Manifestação de professores grevistas no centro de Conquista tem motivação política

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 25 jul 2018

Tags:, ,

Da Redação


Na tarde desta quarta-feira (25), os docentes que integram a rede municipal de ensino, e que estão em greve desde o último sábado (21), realizaram uma manifestação no Centro de Vitória da Conquista. De acordo com a categoria, representada pelo Sindicato do Magistério Municipal (Simmp), o ato teve como objetivo chamar a atenção da sociedade para questão salarial dos docentes.

 

Com carro de som, apitos, faixas, placas e cartazes, os manifestantes passaram pelas principais ruas e avenidas do Centro de Vitória da Conquista, a exemplo da Avenida Lauro de Freitas. Lá, o trânsito foi interrompido por conta do ato dos grevistas. Foi possível notar como o ato é político, onde o representante ao microfone utilizou de palavras agressivas contra o governo, mostrando que o ato não é somente sobre reajuste salarial.

Os professores pedem 6,81% de reajuste salarial, o que, segundo a prefeitura, irá representar impacto na folha, até o mês de dezembro, de mais de R$ 30 milhões e infringirá a Lei de Responsabilidade Fiscal. Em contrapartida, a administração municipal  assegurou os reajustes de 2,76% no salário e 5% no vale-alimentação, retroativo a maio.

Caminhoneiros realizam manifestação em Conquista e pedem intervenção militar

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 28 maio 2018

Tags:,

Da Redação
fotos: Dilson Gusmão


No início da tarde desta segunda-feira (28), em Vitória da Conquista, diversos caminhoneiros realizaram uma carreata em protesto contra a alta dos combustíveis. A ação também foi em apoio à greve da categoria, que já dura oito dias nas principais rodovias de todo o país.

Mesmo com a falta de abastecimento de gasolina, etanol e diesel na cidade, onde já não há mais postos fornecendo combustíveis, os manifestantes passaram por várias vias de Vitória da Conquista, desde as ruas do Centro, até às avenidas do bairro Brasil.

A manifestação contou ainda com a participação de dezenas de pessoas que apoiam o movimento #SomosTodosCaminhoneiros. Dessa forma, reuniu, além de caminhoneiros, motoristas de vans, motociclistas e ciclistas.

Além de protestar contra o aumento dos combustíveis e a alta carga tributária do Brasil, os manifestantes pediram intervenção militar. Eles acreditam que, diante do atual cenário da política brasileira, somente a intervenção militar podem dar um novo rumo ao país.

Caminhoneiros protestam contra o aumento do valor do diesel e fecham trecho da BR 116

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia | Data: 21 maio 2018

Tags:, ,

Da Redação
foto: divulgação Via Bahia


Caminhoneiros, que estão em mobilização nacional contra o aumento do valor do diesel, realizam protesto desde o início da madrugada desta segunda (21). Os manifestantes interditaram o trânsito na rodovia BR-116,trecho de Vitória da Conquista.

A categoria queimou pneus para fazer bloqueios nas vias. Com a manifestação, o engarrafamento chegou a 5 Km. Interdições ocorrem também em outros dois pontos da BR-116 na região sudoeste, segundo a concessionária ViaBahia: no km 521, trecho de Itatim; e no Km 672, da BR-116, em Jequié. Os bloqueios ocorrem nos dois sentidos em cada um dos trechos das rodovias.

Na sexta-feira (18), a Petrobras anunciou o quinto reajuste diário seguido no valor do diesel, que começou a valer no sábado (19). A empresa elevou os preços do diesel em 0,80% e os da gasolina em 1,34% nas refinarias.

Na véspera, a companhia elevou em 1,80% o preço da gasolina, e subiu 0,95% o preço do diesel. No acumulado na semana, a alta chega a 6,98% nos preços da gasolina e de 5,98% no diesel. A decisão de repassar o aumento do valor da combustível cobrado pela Petrobras para o consumidor final é dos postos de combustíveis.

Manifestantes fazem ato pró Lula em Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Política, Vit. da Conquista | Data: 06 abr 2018

Tags:, , ,

Da Redação

Manifestantes se reuniram na tarde desta sexta-feria (06), para protestar contra a prisão do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva.

No local palavras de ordem e falas como a de “Lula Livre” eram ditas a todo momento. De acordo com a organização da manifestação, cerca 250 pessoas estavam participando do protesto.

A concentração  aconteceu na praça Barão do Rio Branco, no centro de Vitória da Conquista.

Manifestantes realizam caminhada pelas ruas de Vitória da Conquista nesta manhã (24)

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 24 jan 2018

Tags:, ,


Da Redação

Os movimentos sociais, que desde o início da noite desta terça-feira (23) permaneciam acampados na  Praça Vitor Brito, realizaram uma caminhada pelas ruas de  Vitória da Conquista nesta manhã de quarta-feira (24).

Ao longo do percurso os manifestantes falavam palavras de ordem e seguiram distribuindo panfletos informativos e jornais sobre suas pautas de interesse a favor do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, que está em julgamento no processo da Lava Jato no Tribunal Regional Federal da 4ª Região, em Porto Alegre, nesta manhã.

De acordo com os organizadores do movimento cerca de 500 pessoas estavam presentes na manifestação. Mas Polícia Militar, que acompanhava o evento, estima que foram cerca de 200 pessoas.

Fotos Rafael Gusmão

Estudantes, professores, sindicatos e políticos protestam contra o fechamento do Colégio Estadual Nilton Gonçalves

0

Publicado por Editor | Colocado em Educação | Data: 29 nov 2017

Tags:, ,

Da Redação
fotos: Rafael Gusmão


Na manhã desta quarta (29), foi realizada uma grande manifestação no Centro de Vitória da Conquista contra o fechamento do Colégio Estadual Nilton Gonçalves. O ato, que contou com a participação de estudantes, professores, sindicatos e políticos, teve como objetivo chamar a atenção do governador Rui Costa (PT) para a questão.

No último mês, a Secretaria Estadual de Educação anunciou que, a partir de 2018, o Colégio Estadual Nilton Gonçalves não irá mais funcionar. Segundo a pasta, como a unidade escolar funciona em um prédio alugado, o fechamento da escola se deve “exclusivamente, à otimização dos custos”. Com a decisão, Os aproximadamente 800 estudantes serão transferidos para outras unidades.

No entanto, ao pensar apenas no enxugamento de despesas, o Estado desconsidera uma série de problemas que a população enfrentará com o fim do Colégio. Conforme explica a professora Ivana, a unidade atende um território muito grande, que inclui os bairros Ibirapuera, Bruno Bacelar, Alvorada e adjacências. “É incompreensível que ele colégio tenha sido programado para ser fechado […]. Como que uma comunidade grandiosa como essa do Ibirapuera ficará sem uma escola? Como uma população de 14.308 habitantes ficará sem escola? Nós não podemos aceitar essa decisão vinda da Secretaria Estadual de Educação”, afirmou a professora.

A manifestação passou pelas principais ruas do Centro da cidade e culminou na Praça Tancredo Neves, em frente à Igreja Nossa Senhora das Vitórias. Durante o ato, os manifestantes exibiram cartazes, distribuíram panfletos  e ainda fizeram um enterro simbólico da educação estadual.

 

Grevistas invadem Secretaria de Desenvolvimento Social e realizam passeata

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 05 jun 2017

Tags:, ,

Da Redação


Iniciando a terceira semana de greve, os servidores, que aderiram à paralisação, realizaram mais uma manifestação na manhã desta segunda-feira (5). Logo cedo, os manifestantes invadiram a Secretaria de Desenvolvimento Social, gritando palavras de ordem e convocando os servidores que não entraram na greve a pararem os atendimentos.

Logo em seguida, os manifestantes saíram em passeata em direção ao prédio da Prefeitura. O intuito dos grevistas é chamar a atenção da sociedade, bem como do poder público municipal para a questão do reajuste salarial da categoria.

Os servidores querem 10% de aumento. No entanto, a prefeitura afirma que, diante do cumprimento da Lei de Responsabilidade Fiscal, está impossibilitada de reajustar os salários, conforme solicitação da categoria. No dia 26 de maio, a administração municipal anunciou o reajuste de 5%, sendo agora 2% e 3% em setembro.

A prefeitura também garantiu reajuste de 25% no vale-alimentação,  pago diretamente no contra-cheque; implantação de plano de saúde, com contrapartida de meio milhão de reais mensais da Prefeitura; início dos estudos para implantação do Programa Habitacional para os servidores; distribuição dos primeiros 5 milhões obtidos pelo Refis para o funcionalismo, como bonificação; garantia de pagamento da primeira parcela do décimo terceiro até 20 de junho.

Grevistas invadem Cemae e interrompem atendimentos

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 01 jun 2017

Tags:, , ,

Da Redação


Na manhã desta quinta-feira (1º), os servidores municipais de Vitória da Conquista, em mais uma mobilização, fecharam o Centro Municipal de Atenção Especializada (Cemae). Logo no início da manhã, os manifestantes colocaram faixas no portão principal do Centro, impedindo a saída e entrada de pessoas ao local.

Em seguida, com cartazes nas mãos e fazendo apitaço, os servidores entraram no pátio central do Cemae. Com o carro de som, os manifestantes, além de comentar os motivos que levaram à greve, convocavam aqueles servidores, que estavam trabalhando no Centro, a parar suas atividades. Depois disso, no intuito de para os serviços, eles entraram na recepção do Cemae.

Os servidores municipais de Vitória da Conquista estão em greve desde o dia 22 de maio. A categoria está mobilizada no intuito de forçar o governo a conceder reajuste salarial de 10%. No dia 26 de maio, o prefeito Herzem Gusmão se reuniu com a categoria e, na oportunidade, anunciou o reajuste de 5%, sendo agora 2% e 3% em setembro. Além de reajuste de 25% no vale-alimentação,  pago diretamente no contra-cheque; implantação de plano de saúde, com contrapartida de meio milhão de reais mensais da Prefeitura; início dos estudos para implantação do Programa Habitacional para os servidores; distribuição dos primeiros 5 milhões obtidos pelo Refis para o funcionalismo, como bonificação; garantia de pagamento da primeira parcela do décimo terceiro até 20 de junho.

Universidades Estaduais param por 24 horas

0

Publicado por Editor | Colocado em Educação | Data: 30 maio 2017

Tags:, ,

Da Redação

Foto: Divulgação  Adusb

Nesta terça-feira (30), as aulas e as atividades administrativas foram suspensas nas Universidades Estaduais da Bahia. Professores e servidores das instituições, com o apoio dos estudantes, estão mobilizados “em defesa dos direitos trabalhistas e da educação superior pública de qualidade”.

Na Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb), os portões foram fechados dos três campi foram fechados. Em Vitória da Conquista, está sendo realizado um ato público e panfletagem na Avenida Olívia Flores, em frente ao Colégio Modelo, pelos docentes da Instituição.

A ideia é chamar a atenção da sociedade para “os ataques à autonomia universitária, sobretudo do ponto administrativo, o contingenciamento de recursos e o represamento de direitos trabalhistas se somam ao conjunto de medidas que atentam contra a existência das universidades públicas”.

Além disso, a mobilização destaca que “os servidores públicos já amargam um arrocho salarial de quase 20%” e os “estudantes ainda sofrem com a falta de uma política de permanência que garanta a construção e melhoria dos restaurantes, residências e creches universitárias”.

Cariocas repudiam vândalos

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 30 abr 2017

Tags:, , ,

da Redação
Conteúdo Diário do Poder

Trabalhadores protestam contra as reformas do Governo Federal no Centro de Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 28 abr 2017

Tags:,

Da Redação
fotos: Rafael Gusmão


No início da manhã desta sexta-feira (28), os trabalhadores que aderiram à Greve Geral se reuniram no Centro de Vitória da Conquista para ato público contra as reforma do Governo Federal. A concentração do movimento aconteceu na Praça Barão do Rio Branco.

Vestidos de preto, com faixas e cartazes, os trabalhadores criticam as propostas de reformas trabalhista, previdenciária e a lei de terceirização, sancionada recentemente pelo presidente Michel Temer. Participam do ato centrais sindicais, movimentos sociais, além de estudantes.

A partir da Praça Barão do Rio Branco, os manifestantes saíram em passeata pelas principais ruas do Centro da Cidade.

Rodoviários irão paralisar as atividades nesta sexta-feira (31)

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 30 mar 2017

Tags:, ,

Da Redação


Os rodoviários de Vitória da Conquista irão aderir a paralisação nacional contra a Reforma da Previdência, marcada para acontecer nesta sexta-feira (31). De acordo com o Sindicato da categoria, as atividades serão suspensas das 9 às 12 horas.

Assim, durante essas três horas os ônibus não circularão na cidade. Ainda conforme o Sindicato, todos os funcionários irão aderir a paralisação.

Além dos rodoviários, outros setores também dever suspender as atividades nesta sexta-feira, a exemplo de bancários, professores e servidores público. Um ato público está previsto para acontecer às 9 horas na Praça Barão do Rio Branco, Centro de Vitória da Conquista.

Trabalhadores vão às ruas contra a Reforma da Previdência em Vitória da Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 15 mar 2017

Tags:, ,

Da Redação
Fotos: Rafael Gusmão


Na manhã desta quarta-feira (15), centenas de trabalhadores de Vitória da Conquista foram às ruas para protestar contra a Reforma da Previdência, que tramita na Câmara dos Deputados, por meio da Proposta de Emenda Constitucional (PEC 287). O ato está vinculado a uma série de mobilizações que estão acontecendo simultaneamente em diversas parte do país.

Em Vitória da Conquista, o movimento teve início por volta das 9 horas, na Praça Barão do Rio Branco e também na Praça Nove de Novembro, ambas no Centro da Cidade. Com cartazes, faixas e carros de som, os manifestantes criticam as ações do Governo Federal que visam mudar os critérios de aposentadoria no Brasil.

Participam da manifestação movimentos sociais e sindicatos de diversas categorias, entre eles o de docentes do Ensino Fundamental, Médio e Superior.

Movimentos Sociais realizam ato contra a reforma da Previdência em Vitória da Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 14 mar 2017

Tags:, ,

Da Redação

Nesta quarta-feira (15), Dia Nacional de Lutas com Greves e Paralisações contra o desmonte da Previdência Social Pública, movimentos sociais e entidades sindicais irão realizar uma manifestação em Vitória da Conquista.

As ações serão concentradas na Praça Barão do Rio Branco, no Centro da cidade,  a partir das 9 horas, e serão marcadas por panfletagens e falas de diversas entidades representativas alertando a população, sobre as possíveis mudanças propostas pela PEC 287, que trata da Reforma da Previdência.

Devem participar do ato o Sindicato dos Bancários, a Federação dos Trabalhadores na Agricultura no Estado da Bahia (Fetag), a União da Juventude Socialista(UJS), o Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB) e Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Estado da Bahia (Sindsaúde).

Familiares de pacientes e funcionários protestam contra mudanças no Hospital Afrânio Peixoto

0

Publicado por Editor | Colocado em Saúde | Data: 20 fev 2017

Tags:, , , ,

Da Redação
fotos: Rafael Gusmão


No início da manhã desta segunda-feira (20), pacientes e seus familiares, além dos funcionários do Hospital Especializado Afrânio Peixoto (HEAP) se reuniram em frente à unidade para realizarem uma manifestação contra a mudança de perfil do Hospital, anunciado pelo Governo do Estado, na última semana, por meio da Secretaria de Saúde.

O protesto, que teve início na Avenida Maranhão, segue pela Avenida Boa Vontade, ambas no bairro Ibirapuera, até a Avenida Brumado, no bairro Brasil. A ação tem como objetivo chamar a atenção da sociedade para a desativação do hospital psiquiátrico e é uma reação direta contra a decisão da Sesab, que afirmou que serão abertos leitos de psiquiatria no Hospital Geral de Vitória da Conquista, aliado a uma estruturação do serviço ambulatorial na Unidade de Saúde Crescêncio Silveira.

Com cartazes e faixas em mãos, os manifestantes destacaram que a desativação do Hospital Afrânio Peixoto deixará pacientes e familiares sem assistência adequada. “Governador, o que será de nós sem o HEAP”, dizia um dos cartazes. Em outro questionava: “Governador, 5.000 pacientes serão transformados em 6?”, fazendo referência à diferença entre o número de pacientes que são atendidos atualmente pela a unidade e o número de leitos que serão disponibilizados no Hospital Geral.

Sindicatos, estudantes e movimentos sociais voltam a protestar contra a PEC 55

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 25 nov 2016

Tags:, , , , ,

por Mateus Novais
foto: Rafael Gusmão

img_1026

Sindicatos, movimentos sociais e estudantes de Vitória da Conquista realizaram um novo protesto contra a PEC 55 (antiga 241), as reformas trabalhistas, do ensino médio e da previdência, nesta sexta-feira (25).

A concentração do ato aconteceu no estacionamento do CEASA, onde foi realizadas atividades culturais, aulas públicas e distribuição de material informativo para a população.

A mobilização de hoje busca chamar atenção da população para a votação da PEC 55 do teto dos gastos, que está prevista para ocorrer entre os dias 29 e 30 de novembro no Senado.

Ato público contra a PEC do teto dos gastos federais acontece na sexta-feira, em Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Política | Data: 22 nov 2016

Tags:, ,

Da Redação

dsc_0179

Na próxima sexta-feia (25), as centrais sindicais voltam a ocupar as ruas para protestar contra a PEC 55 (antiga 241), que visa limitar os gastos públicos federais, as reformas trabalhistas, do ensino médio e da previdência.

A concentração do ato acontecerá no estacionamento do CEASA, às 9 horas, com atividades culturais, aulas públicas e distribuição de material informativo para a população. A iniciativa busca chamar atenção da população para a votação da PEC do teto dos gastos,  que está prevista para ocorrer entre os dias 29 e 30 de novembro no Senado.

“Marcha Rumo à Greve Geral” também acontece em Conquist

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 07 nov 2016

Tags:, ,

Da Redação

cartaz-ocupa-tudo-11-de-novembro-01-768x576Sindicatos, estudantes e movimentos sociais de Vitória da Conquista voltarão a ocupar as ruas contra projetos de lei da Escola Sem Partido, reformas do ensino médio, da previdência e trabalhista na próxima sexta-feira (11). A atividade é um chamado nacional das centrais sindicais rumo à greve geral no Brasil.

Aqui na cidade, a mobilização acontecerá a partir das 9 horas na Praça Barão do Rio Branco e seguirá em marcha até o Bairro Brasil. Professores universitários, do ensino básico, servidores da saúde, terceirizados, estudantes, trabalhadores rurais, pequenos agricultores são algumas das categorias mobilizadas para a atividade.

No caso do Sindicato do Magistério Municipal Público de Vitória da Conquista (SIMMP), também fazem parte da pauta de reivindicações o cumprimento integral da lei do piso, a reformulação do plano de carreira dos Trabalhadores da Educação, bem como a elaboração do plano dos profissionais que ocupam a função de Monitor.

Centrais sindicais e movimentos sociais aderem à greve geral marcada para 11 de novembro

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia | Data: 31 out 2016

Tags:, ,

imagem_noticia_5As centrais sindicais lideradas pela Central Única dos Trabalhadores na Bahia (CUT-BA) e movimentos sociais decidiram aderir ao dia nacional de greve e paralisações, programada para o próximo dia 11 de novembro. O ato é um protesto contra a reforma da Previdência, a retirada de direitos, a PEC 241 que tramita no Senado como PEC 55 e a MP da Reforma do Ensino Médio.

Segundo o Bahia Notícias, o ato terá início às 5 horas da manhã,com duração de 24 horas. A mobilização deve atingir as principais categorias do estado, tais como rodoviários, petroleiros, metalúrgicos, borracheiros, profissionais de saúde e da construção civil, bancários, comerciários e policiais civis. Os trabalhadores devem sair em protesto e manifestação de rua em todo o estado.

Grupo protesta contra proibição da vaquejada

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Vit. da Conquista | Data: 11 out 2016

Tags:,

Por Mateus Novais

dsc_0921

Na manhã desta terça-feira (11), vaqueiros de Vitória da Conquista e região participarão da Mobilização Nacional de apoio à Vaquejada , considerado maior esporte equestre do Brasil e tradição cultural secular nordestina. Em Conquista, a manifestação teve início às 8 horas, em frente ao Atacadão.

img_1155

Os vaqueiros defendem a Vaquejada legal, como ocorre através da Lei n. 13454/2015, que regulamenta a vaquejada como prática desportiva e cultural no Estado da Bahia, bem como institui medidas de proteção e combate aos maus tratos com os animais.

Segundo os organizadores, a manifestação mostra o “descontentamento quanto à decisão do Supremo Tribunal Federal, que não reconheceu a vaquejada como atividade esportiva no estado do Ceará”. Apesar de se referir ao estado cearense, a decisão servirá de referência para todo o país, sujeitando os organizadores a punição por crime ambiental de maus-tratos a animais.