só nos benefícios maiores

Benefícios do INSS sobem 6,58% e teto vai a R$ 5.531

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 12 jan 2017

Tags:, , ,

da Redação

Fernanda Brigatti
do Agora (Conteúdo)

Os segurados que recebem um benefício do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) acima do salário mínimo já conseguem saber de quanto será o reajuste deste ano.

A partir do pagamento depositado em fevereiro, eles terão um aumento de 6,58%, percentual que corresponde ao INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) acumulado de janeiro a dezembro de 2016.

O índice é menor do que foi inicialmente previsto pela gestão Michel Temer (PMDB) no Orçamento para 2017, que era de 7,5%, e bem inferior aos 11,28% pagos no ano passado.

Apesar da diferença grande entre o reajuste deste e do ano passado, quem ganha mais de um salário não tem tido aumento real, acima da inflação.

Com o reajuste, um aposentado que ganha R$ 2.000 passa a receber R$ 2.131,60.

Os benefícios reajustados começam a cair na conta de aposentados, pensionistas e dos que recebem auxílio com valor acima do piso a partir do dia 1º de fevereiro.

INSS retoma revisão de benefícios

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia | Data: 10 jan 2017

Tags:,

Da Redação

Na próxima segunda-feira (16), o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) reinicia a revisão dos benefícios. Na Bahia, serão revisadas 72.694 aposentadorias por invalidez e 29.730 auxílios doença.  No total, serão chamados 100.170 beneficiários baianos com auxílios que estão há mais de dois anos sem perícia.

A convocação será feita por meio de carta com aviso de recebimento. Após o comunicado, o segurado tem cinco dias úteis para agendar a perícia pelo número 135. O beneficiário que não atender a convocação ou não comparecer na data agendada pode ter o benefício suspenso. Na data marcada para a realização da avaliação, ele deve levar toda a documentação médica como atestados, laudos, receitas e exames.

Dados da Previdência Social apontam que a revisam já gerou uma economia de R$ 220 milhões para o Fundo da Previdência. Até 31 de outubro de 2016, foram realizadas quase 21 mil perícias.

Veja quem terá atrasados da revisão dos auxílios em 2017

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 29 dez 2016

Tags:, ,

da Redação

Com informações / Luciana Lazarini
do Agora

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) pagará mais um lote anual de atrasados da revisão dos auxílios em 2017.

O pagamento deve ser feito entre maio e o início de junho.

Por enquanto, o órgão não forneceu a data exata dos depósitos.

Segundo o INSS, o processamento do pagamento é feito às vésperas do calendário anual, que ocorre em maio.

O INSS tem que pagar essa grana todos os anos para cumprir um acordo feito com a Justiça, que forçou o governo a corrigir os benefícios por incapacidade concedidos com erro entre 2002 e 2009.

Os atrasados são pagos com correção monetária.

Para saber o ano em que receberá os atrasados, é preciso avaliar a situação do benefício em 17 de abril de 2012, a idade do segurado naquele ano e o valor dos atrasados.

Confira quem receberá os atrasados do INSS em 2017

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 25 dez 2016

Tags:, , ,

Cristiane Gercina
do Agora

Os segurados que ganham ação de revisão ou concessão de aposentadoria, pensão ou auxílio contra o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) têm direito de receber a grana dos atrasados.

Os valores só são liberados quando o processo chega totalmente ao fim, sem possibilidade de recursos. A data em que a bolada cairá na conta dependerá do valor do atrasado e de quando ocorreu a liberação do juiz.

O Agora mostra hoje como saber se terá os atrasados no ano que vem. Para os segurados de São Paulo e Mato Grosso do Sul, a consulta ao processo é feita no site do TRF 3 (Tribunal Regional Federal da 3ª Região): www.trf3.jus.br

Segurado saberá seu tempo de contribuição na internet

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 21 dez 2016

Tags:, , ,

Fernanda Brigatti e Folha de S.Paulo
do Agora

O segurado do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) interessado em planejar sua aposentadoria poderá saber, de forma mais simples, quanto tempo de contribuição falta para conseguir se aposentar.

Essa consulta será liberada pela internet, na página que será batizada de “Meu INSS” e, segundo a promessa do instituto, começará em março.

Essa central de serviços é a mesma em que os segurados já conseguem liberar a consulta ao Cnis (Cadastro Nacional do Seguro Social) sem precisar ir a uma agência do INSS para se cadastrar.

O diretor de benefícios do INSS, Robinson Nemeth, afirma que o extrato de contribuições, como o Cnis é chamado, passará a mostrar a soma dos períodos lançados no documento.

“Hoje o extrato não simula o tempo. Apresenta as empresas nas quais trabalhou, as datas e os repasses que a empresa fez.”

Para o presidente do INSS, Leonardo Gadelha, será uma forma de o segurado ter mais controle em relação às contribuições.

“É uma lógica de controle social interessante. Você vai verificar online se a empresa onde trabalhou fez recolhimento.”

INSS vai contratar 150 candidatos aprovados em concurso público

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Brasil | Data: 12 dez 2016

Tags:, ,

por Mateus Novais

DSC_0009

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) irá nomear mais 150 candidatos aprovados em concurso público feito pelo órgão em 2005. A autorização foi feita pelo Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão nesta segunda-feira (12),. Com esta nova portaria, as nomeações autorizadas chegam a 450.

Conforme a Portaria nº 388, publicada no Diário Oficial da União, as novas nomeações visam o preenchimento de 100 cargos de técnico do Seguro Social e 50 cargos de analista do Seguro Social (formação em Serviço Social), ambos da Carreira do Seguro Social.

Os atos de nomeação ocorrerão a partir deste mês.

Mais de 80% dos auxílios-doença têm indícios de fraude, diz Transparência

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 18 set 2016

Tags:, ,

Bahia Notícias

650x375_inss-previdencia-social_1479373Um levantamento aponta indícios de irregularidades em mais de 80% dos benefícios de auxílio-doença previdenciário e auxílio-doença acidentário concedidos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) em maio de 2015. As irregularidades ocorrem nas áreas rural e urbana do país. A pesquisa foi feita pelo Ministério da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União (CGU).

Conforme os dados, de 1,6 milhão de beneficiados, 721 mil tinham o benefício mantido por mais de dois anos; 2,6 mil foram diagnosticados com doenças que não geram incapacidade; e que a situação de 77 mil segurados, por lei, previa o retorno ao serviço em menos de 15 dias. De acordo com a Agência Brasil, além disso, cerca de 500 mil benefícios não passaram por revisão há mais de dois anos ou foram concedidos sem perícia.

Os últimos casos, segundo a CGU, podem ser explicados pela demora no serviço de perícia. Em média, o segurado espera 24 dias para o atendimento médico pericial, enquanto o ideal seriam cinco dias. Ainda segundo o estudo, o valor total pago em auxílios-doença em maio de 2015 foi de R$ 1,8 bilhão. Segundo a CGU, se o cenário fosse mantido sem o diagnóstico e correção destas falhas, o prejuízo do INSS poderia chegar a R$ 6,9 bilhões em um ano.

INSS convoca aposentados para revisão de benefícios

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 01 set 2016

Tags:, ,

Da Redação

segurados-inssA partir desta quinta (1º), beneficiários do INSS começam a receber carta de convocação para revisão dos benefícios por incapacidade. Ao todo, são 530 mil segurados com auxílio-doença e 1,1 milhão aposentados por invalidez, com idade inferior a 60 anos.

De acordo com o órgão, após o recebimento da carta, os beneficiários terão cinco dias úteis para agendar a perícia médica, por meio da central de teleatendimento 135. Aqueles que não atenderem ao chamado do INSS no prazo estabelecido terá o benefício suspenso, cuja reativação está submetida ao comparecimento do beneficiário e agendamento de nova perícia.

O agendamento e a convocação da revisão serão ordenados conforme idade do segurado (da menor para a maior) e o tempo do benefício (do maior para o menor). Os primeiros 75 mil convocados são beneficiários de auxílio-doença que têm até 39 anos e mais de dois anos de benefício sem passar pelo exame pericial.

*Com informações do Bahia Notícias