Alunos de creche incendiada em Janaúba voltam às aulas

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 19 out 2017

Tags:, , ,


Agência Brasil


Vinte e seis alunos da creche Centro Municipal de Educação Infantil Gente Inocente, incendiada em Janaúba (MG) no dia 5 deste mês, voltaram às aulas hoje (19). Eles foram direcionados ao prédio da Unidade de Atendimento Infantojuvenil do município e terão aulas ali até que a creche seja reconstruída.

Na terça-feira (17) e ontem (18), o local foi apresentado aos funcionários da creche e aos pais dos alunos. Além disso, segundo a prefeitura de Janaúba, todas as famílias têm recebido assistência psicológica e social.

Na manhã do dia 5 de outubro, o vigia Damião Soares dos Santos, de 50 anos, entrou na creche, onde trabalhava, e ateou fogo em crianças e nele mesmo. Foram 11 os mortos – nove crianças, a professora Heley Abreu Batista, de 43 anos, e o autor do ataque, além de 48 pessoas feridas.

A reconstrução da creche Gente Inocente será financiada por um grupo de empresários de Janaúba e Montes Claros e a previsão de retomada das aulas no local é no início de 2018.

Creche em MG não tinha extintor e nem alvará dos Bombeiros

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 06 out 2017

Tags:, , ,

Estadão


Inaugurada no ano 2000, a creche municipal Gente Inocente, onde cinco crianças e uma professora morreram queimadas, não tinha extintor, sistema anti-fogo e nem alvará do Corpo de Bombeiros. A prefeitura afirma que, agora, vai mapear todos os prédios públicos.

À reportagem, o coronel Primo Lara de Almeida, do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, afirmou que o imóvel, antes, era usado como residência e sempre funcionou sem alvará. “A creche tem 200 metros quadrados e a necessidade do combate a incêndio era de projeto técnico simplificado”, disse. “Não havia sinalização de emergência, extintores, nem monitoramento de brigada.”

Por volta das 9 horas de quinta-feira, 5, o vigilante Damião Soares dos Santos, de 50 anos, entrou na unidade, atirou material inflamável contra as crianças e no próprio corpo, e ateou fogo, que se alastrou rapidamente. Em meio ao tumulto, as pessoas tentavam apagar o incêndio com baldes de água e resgatar as vítimas das chamas e da fumaça.

“Por causa da dinâmica de como as coisas aconteceram, independentemente de ter todo o aparato, o resultado seria o mesmo, porque a queima foi muito rápida”, disse Almeida.

Segundo o coronel, a prefeitura de Janaúba solicitou aos Bombeiros, após a tragédia, que vistoriassem todos os prédios municipais. A prefeitura confirmou a informação.

“Para ele (o prefeito), estava tudo ok, porque já vinha de outras gestões”, afirmou Almeida. “Infelizmente, no Brasil, só depois que acontece o fato é que vai correr atrás.”

“Tenho a tranquilidade de dizer que não me pesa nenhuma culpabilidade pelo que aconteceu. Isso vem desde 2000 (ano de inauguração da creche)”, afirmou o prefeito de Janaúba, Carlos Isaildon Mendes (PSDB).

“O cidadão de Janaúba percebe o esforço que estamos fazendo para recuperar a cidade e trabalhar”, disse. “Muito embora haja o pesar de uma tragédia tão grande como essa, naturalmente isso vai servir de lição não só para Janaúba, mas para o Brasil inteiro.”

Morre segurança que ateou fogo em crianças de creche em Janaúba, MG

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 05 out 2017

Tags:, ,

G1


Morreu no hospital o vigia que ateou fogo em crianças de uma creche em Janaúba, no Norte de Minas Gerais, nesta quinta-feira (5). A informação foi confirmada pela assessoria da unidade às 14h50. Damião Soares dos Santos, de 50 anos, era funcionário efetivo da prefeitura desde 2008. Segundo a Polícia Militar, ele jogou álcool nas crianças e nele mesmo e, em seguida, ateou fogo. Quatro crianças de 4 anos morreram no local.

A prefeitura informou que Damião pediu afastamento no mês de setembro alegando problema de saúde. Nesta quinta, ele foi à creche entregar o atestado médico e cometeu o crime. A prefeitura não esclareceu qual era o problema de saúde informado pelo funcionário. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

De acordo com a assessoria do Hospital Regional de Janaúba, cerca de 40 pessoas foram atendidas pela unidade – 25 delas foram internadas com queimaduras e 15, que estavam em estado de choque, já foram liberadas. Entre os pacientes internados, 14 são crianças com idades entre 4 e 5 anos. Também há funcionários da creche entre os feridos. Todos os internador tiveram mais de 20% do corpo queimado, e 15 pessoas respiram com a ajuda de aparelhos.

A Polícia Militar informou que uma aeronave da PM está no local para socorrer as vítimas. Ainda segundo a PM, um avião do governo do Estado foi de Belo Horizonte para Janaúba para transportar os feridos até o Hospital João XXIII, na capital mineira, que é referência em tratamento de queimaduras em Minas.

A cidade de Janaúba tem quase 67 mil habitantes, segundo o último Censo feito pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2010, e está a cerca de 600 km da capital mineira.