Instituto Nacional de Meteorologia faz alerta de chuva forte em Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 22 mar 2019

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

Da Redação

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) de chuvas intensas e ventos fortes para Vitória da Conquista e mais 300 cidades baianas. De acordo com Inmet, nesta sexta (22), há possibilidade de chuva entre 30 e 60 mm/h ou 50 e 100 mm/dia, ventos intensos (60-100 Km/h).

Ainda segundo o Instituto, há risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas.

Por conta disso, o Inmet orienta que em caso de rajadas de vento, as pessoas não devem se abrigar debaixo de árvores, pois há risco de queda e descargas elétricas e não devem estacionar os veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda.

Além disso, informa que, se possível, os aparelhos elétricos e quadro geral de energia devem ser desligados. Em caso de alagamentos, os cidadãos devem procurar ajuda junto à Defesa Civil (199).

Fortes chuvas colocam Vitória da Conquista em estado de alerta

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 16 nov 2016

Tags:, ,

por Mateus Novais

chuva

O Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) publicou um aviso de alerta para as chuvas em Vitória da Conquista. Na primeira quinzena deste mês de novembro choveu 371,45 milímetros. E a expectativa é de que as fortes chuvas se prolonguem até a próxima semana.

O município foi classificado no grau laranja, que representa situação de risco de alagamentos, deslizamentos de encostas ou transbordamentos de rios.  A média de chuva pode chegar a 100 milímetros ao dia.

A Coordenadoria Municipal de Defesa Civil informou que nos últimos três dias foram registrados os seguintes índices gerais de precipitação:

13/11 – 36,24 milímetros
14/11 – 63,61 milímetros
15/11 – 37,7 milímetros

A medição é feita pelos pluviômetros automáticos instalados nos bairros Bruno Bacelar, Centro, Patagônia, Recreio e no estádio Lomanto Júnior. Os dados são repassados em tempo real para o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), do Governo Federal.

A Defesa Civil lembra ao cidadão que pode solicitar ajuda referente a deslizamentos, desabamentos, enchentes, inundações, entre outras emergências, por meio do telefone 199. Até o início desta manhã, o órgão não recebeu nenhuma notificação.