Confira como acelerar sua aposentadoria na internet

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 09 out 2017

Tags:, ,

Leda Antunes
do Agora

Com dificuldade para dar conta de atender o público nas agências, o INSS oferece cada vez mais serviços pela internet. Mas isso pode ser uma barreira para quem tem pouca familiaridade com os computadores.

Agora mostra hoje como usar as ferramentas on-line, que podem ajudar, e muito, o segurado do instituto e até mesmo acelerar a concessão da aposentadoria.

Uma das novidades do portal meu.inss.gov.br é a possibilidade de antecipar o envio dos documentos no pedido de aposentadoria. Ao agendar o atendimento em uma agência da Previdência pela internet, o segurado pode enviar a cópia digitalizada da papelada para o benefício.

A modernização pode acelerar a liberação de benefícios, pois facilita a análise da documentação que comprova o direito do segurado. A única recomendação é que o trabalhador não esqueça de levar os documentos originais no dia do atendimento.

Polícia prende conquistenses que aplicavam golpes pela Internet em Minas Gerais

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Polícia | Data: 10 jan 2017

Tags:, , ,

Da Redação

Dois homens de 28 anos acusados de integrarem uma quadrilha que praticava golpes pela internet em todo o Brasil, foram presos nessa segunda-feira (9), na cidade de Teófilo Otoni, em Minas Gerais. De acordo com informações da Polícia Civil, que efetuou a prisões, os suspeitos, que já estavam a três meses no Vale do Mucuri aplicando golpes, são de Vitória da Conquista. Um adolescente que também estava no local foi detido.

Na internet, a quadrilha agiam da seguinte forma: os dados bancários das empresas e pessoas físicas eram rastreados, em seguida, os criminosos invadiam as contas e faziam retiradas de dinheiro das vítimas.

A função dos dois homens eram de aliciar os moradores da região onde foram presos, para trabalharem no esquema. Esses moradores forneciam os dados bancários pessoais para que o dinheiro desviado fosse depositado por meio de transferências fraudulentas nessas contas, de maneira que as pessoas que gerenciavam os golpes não fossem associadas ao desvio.

O líder da quadrilha que agia na região, confirmou sua participação no crime e revelou que apenas 10% de cada transação ficava com ele como forma de pagamento. O restante do dinheiro era enviado para os hackers, que segundo ele, nunca teria conhecido pessoalmente, apenas por mensagens na internet. Os golpes aplicados já chegaram a desviar uma quantia R$ 90 mil.

Os presos foram conduzidos para o presídio de Teófilo Otoni e poderão responder por formação de quadrilha, estelionato e corrupção de menores. A Polícia Civil continua investigado o caso.

 

STJ nega habeas corpus para líder de quadrilha preso na Operação Lammer

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Justiça | Data: 29 nov 2016

Tags:, , , , ,

por Mateus Novais

DSC_1464

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou o pedido de habeas da defesa de Iuri Pereira dos Santos, um dos acusados de liderar uma quadrilha especializada em furtar dados bancários de diversas instituições financeiras na cidade de Vitória da Conquista. A prisão preventiva do acusado foi decretada no âmbito da Operação Lammer, da Polícia Federal, deflagrada em dezembro de 2015. A quadrilha atuava em cidades da Bahia, de São Paulo, de Goiás e do Distrito Federal.

Depois de ter o pedido de habeas corpus negado pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), a defesa do acusado recorreu ao STJ. Alegou ausência de fundamentação e de requisitos para a prisão preventiva. Sustentou excesso de prazo para conclusão da instrução criminal e violação do princípio da inocência.

O ministro Reynaldo Soares da Fonseca afirmou que a prisão cautelar foi mantida em razão da periculosidade social do acusado, “um dos líderes de uma organização criminosa bem estratificada, voltada para o cometimento de fraudes bancárias por intermédio da internet, e que contava com o auxílio de alguns membros na ocultação do patrimônio”.

O relator do recurso sublinhou ainda o fato de Iuri “ter fugido do distrito da culpa e ter mudado todos os números de telefone e ainda se encontrar em lugar incerto” e que eventuais condições favoráveis, como ser réu primário e ter bons antecedentes, “não obstam a segregação cautelar, quando presentes os requisitos legais para a decretação da prisão preventiva”.

Internet: propaganda do PT em Conquista, antes e depois

0

Publicado por Editor | Colocado em Política, Vit. da Conquista | Data: 12 set 2016

Tags:, , , ,

pt-terminal

Propaganda do PT antes e depois é divulgada na internet

0

Publicado por Editor | Colocado em Política, Vit. da Conquista | Data: 10 set 2016

Tags:, ,

pt-antes-e-depois

Brincadeira na internet vira caso de polícia, em Vitória da Conquista

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Polícia | Data: 26 ago 2016

Tags:, ,

por Mateus Novais

Uma brincadeira de mau gosto acabou virando caso de polícia em Vitória da Conquista. O motorista Osvaldo Geraldino Mello foi vítima de uma falsa notícia em grupos de Whatsapp. A informação, que teve origem em uma brincadeira entre amigos, dizia que ele seria receptador de celular roubado e já teria sido preso no estado do Alagoas.

O caso causou um transtorno enorme na vida do motorista, que não viu outra solução a não ser procurar a delegacia. E os amigos que causaram a confusão foram citados em uma queixa de calúnia e difamação. Confira os detalhes dessa brincadeira de mau gosto na reportagem de Daniel Silva e Rony Cley, da TV Aratu:

Procon faz alerta sobre compras pela internet

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia, Vit. da Conquista | Data: 21 ago 2016

Tags:, ,

da Redação

Com informações dos sites da CDL/PMVC (conteúdo)

compras-internet-300x168Consumidores que escolhem comprar no comércio eletrônico devem tomar alguns cuidados, alerta o Serviço de Proteção ao Consumidor de Vitória da Conquista (Procon). O órgão dá algumas orientações sobre aquisições de bens e serviços pela Internet.

Uma das recomendações mais importantes é se certificar da credibilidade dos sites de compras. Sites confiáveis, geralmente, apresentam a sigla https no início do endereço eletrônico, números de telefones fixos para contato ou atendimento via 0800.

Além disso, o consumidor pode buscar opinião de outros clientes através de redes sociais e sites de reclamações ou verificar se o CNPJ da empresa existe nos cadastros da Receita Federal.

Outro dica importante é desconfiar de grandes promoções ou prática de preços muito abaixo do valor de mercado. “Geralmente, esses atrativos são apresentados por empresas não idôneas”, explica o coordenador do Procon, Carlos Públio. …Leia na íntegra

Como a internet está prejudicando jovens e adolescentes no mundo

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 10 jul 2016

Tags:, , ,

Agência Brasil

O jovem deve pensar antes de compartilhar imagens ou conteúdo

A tecnologia que conecta pessoas por meio da internet e suas redes sociais pode causar dor de cabeça
A tecnologia que conecta pessoas por meio da internet e suas redes sociais pode causar dor de cabeça

A tecnologia que conecta pessoas por meio da internet e suas redes sociais pode causar dor de cabeça aos pais, professores e pedagogos. Episódios envolvendo bullying virtual, difamação e a vingança erótica, conhecida como sexting, tem ganhado espaço entre os jovens e adolescentes.

De acordo com o psicólogo e pesquisador da Universidade Federal da Bahia Rodrigo Nejm, diretor de Educação da Organização não Governamental (ONG) SaferNet, o vazamento de conteúdo íntimo tem superado, em volume, casos registrados em comparação aos episódios de cyberbullying, nos últimos dois anos.

“O fato é que os adolescentes se apropriam da internet com uma sensação de poder e anonimato, com que aquilo está fazendo está protegido, que não tem consequências. É muito enigmático, pois mesmo que conheçam o perigo, na hora da brincadeira, do namoro, se expõem muito mais a essas situações na rede”. …Leia na íntegra

Justiça mantém prisão de hacker conquistense que comandava fraudes bancárias

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Justiça | Data: 29 jun 2016

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

DSC_1464O Superior Tribunal de Justiça (STJ), em decisão unânime, manteve a prisão preventiva do programador Leandro Morais Paixão (foto), acusado de liderar organização criminosa que fraudava instituições financeiras por meio da internet. Ele foi preso no âmbito da Operação LAMMER, deflagrada pelo Ministério Público Federal e pela Polícia Federal em Vitória da Conquista.

O relator do recurso no STJ, ministro Reynaldo Soares da Fonseca, reiterou em seu voto que a prisão preventiva de Leandro Paixão foi mantida em razão da sua periculosidade e liderança exercida em organização criminosa voltada para o cometimento de fraudes bancárias por intermédio da internet.

Ele ressaltou que os autos comprovam que os dispositivos tecnológicos utilizados pelas instituições financeiras para garantir a segurança das transações eletrônicas dos seus clientes não foram capazes de conter a atuação do grupo, formado por pessoas altamente especializadas.

Defesa

Em pedido de habeas corpus impetrado no STJ, a defesa requereu a imediata soltura do acusado por ausência de fundamentação na prisão, excesso de prazo e violação do princípio da presunção de inocência. Ainda segundo a defesa, a prisão do paciente se mostra desproporcional, uma vez que em caso de eventual condenação, ele “certamente” não cumprirá pena em regime fechado.

Crime

As investigações identificaram que o golpe vinha sendo praticado desde 2010 mediante a captação de dados bancários, invasão da conta-corrente das vítimas e a realização de saques e transferências de valores, que eram depositados em outras contas bancárias.

Leandro Paixão está preso preventivamente desde dezembro do ano passado pela suposta prática dos crimes de invasão de dispositivo informático (artigo 154-A do CP), furto qualificado e organização criminosa.

Polícia Federal cumpre mandados contra fraudadores virtuais em Conquista

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Polícia | Data: 13 maio 2016

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

DSC_1464

Nesta sexta-feira (13), a Delegacia da Polícia Federal de Vitória da Conquista deflagrou a Operação Homônimos, que visa a repressão dos delitos de associação criminosa e furto mediante fraude, este último na modalidade de transações ilícitas feitas pela internet. Os mandados de busca e apreensão foram expedidos pelo Juiz da 2ª Vara da Subseção Judiciária do município.

A Operação é resultado de levantamentos realizados por policiais federais especializados no combate a este tipo de crimes. O nome da Operação remete ao fato de que três dos investigados possuem nomes semelhantes de pessoas públicas famosas. Os responsáveis por tal conduta delitiva serão indiciados pela prática do crime de furto mediante fraude e associação criminosa (arts. 155, § 4o, inciso II e 288, ambos do Código Penal).

Nova regra permitirá que clientes poderão abrir e fechar contas pela internet

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 25 abr 2016

Tags:, , ,

Da Redação

shutterstock_70450930O Banco Central (BC) divulgou nesta segunda-feira (25), que clientes de bancos agora podem abrir ou fechar contas bancárias, como conta-corrente e de poupança, usando a internet. As novas regras, que já estão valendo, foram regulamentadas pelo Conselho Monetário Nacional (CMN).

Para executar o procedimento, os bancos terão que adotar procedimentos e controles que permitam confirmar a autenticidade dos documentos eletrônicos e podem usar tecnologias como contato por vídeo, de reconhecimento de voz e assinaturas com certificação eletrônica.

Com isso, segundo o Banco Central, espera-se que haja facilidade maior para abertura e encerramento de contas e incorpore nesse processo toda a inovação tecnológica. As mesmas regras das contas convencionais são válidas para as abertas por meio eletrônico, como as relativas à situação cadastral, tarifas, prevenção à lavagem de dinheiro e ao financiamento ao terrorismo.

Anatel proíbe limite de acesso à internet de banda larga fixa por período indeterminado

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 23 abr 2016

Tags:, , ,

Da Redação

RTEmagicC_acesso-a-internet_04.jpgO Conselho Diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) informou nesta sexta-feira (22), as operadoras estão proibidas de limitar o acesso à internet de banda larga fixa, por período indeterminado. A proibição valerá até que o Conselho da Anatel julgue a questão, o que não tem data para acontecer.

Dessa forma, até lá, as operadoras estão proibidas de reduzir a velocidade, suspender o serviço ou cobrar pelo tráfego excedente nos casos em que os consumidores utilizarem toda a franquia contratada, mesmo que tais ações sejam cláusulas contratuais. Segundo a Anatel, a medida é necessária, pois mudanças na cobrança desses serviços têm de ser feitas sem ferir os direitos do consumidor.

A limitação da internet de banda larga fixa gerou polêmica nas últimas semanas, após a informação de que operadoras querem oferecer novos planos com restrição de download e suspensão do serviço quando for atingida uma determinada quantidade de serviços e arquivos baixados. Atualmente, o serviço é cobrado conforme velocidade de navegação contratada, sem limite de uso da internet.

Anatel proíbe operadoras de banda larga de limitar franquia, por 90 dias

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Geral | Data: 18 abr 2016

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

RTEmagicC_acesso-a-internet_04.jpgAs operadoras de serviços de internet em banda larga estão proibidas de restringir a velocidade, suspender serviços ou cobrar excedente caso seja ultrapassado limites da franquia, pelo prazo de 90 dias. Segundo a determinação da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira (18), fica estabelecida uma multa diária de R$ 150 mil em caso de descumprimento, até o limite de R$ 10 milhões.

Durante o período, as operadoras devem comprovar à agência que há ferramentas que permitam o consumidor, por exemplo, identificar seu perfil de consumo, ser alertado sobre a possibilidade de esgotamento da franquia, além de acompanhar de maneira clara o tráfego de dados. A medida exige também que, antes que possam comercializar contratos de internet com restrição de franquia, as empresas deixem claro em materiais de publicidade a existência de limitações na navegação.

A prática passou a ser adotada por algumas operadoras neste ano, o que causou indignação nos usuários. Eles apontam que os limites propostos muitas vezes se mostram irreais diante do volume de dados trafegados numa navegação normal pela internet. As restrições podem penalizar aqueles que usam serviços de streaming de vídeos, por exemplo, que exigem uma transferência mais robusta de dados. …Leia na íntegra

Classificação do Conquista gera ‘resenha’ na internet contra o Náutico

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Esportes | Data: 08 abr 2016

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

vitconquista

A classificação do Vitória da Conquista para a segunda fase da Copa do Brasil gerou uma avalanche de comentários na internet. Só no twitter, o nome do clube ficou por algumas horas entre os mais citados no Brasil (Trending Topics Brasil). Mas o principal alvo dos comentários foi o fato do adversário, o Náutico, ter sido eliminado no dia em que completava 115 anos de fundação.

Os comentários jocosos são diversos: “Sem Conquista 1 X 1 Vitória da Conquista”, dizia um, “Parabéns p você/ Nessa data querida/ Muitas felicidades/ Vitória da Conquista”, gozava outra e “Parabéns pelo aniversário do Náutico. É uma grande ‘VITÓRIA DA CONQUISTA’ os 115 anos do Náutico”, completava um terceiro. Até meme foi criado com um bolo em referência aos 115 anos do clube pernambucano sobre posto pelo escudo do Vitória da Conquista.

Mas, um dos comentários que mais chamou a atenção foi de um torcedor rival que comparou o Conquista a um convidado inoportuno: “O Vitória da Conquista não levou presente, soprou as velinhas no lugar do aniversariante e ainda levou o bolo pra casa. Nunca o convide”.

Retirada de árvore da Praça Sá Barreto gera críticas de internautas

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Meio Ambiente | Data: 28 mar 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

IMG_1367

A decisão da Secretaria Municipal de Meio Ambiente de arrancar uma árvore da Praça Sá Barreto, no bairro Cruzeiro, em Vitória da Conquista, gerou críticas de internautas. Através do Facebook, conquistenses se manifestaram contrariamente a decisão da Prefeitura. As poucas áreas verdes no município foram apontadas como ponto de partida das reclamações.

“Enquanto em outras cidades estão plantando em Conquista estão cortando e desmatando! Que pena dessa árvore”, apontou um internauta. “Passo aí todo dia e vejo pessoas a sombra a chupar uma deliciosa melancia. Agora vai ser no sol”, completou outro. “Lamentável , cena triste”.

Já outro usuário da rede social preferiu questionar a Prefeitura: “Qual a justificava para derrubada das árvores da Praça do antigo Clube Social, Prefeitura?”. “Caiu um galho dela em um pedestre, acho que foi necessário fazer isso”, respondeu mais outro usuário. “Caiu um galho por culpa dos irresponsáveis que antes de cair eles tem que podar e prevenir que os galhos caem!”, concluiu um último.

Um galho da árvore caiu no último dia 11, por volta das 18h10. Uma mulher que praticava exercícios na praça foi atingida levemente, mas não foi necessário atendimento médico. O maior dano causado pelo incidente foi o rompimento da rede elétrica, deixando diversas residências no escuro.

Brumadense e mais dois acusados de ataques racistas na internet são soltos

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Polícia | Data: 21 mar 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

IMG_0316Três homens acusados de terem feito ataques racistas contra a atrizes e jornalistas da TV Globo foram soltos nesse sábado (19) pela 23ª Vara Criminal do Rio. Francisco Pereira da Silva Junior, Pedro Vitor Siqueira da Silva e o brumadense Thiago Zanfolin Santos Silva estavam presos desde a última quarta-feira, quando a Delegacia de Repressão a Crimes de Informática (DRCI) cumpriu os mandados de prisão.

Segundo o alvará de soltura, os acusados deverão comparecer em juízo todas as vezes em que forem intimados, fornecerem informações sobre os seus endereços e não se ausentarem da comarca de suas residências sem expressa e prévia autorização judicial.

Além de Thiago Zanfolin, que foi detido em Brumado, os outros foram presos nos municípios de Sertãozinho (São Paulo) e Navegantes (Santa Catarina). Um quarto homem, Gabriel Sanpietri, também teve mandado de prisão cumprido em Curitiba (Paraná) pelo crime, mas ele já estava preso por cometer crimes de pedofilia na internet.

Brumadense acusado de racismo na internet é transferido para o Rio de Janeiro

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Polícia | Data: 18 mar 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

IMG_0316O brumadense Tiago Zanfolin Santos Silva, de 26 anos, acusado de fazer parte de uma quadrilha que praticou ataques racistas na internet, foi transferido para o Rio de Janeiro, onde as investigações acontecem na Delegacia de Repressão a Crimes de Informática. A transferência foi realizada na tarde da última quarta-feira (16).

Segundo informações do site Brumado Notícias, ele viajou em um voo fretado escoltado por agentes civis da polícia carioca. O computador, o celular e o notebook do acusado também foram levados para serem periciados. O brumadense alega que é inocente e que teria tido as senhas pessoais de grupos na internet roubadas.

Brumadense acusado de injúria racial nega ter cometido crime, diz delegado

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Polícia | Data: 16 mar 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

delegado-leonardo-rabeloO BLOG DA RESENHA GERAL conversou com o coordenador da 20ª Coorpin de Brumado, responsável pela operação que prendeu um dos integrantes do grupo que praticava injúrias raciais contra atrizes e repórteres da Rede Globo de Televisão. Segundo o delegado Leonardo Rabelo (foto), o brumadense Tiago Zanfolin Santos da Silva, de 26 anos, negou participação nos crimes.

O delegado Leonardo Rabelo, coordenador da 20ª Coorpin de Brumado, disse que Zanfolin negou a participação nos crimes. “Ele negou, disse que chegou a participar desse grupo [que, pela Internet, fez vários ataques racistas a atrizes, jornalistas e apresentadoras], mas que saiu há algum tempo e não praticou o crime de injúria. Mas a polícia tem elementos que comprovam a participação dele nesses crimes”, relatou o delegado.

Ao blog Brumado Notícias, a mãe de Tiago Zanfolim, Kátia Cilene Zanfolin da Silva, negou o envolvimento do filho. “Meu filho é inocente. Alguém invadiu o computador dele e as redes sociais e postou essas coisas”, disse. Cilene afirmou ainda que a namorada de seu filho é negra e por isso descarta qualquer crime de injúria e racismo. “Meu filho não vai ficar preso porque ele é vítima disso tudo”, disse a auxiliar de serviços gerais. A polícia apreendeu o celular e o notebook do acusado.

De acordo com o coordenador da 20ª Coorpin, o mandado de prisão é temporário, válido por cinco dias, mas que pode ser renovado por mais cinco dias a pedido da Justiça. A princípio, Thiago ficará detido em Brumado e deve responder criminalmente pela prática dos crimes de injúria racial, racismo e associação criminosa.

O material apreendido será enviado para perícia ainda nesta quarta-feira (16), no Rio de Janeiro. A investigação foi realizada pela Delegacia de Repressão a Crimes de Informática (DRCI), do Rio, e, em Brumado, contou com o apoio das unidades policiais da Polícia Civil de Brumado.

Mais uma quadrilha de fraude bancária pela internet é presa em Conquista

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Polícia | Data: 10 mar 2016

Tags:, ,

por Mateus Novais

IMG_0033foto: divulgação – Polícia Militar

Quatro integrantes de uma quadrilha especializada em desvio de dinheiro pela internet foram presas nessa quarta-feira (9) em Vitória da Conquista. As prisões ocorreram após uma abordagem de rotina do Pelotão de Emprego Tático Operacional da 77ª CIPM, na Praça do Gil. Esta não foi a primeira vez que uma quadrilha de rackers foi desarticulada no município.

Os militares abordaram Tarcisio Meira Santos, de 23 anos, em um veículo. Com ele foram localizados dois cartões de crédito em nome de terceiros, bem como comprovantes de transações bancárias. Após ser interrogado, ele confessou que faz parte de uma quadrilha que pratica crimes contra instituições financeiras. Então, os policiais deslocaram até a residência de Tarcisio e lá localizaram notebooks, vários chips de celular e diversos comprovantes de transações bancárias.

O acusado acabou levando os policiais até outro integrante do grupo, identificado como Anderson Silva Souza, 25 anos. Anderson, que é ambulante, estava em um veículo Hyundai Sonata, onde foi localizado um revólver cal 38 municiado, cartões de banco, comprovantes bancários e um notebook. Na casa de Anderson, os policiais localizaram outros comprovantes bancários em nome de terceiros, mais um notebook e documentos que comprovavam a participação do pai de Anderson no esquema fraudulento. Gilmar da Silva Souza, 51 anos, também foi detido.

Por fim, eles entregaram o último integrante da quadrilha. Ele foi localizado em sua residência, na Avenida Alziro Prates, bairro Candeias. Com ele foi encontrado um celular e um notebook. …Leia na íntegra

Operação LAMMER: Justiça manda soltar dois acusados de fraude digital

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Polícia | Data: 23 fev 2016

Tags:, , , , ,

por Mateus Novais

DSC_1464

Dois dos acusados presos na operação LAMMER da Polícia Federal, deflagrada em dezembro do ano passado, foram libertados nesta terça-feira (23) do presídio Nilton Gonçalves. Os irmãos Tiago Carvalho Bezerra e Sandro Deivid Carvalho Bezerra foram presos com outros quatro envolvidos em fraudes bancárias através da internet.

O mandado de soltura foi expedido nessa segunda-feira (22) atendendo ao pedido dos advogados de defesa dos acusados. Na decisão, o juiz federal entendeu que os irmãos não representam risco na condução do processo, mas que eles não poderiam ter contato com os demais acusados. Com isso, Tiago e Sandro Deivid responderão o processo em liberdade.

O BLOG DA RESENHA GERAL procurou os advogados de defesa, Jonatan Meireles e Murilo Rocha, que afirmaram que não poderiam dar detalhes da decisão, pois o processo corre em segredo de Justiça. “A Justiça entendeu que não havia mais necessidade da manutenção da prisão”, declararam.

Até o momento, o juiz responsável pelo caso não determinou prazo para os julgamentos. A polícia e o Ministério Público Federal estima que os golpe alcançaram o montante de R$ 289.160,00.